Novo Concurso Público MP-PE 2018 – Vagas para Técnico e Analista





Prazo para inscrição se encerra no dia 26 de outubro de 2018.

Estamos quase no mês de outubro de 2018 e boas notícias estão sendo divulgadas. Entre elas está a publicação oficial do novo edital de abertura do período de inscrições do processo seletivo promovido pelo Ministério Público do Estado de Pernambuco, o MP-PE, na Capital Recife, destinado ao provimento da carreira de técnico e de analista ministerial. Este certame público tem por meta o preenchimento de até 23 vagas, das quais duas estão previamente reservadas às pessoas com deficiência e mais quatro aos candidatos afrodescendentes, além da formação do cadastro reserva de pessoas.

Com relação aos candidatos com ensino médio completo, o cargo disponível será na função de técnico ministerial, em área administrativa, com 13 vagas e mais o CR, o vencimento inicial está em 3.171,52 reais.




Com relação aos concorrentes com graduação superior, os cargos disponíveis são: para o cargo de analista ministerial nem áreas jurídicas com 7 vagas e o CR; cargo de auditoria, com uma vaga e o CR; cargo de biblioteconomia, com uma vaga e mais o CR; no setor de documentação, com uma vaga, mais o CR; no setor de serviço social, para o CR; no setor de arquitetura, para o CR; no setor de medicina, para o CR; no setor de engenharia civil, para o CR; no setor de comunicação social, especialidade em jornalismo, para o CR; no setor de informática, para o CR e no setor de pedagogia, para o CR. A remuneração inicial está em 4.809,54 reais.

A banca organizadora está nas mãos da Fundação Carlos Chagas, que será a empresa responsável pela condução e execução deste certame. O cadastro de inscrições deverá ser realizado somente via internet, por meio do seguinte endereço eletrônico: www.concursosfcc.com.br. O período de inscrição inicia a partir das 10 horas do dia 1º de outubro e se estenderá até às 14 horas do dia 26 de outubro de 2018. O valor das taxas está estipulado em 75 reais para candidatos com ensino médio e 110 reais para candidatos com nível superior completo.


Sobre o itinerário dos exames as informações são as seguintes:

Todos os concorrentes serão avaliados por meio das duas provas: objetiva e discursiva, de redação. A duração oficial máxima dos testes será de quatro horas, e as mesmas provas serão ministradas na cidade de Recife, capital do Estado de Pernambuco, no dia 2 do mês de dezembro de 2018, durante o período matutino com relação ao cargo de técnico ministerial e no período vespertino com relação ao cargo de analista ministerial.

Sobre as provas, as informações são as seguintes:

A prova objetiva consistirá em um caderno com 50 questões de tipo múltipla escolha, das quais 20 versando sobre os conhecimentos básicos, com peso 1 e mais 30 versando sobre os conhecimentos específicos, com peso 3. Na prova discursiva, ou prova de redação, o concorrente terá o dever de desenvolver um texto de tipo dissertativo-argumentativo a partir de uma única proposição, a respeito de um assunto de interesse geral e atual, sendo que a resposta deverá abarcar entre 20 e 30 linhas de discurso coerente e no padrão da norma culta.

Observação importante: serão analisadas e avaliadas somente as provas discursivas dos concorrentes devidamente capacitados para a coerência do discurso, e também os candidatos mais bem classificados na prova objetiva, dentro dos limites rigorosamente estabelecidos. Todos aqueles que estão concorrendo ao posto de Analista Ministerial, em todas as suas áreas, deverão, ainda, ser submetidos à análise dos títulos.

Vale a pena conferir.

Paulo Henrique dos Santos

Comentários