Nova seleção oferece vagas para profissionais com ensino médio.

Está de olho nas oportunidades em concurso público no Estado de São Paulo? Então saiba que o Conselho Regional de Corretores de Imóveis, o CRECI/SP, está com as inscrições abertas para o seu novo concurso público.

Para o certame, a seleção busca o preenchimento de um total de sete vagas, sendo elas destinadas para o seu quadro de pessoas. O regime de trabalho sob qual atuarão os selecionados será de Consolidação das Leis do Trabalho, a CLT.

Se você busca mais informações, nós te damos todos os detalhes para não ficar de fora do processo. Vamos a elas.

Sobre as vagas do concurso CRECI/SP

De todas as ofertas disponíveis, seis vagas são destinadas para a função de serviços técnicos administrativos. A distribuição dessas se dará nos seguintes municípios: Itatiba (1 vaga), São José do Rio Preto (1 vaga), Jundiaí (1 vaga), Campinas (1 vaga) e São Paulo (2 vagas).Já a outra oportunidade restante é destinada para a vaga de suporte administrativo. A lotação dessa será unicamente na capital de São Paulo.

Pré-requisitos do concurso CRECI/SP

Quem estiver interessado em participar, precisa atender primeiramente a alguns pré-requisitos importantes e exigidos para os cargos. Sendo assim, é necessário primeiramente possuir um diploma que comprove a conclusão em nível médio. Além disso, também é necessário ter conhecimentos na área de informática.

Salários e benefícios oferecidos pelo certame

Os salários iniciais oferecidos pelo órgão são extremamente atraentes, sendo de R$ 2.444,46 para o caso de vagas em serviços técnicos administrativos e de R$ 1.305,12 para o cargo de suporte administrativo.Além desses valores, vale lembrar que o CRECI/SP oferece aos selecionados e servidores diversas outras vantagens e benefícios, como: vale-transporte, vale-refeição, convênio odontológico e convênio médico.Sobre as inscrições do Concurso CRECI/SP, depois de saber de todas as informações necessárias e estiver apto a participar, o candidato poderá realizar a sua inscrição. Vale ressaltar que as inscrições somente são aceitas pela internet, no site da organizadora e da executora responsável pelo certame, o Instituto Nosso Rumo.O endereço eletrônico é o www.nossorumo.org.br. O prazo final para se inscrever e participar é dia 7 de janeiro de 2019. Para isso, é necessário pagar uma taxa para efetivação da inscrição. O valor para todos os cargos é único, sendo de R$ 39,50.

Sobre o processo de seleção

São diversas as etapas utilizadas para a seleção do concurso do CRECI/SP. Primeiramente, será aplicada uma prova objetiva, sendo ela de caráter eliminatório e classificatório. A mesma será composta por um total de 40 questões de múltipla escolha. As disciplinas são: matemática, língua portuguesa, noções de informática e conhecimentos gerais.A duração máxima do exame é de três horas, com aplicação prevista para o dia 10 de fevereiro de 2019, na cidade de São Paulo/SP. Os locais e horários serão comunicados futuramente no edital para convocação. Sua publicação será feita a partir da data de 31 de janeiro, no portal do Instituto Nosso Rumo.

Além da prova objetiva, o certame contará também com uma prova oral, também de caráter eliminatório e classificatório. As questões irão abranger aspectos relacionados à fluência verbal, relacionamento interpessoal, experiência e conhecimento sobre a sua área de atuação, habilidade para a negociação e, por fim, administração de conflitos.

Sobre o CRECI/SP

O Conselho tem como sua principal função fiscalizar e disciplinar todo o exercício voltado para a profissão de um corretor de imóveis. Assim, é exigido do mesmo que suas práticas sejam sempre voltadas a excelência, de forma a garantir a tranquilidade e a segurança no que diz respeito às transações imobiliárias. Para isso, seus valores são: profissionalismo, comprometimento, credibilidade, moral e ética.

Para quem busca maiores informações sobre o CRECI/SP, basta acessar o site https://www.crecisp.gov.br e sanar quaisquer dúvidas que possam surgir.

Kellen Kunz

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 5]

Concurso do Detran de São Paulo oferta 575 vagas de emprego.

Está cada vez mais perto o momento da abertura oficial do edital do certame público referente ao Departamento Estadual de Trânsito, o Detran do Estado de São Paulo. Isso porque no dia 24 de novembro, sábado, foi divulgado em Diário Oficial do Estado, as informações sobre a organizadora do concurso. A selecionada foi a Fundação Carlos Chagas (FCC), que será a responsável pela seleção e preenchimento de 575 oportunidades. Conforme a Lei Complementar de número 1.328, datada em 11 de julho de 2018, o certame terá a sua publicação em um período de 180 dias. Sendo assim, o prazo máximo é em janeiro de 2019.

Sobre a comissão organizadora

Na edição de 5 de setembro do Diário Oficial do Estado, foi divulgado que a comissão organizadora deverá tomar todas as providências que se fizerem necessárias em relação à preparação e também à realização do processo do órgão. Com isso, portanto, o grupo formado é composto por titulares e por suplentes. No primeiro estão: Carine de Amorim Simões e Izadora Rodrigues Normando. Já no grupo de suplentes, temos Luiz Carlos Krzyzanovski, Fátima Regina de Souza, José Iberê Fernandes Junior, Wellington Cruz Barbosa, Lorenzo Santiago Franco e Neusa Maria Lopes.

Sobre as vagas oferecidas

Segundo o documento que autoriza o certame, são dois os cargos oferecidos pelo Detran-SP. A divisão ficou da seguinte forma: 200 oportunidades para o cargo de Agente Estadual de Trânsito I e 375 vagas para o cargo de Oficial Estadual de Trânsito I.

Para a oportunidade de Agente, o candidato terá a remuneração inicial de R$ 4.657,50. Para participar, é preciso ter graduação completa, independente da área de formação, e também carteira nacional de habilitação (CNH) em categoria “B” ou superior. Já para o cargo de Oficial, os vencimentos são de R$ 1.863, sendo necessária a formação em nível médio ou, ainda, curso técnico e profissionalizante em um nível que seja equivalente.

Responsabilidades dos cargos

O Agente Estadual de Trânsito tem, entre as responsabilidades de seu exercício, desempenhar as atividades de gestão e de técnicas do cargo, executando todos os serviços relacionados aos planos legais e às suas competências dentro da instituição. Já o Oficial Estadual de Trânsito precisa desempenhar as funções destinadas ao apoio, execução e à gestão de serviços que tenham relação com as competências da instituição, desde que sigam as conformidades do Sistema Nacional do Trânsito.

A jornada de trabalho das funções é de 40 horas por semana, seguindo as regras da Consolidação de Leis de Trabalho, a CLT.

Ao que tudo indica, ainda, o concurso do Detran-SP terá as seguintes etapas para a seleção de seus classificados: em primeiro lugar, uma prova objetiva sobre conhecimentos específicos e gerais, sendo ela de caráter eliminatório e também classificatório; e uma prova de títulos, somente classificatória.

Sobre o último concurso do órgão

O último concurso do órgão ocorreu no ano de 2013, contando com um total de 1.200 oportunidades. Dessas, 600 eram destinadas para o emprego como Oficial Estadual de Trânsito e outras 600 para Agente Estadual de Trânsito.

O certame teve um número superior a 310 mil inscritos. Com isso, a relação foi de 260 participantes por oportunidade. Na ocasião, a organização do processo de seleção foi feito pela Fundação Vunesp, contando com provas objetivas e provas de títulos. As primeiras para Oficial Estadual de Trânsito contaram com 5 questões de Matemática, 12 de Língua Portuguesa, 4 sobre noções de informática, 4 sobre legislação e 25 sobre a legislação de trânsito.

Para Agente Estadual de Trânsito, a divisão ficou da seguinte forma: 5 questões de Matemática, 10 de Língua Portuguesa, 7 sobre Direito Administrativo, 4 sobre noções de informática, 7 sobre legislação, 8 sobre gestão pública e 22 sobre legislação de trânsito. A distribuição das vagas foi feita para a capital, regiões de Araçatuba, Barretos, Botucatu, Araraquara, Bauru, Campinas, Franca, Fernandópolis, Marília, Itapeva, Presidente Prudente, Mogi Guaçu, Ribeirão Preto, Registro, Sorocaba, São José do Rio Preto, Taubaté e Santos e região metropolitana.

Por Kellen Kunz

Concurso

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 7 Média: 4.4]

Seleção ofertará cerca de 575 vagas. Oportunidades serão para Oficial e Agente de Trânsito.

O Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (DETRAN-SP) já escolheu a organizadora do seu próximo concurso: Fundação Carlos Chagas (FCC). O concurso Detran-SP deve oferecer um total de 575 vagas, que serão distribuídas entre nível médio e superior. A remuneração pode chegar a mais de R$ 4 mil. Que tal aproveitar que o edital não está publicado e começar os seus estudos?

O concurso DETRAN SP terá 575 vagas, sendo 375 para o cargo de Oficial Estadual de Trânsito I e 200 para a função de Agente Estadual de Trânsito I. A expectativa é que o edital do certame seja divulgado antes de janeiro, que é o prazo limite para a publicação do documento.

Para concorrer ao cargo de Oficial Estadual de Trânsito I, o candidato deve ter nível médio ou técnico e a remuneração inicial na função é de R$ 1.863,00. Os interessados com nível superior podem tentar para o cargo de Agente Estadual de Trânsito I e a remuneração corresponde a R$ 4.657,50.

O último edital do concurso DETRAN SP ocorreu em 2013 e foram oferecidas 1.200 vagas e o certame foi organizado pela Fundação VUNESP. Os interessados, que concorreram para o cargo de Oficial, foram avaliados com provas objetivas, sendo 12 questões de português, 4 de legislação, 5 de matemática e 25 referente à legislação de trânsito.

Em relação ao cargo de Agente, as provas abordaram 10 questões de português, 5 de matemática, 4 de legislação, 7 de direito administrativo, 4 de informática, 4 de legislação, além de 8 de gestão pública e 22 de legislação de trânsito.

Como estudar para o concurso DETRAN SP?

A organizadora já foi escolhida e o edital deve ser divulgado nas próximas semanas. Por isso, os interessados devem fazer um planejamento focado e estruturado no cargo almejado.

O cronograma é essencial para organizar e controlar os estudos. Em uma folha ou no computador, elabore uma planilha com os dias e os horários da semana. Escreva os seus compromissos obrigatórios como faculdade, trabalho, entre outros. Ou seja, os itens que fazem parte da sua rotina.

Defina o seu horário de estudo e depois distribua as disciplinas nele. Avalie qual o horário você se sente melhor para distribuir os conteúdos. Por exemplo, você se sente mais disposto pela manhã? Que tal acordar um pouco mais cedo para revisar ou resolver mais exercício? Tente estudar em cada momento livre do seu dia. Isso poderá fazer a diferença na reta final.

O seu cronograma deve ser compatível com a sua rotina. Ou seja, cuidado para não sobrecarregá-lo com coisas que você não pode cumprir, pois isso vai gerar mais ansiedade e interferir no seu desempenho.

A organizadora do concurso DETRAN SP será a Fundação Carlos Chagas, logo direcione os seus estudos para essa banca.

Faça exercícios para conhecer o perfil da sua prova, a forma de cobrança e também os itens mais recorrentes. Ao treinar questões FCC, você consegue estudar de forma estratégica e mais direcionada para o certame.

Tenha o hábito de fazer simulado. Lembre-se de que é por meio deles, que poderá saber o seu desempenho e descobrir qual conteúdo está bom ou precisa de um reforço. Simule como se fosse um ambiente de prova. Assim, você vai treinar e adquirir mais confiança.

Estude por meio de livros, apostilas e cursos atualizados. No mercado, existem vários tipos de materiais.

O edital foi publicado? Refaça o seu planejamento e mantenha ainda mais o foco. Priorize a sua aprovação e de dedique-se para conquistar uma das vagas do concurso DETRAN SP.

Estude acreditando na sua aprovação e pague o preço para ter o seu sucesso.

Que tal aproveitar a chance? Compartilhe o conteúdo nas suas mídias sociais e muito sucesso nos seus estudos!

Por Babi

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 7 Média: 3.3]

Fundação Vunesp libera gabarito oficial das provas do Concurso PM-SP 2018.

Recentemente, outro concurso público de alta categoria fez divulgar os seus resultados para os candidatos.

Neste caso, a banca organizadora, cuja função estava nas mãos da Fundação Vunesp, publicou os resultados registrados no gabarito da prova objetiva ministrada no processo seletivo do departamento da Polícia Militar do Estado de São Paulo, PM-SP, destinado ao preenchimento de 270 postos iniciais na função de aluno oficial dentro da Academia do Barro Branco. As provas foram realizadas no último dia 18 de novembro de 2018 e o resultado da resolução das questões já pode ser consultado aqui.

Os cadernos de provas foram ministrados nos seguintes municípios:

Na cidade de Araçatuba; de Bauru; de Campinas; de Piracicaba; de Presidente Prudente; de Ribeirão Preto; cidade de Santos; de São José do Rio Preto; de São José dos Campos; na Capital São Paulo e na cidade de Sorocaba.

Esta carreira está sendo disputada por concorrentes que possuem ensino médio completo; em idade entre 17 e 30 anos e cuja altura mínima exigida é de 1,55 metros para as mulheres e 1,60 metros para os homens.

Todos os aprovados deverão participar de curso cuja duração será de três anos e terão direito a uma remuneração no valor inicial de 3.095,88 reais. Durante o período de formação, todos os vencimentos passarão por até três reajustes, de 3.106,99 reais para 3.414,53 reais e finalmente 3.690,23 mil reais.

Outras informações sobre o concurso em questão são:

A taxa foi estipulada no valor de 130 reais, sendo que o período de inscrições se estendeu até o dia 24 de setembro de 2018, exclusivamente por meio do site da Fundação Vunesp, banca organizadora: www.vunesp.com.br. Responsável pelo processo de seleção.

Sobre as etapas deste concurso público para a função inicial de aluno oficial PM-SP, seguem as informações:

São seis fases, sendo a primeira delas a parte da seleção, na qual os concorrentes realizaram a prova objetiva, que consistiu em um caderno contendo 80 questões em múltipla escolha, ministrada no período matutino, e a prova de redação (ou discursiva), ministrada durante o período vespertino.

Todo o conteúdo programático contou com matérias de história; de filosofia; de sociologia; de geografia; de língua portuguesa; em língua inglesa ou em língua espanhola; em matemática; sobre noções básicas de administração pública e em noções básicas na área de informática.

As demais etapas deste processo seletivo abrangerão os necessários exames de aptidão física; exames de saúde e os testes psicológicos; a avaliação histórica sobre a conduta social pregressa e sobre a idoneidade de cada candidato e finaliza com a análise sobre documentos.

Sobre as atribuições do cargo de oficial, seguem as informações:

É dever de cada oficial da Polícia Militar do Estado de São Paulo atuar na gestão e no comando de pessoas, na análise e na administração de processos, por meio da ampla utilização dos necessários conhecimentos para a correta busca das soluções dentro dos variados e inevitáveis problemas pertinentes a todas as atividades jurídicas e às atividades administrativas para a preservação da ordem pública e para garantir a atuação da polícia ostensiva, em plena conformidade com a própria filosofia do policiamento comunitário e, sobretudo, garantindo os direitos humanos, entre outras atividades definidas na lei, por meio da conclusão e com o aproveitamento do curso de Bacharelado na área de Ciências Policiais de Segurança e de Ordem Pública, que é destinado a formar, com a solidez teórica e prática, todo profissional que se tornará ocupante do dito posto inicial de Oficial.

Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 38 Média: 2.5]

Concurso oferta 45 vagas para Professores em diversas áreas do conhecimento.

Para quem busca informações acerca dos editais de concursos públicos, é importante fazer saber que o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Estado de São Paulo, o IFSP, está com as inscrições abertas desde o dia 5 de novembro. No processo, estão sendo ofertadas um total de 45 oportunidades para o cargo de Professor. A distribuição dessas ocorrerá nas unidades do instituto que estão instaladas no Estado em 20 cidades.

Se você ficou interessado e quer saber mais, fique ligado n as dicas que nós preparamos para você não ficar de fora.

Sobre as vagas do IFSP

As vagas para professores serão distribuídas entre as mais diversas áreas de conhecimento. São elas: arquitetura (2 vagas), educação física (1 vaga), biologia (1 vaga), eletroeletrônica/mecatrônica (3 vagas), eletrônica (2 vagas), engenharia civil (2 vagas), educação em pedagogia (4 vagas), eletrotécnica (2 vagas), segurança do trabalho (1 vaga), física (2 vagas), produção industrial (1 vaga), história (2 vagas), matemática (3 vagas), informática (4 vagas), geografia (2 vagas), português e espanhol (3 vagas), português e inglês (5 vagas), sociologia (3 vagas), português (1 vaga) e química (1 vaga).

A distribuição das vagas será feita nos campi do IFSP. Sendo assim, as cidades participantes são: Birigui, Registro, Jacareí, Cubatão, Presidente Epitácio, Campos do Jordão, Itaquaquecetuba, Tupã, São Miguel Paulista, Ilha Solteira, Sorocaba, Campinas, Boituva, Matão, Pirituba, Itapetininga, Avaré, Suzano, São José dos Campos e Jundiaí.

Conforme as informações divulgadas pelo instituto, a remuneração básica que é oferecida pelo IFSP é representada em valor em R$ 4.463,93. Considerando-se ainda a retribuição em termos de titulação acadêmica, esse salário poderá chegar a valores mais elevados, como R$ 9.600,92 para os candidatos com doutorado, R$ 6.668,20 para os candidatos com mestrado e em R$ 4.892,44 para os candidatos que tiverem uma especialização.

Como faço para me inscrever no concurso do IFSP?

É muito simples para se inscrever no concurso do IFSP. Para isso, basta acessar o site da instituição, no endereço eletrônico HTTPS://concursopublico.ifsp.edu.br. É válido lembrar que todas as candidaturas poderão ser registradas somente até a data limite de 2 de dezembro, no horário de Brasília das 20h.

Para as oportunidades abertas, é solicitado que seja feito o pagamento de uma taxa para efetivação da participação. O valor da taxa é de R$ 180, independente da área de interesse.

Quais as etapas do concurso do IFSP?

A primeira etapa do certame do IFSP tem a previsão de ocorrer no dia 3 de fevereiro de 2019. Na ocasião, será aplicada uma prova objetiva com um total de 40 questões sobre legislação e, ainda, conhecimentos pedagógicos, específicos e étnico-raciais. Vale lembrar que a aplicação do exame será realizada em cada um dos municípios que possui a oferta de vagas. Isso inclui, portanto, a capital. Porém, não haverá prova na cidade de São José dos Campos, precisando os candidatos se deslocarem para o município mais próximo. As demais fases que ocorrerão incluem a avaliação de desempenho de didática, com a divulgação da lista dos convocados a partir do dia 18 de fevereiro. Além disso, é preciso entregar a prova de títulos, para que seja realizada a análise correta desses. A entrega deverá ocorrer no mesmo dia em que forem realizadas as atividades que englobam a segunda etapa.

Com a validade total de 2 anos (24 meses), contando a partir da data de homologação de todos os resultados, o concurso do IFSP pode ainda ser prorrogado por uma vez, isso em caso de necessidade. Conforme é previsto no próprio edital da seleção, disponível no endereço https://concursopublico.ifsp.edu.br/editais/edital-7282018-docentes, a prorrogação do certame fica a critério somente da instituição que é responsável pelo mesmo.

Sobre o IFSP

Tido como uma autarquia federal, o IFSP teve a sua fundação em 1909, com o nome de Escola de Aprendizes Artífices. Com grande reconhecimento pela sua excelência em ensino público e gratuito e prezando pela qualidade, a transformação para o Instituto ocorreu em dezembro de 2008. A partir dessa mudança, o IFSP passou a destinar a porcentagem de 50% de suas vagas para cursos técnicos e, ainda, um mínimo de 20% para os cursos em licenciatura, focando principalmente para as áreas de Matemática e de Ciências. Por isso, quem quiser saber mais, pode acessar o site da instituição, no endereço https://www.ifsp.edu.br, e ficar por dentro de tudo.

Por Kellen Kunz

Concurso

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 13 Média: 2.5]

Inscrições até o dia 3 de dezembro de 2018.

A Prefeitura de Santana do Parnaíba, localizada na região metropolitana da cidade de São Paulo, abrirá concurso que ofertará 48 cargos nos mais diferentes níveis acadêmicos.

Diante disso, o candidato que quiser concorrer a uma das diversas vagas oferecidas precisa se atentar as datas de inscrição, que começou dia 13 de novembro e vai até o dia 3 de dezembro. Os valores são considerados simbólicos apenas para cobrir a impressão das provas e de outros afins, variando entre R$13 e R$21,20.

Existem oportunidades para nível fundamental, médio/técnico e para superior, com salários que podem variar de R$1.206,41 a R$12.052,78.

O concurso tem fim no final do ano que vem, podendo ser renovado por mais um, de acordo com as necessidades do município.

A prova tem previsão de ser realizada no dia 16 de dezembro, com questões objetivas contando com 30 questões de múltipla escolha e três horas para a sua realização.

Cargos

No nível fundamental são oferecidas duas opções: motoristas com carteira do tipo D e auxiliar de saúde bucal.

Para quem tem já terminou o ensino médio ou fez algum curso técnico, as vagas oferecidas são: técnico de enfermagem, intérprete de Libras e auxiliar de farmácia.

Nos cursos superiores a uma boa gama de opções como: dentista, enfermeiro, farmacêutico, fisioterapeuta, fonoaudiólogo e médico.

Neste concurso será disponibilizado vagas para professores, que variam o tipo de conhecimento por área como: matemática, português, história, geografia além das línguas estrangeiras de inglês e espanhol.

Conteúdo das provas

Nas questões de língua portuguesa serão abordados conhecimentos prévios desde interpretação de um texto até nas questões consideradas básicas como pontuação. Além das estruturas que compõem um texto, entre elas, sujeito, predicado, orações coordenadas, subordinadas, preposição, verbos de ligação, predicativo do objeto e do sujeito, fora interpretação de charges.

A pessoa que souber aplicar todos os conhecimentos terá boas chances de sair bem no concurso.

As provas que envolvem números são consideradas simples no contexto geral do concurso, pois absorve conhecimentos prévios do dia-a-dia como situações envolvendo desconto, aumento, expressões consideradas simples das quatro operações, sistemas de medidas.

No caso de conhecimento específico é necessário compreender e memorizar pequenas dicas de ciências/biologia explicadas no ensino fundamental e médio, respectivamente, através das seguintes situações: vitaminas, nutrientes, validade dos alimentos, entre outros.

Qualquer um pode concorrer?

Todos que desejam concorrer a uma vaga no concurso disponibilizado pela Prefeitura de Santana do Parnaíba podem e devem concorrer. A preferência por idade ainda ocorre, quanto mais jovem, melhor força de trabalho será feita e assim poderiam ‘usar e abusar’ dos considerados inexperientes em sua carteira de trabalho.

Pessoas consideradas experientes devem buscar sua recolocação no mercado de trabalho e concorrer a uma vaga deste concurso oferecido, poderá diminuir um pouco a quantidade de pessoas que deixam de aproveitar essas oportunidades após uma certa idade,( geralmente quando chega nos seus 40 anos).

Independentemente da idade cada um tem seu talento, sua vontade e determinação, entretanto, não é fácil chegar e passar de primeira, requer perseverança e um pouco de sorte para que garanta sua colocação no cargo que candidatou.

Vencer em um grande concurso é uma conquista pessoal, mostrando o quanto é capaz de demonstrar ao longo do tempo que for efetivado, desempenhando com autoridade e muita paciência, podendo melhorar financeiramente, mas construindo um império de si mesmo tendo orgulho do que foi capaz.

Desenvolver para ser desenvolvido, compreender os macetes através do concurso para ser promovido, a chave do sucesso depende de todos e descobrir como e quando vai ocorrer

A vida já lhe dá pequenas pistas para se tornar gratificante tudo aquilo que foi construído durante sua carreira de trabalho, melhorando o seu próprio status como também impondo respeito de tudo aquilo que um dia da sua luta diária, em um passado não muito distante.

Thalles Cakan

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 17 Média: 2.9]

Edital deve ser publicado nos próximos dias e pode contar com mais de 500 vagas.

Um dos editais mais aguardados ainda para este ano é o do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (DETRAN SP), que deve oferecer 575 vagas para os cargos de Oficial Estadual de Trânsito I e Agente Estadual de Trânsito I, em que para participar será necessário nível médio e superior, respectivamente. Já pensou em começar a estudar o quanto antes para o concurso DETRAN SP?

A expectativa é que o edital seja divulgado nas próximas semanas e a banca responsável pelo Concurso DETRAN SP deve ser a Vunesp ou a Fundação Carlos Chagas. O Órgão tem até janeiro para publicar o edital, que é considerado a data limite. O certame vai oferecer 575 vagas, sendo deste total 375 referente ao cargo de Oficial Estadual de Trânsito I e 200 para o cargo de Agente Estadual de Trânsito I.

A comissão para a realização do concurso Detran já foi formada e divulgada, por isso, os próximos passos para a realização do certame é a definição da banca organizadora e a publicação do edital.

Os candidatos com nível médio ou técnico podem concorrer para o cargo de Oficial Estadual de Trânsito, que tem a remuneração inicial de R$ 1.863,00. Para nível superior, o concurso DETRAN SP vai ter oportunidades para o cargo de Agente Estadual de Trânsito I, em que também é necessário ter carteira nacional de habilitação de, pelo menos, categoria B. A remuneração inicial é de R$ 4.657,50.

O último concurso realizado pelo DETRAN foi em 2013 e teve 1.200 vagas com 600 oportunidades para cada cargo: Agente e Oficial. Os interessados foram avaliados por meio de provas objetivas de múltipla escolha, que abrangiam tanto a parte de conhecimentos gerais, quanto à parte de conhecimentos específicos.

A banca responsável pelo último concurso DETRAN SP foi a VUNESP e as provas para o cargo de Oficial abrangiam as seguintes disciplinas: 12 para português, 5 de matemática, 4 sobre legislação, 4 de informática e também 25 sobre legislação de trânsito.

Em relação ao cargo de Agente, as provas foram compostas de 10 questões sobre português, 5 de matemática, 4 de legislação, 7 sobre direito administrativo, 22 sobre legislação de trânsito, 4 sobre informática e 8 relacionada ao conteúdo de gestão pública.

O último concurso DETRAN SP ofereceu oportunidades para Araçatuba, Botucatu, Barretos, Bauru, Itapeva, Campinas, Fernandópolis, Franca, Presidente Prudente, Marília, Mogi Guaçu, Taubaté, Santos, Ribeirão Preto, capital paulista, entre outras cidades.

Como passar no próximo concurso DETRAN SP?

– Como o edital está previsto para sair ainda este ano, o interessado deve começar os estudos antes da publicação do documento, pois isso ajudará a ter domínio dos conteúdos cobrados, sobretudo se este for o seu primeiro concurso público ou você ainda não tem muita base.

– É fundamental fazer um planejamento para organizar e estruturar toda a rotina, sobretudo se a pessoa precisa conciliar com outras atividades como o trabalho. O cronograma deve ser compatível coma realidade do estudante e ajustado de acordo com a carga horária.

– Priorize as disciplinas que tenham um maior peso e também um número maior de questões.

– Separe tempo para fazer revisão e resolver questões de forma exaustiva. Quando a banca do concurso DETRAN SP for definida, foque em resolver exercícios específicos da organizadora, para você conhecer o estilo de prova, nível de cobrança e os assuntos mais cobrados. Faça uma lista, para ajudar você na revisão de reta final.

– O seu cronograma deve ser estruturado em três partes: teoria, revisão e exercício, todavia dedique-se mais a resolução de questão e revisão. Outra dica é fazer simulado, para medir o seu desempenho e saber em que disciplina está bom ou precisa de um reforço.

Compartilhe a notícia nas suas mídias sociais e muito sucesso nos estudos para o concurso DETRAN SP!

Por Babi

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 17 Média: 2.4]

Concurso oferta vagas para cargos de Nível Médio e Superior de ensino.

Neste final de segundo semestre de 2018 diversos concursos públicos já estão com seus editais oficialmente publicados, e outros estão em fase de tramite para futura publicação.

Assim, está aberto o novo concurso público promovido pelo Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Estado de São Paulo, o CAU-SP. Este processo de seleção tem por meta o preenchimento de um número de novos postos de trabalho, além de formar o chamado cadastro de reserva de pessoas, destinado às futuras convocações conforme a necessidade deste departamento.

Todos os cargos em oferta exigem formação acadêmica de nível médio e nível superior, sendo que o trabalho sob o regime da Consolidação das Leis do Trabalho, ou CLT, cuja lotação se dará no município de São Paulo e no município de Sorocaba. Este extrato do documento do edital foi publicado no dia 26 de outubro, numa sexta-feira, em edição extra do Diário Oficial da União.

Sobre as vagas abertas neste concurso público as informações são as seguintes:

Para os concorrentes com nível médio de escolaridade, está sendo disponibilizado cargo no setor de Assistente Técnico Administrativo, com oito vagas.

Para os candidatos com nível superior de formação acadêmica, está sendo disponibilizada uma vaga para a função de Advogado, com uma vaga.

