Novo Concurso PC-BA 2019 – Previsão de Edital





Edital de abertura da seleção deve ser publicado no segundo semestre de 2019.

A Polícia Civil do Estado da Bahia realizará seu novo concurso Público em 2019 e o edital pode sair no segundo semestre deste ano.

Segundo a declaração realizada pelo atual governador de Estado, Rui Costa, os concursos feitos pela PC/BA, nos últimos tempos não serviu para suprir o déficit de trabalhadores para os cargos de delegado e agente. Por isso, há uma necessidade de realizar um novo certame, com o intuito de selecionar novos profissionais para os cargos, ainda em 2019.




Os concurseiros de plantão estão com suas expectativas elevadas para que ocorra a execução do novo Concurso Público da Polícia Civil do Estado da Bahia, no segundo semestre de 2019. Isso porque, no dia 4 de fevereiro desse ano, o governador Rui Costa realçou em uma entrevista que a seleção deverá ocorrer, pois surgiu a necessidade de um maior número de profissionais atuando nessa área. De acordo com a autoridade, a seleção que foi realizada há algum tempo pela coorporação mostrou-se insuficiente para o preenchimento de todas as vagas que estavam em aberto para os postos de agente e delegado, o que justifica a necessidade de um novo certame, ainda em 2019, a fim de selecionar candidatos as vagas.

Sabe-se que além do concurso da Polícia Civil, o governador disse sobre a importância de realizar também outro processo de seleção, só que para a Polícia Militar. Nesse caso, foi anunciado pelo governador, ainda no mês de janeiro, que o concurso seria realizado também nesse ano.


O novo concurso para a PC/BA surgiu com o objetivo de aumentar o número de delegados e agentes, sendo uma forma de atender a necessidade das mulheres bahianas, a partir da iniciativa de deputadas da Bahia, que discutiram em câmara a necessidade de ampliar o número de delegacias da mulher, por todo o Estado, fazendo com que esses serviços de proteção a mulher possam se difundir em várias regiões do Estado. Como já foi falado, o concurso público que ocorreu no ano passado não selecionou candidatos suficientes para preencher os cargos que são precisos para formar delegacias.

O concurso da PC/BA, que foi realizado no último ano, ofereceu aproximadamente 1.000 vagas de emprego, desse total, cerca de 880 foram reservadas para o cargo de investigador, já as demais vagas foram destinadas a delegados (82) e escrivão (38).

Para participar do processo de seleção e ocupar os cargos oferecidos foi necessário que participantes tivessem nível superior. Desse modo, aqueles que fizeram a inscrição para concorrer as vagas de escrivão e investigador poderiam ter formação superior em qualquer área. A remuneração no ínicio seria de aproximadamente R$ 3.920. Por outro lado, para a carreira de delegado, foi exigido a formação superior no curso de direito. Os candidatos a garantir a vaga receberiam cerca de R$ 11.400.

Vale ressaltar que apesar da certeza de haver o concurso, ainda não foram divulgadas as informações relacionadas ao número de vagas.

O último concurso da PC/BA teve como banca organizadora a Fundação Vunesp. Desse modo, ele foi dividido em sete fases distintas, sendo elas: provas objetivas e provas discursivas; exames biomédicos; testes de aptidão física e psicológia, aplicação de exames psicotécnicos, bem como análise de títulos.

As três provas continham 100 questões, todas de cárater objetivo, sendo compostas por 70 questões relacionadas a assuntos específicos da área e as demais 30 questões abordavam assuntos de conhecimentos gerais.

Sendo assim, a parte das provas em que foram abordados temas de conhecimentos gerais, haviam questões de leis de conhecimento dos cidadãos, noções de administração, medicina legal, atualidades, raciocínio lógico, informática, língua portuguesa e promoção da igualdade de gênero e racial.

Ana Paula Oliveira Coimbra

Comentários