Sobre os vencimentos e os benefícios garantidos, as informações são as seguintes:

As remunerações estão nos seguintes valores: R$ 2.582,08 para o departamento de Assistente e de R$ 6.321,59 para a função de Advogado, dentro de uma jornada de trabalho de 40 horas semanais, regime celetista. Os benefícios pagos serão: auxílio alimentação no valor de 360 reais; auxílio creche no valor de 383 reais; auxílio refeição no valor de 792 reais, plano de assistência médica e vale-transporte.

Observação importante: está estabelecido, conforme o que expressa a lei federal, uma reserva de 5% do total das vagas para os concorrentes que são pessoas com deficiência e mais 20% aos candidatos negros, ou afrodescendentes.

Sobre o procedimento de inscrição, as informações são as seguintes:

O cadastro de inscrição deverá ser efetuado de modo exclusivo pela internet, por meio do seguinte endereço eletrônico: https://ckmservicos.selecao.net.br. O período de inscrição se dará entre os dias 26 de outubro e 18 de novembro de 2018. O valor da taxa de inscrição está estipulado em 45 reais para concorrentes ao cargo de Assistente Administrativo (nível médio de escolaridade) e no valor de 55 reais para o cargo de Advogado (nível superior).

Sobre a estrutura da prova, as informações são as seguintes:

O teste será realizado por meio de um caderno, prova objetiva, contendo 40 questões versando sobre: língua portuguesa; sobre conhecimentos gerais; sobre raciocínio lógico; sobre informática e sobre os conhecimentos específicos. Será realizada, na segunda etapa, a necessária prova de redação, exclusiva para o cargo de Assistente Técnico Administrativo e mais um teste por meio de um estudo de caso, para os candidatos concorrentes ao cargo de Advogado.

Todas as provas serão ministradas, como foi citado, nos municípios de São Paulo e de Sorocaba no dia 9 de dezembro de 2018, cuja hora e o local serão divulgados a partir do dia 5 de dezembro de 2018.

Com relação aos gabaritos preliminares, os mesmos serão publicados a partir do dia 10 de dezembro de 2018, no próprio site do concurso.

Este mesmo certame público será válido por um ano, computados a partir da data de sua homologação, com chance de ser prorrogado somente uma vez por período equivalente, conforme o critério do CAU-SP.

Por Paulo Henrique dos Santos

Concurso

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 5 Média: 2.6]

Inscrições até o dia 7 de dezembro de 2018.

Quem sonha com a estabilidade do emprego e em receber uma boa remuneração pode se informar aqui sobre uma boa oportunidade para atuação no serviço público.

O Ministério Público do estado de São Paulo (MP SP) anuncia que as inscrições para seu próximo certame estão abertas. O edital foi lançado na quinta-feira, dia 18 de outubro.

Há 9 vagas para profissionais com diploma de graduação. O salário inicial é de R$ 13 mil para os novos servidores da carreira.

Confira mais detalhes sobre o processo seletivo na matéria que segue abaixo.

As inscrições no concurso do MP de São Paulo já iniciaram e vão até o mês de dezembro

Aqueles que estão interessados em participar da seleção do ministério de São Paulo devem seguir o seguinte procedimento para se inscrever:

1) entrar no endereço eletrônico;

2) adicionar suas informações pessoais no formulário de cadastro;

3) imprimir e realizar o pagamento do boleto.

A instituição contratada pelo MP de São Paulo para ser a responsável pela organização do seu concurso público é a Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho – também conhecida por Fundação Vunesp.

O período de inscrição começou na segunda-feira, dia 29 de outubro e será encerrado na sexta-feira, 7 de dezembro.

O valor da taxa de inscrição é de R$ 140 e poderá ser pago até o dia 10 de dezembro (segunda-feira).

Confira quem pode fazer o pedido de isenção: ser doador de sangue, pertencer à família de baixa renda ou ser estudante de curso de graduação ou pós-graduação.

Sobre as vagas anunciadas no edital do certame do Ministério Público de São Paulo

Há oferta de 9 vagas para a função de analista técnico científico. Saiba quais são as especialidades disponíveis: ciências econômicas, administração e ciências contábeis. Além dessas oportunidades, o MP de SP visa formar cadastro reserva para que, caso seja necessário, possa preencher outras vagas que surjam em 2 anos, que é o tempo de validade do concurso. Esse tempo pode ainda ser estendido por igual prazo, um vez apenas, pela própria instituição, caso seja de seu interesse.

O vencimento básico oferecido aos iniciantes na carreira de analista do MP é de R$ 8.585. Além disso, terá direito a perceber R$5.205,08 de gratificação e aos benefícios de transporte e alimentação.

A jornada de trabalho para todas as áreas é de 40 horas por semana.

Quem for portador de necessidades especiais (PNE) deverá enviar laudo médico para concorrer a vagas exclusivas. Há chances reservadas também para afrodescendentes.

Confira os requisitos exigidos no concurso do MP de São Paulo

Para ocupar o cargo de analista técnico científico, você deve ser aprovado no concurso e ter diploma de graduação correspondente à área, emitido por instituição de ensino superior registrada no Ministério da Educação (MEC).

Saiba quais são as outras exigências: possuir registro ativo no conselho regional da sua classe, estar quite com as obrigações da justiça eleitoral, possuir idade não inferior a 18 anos, não ter quaisquer pendências junto ao serviço militar – requisito exigido apenas para candidatos homens, não ter antecedentes criminais, estar em gozo pleno dos direitos civis e políticos, possuir aptidão física e mental, entre outras.

Saiba aqui quais são as etapas do concurso público do MP SP

O processo seletivo será composto por duas fases, sendo a primeira a prova objetiva e a segunda a avaliação dissertativa.

Na prova de múltipla escolha, as disciplinas cobradas serão: informática, português, matemática e conhecimentos específicos. Os concorrentes devem responder às questões e ao estudo de caso da segunda fase no período de 5 horas. Esse tempo também deve ser reservado para marcar o cartão de resposta.

A data prevista para realização das duas etapas é no domingo, 10 de fevereiro de 2019.

Saiba mais informações do edital do certame do Ministério Público de São Paulo no portal da Fundação Vunesp.

Melisse V.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 3 Média: 2]

Oportunidades são para a área de Saúde. Novo edital com mais vagas deve ser divulgado em breve.

Mais um processo de seleção de grande abrangência está oficialmente aberto, neste fim de 2018.

Trata-se da publicação do novo edital para 30 postos no cargo de médico I, ocorrida no último dia 20 de outubro, e mais um edital dispondo de 28 postos neste mesmo cargo, publicado no sábado, dia 27 de outubro.

Este é o concurso promovido pelo Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual de São Paulo, o Iamspe. Além das vagas já anunciadas, serão disponibilizadas mais 161 cadeiras a serem preenchidas por meio de novos certames públicos, dos quais os editais deverão ser publicados em data breve. Todas as oportunidades abertas já estavam autorizadas desde o dia 28 de agosto, cedidas por meio do gabinete do governo do Estado, que aprovou o preenchimento de um total de 377 vagas, das quais 158 cadeiras se destinarão à convocação dos remanescentes de concursos ainda em validade e as demais 219 se destinarão às novas seleções direcionadas aos diversos cargos para nível superior, cujas remunerações iniciais serão de até 14.386,50 reais.

Dado que os primeiros editais já estão liberados, ou seja, destinados a 58 postos, este mesmo órgão estará publicando mais um documento, com abertura de 161 vagas, muito em breve.

A distribuição dos cargos se dará conforme o seguinte critério:

Serão 163 vagas destinadas ao cargo de médico I. Após a autorização de mais 58 postos, o mesmo cargo contará com mais 105 postos válidos, reservados ao preenchimento em outras especialidades incluídas no edital. Acrescenta-se a isso, o aval que também autoriza a liberação de mais 54 vagas destinadas ao cargo de agente técnico no setor de assistência à saúde e mais duas vagas de cirurgião dentista.

Para o caso do posto de agente técnico de assistência à saúde, o valor da remuneração inicial, atualmente, é de 1.996,53 reais; para o cargo de cirurgião dentista o valor da remuneração é de 2.658,14 reais e para o cargo de médico o valor da remuneração é de 3.726 reais, dentro do regime de 12 horas semanais, ou de 6.210 reais, para 20 horas, no valor de 7.452 reais para um regime de 24 horas para um regime de 14.386,50 reais de 40 horas.

Entretanto, a dita autorização não vai determinar qualquer jornada de trabalho, que deverá ser estabelecida conforme o critério da instituição.

Com relação à convocação dos remanescentes, as informações são as seguintes:

Uma vaga reservada ao cargo de analista administrativo; 5 vagas de executivo público; 30 vagas para oficial administrativo; 14 vagas para agente de saúde; 25 vagas para agente técnico de assistência à saúde; duas vagas para auxiliar de saúde; 21 vagas de enfermeiro; duas vagas de médico l; 50 vagas para técnico de enfermagem; 5 vagas para técnico de laboratório e mais 3 vagas para técnico de radiologia.

O histórico registrado no último concurso do Iamspe indica o seguinte:

O último concurso promovido pela mesma instituição, realizado no mês de abril deste ano de 2018, contou com um número de 93 postos destinados ao cargo de técnico de enfermagem. Deste modo, todos os 50 postos autorizados para o preenchimento por meio da convocação dos remanescentes deste processo, deverão ser destinadas exclusivamente aos aprovados neste processo. A função de banca organizadora, naquele evento, ficou nas mãos do Instituto Nosso Rumo.

O órgão intitulado Iamspe consiste em uma autarquia estabelecida no governo do Estado de São Paulo, atrelada à Secretaria de Planejamento e Gestão. Foi oficialmente inaugurado no ano de 1966, cujo objetivo fundamental está em oferecer o atendimento médico especializado aos servidores públicos estaduais, aos seus dependentes e aos seus agregados, por meio do atendimento no Hospital do Servidor Público no Estado de São Paulo.

Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 7 Média: 2.6]

Certame oferta 7 vagas para o cargo de Oficial Administrativo.

Nos dias atuais, as instituições de ensino utilizam os certames para a contratação de qualquer profissional, independente do nível de escolaridade que ele possui. E se você tem o interesse de participar de um concurso público promovido por uma instituição de ensino saiba que a Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo, a FDSBC, publicou há poucos dias um novo edital que visa à contratação de novos profissionais e também a elaboração de um cadastro reserva. Para saber das principais informações sobre o processo seletivo da universidade paulista leia o texto abaixo. Essa pode ser uma grande oportunidade para você.

Sobre os cargos abertos pela Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo em seu novo certame

Esse novo edital vai ser para a contratação de profissionais que vão começar a trabalhar a partir do início de 2019. De acordo com os dados estabelecidos no documento oficial, a FDSBC vai contratar sete pessoas para a função de Oficial Administrativo. Os interessados precisam ter no mínimo, o nível médio de escolaridade. A carga horária é de 40 horas semanais e os contratados vão ter direito a um salário fixado em R$ 1.722,95.

Além da remuneração, os novos servidores vão receber os seguintes benefícios: plano médico, vale-transporte e auxílio-alimentação. As pessoas portadoras de necessidades especiais que querem participar desse processo de admissão precisam consultar algumas informações importantes de como devem proceder. Para isso, basta acessar o edital que se encontra em: http://www.quadrix.org.br/todos-os-concursos/inscricoes-abertas/fdsbc2018.aspx. Todos os dados estão explicados a partir da página 03, no item “6 DAS VAGAS DESTINADAS AOS CANDIDATOS COM DEFICIÊNCIA”.

Seguindo o exemplo de outros concursos públicos, os interessados neste certame precisam ter mais de 18 anos, serem naturalizados brasileiros e não possuírem irregularidade com a justiça eleitoral e com as obrigações militares (requisito obrigatório para os candidatos do sexo masculino). Uma informação importante é que o Instituto Quadrix foi a empresa escolhida para atuar como banca organizadora deste concurso. Esse dado é de extrema relevância, pois, é comum que as bancas tenham padrões para elaborarem e aplicarem as provas, por isso, é mais que válido que como forma de preparação os participantes refaçam avaliações anteriores já aplicadas pelas bancas organizadoras.

Os dois exames pelos quais os candidatos vão ser submetidos

Como todas as 7 vagas são para a mesma função e não se tem nível de escolaridade diferente, por exemplo, os inscritos vão todos realizar as mesmas avaliações. Veja agora as características das duas provas:

– Primeira avaliação: uma prova de múltipla escolha contendo 60 questões sobre os seguintes temas:

15 perguntas sobre noções de informática.

15 perguntas sobre raciocínio lógico.

15 perguntas sobre matemática.

15 perguntas sobre língua portuguesa.

A primeira avaliação vai ser realizada na data de 16 de dezembro de 2018 e os participantes vão ter três horas para resolver as 60 perguntas. De acordo com o edital, é provável que a prova aconteça no turno da tarde. Posteriormente, vai ser informado o horário correto e os locais onde as avaliações vão acontecer. O resultado definitivo do exame de múltipla escolha vai ser divulgado em 18 de janeiro de 2019. O conteúdo programático também está presente no edital, ele está disponível na página 12, em “ANEXO II-CONTEÚDO PROGRAMÁTICO”.

– Segunda avaliação: prova prática.

Nesta etapa, os candidatos vão participar de um teste cujo objetivo é avaliar os conhecimentos de informática dos candidatos. Além também de avaliar a desenvoltura deles com programas do Pacote Microsoft Office. Está etapa vai ocorrer em 2019, no dia 26 ou 27 de janeiro. Já a divulgação dos locais e do horário desta segunda fase ocorre em 18 de janeiro de 2019. Todas as avaliações vão acontecer na cidade de São Bernardo do Campo, São Paulo. E ambas as provas têm caráter classificatório e eliminatório. O resultado definitivo deste concurso público vai ser publicado em 15 de fevereiro de 2019. Por fim, o vínculo empregatício tem validade de 24 meses e pode ser prorrogado por mais 24 meses.

Inscrições no concurso da Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo

As inscrições foram iniciadas, no último dia 23 de outubro de 2018 e vão ser finalizadas em 26 de novembro de 2018. A taxa de inscrição é de R$ 50,00 e ela deve ser paga até 27 de novembro de 2018. As inscrições devem ser feitas apenas pela internet no seguinte link: http://www.quadrix.org.br/todos-os-concursos/inscricoes-abertas/fdsbc2018.aspx.

Boa sorte!

Por Isabela Castro

Concurso

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 1]

Seleção deverá ofertar 372 vagas para Supervisor de Ensino.

Se você reside em São Paulo e se encontra na expetativa de novas informações sobre um novo concurso público da SEE/SP, acabam de chegar novas informações que devem lhe interessar. Continue lendo este texto e fique por dentro de tudo sobre este novo certame que deverá disponibilizar muitas vagas.

Pra quem está pensando em realizar um concurso público e tem aguardado novas notícias sobre um concurso da Secretaria Estadual de Educação do Estado de São Paulo, as novidades são boas. É que de acordo com as informações mais recentes, a organização do concurso está em andamento, sendo que sua organização já se encontra na fase em que a empresa organizadora está sendo definida.

A realização deste concurso já recebeu autorização e de acordo com o texto original serão disponibilizadas um total de 372 vagas, todas para a função de supervisor de ensino. Como a organização do concurso ainda se encontra em andamento, ainda não foi feita a publicação do edital de abertura que deve trazer todas as informações. A previsão inicial era de que essa publicação ocorresse no último mês de agosto, contudo, como a banca organizadora ainda não foi contratada, o edital teve que ter sua publicação adiada.

Enquanto a empresa responsável pela organização do certame não é definida, pois isso deve acontecer depois de um processo de licitação, o que demanda um pouco mais de tempo, a recomendação é de que os interessados em prestar o concurso já iniciem seus estudos preparatórios. Afinal, a estimativa é de que o número de inscritos neste certame.

Para se preparar para a realização da prova o interessado pode consultar a resolução SE 50, que teve sua publicação no dia 07 do mês de agosto, conferindo perfil, capacidades técnica e competências, assim como a bibliografia e as leis que serão cobradas no concurso.

Este concurso já é aguardado desde o dia 20 do mês de março, quando recebeu autorização por parte do ex-governador do estado, Geraldo Alckmin.

Uma comissão já foi formada para organizar este concurso, o presidente é Maria Stella Perin que é servidora da SEE, além de mais 7 membros que também são servidores do órgão.

Poderão se inscrever para concorrer a uma das vagas pessoas que possuem licenciatura plena de Pedagogia ou ainda pós-graduação em alguma área da educação. Além disso, é reciso possuir experiênia de no mínimo 8 anos em atividade de magistério, sendo que no mínimo tres anos devem ter sido na área de gestão educacional.

Um profissional que atua no cargo de Gestor de Educação possui uma remuneração no valor de R$ 4.350,59, sendo que o valor básico é R$ 3.356,59, mais uma gratificação no valor de de R$ 994. Neste montante já está incluso o reajuste de 7% que foi concedido por uma lei complementar que foi sancionada no dia 22 do mês de março.

Segundo informações de um último levantamento realizado na SEE-SP, até o dia 30 do mês de dezembro do ano de 2017, contabilizou-se uma defasagem de mais de 450 profissionais. EStes dados reforçam que haverá possibilidade de os aprovados no certame serem nomeados enquanto o concurso estiver dentro do prazo de validade.

O último concurso público realizado pela Secretaria de Educação do Estado de São Paulo aconteceu no ano de 2008. A empresa contratada para organizar o concurso foi o Instituto Cetro. Os candidatos tiveram que realizar provas objetivas sobre conteúdos de conhecimentos gerais e específicos do cargo. Além disso, houve análise de títulos.

Nesse sentido, se você possui interesse em realizar este concurso, esteja atento à publicação do edital que deve acontecer assim que a banca for definida. Por isso, já comece a se preparar para as provas.

Ana Paula

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 11 Média: 3.9]

Interessados poderão se inscrever até o dia 13 de novembro de 2018.

Foi divulgado o edital do concurso do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), com 34 vagas. Foram publicados 4 documentos com oportunidades para nível superior e remunerações que podem chegar a até R$ 8.723,57, dependendo da função. Que tal intensificar os estudos pro TJ-SP?

Vagas do concurso TJ-SP

O concurso TJ-SP conta com 20 vagas para o cargo de contador, em que para concorrer é necessário ter formação na área e também registro no conselho. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais e a remuneração inicial na função corresponde a R$ 7.027,51.

Também tem 5 vagas para a função de administrador judiciário, em que é necessário ter formação em administração de empresa e registro no conselho. A jornada de trabalho é 40 horas e a remuneração inicial é de R$ 6.432,43.

Outra oportunidade do concurso TJ-SP é para a função de enfermeiro judiciário com 7 vagas e para concorrer é necessário ter superior específico. A remuneração inicial é de R$ 8.100,44 e a jornada de trabalho é de 30 horas semanais.

O certame também oferece duas vagas para médico, em que também é exigido registro no conselho. Com carga horária de 30 horas semanais, a remuneração inicial corresponde a R$ 8.723,57.

Inscrições do concurso TJ-SP

A banca responsável pelo concurso é a Fundação VUNESP e as inscrições para o concurso permanecem abertas apenas até o dia 13 de novembro.

O valor da taxa de inscrição é de R$ 85,00. O valor é o mesmo para todos os cargos do concurso TJSP.

Etapas do concurso TJSP

O concurso TJSP será composto por provas objetivas e análise de títulos. De acordo com o edital do concurso TJ-SP, as provas objetivas serão aplicadas no dia 03 de fevereiro.

Para o cargo de contador, a prova terá 100 questões, sendo 16 de português, 58 de conhecimentos específicos e 26 que abrange conhecimentos gerais.

Em relação ao cargo de administrador, a prova do concurso TJ-SP terá 16 questões de português, 66 de conhecimentos específicos e 18 referente à parte de conhecimento geral.

Os interessados em concorrer para o cargo de enfermeiro farão provas objetivas com 16 questões de português, 58 de conhecimentos específicos e 26 de conhecimentos gerais. Em relação ao cargo de médico, serão cobrados 16 questões de português, 58 de conhecimentos específicos e 26 de conhecimentos gerais.

Confira os editais do concurso TJSP:

Como passar no concurso TJSP?

Com provas marcadas para fevereiro e edital aberto, o interessado deve manter o foco e a constância nos estudos. O primeiro passo é fazer um cronograma para organizar toda a rotina e distribuir as matérias de acordo com o tempo disponível que tem para estudar.

O segredo é estudar de forma concentrada e com vontade de aprender o conteúdo. Desta forma, ao estudar desligue as redes sociais, desconecte o celular e tente estudar em um ambiente tranquilo.

Escolha bem os materiais, pois no mercado existem muitas apostilas e cursos que estão desatualizados. Por isso, compre materiais que sejam específicos para o concurso TJ-SP. Pesquise sobre o produto e peça opinião de outras pessoas.

Durante a sua preparação, faça atividades físicas e mantenha uma alimentação saudável. Isso vai ajudar você a manter a produtividade e também o equilíbrio.

Outra dica é procurar dormir bem para recuperar as energias. O sono é fundamental para o processo de aprendizagem e para manter todo o conteúdo na sua memória.

Então, não perca mais tempo e comece a fazer um cronograma de estudo, separe os materiais, faça exercícios da banca VUNESP e programe revisões.

Aproveite a oportunidade e não se esqueça de compartilhar as dicas nas suas mídias sociais. Que você tenha muito sucesso e bons estudos!

Por Babi

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 6 Média: 2.5]

Concurso recebe inscrições dos interessados até entre os dias 15 de outubro e 13 de novembro de 2018.

Novo certame público de grande vulto está oficialmente aberto neste segundo semestre de 2018. Trata-se da publicação, a partir do dia 8 de outubro, dos editais do novo concurso do TJ-SP de 2018, o qual está abrindo postos de trabalho para os cargos na função de Enfermeiro, de Médico, de Administrador e de Contador. Em sua totalidade, estão sendo abertos 34 postos para todos os cargos mencionados.

A partir desta publicação de edital, o período para cadastro de inscrições destinadas a todos os cargos em questão terá início na segunda-feira, dia 15 do mês de outubro e se estenderá até o dia a 13 do mês de novembro de 2018.

Sobre o valor das remunerações iniciais essenciais destes cargos, as mesmas variam entre R$ 6 mil e R$ 8,5 mil, já acrescidos dos benefícios que pode ser listados a seguir: o vale-transporte; o vale-alimentação e um bom plano de saúde. Todos os interessados poderão conferir as informações com maiores detalhes, em relação a cada cargo, por meio dos editais, cujos links estão disponíveis no site do Estratégia Concursos.

Sobre as vagas abertas para este concurso do TJ-SP de 2018, as informações são as seguintes:

São quatro os editais que foram publicados no próprio Diário Oficial do Estado de São Paulo, em sua edição de 8 de outubro. A banca organizadora, ou seja, a Fundação Vunesp, também publicou os editais. Distribuição das vagas é a seguinte:

Na função de Enfermeiro são 7 vagas; na função de Administrador são 5 vagas; na função de Contador são 20 vagas e na função de Médico são 2 vagas.

Deste modo, é muito importante que todos os interessados respeitem o período de inscrição estabelecido, o qual, como foi mencionado, inicia em 15 de outubro e se estenderá até o dia a 13 de novembro de 2018. Todas as inscrições deverão ser realizadas via internet, por meio do site da própria banca organizadora, a Vunesp. As provas objetivas serão ministradas no dia 03 do mês de fevereiro de 2019.

Com relação ao cargo de Contador Judiciário a exigência básica está na posse de certificado de formação em curso em Ensino Superior na área de Ciências Contábeis. O vencimento inicial desta função está em 7.027,51 reais, com carga horária oficial de 40 horas por semana.

Para o cargo de Administrador Judiciário, todos os interessados deverão possuir diploma de curso em Ensino Superior na área de Administração de Empresas. A remuneração inicial está em 6.432,43 reais, e jornada de trabalho oficial é 40 horas semanais.

Com relação ao cargo de Enfermeiro Judiciário, todos os interessados deverão apresentar certificado de curso em Ensino Superior na área de Enfermagem. O valor da remuneração inicial desta função está em 8.100,44 reais, e a jornada oficial de trabalho é em regime de 30 horas por semana.

Para o cargo de Médico Judiciário, todos os interessados deverão possuir certificado de curso em Ensino Superior na área de Medicina, devidamente registrado por meio do Órgão competente e com Registro no Conselho Regional. O valor da remuneração inicial deste cargo de Médico chega a 8.723,57 reais, dentro de um regime de trabalho de 30 horas por semana.

Sumarizando as informações essenciais, segue a relação:

A data prevista da prova objetiva é para 03 de fevereiro de 2019; são 34 postos abertos; os cargos em oferta são no setor de Enfermeiro, de Médico, de Administrador e de Contador; as vagas serão lotadas no Estado de São Paulo; a banca organizadora será a Vunesp e a escolaridade exigida é de Nível Superior.

Por Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 4 Média: 2.3]

Inscrições para o certame ficam abertas até o dia 12 de novembro.

No dia 1º de outubro, teve o pontapé inicial o concurso público do Conselho Regional de Química da 4ª Região, o CRQ 4. Com a jurisdição no Estado de São Paulo, o certame é destinado para a formação de cadastro reserva para um total de 520 vagas, sendo essas distribuídas tanto nas cidades do litoral e interior, como na capital.

Ficou interessado e quer mais informações? Pois saiba que as inscrições já estão abertas. Mais detalhes poderão ser acompanhados a seguir.

Quais as vagas e pré-requisitos?

Quem tiver formação em nível médio, poderá concorrer a uma das seguintes oportunidades: manutenção predial (20 vagas e salários de R$ 4.419,55), serviços técnico-administrativos em áreas de administração (20 vagas e salários de R$ 4.419,55), teleatendimento (20 vagas e salário de R$ 3.657,60) e, por fim, manutenção predial/hidráulica/alvenaria e de pintura (20 vagas e salários de R$ 4.419,55).

Além da formação em segundo grau, também é necessária a formação técnica para entrar na disputa pelas funções de profissional em suporte técnico. As especialidades são as seguintes: informática (20 vagas), contabilidade (20 vagas), recursos humanos (20 vagas), financeiro (20 vagas) e compras (20 vagas). Para essas ofertas, o salário é de R$ 5.129,13.

Ainda, há atividades para profissionais que possuam como requisito o curso superior. Esses poderão concorrer em atividades estratégicas nas funções de: bibliotecário (20 vagas e salário de R$ 7.097,15), fiscal (240 vagas e salário de R$ 10.117,45), analista de sistemas-programação (20 vagas e salário de R$ 7.097,15), advogado (20 vagas e salário de R$ 7.097,15), analista de sistemas – rede (20 vagas e salário de R$ 7.097,15) e, por fim, jornalista (20 vagas e salário de R$ 7.097,15).

Entre os vencimentos que foram anunciados, já estão inclusos os valores que são referentes aos benefícios de alimentação e vale-refeição. Além disso, aqueles que forem chamados terão também convênio com dentista e médico, plano de cargos e de salários e vale-transporte.

Todas as vagas oferecidas são para a atuação na capital, com exceção da oportunidade de fiscal, carreira essa que também será destinada para as cidades de: Sorocaba, São José dos Campos, São José do Rio Preto, Santos, Ribeirão Preto, Presidente Prudente, Piracicaba, Campinas, Bauru, Araraquara e Araçatuba.

Como faço para me inscrever?

Com as inscrições abertas, é possível se inscrever pelo site da organizadora do certame, o Instituto Quadrix. O endereço eletrônico é o http://www.quadrix.org.br. O prazo final para participar é o dia 12 de novembro, às 23h59.

Vale lembrar que, para efetivar a participação, é necessário realizar o pagamento de uma taxa simbólica. Essas variam conforme o cargo pretendido, sendo de R$ 75 para vagas em nível superior, R$ 65 para cursos técnicos e R$ 60 para quem tiver ensino médio completo.

Sobre o processo de seleção da CRQ 4

Serão aplicadas aos candidatos as provas objetivas e discursivas. A previsão é de que essa ocorra em 9 de dezembro.

A primeira terá um total de 120 questões, baseadas no conceito de “certo” ou de “errado”. Já a segunda irá cobrar do participante uma elaboração bem feita de um texto sobre conteúdo específico, precisando esse ter de 15 a 30 linhas.

A duração para a realização da prova é de quatro horas, sendo que os exames irão ocorrer em São Paulo, São José do Rio Preto, Ribeirão Preto, Presidente Prudente, Bauru, Araraquara e Araçatuba.

Para os cargos de jornalista e de fiscal, o processo de seleção será finalizado ainda com um teste prático. Essa prova está prevista para ocorrer no dia 16 e/ou 17 do mês de fevereiro de 2019, na capital do Estado.

A validade total do concurso da CRQ 4 é de dois anos, contando essa da data da publicação de homologação referente ao resultado final. Esse prazo pode ser prorrogado por uma vez, ficando a critério do próprio conselho, conforme é previsto no edital, que pode ser acessado no mesmo site destinado às inscrições.

Por Kellen Kunz

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 3 Média: 3.7]

Certame oferta 520 vagas de emprego para cargos que exigem Nível Médio e Superior de escolaridade.

As pessoas que estão mais familiarizadas com o mundo dos concursos públicos sabem que para ter sucesso em um certame, é necessário um bom tempo de estudo e dedicação. Uma vez, que as provas estão vindas cada vez mais elaboradas para justamente selecionar os melhores candidatos que podem ser chamados de forma imediata ou então ficar entre os primeiros colocados para serem convocados no futuro. E se você tem o desejo de se inscrever em um certame saiba que o Conselho Regional de Química da 4ª Região, o CRQ 4, do Estado de São Paulo, abriu uma nova convocatória para selecionar futuros servidores. Para saber de mais informações confira o texto abaixo.

Concurso do Conselho Regional de Química da 4ª Região conta com novidades para a contratação de funcionários para 2019

Quando uma instituição resolve realizar um processo seletivo é mais comum que a entidade realize um concurso para a contratação imediata e também use o edital como base para a formação de um cadastro reserva. Mas, também pode acontecer das organizações promoverem seletivas para compor um banco de dados para admissões futuras. É justamente nesse segundo panorama que se encaixa o novo concurso do Conselho Regional de Química da 4ª Região de São Paulo.

De acordo com as informações dispostas no edital, o CRQ 4 abriu 520 novas vagas para profissionais de formação a nível médio e superior. E essas oportunidades estão espalhadas por diferentes regiões de São Paulo. Veja agora a lista de todas as vagas que estão sendo oferecidas por meio deste certame:

– Nível Superior:

20 vagas para jornalista.

20 vagas para advogado.

20 vagas para analista de sistemas (rede).

20 vagas para analista de sistemas (programação).

20 vagas para bibliotecário.

240 vagas para fiscal.

Para as pessoas que possuem graduação, os salários variam entre R$ 5.648,72 a R$ 8.669,02.

– Nível Médio com habilitação técnica para os seguintes setores:

20 vagas para informática.

20 vagas para contabilidade.

20 vagas para recursos humanos.

20 vagas para financeiro.

20 vagas para compras.

Para todos os cargos apresentados nessa categoria, os vencimentos são de R$ 3.680,70.

– Nível médio para as seguintes áreas:

20 vagas para teleatendimento. Carga horária: 30 horas por semana.

20 vagas para manutenção predial/ alvenaria/hidráulica e pintura.

20 vagas para manutenção predial.

20 vagas para administrativo.

Para este último grupo, a remuneração pode variar entre R$ 2.430,93 a R$ 2.971,12. E para todos os cargos, independente, do nível de escolaridade a carga horária é de 40 horas semanais. As vagas vão ser divididas para as seguintes localidades: São José do Rio Preto, São Paulo (capital), Araraquara, São José dos Campos, Santos, Ribeirão Preto, Presidente Prudente, Campinas, Piracicaba, Bauru e Araçatuba.

Como em outros certames neste se tem oportunidades destinadas para atender cotas sociais, para conferir o número de cotas, o valor exato da remuneração para cada função e também a cidade para cargo acesse o edital foi disponibilizado em: http://www.quadrix.org.br/todos-os-concursos/proximos-concursos/crq4/publicacoes/edital-de-abertura.aspx. Essas informações estão na página 1 em “1 DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES”.

As duas avaliações que vão ser disponibilizadas para todos os inscritos e os testes especiais para vagas específicas

Segundo o que consta no documento oficial, na data de 09 de dezembro de 2018 todos os inscritos vão realizar uma avaliação de múltipla escolha contendo 120 perguntas: 30 questões de conhecimentos complementares, 40 de conhecimentos básico e 50 de conhecimentos específicos. No mesmo dia eles ainda vão realizar a escrita de uma redação. Não sei foi informado o valor de questões para esta última avaliação. Esses dois testes vão ter caráter classificatório e eliminatório.

Já as provas específicas vão ser aplicadas para quem deseja concorrer a uma vaga na função de jornalista e fiscal. Será uma avaliação prática que vai ocorrer em 16 ou 17 de fevereiro de 2019. Mais uma vez não foram informadas quantas perguntas estarão presentes neste teste específico. E para conferir o conteúdo que vão ser cobrados na prova de múltipla escolha acesse mais uma vez o edital. Esses dados estão disponibilizados a partir da página 22 no “ANEXO I – CONTEÚDO PROGRAMÁTICO”. Os resultados definitivos devem ser divulgados a partir de janeiro de 2019, logicamente obedecendo à ordem que as provas vão sendo realizadas.

Inscrições para o concurso do Conselho Regional de Química da 4ª Região

As inscrições já foram iniciadas e devem ser efetuadas até 12 de novembro, ou seja, os interessados têm um bom tempo. E para confirmar a participação, os candidatos devem acessar: http://www.quadrix.org.br/default.aspx. As taxas são diferentes para cada um dos grupos. Com isso, são: R$ 75 (nível superior), R$ 65 (médio / técnico) e R$ 60 (ensino médio).

Boa sorte!

Por Isabela Castro

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 6 Média: 2.3]

Concurso do CORE SP 2018 oferta 147 vagas de emprego em diversos cargos.

Estão abertas as inscrições para o concurso do Conselho Regional dos Representantes Comerciais do Estado de São Paulo (CORE-SP), que vai oferecer 147 vagas. Que tal aproveitar a oportunidade e intensificar os seus estudos?

Concurso CORE-SP: inscrições

As inscrições para o concurso CORE-SP começam no dia 03 de setembro e o prazo fica aberto somente até o dia 15 de outubro. O certame oferece oportunidades para todos os níveis de escolaridade.

O valor da taxa de inscrição é de R$ 9,00 para nível fundamental, R$ 9,10 para médio e R$ 9,20 para superior. A banca responsável pelo concurso é a INAZ do Pará.

As inscrições para o concurso podem ser feitas por meio do link: http://paconcursos.com.br/v1/?product=core-sp-3#1457970378853-def2caed-a2c2.

Oportunidades do Concurso Core-SP

O concurso tem 147 vagas, sendo 33 para provimento imediato e o restante para formação de cadastro reserva. Para nível fundamental, o certame tem 1 vaga e 4 vagas de cadastro reserva para copeiro, remuneração de R$ 1.429,09, e Office Boy com 1 vaga e 4 vagas cadastro reserva, sendo a remuneração inicial também de R$1.429,09.

Os candidatos com nível médio poderão concorrer aos cargos:

– assistente administrativo – 19 vagas e 62 vagas de cadastro reserva. Remuneração: R$ 2.828,49

– Operador de teleatendimento – 2 vagas e 7 vagas para cadastro reserva. Remuneração: 2.571,36

– Telefonista – 2 vagas e 7 de cadastro reserva. Remuneração: R$ 2.571,36

– Motorista – 1 vaga e 4 de cadastro reserva. Remuneração: 2.828,49

– Fiscal – 2 vagas e 7 de cadastro reserva- Remuneração: R$ 2.828,49

– Técnico de TI – 1 vaga e 4 de cadastro reserva-. Remuneração: R$ 3.483,03

Para nível superior, o concurso CORE-SP tem oportunidades para:

– assistente jurídico – 2 vagas e 7 vagas de cadastro reserva-. Remuneração: R$ 5.382,85

– Contador – 1 vaga e 4 vagas para cadastro rserva-. Remuneração: R$ 5.382,85

– Analista de TI – 1 vaga e 4 para cadastro reserva -. Remuneração: R$ 5.382,85.

Etapas do concurso CORE-SP

As provas do certame estão previstas para serem aplicadas no dia 20 de janeiro em São Paulo. Todos os cargos terão provas objetivas e para analista, contador e também assistente jurídico também terá provas discursivas.

Além disso, para cargos de nível superior também terá avaliação de títulos. De acordo com o edital, o conteúdo programático dos cargos inclui conhecimentos de português, raciocínio lógico, informática, além de conhecimentos gerais e específicos, que variam de acordo com o cargo.

Dicas de estudo para o concurso CORE-SP

Com prova prevista para janeiro, manter o foco é muito importante nesta reta final. O primeiro passo é você organizar a sua rotina de acordo com o tempo disponível para estudo que possui.

Se você precisa conciliar os estudos com o trabalho, organização é essencial para o sucesso. Cuidado para ao fazer um planejamento, para que ele não seja muito diferente da sua rotina e que você consiga cumpri-lo de forma efetiva.

Distribua as disciplinas do seu cargo e priorize as que tenham um maior peso, ou seja, uma pontuação maior.

Organize os seus estudos e faça planilhas para acompanhar o seu desenvolvimento. Tente mensurar o seu desempenho nos exercícios, para conhecer os seus pontos fortes e fracos.

Faça simulados para testar os seus conhecimentos.

No fim de semana, separe tempo para relaxar e ficar com a família. Lembre-se de que descansar a mente é fundamental para o seu sucesso nas provas. Renovar as energias é imprescindível.

Não abra mão de ter uma alimentação saudável e procure fazer atividades físicas para relaxar. Aproveite para caminhar, correr ou investir em qualquer modalidade que goste.

Compre materiais específicos e que sejam elaborados de acordo com o edital do concurso CORE-SP.

Que tal aproveitar a chance? Compartilhe a notícia nas suas mídias sociais e que você tenha muito sucesso nos concursos.

Bons estudos!

Por Babi

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 7 Média: 4.3]

Seleção oferta 275 vagas. Inscrições poderão ser feitas até o dia 10 de outubro de 2018.

O Conselho Regional de Psicologia de São Paulo (CRP SP) disponibilizou recentemente o edital de abertura de seu novo concurso público, cujo intuito é selecionar 275 profissionais para preencher as vagas existentes. Do total, sete são para início imediato e as 268 restastes para criação de cadastro reserva. As oportunidades são para nível superior.

Vagas e Cargos

As vagas ofertadas são paras os cargos de Analista Superior (uma vaga para início imediato e 24 para cadastro reserva, sendo 17 ampla concorrência, duas para candidatos com deficiência e cinco para candidatos negros) e Analista Técnico (6 vagas imediatas e 246 cadastro reserva, das quais 180 são para ampla concorrência, 49 para candidatos negros e 15 para portadores de deficiência).

Os candidatos aprovados no concurso CRP SP exercerão suas funções na sede e nas subsedes do Conselho Regional de Psicologia de São Paulo, localizadas em Campinas, Ribeirão Preto, Bauru, Região do Vale do Paraíba, Mogi das Cruzes, São Paulo, São José do Rio Preto, Assis, Sorocaba, Santos e Região do Grande ABC.

Os profissionais selecionados exercerão jornada trabalhista de 40 horas semanais e receberão salário base de R$ 6.197,58, mais benefícios de vale refeição no valor de R$ 990,00 (R$ 45,00 por dia, considerando 22 dias trabalhados) e vale alimentação de R$ 488,00 mensais, totalizando a remuneração de R$ 7.675,58. Também terão direito a plano odontológico e médico, plano de carreira e vale transporte.

Inscrições

As inscrições tiveram início no dia 4 de setembro e os interessados poderão se inscrever até às 23:59h do dia 10 de outubro de 2018. Para se inscrever o candidato deverá acessar o site do Instituto Quadrix: http://www.quadrix.org.br e preencher os formulários necessários. A inscrição será confirmada somente após o pagamento da taxa de R$ 75,00. Esse valor deve ser pago por meio de boleto bancário até o dia 11 de outubro de 2018.

Os candidatos poderão acompanhar a inscrição ou alterar dados como telefone e e-mail no site da Quadrix. Antes de se inscrever e pagar a taxa, é necessários ler o edital atentamente, pois após a confirmação do pagamento, o valor não será devolvido em hipótese alguma.

Requisitos

Segundo o edital, os candidatos devem obedecer a alguns requisitos para assinar o contrato com a empresa, entre eles:

Ser aprovado em todas as partes do certame, obedecendo ao número de vagas disponíveis; possuir 18 anos ou mais no momento da contratação; ser brasileiro nato ou naturalizado; estar com os dados em dia no serviço militar (no caso dos homens) e com as obrigações eleitorais; apresentar todos os documentos oficiais que comprovem a escolaridade necessária para a posse e exercício da função escolhida, bem como qualquer outro documento exigido pela comissão organizadora; não estar ativo em outro cargo público, exceto os que possibilitam acumulação; possuir condições mentais e físicas de cumprir todas as atividades necessárias à função; não ter sido penalizado na realização de outras funções públicas.

Seleção

Os candidatos passarão por três etapas neste concurso, sendo elas: prova de múltipla escolha, eliminatória e classificatória; prova escrita, também eliminatória e classificatória; e avaliação de experiência e de títulos, somente classificatória. Aqueles que forem selecionados nas etapas descritas anteriormente também serão submetidos a exames médicos e admissionais, procedimentos de caráter eliminatório. De acordo com o edital, as fases acontecerão nas cidades de São José do Rio Preto, Assis, São Paulo, Bauru e Ribeirão Preto, todas localizadas no estado de São Paulo.

A prova objetiva será composta de 120 questões envolvendo Conhecimentos Básicos (40 questões), Conhecimentos Específicos (60 questões) e Conhecimentos Complementares (20 questões). As provas objetivas e discursivas estão previstas para acontecer no dia 25 de novembro, no horário vespertino com duração de quatro horas.

Todas as informações oficiais como documentações, cronogramas, prazos e recursos estão disponíveis no site do Instituto Quadrix.

Fabio Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 5]

Seleção deverá ofertar 167 vagas para Oficial Administrativo.

A previsão é para Setembro de 2018, para a disponibilização do edital da SEE-SP (Secretaria Estadual da Educação). Por enquanto, todo o processo está seguindo seus ritos normais, tanto que o atual governador do estado (Márcio França) já havia anunciado no último dia 3 de Julho a previsão para lançamento do edital.

Em 31 de Julho foi publicada no Diário Oficial a autorização para publicação do certame, também já foi escolhida a comissão especial para o concurso com os seguintes participantes: Viviane Lima, Camila de Azevedo, Lígia Costa (responsável pela presidência da comissão), Nélio Pires e também Leda de Paiva.

A previsão é a disponibilização de 167 vagas, todas para o cargo de Oficial Administrativo, este montante é necessário em vista da quantidade de funcionários aposentados, exonerados e falecidos após o meio do ano de 2017.

Exigências para o edital anterior

Qualquer candidato com o ensino médio finalizado em qualquer instituição com reconhecimento pelo MEC (Ministério da Educação) pode participar.

Estimativas das Remunerações do Cargo

Inicialmente todos os ocupantes dos cargos terão como estimativa as remunerações de R$ 1.339,29 correspondendo a 50% do aproveitamento do PDI (Prêmio de Desempenho Individual) ou R$ 1.535,94 correspondendo ao PDI (Prêmio de Desempenho Individual) com 100% de aproveitamento.

Como foi o último concurso

Realizado em 2011, o concurso contemplava mais de 1.200 oportunidades (cerca de 1.203) houve disponibilização de vagas para diversas cidades do interior do estado (representadas pelas unidades regionais) e também para a capital, foram mais de 70 munícipios contemplados, dentre as cidades selecionadas, destacamos:

  • São Paulo
  • Campinas
  • Apiaí
  • Guaratinguetá
  • Itararé
  • Mauá
  • Itaquaquecetuba
  • São Vicente
  • Registro
  • Bragança Paulista
  • Jaú
  • Pirassununga
  • Jacareí
  • Itapecerica da Serra
  • São Joaquim da Barra
  • São Carlos
  • Pindamonhangaba
  • Andradina
  • Osasco
  • Sorocaba
  • Guarulhos
  • Diadema
  • Santo André,
  • Catanduva
  • Presidente Prudente
  • São Bernardo do Campo
  • Caieiras
  • Ourinhos
  • Araçatuba
  • Taubaté
  • Jaboticabal
  • Mogi das Cruzes
  • Guarulhos
  • São Roque
  • Araraquara
  • Suzano
  • Santos
  • Sumaré

Toda a organização do concurso foi feita pela Fundação Vunesp. Os candidatos foram submetidos a uma prova de 80 questões em caráter objetivo, sempre com cinco alternativas para escolha de uma correta para cada questão, os conteúdos e áreas ministradas na prova foram:

  • Área da Matemática;
  • Área da Língua Portuguesa;
  • Conhecimentos Específicos a área;
  • Área da Informática;

Um pouco mais sobre o SEE

Representando ao maior rede para ensino em todo o Brasil, a Secretaria da Educação do Estado de São Paulo conta hoje com mais de 5 mil escolas, mais de 230 mil professores em seu corpo docente e cerca de 59 mil servidores estaduais. Todo este contingente atende mais de 4 milhões de estudantes em várias etapas do Ensino Básico.

O SEE é localizado no centro da cidade de São Paulo, na Casa Caetano de Campos, desde 1979 a construção é tombada como patrimônio cultural do estado e do munícipio de São Paulo, pelos seus órgãos oficiais, o CONDEPHAAT (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico Artístico Arqueológico e Turístico do Estado de São Paulo) e também o CONPRESP (Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo).

Hoje o SEE conta com mais de seis coordenadorias e três órgãos vinculados a sua estrutura organizacional, realizando importante papel na educação de todo estado de São Paulo.

Existe previsão de novos concursos para o SEE-SP

Além deste importante edital em vias de ser finalizado, o Governador de São Paulo também confirmou um novo certame para o cargo de supervisor de ensino, aonde podem ser oferecidas cerca de 372 vagas.

Ainda existe a previsão de abertura de mais de 15 mil oportunidades para professores ministrarem aulas na Educação Básica da rede estadual, seguindo o próprio governo do estado.

Autor: Carlos B.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 4 Média: 2.3]

Concurso do Conselho Regional de Psicologia do Estado de São Paulo 2018 oferta 275 vagas de emprego.

Nesta terça-feira, dia 04 de setembro de 2018, o Conselho Regional de Psicologia do Estado de São Paulo (CRP-SP) abriu uma nova seleção pública para o provimento de um número total de 275 vagas. As oportunidades oferecidas no edital são destinadas á profissionais formados no curso de Psicologia, e os cargos são para psicólogo analista técnico e profissional analista superior. A bancada organizadora do concurso será o Instituto Quadrix.

Dessas 275 vagas, apenas 7 serão para contratação imediata (6 destinadas para ampla concorrência e 1 destinada para candidatos negros), e os restantes 268 serão destinados para cadastro reserva (ampla concorrência e para candidatos deficientes e pessoas que se declararem afrodescendentes), para uma futura formação de equipe, de acordo com a necessidade do órgão.

Os postos de trabalho são para a Região do Vale do Paraíba e das cidades de São Paulo, Ribeirão Preto, Campinas, Mogi das Cruzes, Bauru, Sorocaba, São José do Rio Preto, Grande ABC Paulista, Assis e Santos.

Para participar do processo seletivo, os candidatos interessados deverão possuir ensino superior completo no curso de psicologia com diploma devidamente certificado e reconhecido pelo MEC (Ministério da Educação) e com assinatura da universidade, idade mínima de 18 anos completos até a data de inscrição, e registro ativo no Conselho Regional de Psicologia do Estado de São Paulo (CRP-SP).

A remuneração base de uma carreira no CRP-SP está em torno de R$ 6.197,58 mensais para uma jornada de 40 horas semanais, com acréscimos de benefícios também mensais, tais como vale-transporte, vale-alimentação ou cesta básica no valor de R$ 488,00, vale-refeição no valor total de R$ 990,00 nos dias trabalhados, além de convênio odontológico, convênio médico, planos de carreira, plano de cargos no órgão, todos eles previstos por lei.

O processo de inscrição se iniciou hoje, às 10h do dia 04 de setembro e se estenderá até às 23h59 do dia 10 de outubro de 2018, e pode ser realizado no site oficial da organizadora, através do seguinte endereço eletrônico: http://www.quadrix.org.br. O valor da taxa de inscrição a ser cobrado é de R$ 75,00.

O processo seletivo do CRP-SP será composto por avaliação objetiva, sendo ela de caráter classificatório e eliminatório, avaliação dissertativa, de caráter classificatório e eliminatório também, avaliação de experiências profissionais e títulos, de caráter classificatório e eliminatório; para todos os cargos.

As avaliações objetivas serão aplicadas no dia 25 de novembro nas seguintes regiões: São Paulo/SP, Assis/SP, São José do Rio Preto/SP, Bauru/SP e Ribeirão Preto/SP. Lembrando que os candidatos terão a opção de escolher a região que quer realizar a prova no ato da inscrição. Os horários e locais para a realização das avaliações ainda serão divulgados até o dia 20 de novembro, cinco dias antes da data da realização da prova.

No dia da realização da prova, o candidato deverá comparecer com no mínimo 01 hora de antecedência do horário fixado para o início, portando apenas um documento com foto, comprovante do pagamento da inscrição, caneta esferográfica preta ou azul, lápis e borracha. Não será permitido celulares, tablets e outros objetos que possam atrapalhar a concentração da prova.

De acordo com o edital, o gabarito preliminar da prova será publicado 1 dia depois da realização da prova, no dia 26 de novembro. Já o gabarito oficial definitivo estará disponível apenas no dia 12 de dezembro, juntamente com todos os resultados dos candidatos.

O concurso público será válido por um período de dois anos consecutivos, a contar da data que a homologação do resultado for publicada no Diário Oficial da União, podendo ela ser prorrogada apenas uma única vez, e pelo mesmo período, ou seja, por mais dois anos consecutivos.

Por Daniela Almeida da Silva

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 3 Média: 1.7]

Seleção oferta 147 vagas. Inscrições devem ser feitas até o dia 15 de outubro de 2018.

Com um total de 147 vagas, já contando com 33 postos para preenchimento imediato e um restante de 114 vagas para Formação de Cadastro de Reserva, o Conselho Regional dos Representantes Comerciais do Estado de São Paulo, ou simplesmente Core-SP, divulgou recentemente (no último dia 31 de Agosto) seu edital para todos seus interessados.

Cargos, Salários e Pré-requisitos

Os interessados podem participar do preenchimento das vagas com a exigência de três níveis de escolarização:

Candidatos que possuem somente o ensino Nível Fundamental:

  • Cargo de Copeiro, com salários iniciais de R$ 1.429,09 (sendo uma vaga para início imediato e quatro para formação de cadastro de reserva).
  • Cargo de Office boy, com salários iniciais de R$ 1.429,00 (sendo uma vaga para início imediato e quatro para formação de cadastro de reserva).

Candidatos que possuem o Ensino Médio:

  • Cargo de Assistente Administrativo, com salários iniciais de R$ 2.828,49 (sendo dezenove vagas para início imediato e sessenta e dois para cadastro de reserva).
  • Cargo de Operador de Teleatendimento, com salários iniciais de R$ 2.571,36 (sendo duas vagas para início imediato e sete para cadastro de reserva).
  • Cargo de Telefonista, com salários iniciais de R$ 2.571,36 (sendo duas vagas para início imediato e sete para cadastro de reserva).
  • Cargo de Motorista, com salários iniciais de R$ 2.828,40 (sendo uma vaga para início imediato e quatro para cadastro de reserva).
  • Cargo de Fiscal, com salários iniciais de R$ 2.828,40 (sendo duas vagas para início imediato e sete para cadastro de reserva).
  • Cargo de Técnico de T.I, com salários iniciais de R$ 3.438,03 (sendo uma vaga para início imediato e quatro para cadastro de reserva).

Candidatos que possuem o Ensino Superior:

  • Cargo de Assistente Jurídico, com salários iniciais de R$ 5.382,85 (sendo duas vagas para início imediato e sete para cadastro de reserva).
  • Cargo de Contador, com salários iniciais de R$ 5.382,85 (sendo uma vaga para início imediato e quatro para cadastro de reserva).
  • Cargo de Analista de T.I, com salários iniciais de R$ 5.382,85 (sendo uma vaga para início imediato e quatro para cadastro de reserva).

O local de trabalho será na cidade de São Paulo, com exceção dos cargos de Assistente Administrativo, cujas vagas também podem ser preenchidas nas cidades de Campinas, Ribeirão Preto, Presidente Prudente, Araraquara, Santos, Sorocaba e Bauru.

Como se Inscrever

As inscrições podem ser realizadas do dia 3 de Setembro até o dia 15 de Outubro deste ano (2018), todo o processo de cadastro é online e feito pela empresa Inaz do Pará, através do website: http://paconcursos.com.br.

Os candidatos que optarem por cargos que exigem o ensino fundamental irão pagar R$ 9,00 de taxa de inscrição, já aqueles que preferirem os cargos com a exigência mínima do ensino médio pagam R$ 9,10, por fim os candidatos a cargos com exigência de ensino superior irão desembolsar R$ 9,20 de custas.

As Etapas e Provas

As provas serão realizadas na Cidade de São Paulo, com data prevista para sua realização no dia 20 de Janeiro de 2019. Os candidatos irão se submeter a provas objetivas, havendo provas discursas para os cargos de Analista, Assistente Jurídico e também Contador.

As provas terão como conteúdo programático principal áreas e temas da língua portuguesa, lógica em seu raciocínio, noções de informática, além de conhecimentos gerais e também específicos dependendo do cargo a ser disputado pelo candidato.

Ainda para os cargos cuja exigência é o ensino superior, o Core SP fará uma avaliação de títulos como etapa classificatória do processo, sendo que toda a documentação deve ser enviada impreterivelmente até o dia 4 e 5 de Abril de 2019.

O Edital também estipula dois anos de validade para este concurso, com a possibilidade de prorrogar para mais dois anos caso seja necessário.

Boa sorte a todos!

Autor: Carlos B.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 7 Média: 3]

Edital do certame deverá ser divulgado até o início do próximo ano.

Quem busca por novas oportunidades de trabalho já deve ter percebido que não está nada fácil conseguir uma vaga. Afinal, o mercado de trabalho, diante da grande oferta de mão de obra, se apresenta a cada dia mais competitivo e exigente. Dessa forma, muitos brasileiros passaram a ver os concursos públicos e processos seletivos como novas alternativas para se recolocarem no mercado ou conseguirem seu primeiro trabalho. Diante disso, quem reside no estado de São Paulo e gostaria de prestar um concurso público para assim obter estabilidade e segurança finaceira, acaba de surgir uma excelente oportunidade.Trata-se do novo concurso público do Detran, que em breve estará com seu edital de abertura publicado. Continue lendo este artigo e saiba de todas as informações.

É isso mesmo, o Detran, que é o Departamento Estadual de Trânsito do estado de São Paulo, anunciou recentemente que irá realizar um novo concurso público. Os preparativos já foram iniciados e a previsão é de que o próximo passo seja a contratação da empresa que ficará responsável pela organização e execução do concurso. A contratação deve ser realizada nos próximos dias.

O prazo para a publicação do edital de abertura com o prazo de início das inscrições é até o mês de janeiro de 2019.

O concurso recebeu autorização de realização no dia 25 do mês de maio, quando o governador do estado, o Sr. Márcio França, fez oficialmente o anúncio. De acordo com o que foi anunciado pelo governador, haverá a oferta de um total de 575 oportunidades, sendo que desse total 375 são para a função de Oficial Estadual de Trânsito de nível I e as 200 restantes são para a função de Agente Estadual de Trânsito de Nível I.

Assim que a realização do concurso foi anunciada, uma comissão responsável pela organização do concurso foi formada, sendo ela composta por Izadora Normando Simões, Oscar Sanchez, Jorge A. Couto Santos, Wellington C. Barbosa, Luiz Carlos Krzyzanovski Silva. Estes são os membros titulares. Já os suplentes são Luiz Gustavo P. Andrade, Carine de Amorim Calvo, Solange Amorim Rosa, Assme Abrão e José Iberê Junior.

Os interessados que desejam entrar para a concorrência de uma vaga na função de Oficial Estadual de Trânsito deve possuir formação completa de nível médio ou de curso técnico. Contudo, é necessário que a formação tenha ocorrido em instituição que possua o reconhecimento do Ministério da Educação e Cultura, o MEC. Um profissional que atua nesta função possui uma remuneração inicial no valor de R$ 1.863.

Já os interessados em realizar o concurso, que possuam formação de nível superior e Carteira Nacional de Habilitação de categoria "B", poderão entrar para a concorrência das vagas na função de agente estadual de trânsito, de modo que serão aceitas várias formações. Um profissional que atua neste cargo possui uma remuneração inicial no valor de R$ 4.657,50.

O último concurso público realizado pelo Detran aconteceu no ano de 2013. Na ocasião o edital disponibilizava um total de 1.200 oportunidades que eram distribuídas de forma igual entre os as funções de agente e oficial estadual de trânsito.

Na época a empresa contratada para organizar e executar o certame foi a Fundação Vunesp e houve disponibilidade de vagas para a região metropolitana, capital e para as regiões de Araçatuba, Barretos, Taubaté, Araraquara, Bauru, Botucatu, Fernandópolis, Campinas, Franca, Marília, Itapeva, Mogi Guaçu, Registo , Presidente Prudente, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, Santos e Sorocaba.

Os inscritos na seleção de 2013 tiveram que realizar provas objetivas de múltipla escolha.

Nesse sentido, se você busca por uma oportunidade de realizar um concurso e conseguir um novo trabalho, fique atento a novas informações pois no máximo até o mês de janeiro o edital deve ser publicado. Prepare-se.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 14 Média: 3.1]

Certame oferta 2,7 mil vagas para a carreira de Soldado da PM 2ª Classe QPPM.

Respondendo ás expectativas do público, a Polícia Militar de São Paulo (PM SP) abre um edital de concurso público para o provimento de um número total de 2.700 vagas. De acordo com o certame publicado, o concurso vem para somar 5.400 policiais militares em todo o Estado de São Paulo. A bancada organizadora do concurso é a Vunesp.

Todas as oportunidades mencionadas serão voltadas para a carreira de Soldado da PM 2ª Classe QPPM, ou seja, 2ª Classe do Quadro de Praças da Polícia Militar. As vagas são abertas para candidatos de ambos os sexos, desde que cumpram alguns requisitos básicos como idade entre 17 e 30 anos, certificado de conclusão do ensino médio em mãos, CNH na categoria "B" e altura mínima de 1,60m para candidatos homens e 1,55m para candidatas mulheres.

Atualmente, um soldado da PM recebe a remuneração de R$ 3.143,70 mensais em São Paulo, e este valor já é incluído adicionais de Regime Especial de Trabalho Policial (RETP), insalubridade e o piso salarial básico da categoria.

As etapas do concurso público a serem realizadas incluem prova com questões de múltipla escolha, avaliação dissertativa, teste de aptidão física (TAF), exame psicológico, exames médicos, análises documentais e investigação social. Lembrando que cada uma das etapas são de caráter eliminatório.

As provas objetivas e dissertativas serão realizadas no dia 21 de outubro de 2018, de acordo com a localização escolhida por cada candidato no ato da inscrição. O local e os horários para a realização das provas serão disponibilizados pela Vunesp no decorrer dos dias 10 e 12 de outubro, nesse caso, é necessário que os candidatos fiquem atentos à plataforma de inscrição para não perderem o período das provas.

A avaliação objetiva terá 60 questões de múltipla escolha, distribuídas entre matérias de língua portuguesa, noções de administração pública, matemática, noções de informática, conhecimentos gerais, atualidades, etc. A Vunesp considera como aprovado, candidatos com 50% de acertos em toda a prova. No mesmo dia, os candidatos ainda farão uma avaliação dissertativa, que será uma redação.

Quem se interessar em participar do concurso público da PM SP poderá se inscrever até o dia 10 de setembro de 2018 através do site da Vunesp, pelo link: https://www.vunesp.com.br/PMES1803. O valor da taxa de inscrição é de R$ 50.

Na inscrição, o candidato poderá optar entre diversos locais para realizar as provas, como São Paulo, Campinas, Sorocaba, Presidente Prudente, Araçatuba, São José do Rio Preto, Bauru, Piracicaba, Santos, entre outras.

Além deste concurso, foi publicado também recentemente um certame disponibilizando 270 vagas para o cargo de aluno oficial da Polícia Militar de São Paulo, na Academia do Barro Branco. O concurso foi aberto na última segunda-feira, dia 27 de agosto de 2018, e será voltado para candidatos com idade entre 17 e 30 anos, com ensino médio completo e alturas mínimas de 1,60m para candidatos homens e 1,55m para candidatas mulheres.

Os candidatos aprovados nas etapas do concurso serão convocados para um curso de três anos na academia de Barro Branco, com salário inicial de R$ 3.095,88 mensais, podendo ter reajustes de até R$ 3.690,23 durante os anos letivos.

As inscrições vão até ás 23h59 do dia 24 de setembro de 2018 no site da Vunesp, banca que também organizará este concurso, pelo link: https://www.vunesp.com.br/PMES1804. O valor da taxa de inscrição é de R$ 130.

O processo de inscrição é o mesmo do concurso da PM 2ª Classe QPPM, bem como também as etapas do processo seletivo.

O aluno oficial da PM é encarregado de lidar com todo o processo administrativo do órgão, além de atividades de gerenciamento de processos, resolução de problemas jurídicos e de ordem pública, entre outros serviços pertinentes.

Por Daniela Almeida da Silva

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 27 Média: 3.1]

Concurso do Ministério Público do Estado de São Paulo de 2018 terá o Edital liberado em breve e passará a contar com mais vagas para o cargo de Auxiliar de Promotoria I.

Neste segundo semestre de 2018, junto aos novos processos seletivos em andamento e aos que estão próximo da oficialização, houve atualização sobre alguns detalhes de um importante certame. Trata-se do novo edital do processo seletivo para vagas no Ministério Público do Estado de São Paulo, o Concurso Público do MP-SP de 2018. Recentemente, o mesmo certame foi atualizado no sentido de que a distribuição de cargos no setor de Auxiliar de Promotoria I, que recebeu autorização inicial de 28 vagas, passará a contar com 52 vagas no total.

Esta medida foi tomada e publicada no próprio Diário Oficial daquele Estado, em sua edição do dia 28 do mês de julho de 2018. Observação importante: além deste número de postos de trabalho disponíveis, será formado o cadastro reserva de pessoas, destinado a futuras contratações conforme a necessidade do órgão.

Deste modo, o edital atualizado contém as seguintes informações sobre as vagas:

São nove postos de trabalho para o setor de Analista Técnico Científico, também incluídos, totalizando um número preciso de 61 cadeiras a serem preenchidas no órgão. Portanto, a expectativa é a de que este edital inaugural venha a público neste mesmo mês de agosto. Conforme os dados angariados do setor de seleções deste órgão, a intenção do mesmo está em chegar a finalizar todos os trâmites o mais breve possível. Estabelecida a comissão deste certame, assim como a banca organizadora, que estará sob a responsabilidade da Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista, a instituição Júlio de Mesquita Filho, ou Fundação Vunesp, o que resta para finalizar o processo está apenas nos ajustes definitivos dos editais.

Todas as pessoas interessadas em participar deste processo de seleção, destinado ao cargo de Auxiliar, têm o dever de comprovar a posse de diploma de conclusão do nível fundamental de escolaridade. O vencimento inicial do cargo em questão está no valor de R$ 3.765,13, o qual inclui uma remuneração básica e mais um auxílio-alimentação. Sobre o cargo de Analista o mesmo exige que o concorrente possua nível superior de formação acadêmica em áreas como a de administração, de contabilidade e de economia. A remuneração inicial, neste caso, está no valor de R$ 12.875,55. Nos dois cargos em oferta a jornada integral de trabalho é de 40 horas por semana.

Sobre a avaliação objetiva registrada no anterior processo seletivo para cargos no MP-SP, as informações são as seguintes:

A banca organizadora foi a mesma Fundação Vunesp, realizado no ano de 2014, destinado ao cargo de auxiliar de promotoria e no ano de 2015, para o cargo de analista técnico científico.

Todos os concorrentes ao posto de auxiliar passaram por uma avaliação que incluiu uma prova objetiva composta de 60 questões, as quais foram distribuídas entre os seguintes conteúdos: versando sobre Língua Portuguesa, 25 perguntas; sobre conteúdos de Matemática, com 15 perguntas e sobre Conhecimentos Gerais, seis perguntas em História; seis em Geografia; seis em Atualidades; e mais duas em Legislação.

Com relação aos concorrentes aos postos de Analista Técnico-Científico, as provas consistiram em uma avaliação por meio de um caderno com 60 questões, que foram distribuídas entre os seguintes conteúdos programáticos: versando sobre a Língua Portuguesa, com 10 perguntas; sobre conteúdos de Matemática, com 10 perguntas; sobre as Atualidades, com 10 questões e sobre as Noções de Informática e Raciocínio Lógico, com cinco perguntas, todas conforme a área. Em seguida, houve uma avaliação dissertativa, ou redação, junto do desenvolvimento de um estudo de caso.

Os postos na área de Auxiliar de Promotoria I serão destinados a vagas em áreas administrativas, como também na de encanador; de eletricista; de marceneiro; de pedreiro; de pintor e de serralheiro.

No caso do setor administrativo, as lotações se darão nas seguintes regiões: na capital paulista; na Grande São Paulo; em Santos e no Vale do Ribeira. As demais serão lotadas em Campinas; em Taubaté; em Sorocaba; em Piracicaba; em Araçatuba; em Bauru; em Presidente Prudente; em Franca; em Ribeirão Preto e em São José do Rio Preto.

Por Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 11 Média: 2.6]

Seleção deverá ofertar 33 oportunidades.

No início deste segundo semestre de 2018, um novo concurso público está prestes a ser definitivamente oficializado. Nestes próximos dias o novo edital de um processo seletivo público será divulgado. Trata-se do certame promovido pelo Conselho Regional dos Representantes Comerciais do Estado de São Paulo, o Core-SP. Este concurso tem por meta o preenchimento de 33 postos de trabalho imediatos, junto da formação do cadastro reserva de pessoas em relação aos mesmos cargos.

Foi realizado, recentemente, o dito contrato que promove prestação de serviços com a banca responsável pela organização do processo de seleção, que está ao encargo do Inaz do Pará. A fase seguinte será a elaboração do necessário itinerário contendo todas as datas, desde a publicação do edital, a publicação do período de inscrições e a publicação do dia, local e horário das provas.

Este certame contempla todas as classes de estudantes e profissionais, os quais poderão, portanto, participar. Com relação aos concorrentes que possuam ensino fundamental completo, será possível concorrer ao posto de copeiro, com uma vaga disponível e remuneração no valor de 1.429,09 reais e para o posto de office-boy, com uma vaga disponível e remuneração de 1.429,09 reais. Estas duas funções serão preenchidas no município de São Paulo.

Com relação aos cargos cuja exigência seja de nível médio completo, estão disponíveis postos no setor de operador de Tele Atendimento, com duas vagas e vencimento no valor de 2.571,36 reais; posto de telefonista, com duas vagas e vencimento de 2.571,36 reais; posto de motorista, com uma vaga disponível e vencimento no valor de 2.828,49 reais; posto de fiscal, com duas vagas e vencimento no valor de 2.828,49 reais e posto de técnico de TI, com uma vaga e vencimento no valor de 3.438,03 reais. Três destes primeiros postos serão lotados no município de São Paulo e os demais cargos se destinam às cidades de Araraquara e de Bauru, na sequência.

Na mesma linha das pessoas que possuem nível médio completo de escolaridade, este mesmo concurso estará abrindo mais 19 vagas destinadas ao posto de assistente administrativo, a ser lotado nos seguintes municípios: em São Paulo, com 10 vagas; em Campinas, com uma vaga; em Bauru, com uma vaga; em Ribeirão Preto, com uma vaga; em Presidente Prudente, com duas vagas; em Araraquara, duas vagas; em Sorocaba, com uma vaga e em Santos, com uma vaga. O valor inicial do salário é de 2.828,49 reais mensais.

Sobre os cargos reservados aos candidatos com graduação superior em algumas áreas específicas, estão disponíveis postos como: assistente jurídico, com duas vagas e salário de 5.382,85 reais; posto de contador, com uma vaga e salário no valor de 5.382,85 reais e posto de analista de TI, com uma vaga e salário de 5.382,85 reais. Estes cargos terão preenchimento na capital São Paulo.

No que toca às taxas de inscrição, as mesmas, provavelmente, serão estipuladas em 40 reais para o nível fundamental; 57,33 reais para o nível médio e 75,33 reais para o nível superior.

Sobre as fases deste processo seletivo, o itinerário será o seguinte:

O edital de licitação registra que este processo seletivo consistirá de uma prova objetiva contendo questões em múltipla escolha destinadas a todas as carreiras, além da realização de teste discursivo (redação) exclusivo para os candidatos que necessitam comprovar graduação superior.

Com relação ao teste para postos em nível fundamental serão distribuídos cadernos com dez questões sobre língua portuguesa; dez questões sobre raciocínio lógico e mais 20 questões sobre conhecimentos gerais. As provas ministradas aos concorrentes com ensino médio consistirão de dez questões sobre língua portuguesa; cinco sobre raciocínio lógico; cinco sobre informática e as demais 20 sobre conhecimentos específicos.

No caso das provas ministradas aos candidatos com nível superior, serão dez questões sobre língua portuguesa; dez sobre informática e mais 30 sobre conhecimentos específicos.

Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 6 Média: 3.8]

Seleção deverá ofertar 37 vagas.

O início do segundo semestre de 2018 conta com mais dois super concursos prestes a serem oficializados. Trata-se do certame destinado ao provimento de cargo de analista jurídico, cujo edital necessita ser publicado nas próximas semanas, e o certame para cargos no Ministério Público do Estado de São Paulo, o MP-SP. Os ditos editais já estão em adiantada fase de configuração, portanto, próximos da liberação oficial.

Deste modo, a meta principal está em abrir em torno de 37 postos, dos quais são 28 destinados aos concorrentes que possuírem a formação no ensino fundamental e os demais nove destinados aos candidatos com nível superior de formação acadêmica. Os vencimentos iniciais podem chegar até ao valor de 12.875,55 reais.

As pessoas com ensino fundamental completo terão chance de concorrer ao cargo no setor de auxiliar de promotoria, o qual conta com uma oferta de 28 postos de trabalho e cuja remuneração inicial está no valor de 3.575,13 reais, que inclui, ainda, o salário no valor de 2.604,65 reais; o auxílio-alimentação no valor de 710 reais e o auxílio-condução no valor de 11,84 reais, todos os dias, o que equivale a 260,48 mensais.

Com relação às nove vagas destinadas aos concorrentes com nível superior de formação, se destinam a cargos no setor de analista técnico científico. Todos os interessados, neste caso, terão que apresentar diploma de formação em nível superior no curso de Administração; de Contabilidade ou de Economia, cujo salário inicial está no valor de 12.875,55 reais.

O critério de distribuição dos postos de trabalho, neste processo seletivo promovido pelo Ministério Público do Estado de São Paulo, será o seguinte:

Entre os 28 postos de trabalho no setor de auxiliar, 20 deles serão destinados para a chamada primeira região administrativa, a qual abrange a capital paulista, ou a Grande São Paulo; o município de Santos e a região do Vale do Ribeira. Portanto, neste caso, todas as vagas se destinam às áreas de eletricista; área de encanador; de marceneiro; de pedreiro; de pintor e no setor de serralheiro.

Os demais oito postos se destinam ao cargo de eletricista e um cargo no setor de encanador, destinado cada um dos outros às quatro áreas regionais. Esta segunda região abrange a cidade de Campinas e a cidade de Taubaté. A terceira região abrange o município de Sorocaba e o de Piracicaba. Na quarta região, a cidade de Araçatuba; cidade de Bauru e de Presidente Prudente. Na quinta e última região, a cidade de Franca; cidade de Ribeirão Preto e de São José do Rio Preto.

O programa para as provas será o seguinte:

Será necessário que os interessados comecem a se preparar nos estudos, já que a base do conteúdo programático dos processos seletivos anteriores está disponível na internet. Com relação ao cargo no setor de auxiliar de promotoria, o último processo de seleção foi realizado no ano de 2014, destinado apenas para o departamento administrativo. Para o cargo de analista técnico científico, o último certame foi realizado no ano de 2015. Os dois concursos acima referidos tiveram como banca organizadora a instituição Vunesp.

Para o cargo de auxiliar de promotoria, o processo de seleção foi realizado por meio de uma única prova objetiva, que consistiu em um caderno com 60 questões, das quais 25 versaram sobre língua portuguesa; 15 versaram sobre conteúdos de matemática e mais 20 questões em cima dos conhecimentos gerais, os quais incluíram seis perguntas sobre história; seis perguntas sobre geografia; seis perguntas sobre as atualidades e as duas últimas sobre temas de legislação.

Vale a pena conferir.

Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 5]

Seleção oferta 2.700 vagas para a função de soldado.

Nos últimos dias, a Polícia Militar do Estado de São Paulo (PM/SP) divulgou o nome da banca escolhida para preparar o seu novo concurso público, que visa oferecer cerca de 2.700 vagas para o cargo de soldado. A banca escolhida, por meio de dispensa de licitação, para ser a responsável por organizar esse certame foi a Vunesp.

Agora com a banca definida, o próximo passo a ser dado é a assinatura do contrato de prestação de serviços. Após ter assinado o contrato, a Vunesp tem alguns dias disponíveis para finalizar o edital e, logo em seguida, ele é publicado, abrindo também o período para as inscrições.

Além disso, é muito importante ressaltar que no mês de dezembro do ano passado (2017), o governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, assinou uma autorização para a realização do concurso público da PM/SP, que vinha a ofertar 5.400 oportunidades, que seriam distribuídas em, pelo menos, dois editais. O primeiro edital também está sendo organizado pela Vunesp e já foi publicado no mês de março. No momento, o processo seletivo deste edital está na etapa de triagem dos participantes.

Dessa forma, o estimado é que o novo edital seja divulgado dentro dos próximos meses, ainda no início do segundo semestre.

Acompanhe o post e saiba mais sobre o concurso público para o cargo de Soldado da Polícia Militar do Estado de São Paulo.

Concurso público da PM/SP: soldado

Muitas são as atribuições dadas a um soldado. Por isso, é necessário que ele atenda a alguns requisitos básicos para cumprir sua função. Veja melhor o que um candidato precisa para concorrer ao cargo de soldado na PM/SP.

Sobre o cargo de soldado

Os requisitos básicos para concorrer ao posto de soldado são os seguintes:

  • ter concluído o Ensino Médio e possuir o certificado de conclusão;

  • estar na faixa etária entre 17 e 30 anos;

  • possuir a altura mínima, que é de 1,60 m para os homens e 1,55 m para as mulheres; e

  • ter carteira de habilitação (CNH) nas categorias “B” e “E”.

De início, o profissional contratado como Policial Militar da 2° classe recebe uma remuneração mensal no valor de R$ 3.049,41. Esse valor total corresponde às parcelas com valor de R$ 1.178,88 de padrão, mais R$ 1.178,88 de Regime Especial de Trabalho Policial (RETP) e ainda R$ 691,65 pelo fator insalubridade.

Atribuições do soldado

Como visto, são muitas as atribuições de um soldado da Polícia Militar. Podemos listar algumas delas, que são:

  • Efetuar o policiamento ostensivo a fim de assegurar ordem pública;

  • Agir com repressão imediata, em casos de infrações penais e administrativas;

  • Garantir a aplicação da lei;

  • Priorizar sempre pela defesa da vida, pela integridade física e pela dignidade de todas as pessoas humanas, sem exceção, independente de quem seja;

  • Estar sempre em conformidade com os princípios doutrinários da polícia comunitária, com os direitos humanos e com os prescritos da gestão pela qualidade;

  • Realizar o Curso Superior de Técnico de Polícia Ostensiva e Preservação da Ordem Pública, concluindo com aproveitamento, de modo que o profissional esteja devidamente formado, na prática e na teoria, para exercer função no ramo militar; entre muitas outras.

Concurso público da PM/SP: Provas

O esperado é que todo o processo seletivo se assemelhe com o certame que se iniciou no mês de março, devido à escolha da mesma banca. As etapas do concurso anterior consistiam em:

  • Primeira fase: exames de conhecimentos;

  • Segunda fase: exames de aptidão física;

  • Terceira fase: exames de saúde;

  • Quarta fase: exames psicológicos;

  • Quinta fase: avaliação da idoneidade, reputação e conduta social; e

  • Sexta fase: análise de documentos.

Felicia Lopes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 5]

Seleção irá ofertar 2.700 vagas para soldado.

Nos últimos dias, a Polícia Militar do Estado de São Paulo (PM/SP) divulgou o nome da banca escolhida para preparar o seu novo concurso público, que visa oferecer cerca de 2.700 vagas para o cargo de soldado. A banca escolhida, por meio de dispensa de licitação, para ser a responsável por organizar esse certame, foi a Vunesp.

Agora com a banca definida, o próximo passo a ser dado é a assinatura do contrato de prestação de serviços. Após ter assinado o contrato, a Vunesp tem alguns dias disponíveis para finalizar o edital e, logo em seguida, ele é publicado, abrindo também o período para as inscrições.

Além disso, é muito importante ressaltar que no mês de dezembro do ano passado (2017), o governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, assinou uma autorização para a realização do concurso público da PM/SP, que vinha a ofertar 5.400 oportunidades, que seriam distribuídas em, pelo menos, dois editais. O primeiro edital também está sendo organizado pela Vunesp e já foi publicado no mês de março. No momento, o processo seletivo deste edital está na etapa de triagem dos participantes.

Dessa forma, o estimado é que o novo edital seja divulgado dentro dos próximos meses, ainda no início do segundo semestre.

Acompanhe o post e saiba mais sobre o concurso público para o cargo de Soldado da Polícia Militar do Estado de São Paulo.

Concurso público da PM/SP: Soldado

Muitas são as atribuições dadas a um soldado. Por isso, é necessário que ele atenda a alguns requisitos básicos para cumprir sua função. Veja melhor o que um candidato precisa para concorrer ao cargo de soldado na PM/SP.

Sobre o cargo de soldado

Os requisitos básicos para concorrer ao posto de soldado são os seguintes:

  • ter concluído o Ensino Médio e possuir o certificado de conclusão;

  • estar na faixa etária entre 17 e 30 anos;

  • possuir a altura mínima, que é de 1,60 m para os homens e 1,55 m para as mulheres; e

  • ter carteira de habilitação (CNH) nas categorias “B” e “E”.

De início, o profissional contratado como Policial Militar da 2° classe recebe uma remuneração mensal no valor de R$ 3.049,41. Esse valor total corresponde às parcelas com valor de R$ 1.178,88 de padrão, mais R$ 1.178,88 de Regime Especial de Trabalho Policial (RETP) e ainda R$ 691,65 pelo fator insalubridade.

Atribuições do soldado

Como visto, são muitas as atribuições de um soldado da Polícia Militar. Podemos listar algumas delas, que são:

  • Efetuar o policiamento ostensivo a fim de assegurar ordem pública;

  • Agir com repressão imediata, em casos de infrações penais e administrativas;

  • Garantir a aplicação da lei;

  • Priorizar sempre pela defesa da vida, pela integridade física e pela dignidade de todas as pessoas humanas, sem exceção, independente de quem seja;

  • Estar sempre em conformidade com os princípios doutrinários da polícia comunitária, com os direitos humanos e com os prescritos da gestão pela qualidade;

  • Realizar o Curso Superior de Técnico de Polícia Ostensiva e Preservação da Ordem Pública, concluindo com aproveitamento, de modo que o profissional esteja devidamente formado, na prática e na teoria, para exercer função no ramo militar; entre muitas outras.

Concurso público da PM/SP: Provas

O esperado é que todo o processo seletivo se assemelhe com o certame que se iniciou no mês de março, devido à escolha da mesma banca. As etapas do concurso anterior consistiam em:

  • Primeira fase: exames de conhecimentos;

  • Segunda fase: exames de aptidão física;

  • Terceira fase: exames de saúde;

  • Quarta fase: exames psicológicos;

  • Quinta fase: avaliação da idoneidade, reputação e conduta social; e

  • Sexta fase: análise de documentos.

Felicia Lopes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 9 Média: 2.4]

Seleção deverá ofertar cargos com salários de até R$ 8 mil.

Em breve teremos o Concurso do CRQ em São Paulo. Com a banca já definida, estamos breve de conhecer o novo cronograma desse tão esperado concurso.

A banca foi anunciada no dia 11 de maio e foi divulgado que o concurso terá vagas para o ensino médio e superior. E os salários variam entre os cargos desde 2 mil e 300 reais até 8 mil e 400 reais.

Foram anunciadas também as cidades que disponibilizarão vagas para o certame: Araçatuba, Bauru, Araraquara, Campinas, Presidente Prudente, Piracicaba, Santos, São Paulo, São José dos Campos, Sorocaba e São José do Rio Preto.

Ainda não se sabe ao certo quais vagas e nem a quantidade que serão disponibilizadas através desse concurso, mas a expectativa é que abra vagas para contratação imediata e também para cadastro.

O último concurso realizado pelo órgão foi no ano de 2013 e a banca que realizou o processo seletivo foi a mesma de agora, a Quadrix. E os salários na época variaram entre mil e 300 reais até 6 mil reais.

Na eventual época foram disponibilizadas vagas de assistente administrativo, manutenção predial e elétrica, alvenaria, pintura e hidráulica, mensageiro, tele atendimento e motorista. Dentre elas foram vagas de contratação imediata e cadastro reserva.

Quem possuia curso técnico pode concorrer as vagas de compras, financeiro, recursos humanos, contabilidade e informática. Também obtinha cadastro reserva e contratação imediata.

Já as vagas para curso superior foram de analista de sistema e programação, rede, bibliotecário, fiscal e jornalismo.

Com certeza é uma ótima opção de carreira profissional, se você possui alguma das formações exigidas ou até mesmo só o ensino médio, não perca essa grande oportunidade. Fique atento a todos os detalhes do próximo concurso.

Em breve novos detalhes serão divulgados para todos os interessados. Se está à procura de um bom concurso para prestar e conseguir um ótimo emprego, esse é uma das melhores opções.

Com vagas para muitas cidades do estado paulista, se você mora no estado não pode perder nenhum detalhe, se preparando para o processo seletivo da melhor maneira possível.

Muito importante procurar as provas passadas para poder estudar e se preparar. Quando sair o edital veja cada detalhe que será cobrado nas provas objetivas. Se prepare para assim conseguir uma vaga.

Com certeza será muito disputado os cargos. Com o desemprego ainda em alta no país, se preparar será um grande diferencial para sair na frente de seus concorrentes.

A crise está passando e muitas pessoas já conseguiram ingressar novamente no mercado de trabalho, porém, ainda há muitas pessoas em busca de uma nova oportunidade. Com isso a concorrência será ainda grande. Por isso ser preparar é tão importante.

Outra dica importante é em relação ao cronograma, fique atento para não perder nenhum prazo, seja ele de inscrição. E nem sobre onde será realizada as provas objetivas. Se não tiver prova na sua cidade, pesquise qual é a melhor opção. Nem sempre realizar a prova no mesmo dia de sua viagem até o local é a melhor opção. Caso opte por chegar um dia antes, deverá pesquisar um hotel bem localizado. De preferência perto do local da prova. Para que não perca a hora de entrada no dia. Pesquise qual o melhor trajeto e qual a melhor forma de chegar até o destino exato da prova.

Se prepare em todos os sentidos para que possa de fato conseguir sua tão sonhada vaga, em uma das carreiras oferecidas por esse processo seletivo. Com certeza se entrar poderá ter a oportunidade de ter uma vida financeira bem-sucedida.

E estabilizando economicamente por toda a vida. Podendo de fato dar uma boa e confortável vida para sua família.

Ricardo Ferreira Rodrigues

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 2]

Seleção deverá ocorrer no segundo semestre deste ano.

O TRF 3ª – Tribunal Regional Federal, que é responsável pelos estados de São Paulo e também do Mato Grosso do Sul, está se preparando para divulgar o edital referente ao novo concurso público que será realizado provavelmente no segundo semestre desse ano e os interessados já podem ir se preparando. Uma ótima forma para dar início aos estudos é verificar o que foi pedido no curso anterior, assim é possível já ter uma ideia do que será exigido.

Inclusive, alguns candidatos já estão se preparando desde abril, quando esta seleção foi comunicada pela juíza Luciana Ortiz Tavares Costa Zanoni, que é a coordenadora da Comissão de Acessibilidade e Inclusão do órgão. Tal comunicado foi feito durante uma reunião realizada com o Sintrajud – Sindicato dos Trabalhadores do Judiciário Federal do estado de São Paulo.

Mas os preparativos ainda não tiveram início, já que o órgão precisará constituir a comissão responsável por este certame, mas isto pode acontecer nas próximas semanas, já que a expectativa da realização do concurso é no segundo semestre.

Durante a reunião com o Sintrajud, a juíza Luciana Zanoni antecipou a informação de que está estudando separar entre 6 a 8 milhões de reais do valor referente ao orçamento deste ano, para que o concurso público seja realizado. Zanoni informou ainda que existe uma prioridade para a realização do concurso e até comentou a respeito do problema de déficit de pessoal, que teria se agravado ainda mais depois do crescente número de aposentadorias, já que muitos servidores estão preocupados com a Reforma da Previdência, além dos efeitos causados pela Emenda Constitucional 95/2016, que acabou deixando os orçamentos dos órgãos públicos congelados por duas décadas.

A juíza lembrou ainda que mesmo fazendo muita economia em outros setores, ainda assim não há como escalar novos servidores, a não ser naqueles casos autorizados, assim, todos ficam sem ter como agir e da mesma forma que faltam servidores, também faltam juízes.

A meta agora é adiantar o processo para que o processo seletivo possa ter início o mais breve possível, principalmente pelo fato de que a última seleção realizada começou em 2013 e terminou no final do último mês de abri. Em 2015 chegou a ser realizado um concurso, mas apenas para algumas poucas áreas técnicas e também analistas.

Ainda não foram confirmadas quais e quantas vagas serão oferecidas neste novo concurso público, mas acredita-se que sejam bem semelhantes ao que foi pedido em 2013, com oportunidades para carreiras de analista judiciário e também técnico, para candidatos que possuem nível superior e também médio. As primeiras áreas que deverão ter vagas oferecidas devem ser as de técnico judiciário superior e também analista judiciário na área judiciária, sendo exclusivas para aqueles que se formaram em direito.

O salário inicial hoje é de R$ 7.887,24 para os técnicos e para os analistas é de R$ 12.374,34, já sendo considerado o benefício do auxílio-alimentação, que é de R$ 884,00 mensais.

Para os técnicos os valores sobem de R$ 8.178,65 para R$ 8.475,36, já considerando o auxílio-alimentação. No caso dos analistas, o valor vai de R$ 12.852,49 para R$ 13.339,30.

Em 2013, quando aconteceu o último concurso, 260 vagas foram oferecidas, ficando 125 para analistas e 135 vagas foram para técnicos. Deste total de vagas abertas, 195 ficaram para a região metropolitana de São Paulo, 50 vagas foram destinadas ao interior do estado e 15 foram para o estado do Mato Grosso do Sul. A Fundação Carlos Chagas foi a banca organizadora naquele ano.

Os interessados em se inscreverem este ano devem começar os preparativos o quanto antes, já estudando o material que foi exigido no concurso anterior e assim, quando o edital for publicado, já estará mais adiantado e terá mais chances, sendo que são muitos inscritos e a concorrência deve crescer muito.

Por Russel

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 5 Média: 3.6]

Edital deverá ser publicado no segundo semestre.

De acordo com as informações recebidas do setor de recursos humanos do TCM/SP, há a previsão de que a publicação do edital referente ao novo concurso público do Tribunal de Contas do Município de São Paulo (TCM/SP) deva ocorrer até o início do próximo semestre, ou seja, por volta do começo do mês de agosto.

A realização do concurso foi autorizada pelo presidente do órgão, o Roberto Branquim, em meados do mês de janeiro. O que impede a finalização e a divulgação deste certame são dois pontos ainda não definidos. Estes são a confirmação dos membros que integrarão a comissão do concurso e a definição da banca que ficará responsável por sua organização.

Quer saber mais sobre o próximo concurso público do TCM/SP? Acompanhe este post.

TCM/SP: cargo e salários do próximo concurso público

Este processo seletivo tem como objetivo disponibilizar oportunidades de emprego, na área de Suporte Administrativo, para o cargo de Auxiliar Técnico de Fiscalização. Serão oferecidas algumas vagas iniciais e este cargo exige do candidato apenas a conclusão do Ensino Médio. A remuneração inicial prevista é no valor de R$ 10.032,40.

Esta remuneração total é referente ao salário básico no valor de R$ 4.907,45, somado à gratificação de incentivo, especialização e produtividade, que passa a ser recebida a partir do sexto mês de trabalho, no valor de R$ 5.124,95.

TCM/SP: defasagem de colaboradores no cargo de Auxiliar de Fiscalização

Apesar de tudo, a quantidade de vagas abertas ainda não é o suficiente para suprir as necessidades atuais do órgão, visto que o último concurso do TCM/SP, para esta carreira, foi realizado há quase 12 anos.

Segundo o levantamento funcional realizado no ano de 2012, foi contabilizada a defasagem de 63 auxiliares neste cargo, que deve ser aumentado consideravelmente, devido à aposentadoria dos atuais colaboradores, resultando em um número extremamente superior ao total de vagas autorizadas pelo presidente do órgão.

Por essa razão, há a expectativa de que mais vagas possam ser preenchidas por vagas remanescentes, além das que foram inicialmente ofertadas.

TCM/SP: Progressão salarial

O candidato selecionado recebe, inicialmente, um salário fixo, de valor satisfatório. Não o bastante, conforme aumenta o tempo de exercício da função, a carreira conta com mais sete níveis, que proporcionam uma progressão salarial.

Como visto, a primeira gratificação de incentivo atual é recebida a partir da conclusão de seis meses de exercício da função, que somada ao salário inicial, resulta em R$ 10.032,40. Posteriormente, a remuneração total vai crescendo exponencialmente para os seguintes valores:

  • Nível 1: remuneração total no valor de R$ 10.523,14;

  • Nível 2: remuneração total no valor de R$ 11.062,97;

  • Nível 3: remuneração total no valor de R$ 11.656,79;

  • Nível 4: remuneração total no valor de R$ 12.309,96;

  • Nível 5: remuneração total no valor de R$ 13.028,48;

  • Nível 6: remuneração total no valor de R$ 13.818,79; e

  • Nível 7: remuneração total no valor de R$ 14.688,22.

TCM/SP: o último concurso realizado

Haja vista, o último processo seletivo para preencher vagas referentes ao cargo de Auxiliar Técnico de Fiscalização teve realização no ano de 2006, tendo o Instituto Cetro como banca responsável pela organização do certame. Neste ano, foi oferecido um total de 32 vagas, distribuindo apenas 23 vagas para a área de Suporte Administrativo, a qual exige do candidato a conclusão do Ensino Médio, apenas, para concorrer.

Do total de 9 vagas restantes, 3 foram direcionadas para a área de Técnico de Enfermagem, que exigia que o candidato possuísse um Ensino Médio com técnico especializado. E 6 foram direcionadas para o cargo de Professor de Educação Infantil, que exigia do profissional uma formação superior, junto da licenciatura plena.

Felicia Lopes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 6 Média: 2.7]

Seleção deverá ofertar 575 vagas.

Muitas pessoas se encontram na expectativa de novas informações sobre a abertura de novos processos seletivos e concursos públicos. Este fato se deve em razão de uma forte crise ter atingido a economia do país desde o ano de 2016. DESSA FORMA, DE LÁ PARA CÁ MUITAS EMPRESAS EM TODO O PAÍS TIVERAM QUE REDUZIR SUAS ATIVIDADES E ASSIM TIVERAM QUE DIMINUIR O NÚMERO de colaboradores, contribuindo diretamete para o número de pessoas desempregadas no país. Diante de tanta instabilidade, os brasileiros passaram a ver os concursos como boas oportunidades na busca de um novo posto no mercado de trabalho.

Dessa forma, quem reside no estado de São Paulo e busca por uma oportunidade de prestar um concurso, acaba de surgir uma excelente oportunidade. Estamos falando do novo concurso público do Detran- SP, cuja realização acaba de receber autorização por parte do governo estadual. Saiba mais.

É isso mesmo, quem no estado de São Paulo busca por concursos públicos para realizar, já pode começar a se preparar, pois o Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo irá realizar um novo concurso.

De acordo com as informações mais recentes, nesta última sexta-feira, dia 25 do mês de maio, foi publicado no Diário Oficial, a portaria que libera a autorização do novo certame do Detran-SP. No documento, que é uma portaria criada por Márcio França, atual governador do estado, em que é concedida autorização do estado de São Paulo.

Segundo as primeiras informações sobre o concurso, já foi confirmado pelo órgão que serão disponibilizadas para a concorrência o total de 575 vagas, de modo que haverá oportunidades para pessoas com formação de nível médio e de nível superior.

Dessa forma, do total de vagas a srem disponibilizadas, 375 são para o posto de oficial estadual de trânsito de nível I e as restantes 200 são para o cargo de agente estadual de trânsito de nível l.

Desse modo, quem possui interesse em realizar o certame e concorreer a uma vaga no cargo de oficial de trânsito deve possuir formação completa de nível médio ou de nível técnico, porém, é exigido que a instituição que emitiu o certificado de conclusão possua reconhecimento do Ministério da Educação e Cultura, o MEC. Um profissional que atue nesta função possui uma remuneração no valor de R$ 1.863.

Por sua vez, quem possui formação de nível superior pode entrar para a concorrência de uma vaga no posto de agente de trânsito. Além de ser graduado ( são aceitos vários cursos) o candidato ainda precisa possuir CNH de categoria a partir da "B". Um profissional neste cargo possui uma remuneração no valor de R$ 4.657,50.

Dessa forma, agora que a realização do concurso já foi autorizada, o próximo passo em sua elaboração será a formação de uma comissão organizadora que ficará responsável por resolver as demais pendências sobre o certame,

inclusive a contratação de uma empresa que ficará responsável em elaborar e executar o concurso.

Assim, se tudo ocorrer conforme o esperado, a previsão é de que em breve os membros da comissão sejam eleitos, assim como a banca seja contratada.

De acordo com informações cedidas pelo órgão , o último concurso público realizado pelo Departamento Estadual de Trânsito do estado de São Paulo aconteceu no ano de 2013. Na época foram disponibilizadas na concorrência um total de 1.200 oportunidades, para os cargos de agente e oficial de trânsito, com lotação em diversas localidades do estado de São Paulo. A empresa contratada para organizar o concurso foi a Fundação Vunesp, muito conhecida na área de organização de certames públicos.

Nesse sentido, se você possui interesse em realizar o concurso público do Detran de São Paulo, não deixe de estar atento às novas informações. Não perca essa oportunidade.

Sirlene Fátima Oliveira Justo

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 11 Média: 2.5]

Confira aqui mais detalhes sobre o novo certame que será promovido pelo Conselho.

Muitos estão interessados no concurso público do CRQ 4 – Conselho Regional de Química da 4ª Região, cuja jurisdição encontra-se em São Paulo, e novos detalhes já estão sendo divulgados, sendo que o Instituto Quadrix é que ficará responsável por toda organização. Através de dispensa de licitação há alguns dias atrás, ficou decidido sobre a banca organizadora.

As vagas para o concurso CRQ/SP estará oferecendo vagas para candidatos de nível médio e também de ensino superior, sendo que os salários variam de acordo com o cargo, ficando entre R$ 2.306,13 e R$ 8.416,52. O Instituto Quadrix informou ainda que as oportunidades estarão sendo distribuídas para 12 municípios, sendo eles: Sorocaba, São Paulo, Araraquara, Araçatuba, Piracicaba, Campinas, Ribeirão Preto, Presidente Prudente, São José dos Campos e São José do Rio Preto.

Agora a expectativa dos futuros candidatos é em relação aos cargos, mas nada foi revelado sobre isso e também não comunicaram qual será o número de vagas, porém, acredita-se que haja vagas imediatas e também para a formação de cadastro de reserva. Agora é aguardar a divulgação do edital após a abertura deste concurso, mas para isso ainda falta a assinatura do contrato para prestação de serviços com a empresa responsável pela organização. Quando isso acontecer, já é confirmado o cronograma com a data de publicação do edital, das inscrições e também das provas.

Muitos estão confiantes que o concurso CRQ/SP acontece mesmo este ano e muito em breve, pois o último foi em 2013 e ao longo destes anos, muitas novas vagas surgiram e precisam ser preenchidas. Em 2013 foram ofertadas apenas 10 vagas imediatas e cadastro, sendo que o Instituto Quadrix também foi o responsável pela organização do concurso, sendo que a remuneração ficou entre R$ 1.357,92 e R$ 6.102,00.

Os candidatos que tinham o ensino médio completo puderam se inscrever para os seguintes postos: administrativo, manutenção predial e elétrica, alvenaria, manutenção predial, pintura e hidráulica, motorista, mensageiro e também para o teleatendimento.

Os candidatos com curso técnico puderam se inscrever para: financeiro, compras, contabilidade, informática e recursos humanos.

E aqueles graduados tiveram as seguintes opções: analista de sistema – programação, fiscal, bibliotecário, rede e jornalismo.

O CRQ é uma autarquia federal no estado de São Paulo, que fiscaliza os profissionais e também as empresas que atuam na área da química. A sede do Conselho fica na rua Oscar Freire, 2039 e o atendimento ao público é feito de segunda a sexta-feira, no horário das 9h30 às 15 h, mas os escritórios de São José dos Campos e Santos começam a atender neste horário, mas para às 12h, voltando às 13h e encerrando às 15h. Há escritórios também em várias outras cidades do estado de São Paulo.

Em 2013, o concurso CRQ teve as inscrições abertas no dia 21 de outubro, finalizando dia 1º de dezembro, com as provas sendo aplicadas no dia 15 do mesmo mês e os gabaritos sendo divulgados no dia seguinte. A prova objetiva para todos os cargos foi de caráter eliminatório e classificatório. A 2ª fase teve a prova de redação para todos, exceto PAE/Fiscal, que foi prova de redação técnica. A 3ª fase teve prova prática de informática para os candidatos ao cargo PAS/Especialista/Jornalismo, sendo de caráter classificatório e eliminatório, onde foi realizada a avaliação dos conhecimentos. Para os cargos de PSA/Motorista e PAE/Fiscal, a prova prática foi de direção veicular, sendo classificatória e eliminatória, avaliando a habilidade dos candidatos na condução de um veículo automotor.

Acesse aqui o site para consultar o edital de 2013, assim é possível ter uma boa ideia de como será o deste ano, podendo inclusive, já ir conferindo os requisitos que foram exigidos para a contratação, que não deverão ser muito diferentes este ano.

Por Russel

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Oportunidades serão para o cargo de Analista de Promotoria II.

Um ótima notícia foi divulgada no Diário Oficial de São Paulo esta semana, foi publicada a portaria que autoriza a realização de Concurso Público para preenchimento de vagas para o cargo de Analista de Promotoria II (Agente de Promotoria).

Com a atual crise econômica brasileira, onde o crescimento do desemprego é exorbitante, essa é uma boa oportunidade de tentar sair ou nunca mais entrar nesta estatística e torna-se um funcionário público de carreira.

Na edição de 16 de maio de 2018, o Procurador-Geral de Justiça constituiu uma Comissão Especial de Seleção Pública e autorizou a abertura do Concurso Público com caráter efetivo. Serão 3 (três) vagas para o cargos de Analista de Promotoria II (Agente de Promotoria), destinados aos Órgãos e Unidades Administrativas das Macrorregiões do Ministério Público do Estado de São Paulo.

Para se candidatar ao cargo será exigido que o concorrente tenha formação superior completa e a boa notícia é que esta pode ser em qualquer área. O que amplia o leque de concorrentes.

O último concurso para este cargo (Analista de Promotoria II) foi realizado em 2013 e ofereceu 29 (vinte e nove) vagas distribuídas nas cidades de São Paulo, Araçatuba, Bauru, Campinas, Franca, Piracicaba, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos/Vale do Ribeira, São José do Rio Preto, Sorocaba e Taubaté, uma destas destinada a pessoas com deficiência – PCD.

Ainda não se sabe qual instituição será selecionada para realização do concurso. Então enquanto aguarda-se o novo edital, conheça algumas informações do cargo no edital passado, realizado pelo Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC).

Neste, apontava que os classificados e convocados assumiriam a carga horária de 40horas semanais exercendo as seguintes atribuições:

  • efetuar diligências para localização de pessoas;

  • efetuar diligências e pesquisas para a obtenção de dados de interesse do Ministério Público do Estado de São Paulo;

  • empreender medidas que propiciem conhecimentos sobre fatos e situações de interesse do Ministério Público do Estado de São Paulo;

  • proteger informações sigilosas produzidas, recebidas ou armazenadas;

  • oferecer proteção a membros do Ministério Público, sem prejuízo, quando o caso, da atuação da Assessoria Militar do Procurador-Geral de Justiça;

  • analisar informações provenientes das várias áreas de atuação do Ministério Público;

  • desempenhar outras atividades correlatas, conforme a necessidade dos serviços, determinadas pelas autoridades superiores.

A última prova foi realizada em duas fases. A primeira através de prova ojetiva, com 90 (noventa) questões em formato multipla escolha. Esta estava dividida nas seguintes áreas de conhecimento:

  • Conecimentos Gerais: Língua Portuguesa; Matemática; Raciocínio Lógico; Atualidades; Informática;

  • Conhecimentos Específicos: Direito Constitucional e Ministério Público; Direito Administrativo; Direito Penal; Direito Processual Penal; Teoria Geral das Ciências Contábeis.

A segunda fase teve questões discursivas sobre: Atualidades; Língua Portuguesa; Direito Constitucional e Ministério Público, além de redação com tema fornecido apenas na prova.

Só foram habilitados para segunda fase os candidatos que obtiveram resultado igual ou superior a 60% de acertos na primeira fase.

Uma informação importantes aos formados em direito, no último edital afirmava-se que: o candidato ao assumir o cargo teria vedado o exercício da advocacia e de consultoria técnica, ressalvada a possibilidade de acumulação de cargo, nos termos da Constituição Federal.

Mais informações do concurso passado estão disponíveis no link http://www2.ibfc.org.br/arquivos/Edital_2_MPSP.pdf .

Para aqueles que estão desanimados, devido ao pequeno número de vagas, há uma luz no fim do túnel. Pois já existe um projeto de lei da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), que objetiva a criação no quadro de pessoal do Ministério Público de 250 cargos de Oficial de Promotoria, 40 cargos de Analista de Promotoria II (Agente de Promotoria) e 30 cargos de Analistade Promotoria I – Área da Saúde e Assistência Social. A aprovação do projeto é urgente para suprir uma necessidade operacional da promotoria.

Ou seja, caso o projeto seja aprovado é possível que mais candidatos classificados sejam convocados para assumir o cargo.

Texto de Alvina Soares

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 2 Média: 1.5]

Certame tem 540 vagas abertas distribuídas em 3 cargos.

Se você reside no estado de São Paulo e busca por uma oportunidade de realizar um concurso público e assim concorrer a uma vaga em um trabalho que ofereça estabilidade e segurança, o CEETEPS anunciou um novo concurso. Continue lendo este texto e saiba tudo sobre esta oportunidade.

É isso mesmo, quem busca por uma oportunidade de conseguir um novo posto de trabalho o Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza, tornou público a realização de um processo de seleção de novos servidores.

Dessa forma, o edital de abertura do concurso deve ser publicado nos próximos dias, fato este que já foi confirmado por meio de um Despacho da parte do governador do estado, que foi publicado no dia 16 do mês de maio o Diário Oficial do Estado.

No documento publicado está a informação de que serão disponibilizadas na concorrência 540 vagas.

Segundo as informações do texto que autoriza a realização do concurso, as vagas disponibilizadas serão distribuídas por três cargos.

O texto com assinatura do governador do estado dá autorização para que sejam tomadas todas as providencias que se façam necessárias para a abertura de um novo certame, de modo que os aprovados já estejam em atividade no ano de 2019.

Também nos informa o texto que desse total de vagas 326 são para o posto de Agente Técnico e Administrativo, 208 vagas são para o posto de Analista de Suporte e Gestão e as 6 restantes são para o cargo de Especialista em Planejamento Educacional de Obras e de Gestão.

Desse modo, os interessados em concorrer a uma vaga no posto de Agente Técnico e Administrativo, devem possuir formação completa de nível médio. Um profissional nesta função possui inicialmente uma remuneração no valor de R$ 1.535,94.

Por sua vez os outros cargos exigem que os candidatos possuam formação de nível superior em áreas específicas. Dessa forma, um profissional no cargo de Analista recebe inicialmente uma remuneração no valor de R$ 2.789,68, enquanto que um profissional que atue no cargo de Especialista possui uma remuneração inicial no valor de R$ 4.306,87.

O último concurso público realizado pelo Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza foi no ano de 2009. Na ocasião foram disponibilizadas para a concorrência 1.871 oportunidades.

A empresa contratada para organizar e executar o certame foi a bastante conhecida na área de concursos, a Fundação Vunesp. Inscreveram-se para este concurso mais de 50 mil pessoas. Os salários partiam de R$754,00 até R$2.600,00.

As vagas foram disponibilizadas em diferentes cargos.

Para quem ainda não conhece o Centro Paula Souza é uma autarquia que pertence ao Governo de São Paulo, possuindo vínculos com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Ciência, Tecnologia e de Inovação.

A instituição está presente em quase 300 municípios do estado de São Paulo e é responsável pela administração de 222 Etecs, que são as Escolas Técnicas, além de mais de 70 Fatecs, que são Faculdades de Tecnologia, que possuem 292,8 mil alunos de cursos técnicos de nível médio e cursos superiores/ tecnológicos.

Tanto as Etecs quanto as Fatecs oferecem uma grande variedade de cursos e contam com um elevado número de alunos.

Nesse sentido, se você possui interesse em realizar este concurso fique atento às novas informações que podem surgir nos próximos dias, inclusive o edital de abertura, uma vez que o concurso já recebeu autorização por parte do governo do estado e que já está sendo elaborado pela banca organizadora. Desse modo, já comece a se preparar para a realização da prova e assim conseguir uma das mais de 500 vagas que serão oferecidas.

Por Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 5 Média: 2.8]

Organizadora da seleção será a CKM Serviços Ltda.

O esperado concurso público da Secretaria Estadual de Educação de São Paulo (SEE/SP) deu mais um passo. Agora, a organizadora que irá elaborar o certame já foi revelada, é a CKM Serviços Ltda.

A decisão foi tomada no dia 11 de maio, após a realização de um pregão eletrônico. O certame trará 1.495 vagas para agente de organização escolar.

Agora, após a realização do pregão, o concurso público da Secretaria Estadual de Educação de São Paulo (SEE/SP) entra na fase de assinatura de contrato, que deve acontecer o quanto antes, visto que a intenção é lançar o edital ainda neste mês.

O cronograma deve ser estabelecido em até três dias após a assinatura do contrato ser feita.

Assim que o edital do concurso público da Secretaria Estadual de Educação de São Paulo (SEE/SP) for publicado, dentro de cinco dias as inscrições deverão começar e ficarão abertas por 30 dias. A previsão é de que as provas do certame sejam realizadas em agosto de 2018.

Prova do concurso público da Secretaria Estadual de Educação de São Paulo (SEE/SP)

Os inscritos serão submetidos a uma prova de múltipla escolha com 80 questões objetivas. Cada uma delas terá cinco alternativas. Para garantir a lisura do certame, serão feitos três modelos e prova, que terão as mesmas questões, mas em ordem diferente.

Os candidatos vão ter quatro horas para terminar a prova do certame. A previsão é de que o gabarito seja liberado no dia seguinte da aplicação da prova objetiva. Depois que isso acontecer, os candidatos terão três dias para a apresentação de recursos, caso não concordem com alguma resposta das questões do concurso.

A banca organizadora terá cinco dias para análise dos recursos. A lista de aprovados deverá ser publicada em até 20 dias após esta definição.

Depois da lista de aprovados ser publicada, os concorrentes terão mais três dias para realizar o recurso, caso sintam necessidade. Os recursos vão ser analisados e, 45 dias depois, será feita a divulgação do resultado oficial do concurso público da Secretaria Estadual de Educação de São Paulo.

O certame será válido por dois anos, podendo ser prorrogado por mais dois, caso se faça necessário.

Espera-se que mais de 180 mil pessoas se inscrevam para esta seleção.

Cargo de agente de organização escolar do concurso SEE/SP 2018

Podem se inscrever pessoas que tenham pelo menos 18 anos de idade e ensino médio completo. Além disso, é preciso ter conhecimentos básicos em informática. No início de carreira, o profissional recebe salário de R$ 1.005,79 acrescido de R$ 136,85 de abono complementar, por 40 horas de trabalho.

O selecionado poderá atuar atendendo aluno, redigindo documentos, atendendo a pais, professores e ajudando em diversas funções nas atividades de organização escolar.

O que estudar para o concurso SEE/SP

Interessados em ocupar uma das vagas já podem começar a se preparar, visto que a prova provavelmente vai acontecer no mês de agosto. O último certame foi realizado em 2012. Embora o edital ainda vá ser publicado e alterações possam ocorrer, é possível ter como base o concurso anterior para poder adiantar o estudo.

Quem fez o último concurso foi a Vunesp. Assim como neste ano, foram 80 questões com conhecimentos específicos e gerais. Foram cobrados conhecimentos de português, matemática e informática, na parte de conhecimentos gerais. Já como conhecimentos específicos foram cobradas legislações.

Sinônimos e antônimos, substantivo e adjetivo, ortografia oficial, acentuação gráfica, crase, flexão de gênero, número e grau; emprego de verbos regulares, irregulares e auxiliares, regência nominal e verbal, concordância verbal e nominal, conjugação de verbos; sentido próprio e figurado das palavras, usos e colocação pronomes, foram alguns dos temas de língua portuguesa.

Já na parte de matemática é interessante estudar equações de 1º e 2º graus, operações com números inteiros, fracionários e decimais, juros simples, regra de três simples, raciocínio lógico, razão e proporção, medidas de comprimento, porcentagem, noções de estatística.

O conteúdo completo será disponibilizado no edital do concurso público da Secretaria Estadual de Educação de São Paulo, que deve ser lançado ainda este mês.

Por Milena Godoy

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 132 Média: 2.9]

Seleção contará com 2.750 vagas para Delegado, Investigador, Agente, Papiloscopista, Investigador e Auxiliar.

A rodada de editais da Polícia Civil do Estado de São Paulo está completa. Ao todo, são 2.750 vagas para ingressar na corporação. As oportunidades são para Polícia Civil do estado de São Paulo e contam com cargos de nível médio e superior. O salário mais alto é para o cargo de Delegado da Polícia Civil, onde o salário inicial bate os R$ 10,5 mil por mês.

Veja abaixo maiores informações sobre as carreiras específicas.

Delegado da Polícia Civil do Estado de São Paulo (PC/SP):

As inscrições para o concurso público no cargo de delegado vão até o dia 11 de maio. Serão 250 vagas ofertadas, com salário inicial de 10,5 mil por mês.

O candidato deve ser formado em direito, ter habilitação (CNH) categoria “B” ou superior e ter comprovadamente 2 anos de atividade jurídica e ou dentro da Polícia Civil.

Investigador da Polícia Civil (Investigador PC/SP):

Para o cargo de investigador da Polícia Civil do Estado de São Paulo as inscrições vão até o dia 15 de maio. Serão, ao todo, 600 vagas. O salário base do investigador é de R$ 4.435 por mês.

Para esse cargo, é necessário ter diploma de ensino superior em qualquer área e CNH “B”.

Escrivão da Polícia Civil (Escrivão PC/SP):

Os interessados na carreira de escrivão da Polícia Civil de São Paulo devem se inscrever no concurso público até o dia 15 de maio. O salário inicial é o mesmo do investigador, R$ 4.435 por mês.

Para essa função também é requerido nível superior em qualquer área do conhecimento e Carteira Nacional de Habilitação “B”. Ao todo, o edital oferece 800 vagas para escrivão PC/SP.

Agente de Telecomunicações da Polícia Civil:

O cargo de Agente de Telecomunicações da PC/SP cobra nível médio completo. As inscrições encerram dia 1º de junho. O salário inicial é de R$ 4.281 mês.

Também, o candidato deve possuir CNH “B”. Além desses pré-requisitos, todos os candidatos a cargos passarão por investigação social e devem ter conduta ilibada e idoneidade moral. No cômputo total, são 300 vagas para agente de telecomunicações da PC/SP.

Papiloscopista da Polícia Civil do Estado de São Paulo:

O cargo de Papiloscopista da PC/SP cobra nível médio completo. As inscrições encerram dia 1º de junho. O salário inicial é de R$ 4.281 mês. Similar ao cargo de Agente de Telecomunicações, é necessário ter CNH “B”. Ao todo, serão 200 vagas para Papiloscopista.

Auxiliar de Papiloscopia da Polícia Civil do Estado de São Paulo:

Para esse cargo as inscrições vão um pouco mais além das restantes, o candidato terá até o dia 8 de junho para se inscrever no concurso público. O salário inicial para o cargo de auxiliar de papiloscopia da PC/SP é de R$ 3.596 por mês. Ao todo, serão 200 vagas para esse cargo. Assim como nos demais, é necessário ter CNH “B” e Ensino Médio completo.

Agente de Polícia PC/SP:

Para o cargo de Agente Policial as inscrições no concurso público podem ser realizadas até o dia 8 de junho. O candidato, além de ensino médio completo, precisará ter Carteira de Habilitação Nacional Categoria “D”.

Ao todo, serão 400 vagas para o cargo de Agente de Polícia da Polícia de São Paulo. O salário inicial para esse cargo é de R$ 3.596 por mês.

Muitas Oportunidades, concurso Público PC/SP:

A rodada de editais para os cargos de Polícias Civis de São Paulo está completa. São 2.750 vagas para entrar na corporação, tanto para quem tem formação de nível médio, como também para aqueles que apostam em concursos públicos com salários mais altos e com maior grau de formação.

Ass: Matheus Griebeler

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 5 Média: 2.2]

Seleção ofertará vagas para Subprocurador, advogado e engenheiro.

Novo processo seletivo está próximo de ser efetivamente oficializado, no Estado de São Paulo. Trata-se do certame a ser promovido pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto, o SAAE. Este concurso visa ao provimento de vagas na unidade situada na região metropolitana da capital São Paulo, no município de Guarulhos, onde está havendo o preparo definitivo de sua definitiva realização. Este é um dos melhores concursos do Estado.

A meta deste processo de seleção se destina ao preenchimento de diversos postos de trabalho destinados os seguintes cargos: função de subprocurador; função de advogado e função de engenheiro I. Todas essas funções são tipos de carreiras que exigem o mínimo de formação acadêmica em ensino superior completo, nas mais áreas específicas de atuação profissional.

Há poucas semanas o órgão determinou, por meio de um tipo de dispensa, a banca que será responsável pela organização deste novo certame publico. A empresa que foi selecionada, já com contrato a caminho, será o instituto da Fundação Vunesp.

A próxima etapa para a definição e a realização do novo concurso público, para cargos estáveis no departamento do SAAE da cidade de Guarulhos, será a assinatura do contrato que prescreve a prestação de serviços com a futura banca organizadora do evento. Depois dessa etapa, todo o itinerário será elaborado em forma de um cronograma que conterá todas as datas do certame, como o lançamento do edital, o lançamento do período de inscrições e da realização das provas objetivas.

Com relação ao caráter do órgão do SAAE do município de Guarulhos, no Estado de São Paulo, se trata do departamento responsável pela produção da água potável, correspondendo, hoje, a mais ou menos 13% de todo o consumo necessário na cidade como um todo. Com relação aos outros 87%, se trata de encaminhá-los para o órgão da Sabesp, Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo. Todos os sistemas de produção próprios e operados por meio do SAAE funcionam em forma de captações tanto superficiais como subterrâneas, realizadas nas próprias Estações de Tratamento de Água, como o ETAs, Cabuçu, de 7,3%, e no Tanque Grande, de 2,45%, junto dos 28 poços artesianos, de 3,25%, instalados em diversas regiões por todo o município.

Assim, a medida realizada na cobertura da coleta de esgotos na cidade de Guarulhos registra em torno de 85,96%, conforme consta no Sistema Nacional de Informações em cima do Saneamento, o SNIS de 2014, que são dados oficiais disponíveis diretamente para o setor do saneamento. Mesmo assim, os sistemas de esgoto domésticos não chegam até as Estações de Tratamento, os ETEs, e acabam despejados “in natura” nos diversos córregos da cidade, causando sérios problemas ambientais. Na cidade de Guarulhos, hoje o tratamento de água atinge positivamente cerca de até 2,5% do esgoto mencionado.

O departamento do SAAE pode contar com auxílio dos subsistemas de tratamento de São João, de Bonsucesso e na Várzea do Palácio, os quais possuem ETEs que, tecnicamente, têm grande capacidade proporcionar um tratamento de, pelo menos, 17% dos dejetos escoados no município. Entretanto, como há grande falta de redes coletoras, o que resulta é que as chamadas ETEs tornam-se razoavelmente subutilizadas. É um problema a ser resolvido.

Portanto, essa é uma das melhores oportunidades de se concorrer a cargos estáveis, cujo preenchimento urge. Pessoas de todo o país poderão concorrer, porém, os residentes da região de Guarulhos terão mais vantagem ao participarem. Vale a pena conferir e manter-se conectado às próximas etapas.

Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 4 Média: 2.8]

Certame prevê o preenchimento de 320 vagas de emprego divididas em 25 cargos públicos.

O Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região divulgou o edital com muitas vagas a serem disputadas em 2018. Um fato que não é muito comum dos tribunais regionais oferecerem um número tão expressivo para provimento imediato e reserva.

Ao total, são 320 vagas sendo elas divididas em 25 cargos públicos. O TRT 2 celebrou contrato com a Fundação Carlos Chagas (FCC) como banca examinadora e prestadora das provas.

Os cargos são para ensino médio e superior e as taxas de inscrição a serem pagas para concorrer no processo seletivo são R$ 80 e R$ 95, respectivamente nesta ordem.

Os salários são interessantes, com valores estipulados em R$ 6.780,53 para cargos de técnico judiciário a R$ 11.006,83 para os cargos de analista judiciário. Portanto, se você tem interesse em receber essas remunerações em uma instituição pública com estabilidade de emprego e financeira é melhor se preparar muito bem.

Quando será o concurso do TRT SP

As inscrições começaram às 10 horas da última sexta-feira, 27 de abril e o prazo para se inscrever no processo seletivo vai até às 14 horas do dia 21 de maio, ou seja, pouco menos de um mês para cadastrar seus dados no site da Fundação Carlos Chagas, responsável pelo concurso.

A data das provas para os cargos de técnico e analista está prevista em edital para o dia 22 de Julho a serem realizadas na cidade de São Paulo.

Cargos em disputa

Os cargos abertos para serem preenchidos através do processo seletivo são para as áreas judiciária, oficial de justiça, administrativa, contabilidade, serviço social, tecnologia da informação entre outros.

Para saber sobre o número de vagas e a relação completa com todos os cargos disponíveis acesse o edital diretamente no site da Fundação Carlos Chagas acessando http://bit.ly/concurso-trt-sp.

Para efetuar sua inscrição no concurso do TRT-SP acesse a página da Fundação e preencha o formulário e emita o boleto para o pagamento da taxa de inscrição. Efetue sua inscrição através deste link http://bit.ly/concurso-trt-inscricao.

Como se preparar para concursos de Tribunais?

A banca examinadora tem o costume de filtrar muito bem os candidatos, onde os aventureiros e entusiastas não tem muita chance com a FCC, apenas quem tem o costume de estudar para concursos e já conhece muito bem esta banca que poderá ter uma chance de ser aprovado nesta prova.

A oportunidade é muito boa e ainda há tempo para se preparar, o momento é para se debruçar realmente nos estudos. Os concursos do Tribunal Regional do Trabalho comumente são muito concorridos.

O número de vagas é interessante e a área administrativa está liderando com o maior número disponível. As provas da FCC são tradicionais, pois a mesma segue um padrão com um nível bastante elevado.

Não basta apenas decorar os conceitos, é preciso estudar realmente, inclusive na internet existem diversas provas da Fundação de outros tribunais. Faça o download destas avaliações e tenha como base as questões.

As questões deste tipo de concurso são bem trabalhosas, então procure exercitar bastante e aprender realmente os conceitos de forma prática para não ser surpreendido na hora do exame.

Quais horários serão aplicadas as provas?

A previsão é que para o período da manhã esteja destinado para os cargos de técnico judiciário e o período da tarde para os cargos de nível superior de analista judiciário.

Lembrando que as provas serão aplicadas no dia 22 de Julho, portanto, você tem um bom período para criar um cronograma de estudos e se organizar. Faça seu planejamento e estude com qualidade para obter uma qualificação razoável.

Fique atento a sua classificação

A atenção para a classificação é importante, normalmente os tribunais regionais chamam um número superior ao oferecido em edital. Tenham material com foco em seu edital para que suas chances sejam bem maiores.

Tenham consciência que talvez não tenha tempo hábil de estudar todas as matérias. O objetivo de estudo deve ser direcionado para matérias que você não tem muita familiaridade, ou seja, já domina determinada matéria foque seu tempo nas mais difíceis.

Haverá prova discursiva, ou seja, prepare-se para fazer a sua redação bem embasada.

Tempo e questões das Provas

A prova será aplicada com duração de 4h30 com caráter de eliminação e classificação. O número de questões para conhecimentos básicos são 30 e 40 para conhecimentos específicos e como já citamos haverá a redação como prova discursiva.

Por Marcio Ferraz

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 4 Média: 3.5]

Certame oferece vagas para papiloscopista policial e agente de telecomunicação policial.

Chegou ao fim a espera pelos editais do concurso PC-SP 2018, pois foram publicados os editais do concurso para os cargos de papiloscopista policial e agente de telecomunicação policial. Essa é uma ótima oportunidade para quem sonha em ingressar na corporação da Polícia Civil de São Paulo. Agora é só ficar atento a todas as informações dadas aqui nesse texto e se preparar da melhor forma possível, pois as vagas serão bem disputadas e tudo indica que o número de inscrições será alto. Veja as principais informações desse concurso logo abaixo.

Conheça o número de vagas para cada cargo

Foram confirmadas 500 vagas ao todo. E elas serão divididas assim:

– 200 Vagas para papiloscopista policial

– 300 Vagas para agente de telecomunicação policial

Muitas pessoas acham que esse número de vagas ainda é bem pouco, em vista da precisão de funcionários nas vagas citadas acima, porém, esse concurso tem um maior número de vagas, se comparado a muitos outros. O ideal é não deixar esse número causar um impacto negativo aos interessados em realizar a inscrição, pois tudo pode acontecer. Se você deseja entrar para a Polícia Civil de São Paulo, essa pode ser sua grande chance.

Informações sobre a remuneração para ambos os cargos citados acima

Ambas remunerações são boas e trarão estabilidade financeira para quem conseguir passar e entrar para essa corporação. A remuneração para as duas funções é a mesma e tem salário total de R$ 4.281,51, que é a soma do salário de R$3.589,87 somado ao valor de R$691,64 que é referente ao adicional.

Veja as exigências feitas para os candidatos que vão fazer a inscrição para o concurso da Policia Civil de São Paulo

Todos os candidatos devem seguir alguns critérios de inscrição para esse concurso, que são:

– Ter carteira de habilitação na categoria B

– Ter conduta impecável em sua vida privada e pública

– Ter concluído o Ensino Médio e possuir o diploma

Informações sobre a inscrição desse concurso

Os candidatos podem se inscrever a partir do dia 3 de maio e vão até o dia 1º de junho. As inscrições devem ser feitas no site www.vunesp.com.br. A taxa de inscrição tem valor único de R$56,54. Os candidatos devem ficar ligados para não perder a data de inscrição e é preciso muita atenção na hora de preencher a fixa de inscrição, para não colocar nenhuma informação errada.

Veja como serão as provas para os dois cargos do concurso da Polícia Civil de 2018.

Para o cargo de papiloscopista policial as provas terão 80 questões objetivas que serão divididas nas seguintes matérias:

– 20 Questões de noções de informática

– 20 Questões de língua portuguesa

– 5 Questões de noções de criminologia

– 5 Questões de noções de direito

– 8 Questões de noções de identificação

– 7 Questões de noções lógicas

– 5 Questões de noções de biologia

– 5 Questões de noções de medicina e odontologia legal

– 5 Questões de atualidades

Para o cargo de agente de telecomunicação policial as provas terão 80 questões objetivas e vão ser divididas nas seguintes matérias:

– 30 Questões de noções de informática e comunicação

– 30 Questões de noções de língua portuguesa

– 6 Questões de noções de direito

– 4 Questões de noções de criminologia

– 4 Questões de lógicas

– 6 Questões de atualidade

A primeira fase da prova desse concurso será com a prova preambular que é a mais importante e pode eliminar os candidatos e também vai classificá-los. As questões serão de múltipla escolha e os candidatos vão ter o total de 4 horas para conseguir terminar essa prova.

Vale lembrar que todos os candidatos devem chegar com pelo menos 1 hora de antecedência da hora marcada para prova.

Boa sorte a todos os candidatos!

Escrito por Cristiane Amaral

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 12 Média: 3.4]

Certame contará com vagas imediatas e para formação de cadastro reserva. Inscrições podem ser feitas até o dia 28 de maio de 2018.

O primeiro semestre do ano de 2018 vai terminar com uma série de grandes concursos abertos ao público. No Estado de São Paulo, mais precisamente no município de Diadema, um novo certame público está sendo promovido pelo Instituto de Previdência do Servidor Municipal da cidade de Diadema, o Ipred. Trata-se da recente divulgação do edital do processo seletivo cuja meta está no preenchimento imediato de quatro postos de trabalho disponíveis, e para a formação de cadastro reserva de pessoas para mais seis cargos a serem ocupados futuramente.

A carreira em questão é a de agente de serviços, para formação do cadastro reserva, cuja remuneração chega a 1.187,87 reais, e o grau de exigência para sua concorrência está em nível fundamental de escolaridade.

Com relação às oportunidades cujo pré-requisito é o de nível médio completo, os postos de trabalho são os seguintes: cargo no setor de agente administrativo, com duas e salário de 1.831,91 reais; posto de motorista com CNH na categoria C, para cadastro reserva e remuneração de 1.433,55 reais e cargo no posto de técnico em contabilidade para cadastro reserva e salário no valor de 2.741 reais. Essa última função também possui o pré-requisito da formação técnica.

Para os cargos que exigem graduação em curso superior, estão disponíveis oportunidades nas funções de procurador, com uma vaga e remuneração no valor de 4.412,50 reais; posto de assistente social com uma vaga e remuneração no valor de 4.412,50 reais; posto de analista de sistemas, para cadastro reserva e com remuneração no valor de 4.412,50 reais; posto de contador, para cadastro reserva e remuneração no valor de 4.412,50 reais e posto de médico perito, para cadastro reserva e remuneração no valor de 7.071,26 reais.

A responsabilidade da organização deste novo certame público está nas mãos da empresa Dédalus Concursos. Assim, o período de inscrições inicia a partir do próximo dia 27 de abril, sexta-feira. A ficha de cadastro necessita ser preenchida no próprio site da instituição: www.dedalusconcursos.com.br. O prazo de inscrição se estenderá até o dia 28 de maio de 2018, precisamente às 23h59. O valor estipulado para a taxa é unitário de 8,87 reais.

O critério adotado para a realização das provas objetivas deste novo processo de seleção para o Ipred Diadema de 2018 são os seguintes: o exame se dará no dia 1º de julho de 2018, a empresa avaliadora realizará a aplicação da prova objetiva para a totalidade dos cargos em concorrência. Haverá um teste à parte, de caráter prático-profissional ministrado apenas para os candidatos ao cargo de procurador.

As provas objetivas consistem no seguinte: um caderno com questões em número de 40, de 50 ou mesmo 60. As disciplinas cobradas serão nas matérias de língua portuguesa; questões em cima de matemática; questões versando sobre raciocínio lógico; questões em cima da matéria de informática; versando sobre conhecimento de atualidades e sobre os demais conhecimentos gerais e conhecimentos específicos, variando estes de acordo com a função concorrida e a classe acadêmica dos candidatos.

Este novo processo de seleção abrange, no caso dos candidatos concorrendo ao posto de motorista, uma rigorosa avaliação prática, agendada para realização no dia 27 de julho de 2018. A publicação da convocação para esta fase sairá no dia 24 do mesmo mês indicado.

Conforme as informações contidas no edital, este certame para cargos no Ipred será válido por um período de dois anos, podendo ser prorrogável por até mais dois anos, de acordo com o critério do próprio instituto. Vale a pena conferir.

Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 2 Média: 2]

Profissionais interessados podem se inscrever até o dia 15 de maio de 2018.

Teve início na última segunda-feira, dia 16 de abril, o prazo para as inscrições nos editais do concurso público da Polícia Civil do Estado de São Paulo, a PC/SP. As carreiras em aberto são as de investigador de polícia e de escrivão.

No total, o processo seletivo busca o preenchimento de 1.400 oportunidades, sendo que dessas 70 estão reservadas para as pessoas com algum tipo de deficiência. A distribuição das ofertas se dará da seguinte forma: 600 vagas para investigador de polícia e outras 800 para o cargo de escrivão de polícia.

Ficou interessado e quer saber mais sobre o certame? Nós te damos todas as dicas que você precisa saber para não ficar de fora. Vamos a elas.

Pré-requisitos das vagas

Podem participar do concurso da PC/SP os candidatos que tiverem um diploma de conclusão de curso em ensino superior, não importando qual a sua área de conhecimento. Além disso, é fundamental a carteira de habilitação em categoria “B” e uma conduta correta tanto na vida pública como na privada.

Como faço para me inscrever?

As inscrições podem ser feitas no site da empresa que é responsável por toda a organização e pela execução do processo seletivo, a Fundação Vunesp. O endereço eletrônico, portanto, é o www.vunesp.com.br.

Vale lembrar que as inscrições somente são válidas até o dia 15 de maio, não sendo disponibilizado um local físico para a realização delas. Além disso, para efetivar a participação é cobrada uma taxa simbólica para ambas as funções no valor de R$ 84,81. O pagamento dessa é realizado por boleto bancário, devendo ser efetuado na data limite de seu prazo, sempre observando o horário de funcionamento da instituição bancária.

Processo seletivo do concurso

Serão diversas etapas que compõe o concurso da PC/SP. A primeira é a prova preambular, sendo ela de caráter eliminatório e classificatório.

Com 100 questões de múltipla escolha, sua aplicação será no dia 10 de junho, nas seguintes cidades: Bauru, Araçatuba, Campinas, Ribeirão Preto, Presidente Prudente, Santos, São José dos Campos, São José do Rio Preto, Piracicaba, São Paulo (região metropolitana e capital) e Sorocaba.

Para o cargo de investigador de polícia, o exame será distribuído em: 30 questões sobre noções de Direito, 30 de língua portuguesa, 10 de lógica, 10 de criminologia, 10 de atualidades e 10 de noções de informática.

Já para o escrivão de polícia, a prova preambular terá: 36 questões sobre a língua portuguesa, 30 sobre noções de Direito, 18 sobre noções de criminologia, atualidades e noções de lógica e 16 de informática.

Quem passar por essa etapa será convocado para realizar a prova escrita, de caráter eliminatório e classificatório.

O concurso da Polícia Civil de São Paulo também contará com outras etapas. São elas: comprovação sobre a idoneidade e a conduta correta do candidato mediante a investigação social (caráter eliminatório), prova oral (eliminatória e classificatória) e, por fim, a análise de títulos (classificatória).

Remuneração dos cargos

Tanto a remuneração inicial do investigador de polícia como a do escrivão é de R$ 4.435,62. Esse inclui o salário, que é de R$ 3.743,98 e corresponde à soma total dos valores baseados no salário e na gratificação do Regime Especial de Trabalho Policial, e o adicional referente à insalubridade, no valor de R$ 691,64.

Outro concurso da PC/SP

Além das oportunidades já mencionadas, a Polícia Civil de SP também está com as inscrições abertas em outro edital, para o preenchimento de 250 vagas como delegado. Dessas, 13 serão reservadas para pessoas com deficiência.

Com salário de R$ 10.579,71, as inscrições também são realizadas pela Fundação Vunesp e seguem até o dia 2 de maio. A carreira possui como exigência o diploma em nível superior no curso de Direito, bem como CNH categoria B ou superior e, ainda, a comprovação mínima de dois anos em atividade jurídica ou no exercício de um cargo como policial civil.

Kellen Kunz

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 6 Média: 3.7]

Seleção deverá ofertar 782 vagas.

No Estado de São Paulo, mais precisamente na Prefeitura do município de São Bernardo do Campo, região metropolitana da Grande São Paulo, o prefeito está prestes a publicar novo edital de certame público, o qual abrirá em torno de 782 vagas destinadas à distribuição em diversos cargos daquela repartição. Este processo seletivo abrangerá oportunidades para até 12 secretarias municipais, contendo mais opções, abarcando todos os níveis de formação escolar.

São, portanto, vagas nas áreas de educação; setor dos serviços urbanos e demais vagas para a função de Guarda Civil Metropolitana. Os salários iniciais estão variando, hoje, para esses cargos, entre os valores de 1.675,86 reais e 9.348,71 reais. A banca responsável pela organização ficará por conta da Fundação Vunesp, cuja contratação se deu por meio da chamada dispensa de licitação.

De acordo com o que já foi angariada da prefeitura daquela cidade, a maior parte dos postos de trabalho ofertada será na área de educação, abrangendo em torno de 325 vagas relacionadas ao cargo de professor na educação básica; são 50 postos reservados para cargo de diretor de escolas; são 35 postos de trabalho destinados ao cargo de coordenação pedagógica e mais dez cargos reservados ao posto de professor no setor de educação especial.

Com relação aos cargos destinados à função de Guarda Civil Metropolitana, o número de oportunidades ofertadas chega a 100 vagas, embora ainda haja necessidade de confirmação a respeito da quantidade exata de postos, tanto para os candidatos homens quanto para as candidatas mulheres.

Em relação aos demais cargos ofertados pelo concurso público prestes a ser oficializado, os setores serão os seguintes: nas demais secretarias de Administração; no departamento de Desenvolvimento Social; no departamento de Finanças; no departamento de Gestão Ambiental; no departamento de Habitação; departamento de Obras; no departamento de Planejamento Urbano; departamento de Serviços Urbanos e no departamento de Transportes.

Conforme o que foi divulgado por meio da secretaria de administração e de modernização do setor administrativo, existe necessidade não apenas de reposição de diversos cargos no setor de técnicos ou de complemento nas demais secretarias estratégicas, mas, este novo processo de seleção se destina a garantir a disponibilização das 100 vagas reservadas ao cargo de oficial administrativo, o qual abrangerá oportunidades direcionadas a todas as pastas em termos de funções na administração do município.

Entre outras boas novidades está a de que este processo seletivo abarcará a disponibilização de cargos voltados para as carreiras no setor de agentes da controladoria; carreira no setor de analista tributário e no setor de analista de transportes. Estes são postos de trabalho para os quais a secretaria da prefeitura de São Bernardo está disponibilizando, pela primeira vez, a abertura de vagas. Até o presente momento o preenchimento ou substituição de servidores se dava por meio de novas contratações de funcionários já comissionados. Vale a pena conferir.

Abaixo seguem relacionados alguns dos postos de trabalhos e seus respectivos salários:

Cargos de agente de controladoria I, com duas vagas e remuneração de 4.586,64; cargo de analista de transportes, com três vagas e salário de 3.837,96; cargo de analista tributário financeiro I, com uma vaga e salário de 7.687,20; cargo de assistente social, com uma vaga e salário de 5.045,63; cargo de diretor de escola, com 50 vagas e salário de 5.464,36; cargo de professor em educação especial, no setor de áudio-comunicação, com uma vaga e salário de 3.014,40; cargo de professora de educação especial, especialização em deficiência mental, com oito vagas e salário de 3.014,40; cargo de professor de educação especial, especialização em deficiência visual, com uma vaga e salário de 3.014,40; cargo de professor em educação básica, com 300 vagas e salário de 2.710,52, entre outras oportunidades dentro do Estado.

Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 18 Média: 2.8]

Concurso irá ofertar 30 vagas para Analista.

No último dia 11 de abril, foi anunciado oficialmente Gianpaolo Poggio Smanio como o procurador-geral do Estado, ocupando o cargo por outros dois anos, até 2020. Na mesma ocasião, também foi divulgado que o Ministério Público do Estado de São Paulo, o MP/SP, já poderá retomar os seus preparativos para elaborar o edital de seu novo concurso público, referente à carreira de analista jurídico.

Autorizado desde o dia 12 de fevereiro, serão oferecidas, no total, 30 vagas. E se você ficou interessado e quer saber mais informações sobre o certame, nós te damos todos os detalhes que você precisa saber para não ficar de fora. Vamos a elas.

Pré-Requisito para o Concurso do MP/SP

Antes de qualquer coisa, é preciso fazer saber que o concurso do MP/SP já exige, de antemão, que um pré-requisito seja atendido. Sendo assim, é fundamental que os candidatos tenham formação em nível superior no curso de Direito.

Além disso, é importante fazer saber sobre a disponibilidade para a realização da jornada de trabalho. Essa é de 40 horas por semana, não podendo o colaborador atuar em outro órgão ou empresa.

O salário inicial para o cargo de analista jurídico é de R$ 7.697,23.

Mais informações sobre o certame

Conforme as informações do próprio setor de recursos humanos do Ministério Público, tudo indica que a publicação oficial do edital será realizada juntamente com outros dois concursos que já estão autorizados para o órgão desde 2017. Trata-se do processo seletivo que se destina aos analistas técnicos científicos e os auxiliares de promotoria.

Segundo a autorização feita para o analista jurídico, as vagas serão destinadas tanto para a capital como para o litoral, interior e a Grande São Paulo. Já na data de 12 de abril foi anunciada, por meio de uma publicação no Diário Oficial, a relação de todos os membros que irão formar a comissão de responsabilidade pelo concurso.

Feito isso, a expectativa é de que a publicação do edital ocorra de forma rápida logo que contratada a banca organizadora. Ao que tudo indica, essa será a Fundação Vunesp, responsável pelos demais certames da instituição. Dessa forma, há uma melhor organização para que todos os três editais sejam publicados em uma mesma data.

De acordo com o documento de autorização do procurador-geral, há a possibilidade de criação de vagas iniciais, podendo elas serem preenchidas ainda durante o prazo referente à validade do processo de seleção.

Atribuições do cargo

Cabe ao analista jurídico elaborar todas as minutas de peças processuais, manifestações e outros pareceres que são próprios de sua função. Ainda, ele deve analisar, estudar, examinar, pesquisar e criar relatórios de natureza jurídica, auxiliando também na realização das famosas audiências, sessões e reuniões.

Outras atribuições são: acompanhamento do andamento de processos judiciais, de inquéritos civis e policiais e de procedimentos administrativos; e realizar as diligências, mantendo-as registradas para o controle de todas as atividades desenvolvidas e apresentando os relatórios pertinentes.

Último concurso do MP/SP

O último concurso do MP/SP para o cargo que, por lei, é denominado de analista de promotoria-assistente jurídico foi organizado pela Fundação Vunesp. Esse ocorreu em 2015, quando foram ofertadas 107 oportunidades, destinadas essas para São José do Rio Preto, Ribeirão Preto, Campinas, Registro, Taubaté, Sorocaba, Santos, Presidente Prudente, Piracicaba, Franca, Bauru e Araçatuba.

Composta por duas fases, a seleção englobou prova objetiva e prova escrita e discursiva. A primeira contou com 100 questões de múltipla escolha, sendo 87 sobre conhecimentos específicos e 13 de conhecimentos gerais.

Já a segunda contou com a realização de uma redação sobre direito processual penal ou penal, uma sobre direito processual civil ou de tutela de direitos difusos e coletivos e, por fim, mais cinco questões para discursar.

Kellen Kunz

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 2 Média: 3]

Certame oferta vagas para os cargos de Enfermeiro do Trabalho, Técnico de Enfermagem, Médico Hematologista ou Hemoterapeuta e Médico do Trabalho.

Você está em busca de uma oportunidade de trabalho? Saiba aqui a respeito do processo seletivo da Fundação Pró-Sangue Hemocentro de São Paulo. O edital do certame já foi publicado e as inscrições começaram em 4 de abril (quarta-feira). Há chances para profissionais com escolaridade de nível superior e também com ensino médio completo. Confira outras informações a seguir.

Como posso me inscrever no concurso do Hemocentro de São Paulo?

Os interessados em obter uma vaga na Fundação Pró-Sangue SP devem acessar o portal eletrônico do Instituto Quadrix (www.quadrix.org.br/todos-os-concursos/inscricoes-abertas/prosangue-hemocentro-de-sao-paulo.aspx), escolhido como responsável por organizar o processo seletivo, e preencher o formulário a fim de efetuarem seus cadastros.

O prazo de inscrição já está aberto e terminará no dia 7 de maio (segunda-feira). Não perca tempo e realize logo sua inscrição. O valor da taxa varia entre R$ 55, R$ 65 e R$ 75. O boleto poderá ser quitado até o dia 8 de maio (terça-feira). Caso você seja doador de sangue com frequência, isto é, tenha realizado a doação pelo menos 3 vezes nos últimos 12 meses, pode obter isenção do pagamento da taxa.

Sobre as vagas disponíveis no Hemocentro de SP

O edital anuncia 8 vagas. Desse total, 5 são para postos que exigem nível médio ou técnico completo e as outras 3 são para os cargos de nível superior.

Confira as funções oferecidas: enfermeiro do trabalho, técnico de enfermagem, médico hematologista ou hemoterapeuta e médico do trabalho.

A jornada mensal varia conforme o cargo, podendo ser de 180 horas até 220 horas.

Os locais dos postos de trabalho são para São Paulo, Barueri e Osasco.

Para o cargo de nível médio, a remuneração ofertada é de R$ 2.595,30. Já quem possui graduação completa pode perceber entre R$ 3.972,51 e R$ 5.455,94. Além disso, os aprovados terão direito aos seguintes benefícios: vale-refeição, assistência médica, vale-alimentação, auxílio-creche e vale-transporte.

O nível de escolaridade é o principal requisito a ser atendido para ocupar os cargos anunciados no edital, além disso, saiba quais são as outras exigências: possuir no mínimo 18 anos, ser brasileiro, estar em dia com as obrigações militares, no caso de candidato homem, estar em pleno gozo dos direitos políticos, estar em dia com as obrigações da justiça eleitoral, possuir aptidão mental e física, entre outros requisitos.

São oferecidas vagas para pessoas com deficiência (PCD), as quais devem passar por uma perícia médica.

Sobre o processo seletivo do Hemocentro SP

Os candidatos serão avaliados em prova objetiva com 120 quesitos na data provável de 3 de junho (domingo). As disciplinas cobradas são: raciocínio lógico, português, atualidades, legislação aplicada do Sistema Único de Saúde (SUS) e conhecimentos específicos. Os concorrentes deverão responder às questões em 3 horas. Nesse tempo também deverão preencher o cartão de respostas, pois não será adicionado tempo extra para isso.

Sobre a Fundação Pró-sangue

A Fundação Pró-Sangue Hemocentro de São Paulo foi criada no ano de 1984. Atualmente, é vinculada à Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo. Além disso, ela possuir ligação com a Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. A Sociedade Internacional de Hemofilia considerou o laboratório dessa instituição como de referência.

Mais detalhes do concurso Hemocentro de São Paulo

Caso você deseje esclarecer alguma dúvida, poderá entrar em contato com o Instituto Quadrix, por meio de sua central de atendimento, que fica em São Paulo, no bairro de Pacaembu. Outra opção é pelo seguinte número de telefone: (11) 3198-0000, ou ainda por e-mail: contato@quadrix.org.br.

O certame será válido por 2 anos e poderá ser prorrogado por uma única vez, em igual período, a contra da data de homologação e a critério da instituição. Confira mais informações aqui www.quadrix.org.br/todos-os-concursos/inscricoes-abertas/prosangue-hemocentro-de-sao-paulo.aspx.

Por Melisse V.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 3]

Certame oferta 107 vagas para o cargo de Juiz Federal Substituto.

Estão abertas as inscrições do novo concurso público do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, que engloba os Estados do Mato Grosso do Sul e de São Paulo. O certame do TRF 3ª Região 2018 publicou o edital para o preenchimento de um total de 107 oportunidades referentes ao cargo de Juiz Federal Substituto.

Conforme a publicação, haverá vagas reservadas para as pessoas que se auto declararem negros e/ou pardos (21 vagas) ou com alguma deficiência (5 vagas).

Pré-requisitos do cargo de Juiz

Para concorrer ao salário de R$ 27.500,17 e estar apto para participar do processo de seleção, o candidato precisa ter diploma como bacharel no curso de Direito há, pelo menos, três anos. A instituição de ensino superior precisa ser oficial ou reconhecida, sendo que o diploma precisa estar registrado dentro dos conformes da lei.

Além disso, o participante precisa ter, na ocasião da inscrição definitiva, um tempo mínimo de três anos em atividade jurídica, exercida essa após a graduação como bacharel no curso de Direito.

Entre outros requisitos considerados gerais para o ingresso do candidato no Concurso do TRF 3ª Região estão: ter sido aprovado no concurso; estar em dia no exercício dos seus direitos políticos e civis; ter a nacionalidade brasileira ou, ainda, portuguesa, amparado por um estatuto que declare a igualdade entre os portugueses e brasileiros e com o reconhecimento de seus direitos políticos; estar em dia com as suas obrigações eleitorais e militares, sendo esse último para pessoas do sexo masculino; possuir a aptidão mental e física para exercer as atribuições referentes ao cargo; ter comprovação por bons antecedentes sociais e morais e comprovar por um laudo emitido por um órgão oficial, a saúde mental e física, bem como características psicológicas adequadas para o exercício da função; apresentar uma declaração pública dos bens e se comprometer no desempenha das funções do cargo de forma a cumprir as leis e a Constituição; não possuir antecedentes criminais registrados; e cumprir com as determinações que constam no edital.

Como faço para me inscrever no Concurso do TRF 3ª Região?

Para se inscrever e concorrer a uma das vagas disponíveis é muito simples. As inscrições foram abertas nesta última segunda-feira, dia 9 de abril, e seguem até o dia 8 de maio, encerrando-se no horário das 18h.

O endereço eletrônico para se inscrever é o http://web.trf3.jus.br. Para efetivar a sua participação, é necessário realizar o pagamento de uma taxa no valor de R$ 200.

Processo seletivo do Concurso

O concurso público do TRF da 3ª Região contará com diversas etapas, iniciando com uma prova objetiva de caráter eliminatório e classificatório. Na sequência, segue a realização de duas provas escritas também de mesmo caráter, a sindicância da vida pregressa e também a investigação social do candidato, o exame de sanidade mental e física, o exame psicotécnico, a prova oral eliminatória e classificatória e, por fim, a avaliação classificatória dos títulos.

Sabe-se que a prova objetiva terá a sua aplicação nas cidades de São Paulo (capital) e Campo Grande, Mato Grosso do Sul. A data prevista é dia 10 de junho de 2018.

Porém, não se sabe ainda os locais exatos para a realização dessas, sendo divulgados posteriormente pela organizadora. Quanto aos gabaritos preliminares oficiais, a publicação ocorrerá até 3 dias após a realização da fase, em Diário Eletrônico do órgão responsável.

A previsão relacionada às demais datas é a seguinte: prova objetiva seletiva no dia 10 de junho; prova discursiva em 12 de outubro; prática de sentença (natureza civil) em 13 de outubro; e prática de sentença (natureza criminal) em 14 de outubro.

A validade total do concurso é de 2 anos (24 meses), sendo possível a prorrogação desse tempo por um mesmo período. Isso ficará a critério do próprio Tribunal Regional e será realizado somente em caso de extrema necessidade.

Por Kellen Kunz

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 3 Média: 4]

Concurso contará com 2.750 oportunidades

Muita gente se encontra em preparação e na expectativa da publicação do edital de abertura de um novo concurso da Polícia Civil de São Paulo. Bem, se essa for a sua situação, pode continuar dando sequência aos seus estudos preparatórios, pois as últimas notícias que chegam apontam que a empresa responsável pela organização do concurso já foi contratada, o que significa que o concurso realmente irá acontecer. Continue lendo este artigo e saiba de todas as informações sobre mais este certame.

É isso mesmo, a Polícia Civil do Estado de São Paulo irá realizar um novo concurso público. A notícia foi oficialmente confirmada nesta última sexta-feira, quando ocorreu a publicação no Diário Oficial do Estado do nome da empresa contratada para a organização do certame, que no caso será a Vunesp.

Assim, as primeiras informações sobre o concurso apontam que serão disponibilizadas para a concorrência um total de 2.750 vagas.

A contratação da banca se deu de forma direta, de modo que o processo licitatório foi dispensado. O Contrato entre as partes já foi assinado e a expectativa é de que em breve os editais já possam ser publicados, o que deve acontecer ainda neste mês de março.

Do total de vagas disponibilizadas no certame, 1.100 são para postos que exigem formação de nível médio e as restantes (1.650 vagas) são para cargos que exigem formação de nível superior.

Desse modo, quem possui ensino médio completo poderá concorrer aos seguintes cargos:

– Agente de telecomunicações: 300 vagas;

– Papiloscopista policial: 200 vagas;

– Agente de polícia: 400 vagas;

– Auxiliar de papiloscopista: 200 vagas.

Profissionais que atuam nos cargos de agente policial e de papiloscopista recebem inicialmente uma remuneração no valor de R$ 3.428,38, valor este em que já está incluído o adicional de insalubridade no valor de R$ 634,78. Já os profissionais que atuam nos cargos de agente de telecomunicações e papiloscopista, a remuneração inicial prevista é no valor de R$ 4.086,56, valor este em que também já está incluído o adicional de insalubridade no valor de R$ 634,78.

Já quem possui formação de nível superior os cargos disponíveis são:

– Delegado: 250 vagas;

– Escrivão: 800 vagas;

– Investigador de polícia: 600 vagas.

Um delegado da Polícia civil possui uma remuneração inicial no valor de R$ 10.142,55. Já profissionais que atuam nos cargos de escrivão e investigador de polícia recebem inicialmente uma remuneração no valor de R$ 4.194,76.

Como ainda não foi publicado o edital de abertura do concurso, não se pode afirmar com exatidão algumas informações. Porém, já se sabe que as provas para os cargos de escrivão e investigador devem ser realizados no mesmo dia e horário, pois assim os candidatos teriam que escolher concorrer a apenas um das carreiras disponíveis, pois é comum alguns candidatos passarem nas duas carreiras e restarem vagas em aberto, fazendo com que o processo de nomeação dos candidatos demore. Tanto que já no dia 09 do mês de novembro de 2017 foi publicada no Diário Oficial uma determinação que especifica que as provas para as carreiras de escrivão e de investigador devam ser realizadas no mesmo dia.

Nesse sentido, se você possui interesse em realizar este concurso já comece a se prepara para a realização das provas, pois ao que tudo indica após a contratação da banca organizadora o próximo passo é a publicação do edital de abertura do certame, assim como seu cronograma. Desse modo, para começar a se preparar verifique em editais de concursos passados para o cargo almejado, os conteúdos pragmáticos geralmente cobrados e assim já comece seus estudos preparatórios.

Fique atento às novas informações e a publicação dos editais que deve acontecer ainda neste mês de março.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 59 Média: 2.9]

Certame oferta 21 vagas para cargos de Nível Médio e Superior de escolaridade.

Mais um processo admissional acaba de ser divulgado. Pois, o Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de São Paulo, o IFSP, está com mais de 20 vagas abertas para diferentes municípios do estado de São Paulo. As oportunidades são para profissionais que possuem ensino médio e superior. Além disso, as vagas são todas para as funções de técnicos-administrativos. Se você tem interesse neste certame confira o texto abaixo e saiba todas as informações.

Sobre as oportunidades oferecidas pelo IFSP

O número certo de postos de trabalho vai ser de 21 vagas. Esta quantidade de vagas vai ser dividida para unidades do Instituto localizadas em 32 diferentes cidades do estado de São Paulo. Pois, como esta instituição de ensino já atende a um grande número de alunos e a cada ano este contingente aumenta, a contratação de novos profissionais é importante.

Para todos os cargos a carga horária é de 40 horas semanais. Confira agora quais vagas estão sendo oferecidas de acordo com o nível de escolaridade exigido:

– Nível Superior:

01 vaga para a função de tecnólogo com formação em gestão pública;

04 vagas para a função de técnico em assuntos educacionais;

01 vaga para a função de psicólogo;

03 vagas para a função de pedagogo;

01 vaga para a função de médico psiquiatra;

01 vaga para a função de bibliotecário-documentalista;

01 vaga para a função de assistente social.

Para todas as vagas de nível superior a remuneração é de R$ 4.180,66.

– Nível Médio:

02 vagas para a função de tradutor e intérprete de linguagem de sinais;

03 vagas para a função de técnico de laboratório para informática;

04 vagas para a função de assistente em administração.

Para todas as vagas de nível médio a remuneração é de R$ 2.175,17.

Para todos os cargos descritos, os interessados precisam ter a formação necessária para ocupar uma das vagas.

Veja abaixo a lista dos municípios em que os contratados vão atuar:

– Votuporanga; Tupã; Suzano; Sorocaba; Sertãozinho; São Roque; São Paulo (Campus e Reitoria); São João da Boa Vista (Campus e Núcleos Descentralizados da Reitoria); São Carlos; Salto; Registro; Presidente Epitácio; Piracicaba; Matão; Jundiaí; Jacareí; Itapetininga; Ilha Solteira; Hortolândia; Guarulhos; Cubatão; Catanduva; Caraguatatuba; Capivari; Campos do Jordão; Campinas; Bragança Paulista; Boituva; Birigui; Barretos; Avaré e Araraquara.

Informações sobre o processo para escolha dos candidatos

Todos os inscritos no concurso público sejam para o nível médio ou superior, do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de São Paulo vão ser submetidos a avaliações de múltipla escolha. Dessa forma, a o exame vai conter ao todo 50 questões. Desse total de perguntas, cerca de 20 vão ser sobre conhecimentos específicos e 30 perguntas de conhecimentos gerais. A prova vai ser de caráter classificatório e eliminatório.

Uma informação importante é que para as pessoas que vão concorrer a uma vaga na função de tradutor e intérprete de linguagem de sinais vão ser submetidos também a uma prova de desempenho teórico-prático.

Um detalhe que é importante salientar para os candidatos é que o conteúdo que vai ser cobrado nas avaliações vai ser divulgado em poucos dias. Para conferir quais os assuntos cobrados, acesse o seguinte endereço eletrônico: https://concursopublico.ifsp.edu.br.

Por fim, os locais das provas vão ser divulgados no dia 30 de abril. A lista vai ser publicada no link mencionado no parágrafo anterior. Já as avaliações de múltipla escolha e de desenho estão marcadas para a data de 6 de maio de 2018.

Como efetuar a inscrição para o concurso do IFSP

Para efetuar a inscrição para o concurso público do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de São Paulo você deve clicar em: https://concursopublico.ifsp.edu.br. As inscrições devem ser concluídas até o dia 1º de abril. As taxas de inscrição estão fixadas nos seguintes valores: R$ 110,00 (cargos que exigem nível superior) e R$ 90,00 (cargos que exigem nível médio).

Por Isabela Castro

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 9 Média: 2.6]

Certame oferta 25 vagas de emprego em diversos cargos.

A Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (CEAGESP) anuncia que estão abertas as inscrições para o seu concurso público. Há oferta de vagas para profissionais com escolaridade de nível superior e médio. São oferecidas 25 vagas com remuneração inicial de R$ 1,8 mil. Saiba mais detalhes do processo seletivo a seguir.

Quais são as vagas previstas no edital?

No total, são oferecidas 25 vagas. Além disso, será formado um cadastro reserva. Há chances para pessoas com necessidades especiais (PNE) e também para candidatos que se autodeclaram pardos e pretos.

Confira quais são os cargos disponíveis: técnico administrativo nas áreas contábil, de recursos humanos e de administração, inspetor de segurança, técnico de segurança do trabalho, técnico em informática e técnico operacional. As especialidades desse último posto de trabalho são: mecânica, operações gerais, civil, agrícola e elétrica.

Quem quer exercer uma função por ter formação superior pode concorrer para médico veterinário, engenheiro agrônomo, advogado trabalhista, engenheiro mecânico, analista de sistemas de desenvolvimento, engenheiro civil, médico do trabalho, engenheiro de alimentos, advogado cível, engenheiro eletricista, analista de sistemas de infraestrutura, engenheiro de segurança do trabalho e analista. As áreas ofertadas para esse cargo são: administrativa, auditoria, comunicação social, economia, recursos humanos e contabilidade.

A remuneração para as funções que requerem escolaridade de nível médio varia entre R$ 1,8 mil e R$ 3,2 mil. Já para as carreiras de nível superior, os vencimentos vão de R$ 4,2 mil e R$ 10,5 mil. Há também benefícios como auxílio alimentação e cesta básica.

Há carga horária de 20 horas, de 25 horas, 30 horas, 40 horas e 44 horas, a variar conforme a carreira.

Quero realizar meu cadastro no certame. Como faço?

O candidato que deseja concorrer a uma das vagas anunciadas no edital deve acessar o endereço eletrônico www.institutoaguia.org.br/edital/ver/1418 e preencher a ficha de inscrição com seus dados pessoais.

As inscrições já estão abertas desde o dia 21 de fevereiro (quarta-feira). Não deixe essa chance passar. Aproveite e realize sua inscrição até o dia 8 de março (quinta-feira).

Os valores das taxas custam R$ 63 para os cargos de nível médio e R$ 99 para as funções que exigem graduação completa. O boleto pode ser quitado nas agências bancárias, no máximo, até o dia 9 de março (sexta-feira). Caso você seja inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), há concessão da isenção do pagamento.

Para concorrer é necessário preencher os seguintes requisitos: estar em pleno gozo dos direitos políticos e civis, estar em dia com as obrigações eleitorais e militares, nesse último caso, se for candidato do sexo masculino, ser brasileiro, não possuir antecedentes criminais, possuir idade mínima de 18 anos, entre outras exigências.

Etapas do certame da CEAGESP

Os concorrentes farão as seguintes avaliações como parte do processo seletivo da CEAGESP: 1) prova de múltipla escolha; 2) prova discursiva – que consiste em uma redação de no mínimo 20 e no máximo 30 linhas; 3) exame de títulos – apenas para quem se candidatar aos cargos de nível superior; 4) prova prática – que se refere a uma peça técnica, cuja resposta deve possuir até 150 linhas para o cargo de advogado; 5) teste de aptidão física e 6) avaliação psicológica.

A primeira e a segunda avaliação serão aplicadas na data de 1º de abril (domingo). Quem concorrer aos cargos que exigem graduação completa fará a prova no período da manhã, enquanto os demais, à tarde. O tempo de prova é de 4 horas, incluindo o tempo para marcação do cartão de resposta.

Para a avaliação de títulos, os comprovantes das experiências e capacitações, como mestrado, especialização e doutorado devem ser entregues no dia 1º de abril.

Saiba outras informações do certame da CEAGESP no site do Instituto Águia – www.institutoaguia.org.br/edital/ver/1418.

Por Melisse V.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 6 Média: 3.2]

Concurso oferta 661 vagas de emprego em cargos de Nível Fundamental, Médio/Técnico e Superior de ensino.

Mais um concurso público foi aberto para o estado de São Paulo. Dessa vez, quem vai realizar o processo seletivo é a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo, a Sabesp. A instituição vai oferecer mais de 600 vagas para os seguintes níveis: fundamental, médio/técnico e superior. Veja as informações referentes ao certame.

Sobre as vagas que estão sendo oferecidas pela Sabesp

A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo vai abrir ao todo 661 postos de trabalho. Devido à importância e também à quantidade de pessoas que precisam do serviço do órgão, a realização deste novo certame é de extrema importância.

Para este novo concurso a banca organizadora vai ser a Fundação Carlos Chagas. Os aprovados vão atuar em diferentes pontos do estado de São Paulo como em municípios que se encontram no litoral, no interior e até em localidades da própria cidade de São Paulo.

Confira agora os postos de trabalho disponibilizados neste processo seletivo e também o valor da remuneração para cada vaga:

– Ensino Fundamental:

  • 15 oportunidades para motorista.
  • 246 oportunidades para agente de saneamento ambiental.

Remuneração R$ 1.854,54.

  • 04 oportunidades para soldador.
  • 19 oportunidades para mecânico.
  • 33 oportunidades para eletricista.
  • 02 oportunidades para oficial de manutenção civil.
  • 01 oportunidade para operador de caldeira.

Remuneração R$ 2.845,17.

– Ensino Médio/Técnico:

  • 03 oportunidades para técnico em informática.
  • 36 oportunidades para técnico em gestão.
  • 16 oportunidades para atendentes de cliente.
  • 04 oportunidades para técnico em segurança do trabalho.

Remuneração R$ 2.793,57.

  • 01 oportunidade para técnico em telecomunicações.
  • 08 oportunidades para técnico em saneamento.
  • 23 oportunidades para técnico em química/ meio ambiente.
  • 50 oportunidades para técnico em química.
  • 07 oportunidades para técnico em mecânica.
  • 05 oportunidades para técnico em eletrotécnica.
  • 03 oportunidades para técnico em eletrônica.
  • 13 oportunidades para técnico em eletromecânica.
  • 22 oportunidades para técnico em edificações.
  • 01 oportunidade para técnico em automação.
  • 01 oportunidade para técnico em agrimensura.

Remuneração: R$ 3.650,07.

– Ensino Superior:

  • 02 oportunidades para tecnólogo em construção civil/construções de edifícios ou obras hidráulicas.
  • 03 oportunidades para químico.
  • 02 oportunidades para médico do trabalho.
  • 01 oportunidade para biólogo.
  • 03 oportunidades para analista de sistemas.
  • 02 oportunidades para relações públicas.
  • 01 oportunidade para publicitário.
  • 02 oportunidades para psicólogo.
  • 04 vagas para economista.
  • 10 oportunidades para contador.
  • 33 oportunidades para administrador de empresas.
  • 29 oportunidades para advogado.

Remuneração: R$ 5.601,87.

  • 03 oportunidades para engenheiro em segurança do trabalho.
  • 01 oportunidade para engenheiro sanitarista.
  • 03 oportunidades para engenheiro mecânico.
  • 01 oportunidade para engenheiro elétrico.
  • 18 oportunidades para engenheiro civil.
  • 04 oportunidades para engenheiro ambiental.

Remuneração: R$ 7.964,50.

Os candidatos que vão concorrer a uma das vagas que pedem ensino médio/técnico ou superior precisam ter a formação na área e também um diploma reconhecido por uma instituição de ensino. As jornadas de trabalho variam de acordo com cada cargo, elas podem ser de 20, 30, 36 e 40 horas semanais. O vínculo empregatício vai ter a duração de 12 meses e o contrato pode ser prorrogado por mais um ano.

Processo seletivo

A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo definiu que este concurso público vai contar com 4 fases, sendo elas:

Primeira fase: teste de múltipla escolha. Caráter classificatório e eliminatório.

Segunda fase: verificação se os candidatos atendem aos pré-requisitos (para verificar quais são os pré-requisitos acesse o edital do certame que pode ser conferido em: http://www.concursosfcc.com.br/concursos/sabes317/index.html).

Terceira fase: avaliação médica.

Quarta fase: admissão.

Da segunda fase a quarta o concurso conta apenas com caráter classificatório.

O teste de múltipla escolha vai ser divido da seguinte forma:

Prova para os cargos de ensino fundamental: 20 perguntas de conhecimentos básicos e 20 perguntas de conhecimentos específicos.

Prova para os cargos de ensino médio/técnico: 25 perguntas de conhecimentos básicos e 25 perguntas de conhecimentos específicos. Entretanto, para as funções de técnico em gestão e atendente de clientes o teste vai contar com: 30 perguntas de conhecimentos básicos e 20 perguntas de conhecimentos específicos.

Prova para os cargos de ensino superior: 25 perguntas de conhecimentos básicos e 25 perguntas de conhecimentos específicos.

Para todos os níveis os candidatos, as provas vão ter a duração de 3 horas e elas acontecem no dia 6 de maio. O local e o horário das avaliações ainda vão ser divulgados.

Valor das inscrições e como realizá-las

A taxa de inscrição varia entre R$ 50,00 (fundamental); R$ 65,00 (médio/técnico) e R$ 70,00 (superior). Para realizar a inscrição, os candidatos devem acessar: http://www.concursosfcc.com.br e ela deve ser feita até a data de 26 de março.

Por Isabela Castro

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 49 Média: 2.9]

Seleção oferta 30 vagas. Salários passam de R$ 7 mil.

No Estado de São Paulo já está sancionado o novo concurso público para cargo de analista, no setor do Ministério Público. Inicialmente a oferta oficial é de 30 vagas, porém, há a possibilidade de que esse número aumente durante o período de validade do processo seletivo, o qual se estenderá por todas as regiões daquele Estado. A comissão organizadora já foi determinada.

O anúncio do processo de seleção configura uma grande expectativa para diversos estudantes e profissionais interessados em fazer parte do quadro de servidores do Ministério Público no Estado de São Paulo, MP/SP. Recentemente, a partir do dia 12 de fevereiro, por meio de sanção do procurador-geral de Justiça do Estado, foi autorizada a realização de novo certame público destinado a prover carreiras no setor de analista jurídico. O total de vagas ofertadas é em número de 30, sendo que os interessados em concorrer estão obrigados a possuir diploma de nível superior em ciência do direito. O valor do salário chega a 7.697,23 reais, constituindo uma jornada de trabalho de 40 horas por semana.

Conforme as informações contidas no documento da autorização, o número de oportunidades disponíveis, no momento, está reservado para as seguintes regiões do Estado de São Paulo: a própria capital, na Grande São Paulo; no litoral e no interior. No mesmo dia 12 de fevereiro, por meio de publicação em diário oficial, foi anunciada a constituição da comissão responsável pelo processo de andamento deste concurso público. O próximo passo será publicação oficial do edital, após a contratação da banca organizadora.

Foi especificado, também, que o processo de realização deste certame teve origem a partir de oportunidades geradas desde o ano passado, por meio da lei 16.501/2017, na qual o governo do Estado fez sancionar a criação de mais 546 vagas destinadas à assistência jurídica do Ministério Público. De acordo com o que aponta a própria determinação governamental, deste total de postos de trabalho novos e prontos para serem ocupados, 273 deles estavam destinados ao preenchimento para 2017 e os demais 273 para preenchimento neste ano de 2018. Portanto, existe a expectativa de aproveitamento de mais vagas, além das 30 já autorizadas oficialmente.

Com relação às atribuições da função deste cargo, é importante relacionar os seguintes itens: trabalhar na elaboração de minutas a das peças processuais; trabalhar nos devidos pareceres e em outras manifestações características desta função de execução; atuar em análises, em estudos, em exames, em pesquisas, em determinados relatórios e nos demais trabalhos de natureza especificamente jurídica; trabalhar no auxílio e na realização das audiências públicas; participar de reuniões e de sessões; trabalhar no acompanhamento e no andamento dos processos judiciais; trabalhar nos inquéritos policiais ou nos civis, assim como nos procedimentos administrativos; trabalhar na realização das devidas diligências e manter o registro e o controle das demais atividades desenvolvidas, sendo responsável pela apresentação dos necessários relatórios.

De acordo com informações angariadas sobre o concurso passado, o mesmo foi realizado em duas etapas, nas quais foram ministradas provas objetivas na primeira fase, sendo que a prova escrita e discursiva (redação) foi aplicada na segunda fase.

A fase de prova objetiva consistiu em um caderno de 100 questões de múltipla escolha, das quais foram 13 versando sobre conhecimentos gerais e mais 87 questões versando sobre os devidos conhecimentos específicos. Assim, a estrutura do exame constituiu de: dez questões sobre língua portuguesa e mais três questões sobre atualidades. As questões sobre os conhecimentos específicos consistiram em 15 sobre direito penal; 15 questões sobre direito processual penal; 12 questões sobre tutela de interesses difusos; sete questões versando sobre direito civil, sete questões sobre direito processual civil; seis questões sobre direito administrativo; seis questões sobre direito constitucional; cinco questões sobre direito da infância e da juventude; quatro questões sobre direito comercial e empresarial; seis questões sobre direitos humanos e mais quatro versando em matéria de direito eleitoral.

Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 13 Média: 3.1]

Seleção oferece 50 vagas para Guarda Civil de 2ª Classe.

Foi publicado um edital inédito para novo concurso público, por meio da Prefeitura Municipal de São José dos Campos, no interior do Estado de São Paulo. Trata-se de um processo seletivo cuja meta é o provimento de 50 postos de trabalho destinados à carreira de Guarda Civil Municipal de 2ª classe. Para poder concorrer a este tipo de cargo é necessário que o interessado possua diploma de conclusão de curso em nível médio de escolaridade; estar em idade entre 18 e 30 anos até o fechamento destas inscrições; possuir altura mínima de 1,60 metros, em relação aos candidatos do sexo feminino e 1,65 metros em relação aos candidatos do sexo masculino; possuir carteira nacional de habilitação na categoria B.

A remuneração começa com o valor de 1.591,86 reais, sendo que a jornada de trabalho semanal é de 44 horas. Com relação aos benefícios oferecidos pela Prefeitura de São José dos Campos, há o vale-refeição, o vale-transporte entre outros. Conforme as informações contidas no edital, todos os integrantes da guarda civil e municipal estão constantemente sujeitos a uma jornada exclusiva de trabalho, a qual se caracteriza pelo cumprimento responsável da carga horária especial e dos seus plantões noturnos.

Sobre as atribuições deste cargo, se pode fazer a seguinte relação sumária: estar sob o comando da corporação da guarda civil municipal na 1ª classe; estar em conjunto com a guarnição de viaturas no sentido de cumprir as missões determinadas, incluindo a função de motorista; ser responsável pela organização dos equipamentos e dos materiais utilizados no turno de serviço em que estiver trabalhando; exercer com zelo as demais tarefas designadas e pré-estabelecidas nos regulamentos internos da corporação, que são compatíveis com o cargo em questão.

Todas as pessoas interessadas em concorrer a uma vaga neste certame, necessitarão cadastrar suas inscrições entre os dias 26 de fevereiro e 29 de março de 2018. O procedimento se dará por meio de um formulário de inscrição que estará disponível no endereço eletrônico da banca responsável pela organização deste concurso público, ou seja, a Fundação Vunesp (www.vunesp.com.br). A taxa estipulada está no valor de 68,50 reais.

Este novo processo seletivo promovido por meio da Prefeitura de São José dos Campos será estruturado pelas seguintes etapas: iniciando com a prova objetiva; seguindo com avaliação de altura e devida prova de aptidão física, além da necessária avaliação de base psicológica.

O caráter da prova objetiva será de avaliação eliminatória e classificatória, consistindo a mesma em um caderno composto de 50 questões com múltipla escolha, das quais 15 versarão sobre conteúdo de língua portuguesa; 15 questões versando sobre matemática; cinco questões versando sobre o tema de atualidades; cinco questões versando sobre noções de informática e mais 10 questões versando sobre o tema de conhecimentos específicos. As provas serão ministradas no próprio município de São José dos Campos, no Estado de São Paulo, agendadas para o dia 6 de maio de 2018, cujo início se dará às 9 horas.

Portanto, o conteúdo programático que vai preencher os cadernos das provas objetivas será de: Língua portuguesa, Matemática, Atualidades, Noções básicas de informática e matéria versando sobre os devidos conhecimentos específicos.

Para recapitular as informações básicas e importantes: o concurso está sendo promovido pela Prefeitura de São José dos Campos, no Estado de São Paulo; o número total de vagas é 50; o cargo ofertado é o de Guarda Municipal; o grau de escolaridade exigido é o de Nível Médio; as vagas estão situadas apenas no Estado de São Paulo; a área de atuação do cargo é na Segurança Pública; o valor da remuneração está em 1.591,86; a taxa para inscrição é de 68,50 reais; a banca organizadora é a Vunesp e o município onde será realizado o certame é o de São José dos Campos.

Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 3 Média: 1.7]

Certame conta com 100 vagas e já teve a sua banca organizadora definida.

Uma boa notícia foi divulgada pela Procuradoria Geral do Estado de São Paulo, a PGE/SP. Isso porque foi confirmado no último sábado, dia 3 de fevereiro, através de uma publicação no Diário Oficial, o nome escolhido para ser a banca organizadora do novo concurso público da instituição.

Trata-se da Fundação Vunesp, que será a responsável por preencher o cargo de Procurador do Estado. Vale ressaltar que a escolha não foi feita por licitação e a necessidade pela vaga foi autorizada já em 9 de novembro pelo governador Geraldo Alckmin.

Sabendo disso, a publicação de edital de abertura referente às inscrições já deve ocorrer nos dias que seguem, ainda no mês de fevereiro. Isso depende unicamente da definição de um cronograma com a empresa.

Na data de 23 de janeiro, o conselho que conta com os procuradores já havia realizado a aprovação, por votação unânime, da minuta do edital. Agora, esse está em fase de últimos ajustes e de redação final. No total, serão 100 vagas, com exigência para concorrer de formação em nível superior no curso de Direito. A remuneração inicial é de R$ 22.178,43.

Necessidade de Pessoal

Apesar de ser um número expressivo, o total que foi autorizado para o concurso não é o suficiente para suprir a necessidade de pessoal, já que, de acordo com uma declaração do Presidente da Associação de Procuradores do Estado de São Paulo, a Apesp, a carreira tem uma necessidade superior a 170 profissionais.

A mesma autorização do governador também não preenche o pedido que foi enviado pela Secretaria Estadual de Gestão Pública, a SGP, com um total de 185 postos, sendo desses 150 para procurador. As demais vagas seriam para oficial administrativo (30 oportunidades) e executivo público (5 oportunidades).

Valorização do Procurador

O certame realizado pela PGE/SP busca a valorização do cargo de procurador, dentro de um processo que integra diversos fatores. Além do preenchimento dessas 100 vagas em aberto, tramita também na Assembleia Legislativa do Estado, a Alesp, um projeto complementar que integra três pontos, entre os quais a integração do nível I e II, ocorrendo a evolução funcional dos integrantes no dia seguinte à conclusão do estágio. Com isso, tem-se uma maior agilidade e garantia de melhores salários aos servidores, de forma muito mais rápida.

Outra proposta visa alterar a base de cálculo para gratificação, paga essa para alguns dos procuradores que atuam em condições especiais de dificuldade, conforme a natureza do serviço prestado ou localização (gratificação por uma atividade especial). Não bastasse isso, a mesma modifica a composição do conselho da Procuradoria, ampliando toda a representação de membros natos.

O projeto, encaminhado esse pelo próprio Alckmin, está em processo de análise pela Comissão de Constituição, Justiça e Redação. A distribuição foi feita ao deputado do PSDB, Marcos Zerbini.

Último Concurso

Realizado em 2012, o último concurso para o cargo de procurador teve o oferecimento de um total de 105 vagas. Organizado pela Fundação Carlos Chagas, o processo seletivo ocorreu por meio de provas escritas, prova objetiva e uma avaliação discursiva. Além disso, o certame contou com a análise de títulos e uma prova oral.

A prova escrita contou com 90 questões sobre direito processual civil, direito constitucional, direito administrativo, direito previdenciário público e de pessoal, direito civil, direito tributário, direito ambiental, direito financeiro, econômico e empresarial público e direito do trabalho e processual do trabalho.

Já a parte discursiva foi dividida em duas partes. Uma composta por uma peça processual civil, duas questões de direito ambiental, duas de direito civil e duas sobre direito do trabalho e de processual do trabalho. E a segunda parte foi voltada a duas questões de direito administrativo, duas sobre direito constitucional, duas de direito tributário, duas de direito pessoal e de previdenciário público e, por fim, duas de direito financeiro, econômico e também empresarial público.

Kellen Kunz

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 10 Média: 2.5]

Concurso Público oferece 46 vagas para Especialistas e Analistas.

Mais um concurso público vai ter as suas inscrições abertas nos próximos dias. Pois a Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo, a Arsesp, vai realizar um novo certame para contratar profissionais formados em cursos de graduação. Vão ser oferecidas cerca de 46 vagas.

Informações sobre as vagas oferecidas no certame

Para este concurso público estão sendo oferecidas vagas para os seguintes postos de trabalho: 42 oportunidades para a função de Especialistas em Regulação e Fiscalização de Serviços Públicos I e 04 oportunidades para Analistas de Suporte à Regulação I.

Como mencionado acima, às vagas são todas para pessoas que possuem cursos superiores. A Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo não definiu cursos de superiores específicos como pré-requisitos. Entretanto, os interessados precisam ter diplomas em graduações que tenham ligação com os postos de trabalho oferecidos.

Os candidatos precisam possuir um certificado que de fato se formaram em um curso superior em uma instituição reconhecida pelo Ministério da Educação, o MEC. Além disso, eles precisam ter experiência de mais de dois anos na área em que se formaram. Para todos os cargos a remuneração será em torno de R$ 6.200,00 reais e carga horária vai ser de 40 horas semanais.

Sobre o processo seletivo

A Arsesp definiu que para este certame o processo admissional vai contar com duas fases: uma prova de múltipla escolha e uma redação.

O teste vai contar com 80 questões, sendo uma alternativa verdadeira e quatro falsas. Os conteúdos cobrados nas provas vão ser: conhecimentos específicos sobre as funções de cargo; direito administrativo; direito constitucional; noções de informática; raciocínio lógico; matemática e língua portuguesa. Não foram divulgadas quantas questões vão ser destinadas para cada matéria.

A redação vai contar com um tema específico e que só vai ser divulgado no dia da aplicação da prova. O candidato precisa escrever um texto que atenda as normas gramaticais da língua portuguesa.

Datas das provas

Os testes estão marcados para o dia 29 de abril de 2018, na cidade de São Paulo. Ainda não foi divulgado o horário das provas e nem o local onde elas vão ser aplicadas. A expectativa é que estas informações sejam divulgadas nos próximos dias.

Uma informação que já foi confirmada é que a prova vai ter a duração completa de cinco horas.

Pré-requisitos para a inscrição

Além do curso de graduação, os interessados em participar deste concurso público precisam atender algumas regras impostas pela Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo:

  • Ser maior de 18 anos;
  • Ser naturalizado brasileiro;
  • Não ter nenhum tipo de pendência com a justiça eleitoral e militar (para os homens);
  • Comprovar que tem condições físicas e psicológicas para exercer a função na qual está se candidatando.

Como os candidatos devem realizar as inscrições

Para realizar as inscrições os interessados precisam acessar o site da Fundação Vunesp: https://www.vunesp.com.br/. Órgão que foi escolhido como banca organizadora do certame. As inscrições devem ser efetuadas entre o período de 20 de fevereiro até 21 de março. Para qualquer que seja a vaga, o candidato vai precisar pagar uma taxa de R$ 70,00 reais.

Último concurso público da Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo

O último processo admissional da Arsesp aconteceu no ano de 2009. Na ocasião foram oferecidas cerca de 120 vagas, sendo 30 oportunidades para o cargo de Analista de Suporte à Regulação e 90 oportunidades para Especialista em Regulação e Fiscalização de Serviços Públicos.

A remuneração paga pela Agência variava entre R$ 3.600,00 reais até R$ 4.200,00 reais. Em 2009, o processo seletivo contou com três etapas: prova objetiva; redação e prova de títulos, todas as fases foram de caráter classificatório e eliminatório.

As 120 vagas foram preenchidas e não foi criado cadastro reserva. A banca organizadora em 2009 também foi a Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista – Fundação VUNESP.

Isabela Castro.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 2 Média: 3]

Oportunidades serão para o cargo de Soldado da PM de 2ª Classe.

No Estado de São Paulo outro importante concurso está prestes a ser oficializado. Trata-se do Concurso PM/SP. De acordo com informações do próprio departamento, a banca organizadora está sendo determinada. Este certame está oferecendo vagas para homens e mulheres, sendo obrigatório possuir nível médio completo. Todo concurso público promovido pela Polícia Militar de São Paulo, PM/SP, está entre os mais concorridos, devido à estabilidade e carreira.

O próprio órgão da Polícia Civil de São Paulo está em processo de análise da banca, que estará encarregada de organizar este novo concurso público, o qual abrirá em torno de 2.700 vagas destinadas ao cargo de soldado da PM de 2ª classe. Conforme as informações da Divisão de Seleção e de Alistamento, existe a probabilidade de que a escolha da banca finalize nas semanas vindouras, sendo que a publicação do edital depende desse passo, o que deve ocorrer neste mesmo semestre.

Para atingir a carreira de soldado no processo seletivo da PM de São Paulo de 2018, é necessário certificado que comprove a conclusão em ensino médio; outro pré-requisito é possuir altura mínima de 1,60m com relação aos candidatos do sexo masculino e altura mínima de 1,55m para candidatos do sexo feminino; é preciso estar com idade entre 17 e 30 anos e possuir carteira de habilitação em categorias que vão de “B” a “E”.

Com relação à remuneração, o valor vigente para o cargo de soldado da PM em 2ª classe é equivalente a 3.034,05 reais, pois o valor das parcelas que constituem o mesmo estão em torno de 1.178,88 reais, conforme o padrão, além de 1.178,88 reais para cargo de Regime Especial de Trabalho Policial, RETP, e mais 676,29 de abono insalubridade.

No dia 27 de novembro de 2017, o governo de São Paulo assinou a autorização para a realização deste novo processo seletivo público da PM, que visa ao preenchimento de um total de 5.400 vagas. As duas oportunidades estarão descritas nos dois editais, ambas com igual número de vagas, ou seja, 2.700 postos de trabalho. A primeira turma está programada para iniciar as atividades profissionais no mês de maio de 2019. Portanto, todos os preparativos para a finalização do edital iniciaram-se. No que tange ao segundo edital, o mesmo necessita de um cronograma, porém, ainda está em processo de elaboração, já que há necessidade de se formar mais uma turma de profissionais, programada para iniciar as atividades no mês de janeiro de 2020.

De acordo com informações angariadas da corporação, as atribuições do cargo de soldado da PM em 2ª classe são os seguintes: realização de ostensivo policiamento e preservação da ordem pública, que abrange o uso da repressão imediata sobre infrações penais e ou administrativas ocorridas, com a devida aplicação da lei, que agirá em suas várias modalidades em forma de policiamento, nas quais o profissional estará primando pela defesa da vida, defesa da integridade física e na defesa da dignidade de toda pessoa humana, agindo de pleno acordo com todos os princípios doutrinários estabelecidos na polícia comunitária, em conformidade com os direitos humanos, garantindo uma gestão de qualidade, agindo por meio de qualificação conferida pelo aproveitamento de curso superior na área de técnico de polícia ostensiva e na preservação integral da ordem pública, já que a formação em questão se destina, dentro da consistência teórica e prática, aperfeiçoar o profissional atuante em cargo inicial dentro do quadro de praças da Polícia Militar do Estado de São Paulo.

Em geral, o padrão de provas realizados neste tipo de concurso público se realiza conforme o seguinte: provas objetivas com questões de múltipla escolha, constando de 12 questões sobre matemática; dez sobre conhecimentos gerais; cinco questões versando sobre noções básicas de informática e mais cinco questões em cima de noções de administração pública. Além disso, há uma prova dissertativa, redação, que consiste na produção de texto conciso e na norma culta da língua portuguesa.

A outra fase de testes consiste em exames de aptidão física e nos devidos exames de saúde; testes psicológicos; análise de histórico de conduta social, da reputação do candidato e de sua idoneidade, junto de seus documentos.

Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 97 Média: 3]

Editais devem ser publicados em fevereiro.

Para quem se encontra na expectativa de novas informações sobre um novo concurso público da Polícia Civil do estado de São Paulo, as informações que chegam são bastante animadoras. É que o concurso se encontra na fase de escolha da empresa que ficará responsável pela organização e execução do certame.

É isso mesmo, segundo as informações cedidas pela Divisão de Administração da Academia de Polícia, o órgão está analisando essas empresas. Pode ser que a contratação seja realizada por meio de processo licitatório, porém, isto não foi confirmado, mas de qualquer forma o concurso já está confirmado.

A confirmação do novo concurso da Polícia Civil do estado de São Paulo aconteceu no dia 02 deste mês, quando o governador do estado Geraldo Alckmin assinou oficialmente a autorização do certame.

Dessa forma, os primeiros passos para a sua organização já foram dados como a formação de uma comissão que já se encarregou de elaborar os editais de aberturas que se encontram em fase de finalização e só aguardam a contratação da banca organizadora para serem publicados.

A previsão inicial é que esses editais sejam publicados a partir do mês de fevereiro, principalmente se a banca for contratada de forma direta, o que irá agilizar o processo.

De acordo com as primeiras informações sobre o concurso, serão disponibilizadas para a concorrência o equivalente a 2.750 vagas, sendo que desse total 1.100 são para cargos que exigem formação completa no ensino médio. Já as outras 1.650 vagas são para cargos que exigem formação de nível superior.

Como os cargos são diferentes, serão confeccionados editais separados, conforme as informações da Secretaria de Defesa do estado, a previsão e de que os editais sejam publicados em uma mesma data, de modo que já está quase confirmado que as provas sejam realizadas no mesmo dia, impedindo assim que os interessados se inscrevam para os dois cargos, optando assim por uma carreira.

O motivo dessa medida se dá em razão de acontecer casos em que os candidatos são aprovados em duas carreiras e consequentemente algumas vagas não são preenchidas, o que faz com que o processo de efetivação se alongue.

A Secretaria já confirmou que as provas para os cargos de escrivão e investigador de polícia serão realizadas no mesmo dia e no mesmo horário, conforme foi determinado por uma resolução publicada no mês de novembro de 2017.

Dessa forma, quem possui formação de nível médio poderá entrar para a concorrência de vagas nos seguintes cargos:

Agente de telecomunicações: 300 vagas;

– Agente de polícia: 400 vagas;

– Papiloscopista policial: 200 vagas;

– Auxiliar de papiloscopista: 200 vagas.

A remuneração inicial para os postos de auxiliar de papiloscopia e agente policial é no valor inicial de R$ 3.428,38. Neste valor estão incluídos o salário no valor de R$ 2.793,60 mais de R$ 634,78 que se refere ao adicional de insalubridade.

Já os cargos de Papiloscopista e de agente de telecomunicações o salário inicial previsto é no valor de R$ 4.086,56. Neste valor já estão incluídos o salário no valor de R$ 3.451,78 mais R$ 634,78 de adicional.

Para quem possui formação de nível superior os cargos disponíveis no concurso serão de:

– Investigador de polícia: 600 vagas;

– Escrivão: 800 vagas;

– Delegado: 250 vagas;

O delegado da PC- SP possui uma remuneração inicial no valor total de R$ 10.142,55. Já os cargos de escrivão e investigador possuem uma remuneração no valor total de R$ 4.194.

Nesse sentido, se você possui interesse em realizar o concurso Público da Polícia Civil do Estado de São Paulo, fique atento à novas informações e a publicação dos editais que devem ser publicados a partir do mês de fevereiro.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 201 Média: 3]

Seleção deve ofertar 100 vagas para Procurador e Oficial Administrativo.

O edital da Procuradoria Geral do Estado de São Paulo (PGE/SP), para o cargo de procurador, deve ser publicado nas próximas semanas, pois o conselho de procurador aprovou a minuta do edital por unanimidade. O próximo passo é a contratação da banca responsável pelo certame, que deve ter 100 vagas e a remuneração inicial é de R$ 22.178.41.

Para concorrer ao cargo de procurador, é necessário ter formação em direito e o certame foi autorizado em novembro, quando a a comissão para a organização do concurso foi formada. Que tal iniciar os seus estudos?

Concurso PGE-SP: carência de servidores

Apesar de estarem previstas 100 vagas para o concurso PGE-SP, este quantitativo não deve atender a demanda de pessoal, pois segundo a Associação de Procuradores do Estado de São Paulo, a carreira tem uma necessidade de 170 servidores.

Além disso, o número de vagas previstas não atende a demanda do pedido da Secretaria Estadual de Gestão Pública, que seria de 185 vagas, que seriam destinadas 150 para a carreira de procurador e 30 para o cargo de oficial administrativo, que exige apenas nível médio, além de 5 para executivo público, nível superior. Ou seja, a Procuradoria Geral do Estado de São tem carência de servidores.

Sobre o último certame

O último concurso para o Órgão ocorreu em 2012, sendo organizado pela Fundação Carlos Chagas (FCC) e ofereceu 105 vagas. Os candidatos fizeram provas objetivas, discursiva, prova oral e análise de título.

A prova objetiva teve 90 questões, sendo que foram cobradas 10 questões das seguintes disciplinas: processo civil, constitucional, direito civil, administrativo, direito ambiental, direito pessoal e previdenciário público, direito do trabalho, processo do trabalho, tributário, financeiro, econômico e empresarial.

Além dessa fase, a parte discursiva foi dividida em duas etapas: a primeira foi composta por meio de uma peça de processo civil, duas de direito ambiental, duas relacionadas ao direito do trabalho e ao processo do trabalho e duas de direito civil.

Em relação à segunda fase, foram duas peças de direito constitucional, duas de direito de pessoal, duas de administrativo e previdenciário público, duas de direito financeiro, duas de direito tributário, empresarial público e econômico.

A expectativa é que o próximo edital seja divulgado em pouco tempo, sendo uma das melhores carreiras no serviço público.

Como passar no concurso PGE-SP?

Um dos concursos mais cobiçados, por isso, quem estiver pensando em concorrer a uma das 100 vagas deve começar os estudos antes da publicação do edital, a fim de ganhar conhecimento e desenvolver uma boa base nas disciplinas.

O primeiro passo é montar um planejamento com os conteúdos, tendo como base o último edital publicado, que pode ser acessado clicando aqui. Elabore um cronograma, para organizar o seu dia a dia e as disciplinas que serão vistas ao longo da semana.

Um planejamento vai ajudar você a manter a tranquilidade e principalmente a organização. Ele deve ser focado em teoria, exercício e revisão. Treine para a prova discursiva, também. Para garantir um estudo produtivo, invista em materiais de qualidade e específicos para o concurso da PGE-SP.

Como a banca deve ser definida nas próximas semanas, é fundamental manter o foco e a qualidade dos estudos. Faça exercícios específicos da organizadora e resolva as últimas provas do concurso, para ganhar conhecimento e medir o seu desempenho.

Ou seja, conheça os seus pontos fortes e fracos, para saná-los até o dia da prova e tentar conseguir a sua aprovação. Se você trabalha e estuda, aproveite o tempo livre do fim de semana ou dos feriados, para fazer uma revisão e fazer ainda mais exercícios.

Concilie a sua rotina com atividade física e confie em si para conquistar o seu objetivo. Não deixe de compartilhar a novidade nas suas mídias sociais. Sucesso nos estudos!

Por Babi

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 5 Média: 1.2]

Documento deverá ser publicado no mês de fevereiro de 2018.

Um dos vários concursos públicos muito aguardados para o ano de 2018 é o da Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo, a Ceagesp. Com previsão para a publicação na metade do mês de fevereiro, conforme as informações obtidas juntamente com os responsáveis pelo setor de RH (Recursos Humanos) do órgão, o certame teve novas notícias animadoras para quem quer se inscrever e participar.

Isso porque na última segunda-feira, dia 22 de janeiro, aconteceu a homologação do resultado final relacionado ao processo seletivo interno, para os servidores já concursados. Sendo assim, de acordo com responsáveis da instituição, já há a possibilidade de finalizar o quadro de vagas para o preenchimento imediato dessas.

Todavia, é importante ressaltar que a seleção deverá oferecer diversas oportunidades e para todas as carreiras já existentes no quadro de pessoas, seja para a contratação imediata ou ainda para a formação de cadastro reserva de pessoal. Esse cadastro reserva é destinado para preencher eventuais necessidades que ainda possam surgir durante o prazo de validade total do certame.

Com tudo isso, espera-se que a liberação do edital possa ser feita de forma agilizada, finalizando assim o edital juntamente com a banca organizadora, já escolhida previamente.

Trata-se do Instituto Águia, contratada no mês de dezembro para a realização de todo o processo. E, ao que tudo indica, a intenção é de que todos os procedimentos para a seleção aconteçam até os meados do segundo semestre, já que o contrato com a empresa termina em dezembro desse ano.

Sobre os cargos

Apesar de os cargos ainda não estarem fechados, tudo indica que a seleção da Ceagesp tenha opções para níveis superior e médio, com remunerações que cheguem a até R$ 7.576. Levando em conta as carreiras ofertadas no certame anterior, que foi realizado no ano de 2009 e no qual divulgou-se 63 vagas para contratação imediata e em diversos cargos, espera-se que a seleção de 2018 tenha oportunidades parecidas.

Sendo assim, para nível superior, alguns dos cargos que já podem ser confirmados são os seguintes: analistas na área administrativa, advogados, analistas nas áreas de auditoria, responsável contábil, de economia e de recursos humanos, comunicação social, engenheiro, analista de sistemas, médico veterinário e médico do trabalho.

Para essas, além da escolaridade, costuma-se exigir pelo menos seis meses de experiência em sua respectiva área.

Já para o nível médio, o maior destaque deve ser para o cargo técnico administrativo em área administrativa. Em nível I, esse conta com iniciais de até R$ 3.522 (R$ 2.629 de salário, R$ 693 de auxílio alimentação e R$ 200 de cesta básica).

Outros cargos de nível médio e que foram confirmados para o concurso público são os de inspetor de segurança, técnico administrativo II a VI, técnico administrativo em áreas contábil e também de recursos humanos, técnico em informática, técnico em segurança do trabalho e para técnico operacional (I, III, IV e, por fim, V).

Sobre benefícios

Conforme o acordo coletivo para o trabalho 2015/2017, todos os funcionários da empresa terão direito a auxílio na alimentação ou refeição, no total de R$ 693. Esse valor será provavelmente reajustado em novo acordo. Além disso, ainda é ofertada uma cesta básica no valor de R$ 300.

Outro benefício atrativo é a participação nos lucros e nos resultados, bem como adicional pelo tempo de serviço ou o qüinqüênio. Sendo assim, a partir do mês em que o funcionário completar os cinco anos e a cada período seguinte de mesmo tempo, o colaborador terá um complemento de 5%, podendo chegar ao limite de 35% de salário.

Em se tratando de convocação especial, cada hora trabalhada acarreta em 200% no valor sobre a hora normal, indiferente do dia ou do horário. Em caso de situação com necessidade de trabalho noturno, o adicional total é de 20% sobre o preço da hora diurna. Ainda, em alguns casos, há o oferecimento de adicionais por risco de vida e periculosidade, e muito mais.

Abrangência da seleção

A seleção de 2018 deve abranger vários municípios. Na edição de 2009, além da capital de São Paulo, foram oferecidas outras oportunidades para as seguintes cidades: Piracicaba, São José dos Campos, Araraquara, Ribeirão Preto, Avaré, Tupã, Fernandópolis, Bauru, Palmital, Botucatu, Presidente Prudente, Pederneiras, Tutoia, Tatuí, Franca, Araçatuba, Marília, Sorocaba e Guaratinguetá.

Kellen Kunz

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 33 Média: 3.5]

Seleção ofertará 29 vagas.

O mercado de trabalho atual no cenário brasileiro oferece diferentes possibilidades para quem deseja alcançar um local melhor e uma das indicações mais relevantes neste momento é, justamente, o concurso Consab/SP 2018, que será abordado em seguida neste artigo.

Entenda melhor as atividades do Consab 2018

A Consab/SP é um consórcio originado pela união dos municípios paulistas de Engenheiro Coelho, Santo Antônio de Posse, Holambra, Conchal, Artur Nogueira, Mogi Mirim e Cosmópolis, abrangendo uma área de 1.344 quilômetros quadrados e mais de 250.000 habitantes.

A constituição do Consab/SP ocorreu no ano de 2009 na forma de uma associação pública de direito privado, tendo sua atuação efetuada como órgão de articulação quanto a políticas públicas setoriais para a busca de suas soluções mais eficientes.

Em suas atividades relacionadas, este órgão realiza medidas conjuntas com Estado e sociedade para resolver problemas relacionados com destinação de resíduos sólidos e outras questões ambientais relevantes para o alcance de resultados adequados quanto à saúde pública e proteção do meio ambiente local desta região considerada.

Informações gerais do Concurso Consab/SP 2018

O concurso Consab/SP 2018 é destinado para complementar o quadro de funcionários do Consórcio Intermunicipal na Área de Saneamento Ambiental no estado de São Paulo, tendo como alcance o preenchimento de 29 vagas por meio de processo seletivo.

As funções oferecidas apresentam as seguintes delimitações:

· Exigência de nível fundamental incompleto de escolaridade:

  • 20 vagas para Ajudante Geral
  • 7 vagas para Pedreiro

· Exigência de nível fundamental completo de escolaridade:

  • 1 vaga para Auxiliar Administrativo
  • 1 vaga para Inspetor do sistema de iluminação pública

Inscrições do Concurso Consab/SP 2018

Os interessados em participar da seleção relacionada com o Concurso Consab/SP 2018 podem realizar as inscrições até o dia 04 de fevereiro de 2018, por meio do endereço eletrônico https://orhion.com.br, pertencente à Orhion Consultoria, que está organizando este certame em análise.

Assim que for efetuada a inclusão de todas as informações pessoais, de contato e relacionadas com o cargo pretendido, haverá a liberação da confirmação de sua inscrição, visto que esta seleção é gratuita e sem taxas de participação vinculadas.

Etapas do processo seletivo no Concurso Consab/SP 2018

A partir da finalização quanto à inscrição no Concurso Consab/SP 2018 é preciso que os candidatos intensifiquem os estudos sendo que este processo seletivo será composto por uma única etapa composta por prova objetiva.

A informação relacionada com a data, local, bem como horário em que as provas deste certame e demais orientações neste sentido serão disponibilizadas no dia 09 de fevereiro de 2018.

Esta avaliação conterá 30 questões de múltipla escolha sobre conteúdos gerais de Língua Portuguesa e Matemática, para todos os cargos, além de conteúdos específicos para as funções de auxiliar e inspetor.

Dinâmica de trabalho para aprovados Concurso Consab/SP 2018

Os candidatos que forem aprovados no Concurso Consab/SP 2018 dentro do número de vagas estipulado serão contratados de forma temporária para atuação na cidade paulista de Matão, com carga horária de 44 horas semanais.

Com relação aos salários ofertados as suas delimitações serão descritas em seguida:

· Ajudante Geral: R$1.388,00

· Pedreiro: R$1.600,00

· Auxiliar administrativo: R$1.649,00

· Inspetor do Sistema de Iluminação Pública: R$1.780,00

Além deste montante financeiro informado, há o oferecimento de cesta básica com periodicidade mensal para os profissionais contratados, sendo que este processo de seleção terá validade de dois anos, com a possibilidade de realizar uma prorrogação por mais 2 anos a partir da data de sua homologação.

Conclusão

Desta forma, o concurso Consab/SP 2018 já está iniciado com a oferta de 29 vagas em cargos especificados dentro de sua estrutura organizacional consistindo, assim, em uma relevante oportunidade para iniciar o ano com uma nova colocação profissional.

Ana Camila Neves Morais

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 5 Média: 2.2]

Certame deverá contar com 416 oportunidades.

Começa nessa terça-feira, dia 23 de janeiro, o prazo para se inscrever no concurso público da Secretaria Estadual de Administração Penitenciária de São Paulo, a SAP/SP. Com a organização aos cuidados da MS Concursos, o certame busca o preenchimento de um total de 416 vagas, sendo dessas 316 para cargos com exigência mínima de ensino médio e outras 100 para oportunidades em nível superior.

Se você ficou interessado e quer saber mais sobre o processo de seleção, nós te damos todas as dicas para não ficar de fora. Vamos a elas.

Como faço para me inscrever?

Para se inscrever é muito simples. Basta preencher a ficha de cadastro que está disponível no site da organizadora, no endereço eletrônico www.msconcursos.com.br. Feito isso, é preciso pagar uma taxa para efetivação da participação, sendo os valores dessas de R$ 65 para nível superior e de R$ 40 para ensino médio. O prazo final para participar é dia 23 de fevereiro.

Sobre as vagas em nível superior

Para o nível superior, estão sendo disponibilizadas vagas para os cargos de: assistente social (22 vagas), técnico de assistência à saúde em especialidades de psicólogo (23 vagas) e terapeuta ocupacional (5 vagas). As duas primeiras funções recebem salários de R$ 2.179,02 e a última de R$ 2.389,02.

Além dessas, ainda são disponibilizadas as oportunidades de: analista administrativo (25 vagas), com vencimentos de R$ 2.570,84 e acrescido de prêmio por Desempenho Individual de, no máximo, R$ 374,50; e analista sociocultural / pedagogo (5 vagas), com vencimento de R$ 2.570,84 e acréscimo de prêmio por Desempenho Individual de, no máximo, R$ 374,50.

Por último, ainda há mais 12 vagas para carreira de enfermeiro, com valor inicial em R$ 2.885,83; e 8 postos para cirurgião dentista, com salário de R$ 3.243,02.

Sobre as vagas em nível médio e técnico

O concurso da SAP/SP do ano de 2018 conta com um total de 51 oportunidades para o cargo de técnico em enfermagem, precisando os interessados possuir uma formação com cunho técnico, além da formação em nível médio. A remuneração inicial desses é de R$ 1.754,74.

Já para o ensino médio, há vagas para os cargos na carreira de oficial administrativo, com atribuições específicas que acabam variando conforme o órgão de lotação e com funções comuns para a administração pública estadual. A remuneração inicial dessa categoria é de R$ 1.544, sendo acrescido um prêmio por Desempenho Individual no valor de, até R$ 190.

Sobre a prova

É importante ressaltar, antes de qualquer coisa, que o candidato que participará do processo seletivo terá o poder de se inscrever para mais de um cargo, levando em conta somente que a prova objetiva não seja aplicada no mesmo dia. Ou seja, essas precisam ocorrer em datas distintas.

As datas são as seguintes: no dia 24 de março, ocorrem as provas de técnico de enfermagem, oficial administrativo, agente técnico de assistência à saúde (terapeuta ocupacional, psicólogo e assistente social), enfermeiro e cirurgião dentista. E no dia 25 de março, ocorrem os exames de analista sociocultural/pedagogo e analista administrativo.

O certame da SAP/SP na edição de 2018 ocorrerá em uma única etapa, composta por prova objetiva, com caráter eliminatório e classificatório. Essa avaliação terá a sua aplicação em São Paulo, capital, para cargos de agente técnico de assistência à saúde (terapeuta ocupacional) e analista sociocultural/pedagogo. Já para as demais carreiras, as cidades serão: Bauru, São Paulo, Presidente Prudente, Taubaté e Campinas.

Sabe-se que a elaboração das provas será feita em quatro versões diferentes, contando cada questão com cinco alternativas diferentes. Os exames terão o limite de 100 pontos, necessitando o candidato atingir, no mínimo, a pontuação de 50 para a sua aprovação.

Até o momento, a previsão é de que 38 mil pessoas se inscrevam no processo seletivo. Faça a sua inscrição e não fique de fora.

Kellen Kunz

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 24 Média: 2.5]

Veja aqui mais detalhes sobre o Concurso TCM-SP 2018.

Se você estava na expectativa de novas notícias sobre um possível concurso público do TCM DE São Paulo, o Tribunal de Contas do Município, as notícias que acabam de chegar são bastante animadoras. É que finalmente o concurso foi autorizado e irá disponibilizar 10 vagas.

O concurso, cuja autorização já estava sendo esperada desde o ano passado, recebeu autorização na última sexta-feira, dia 19 do mês de janeiro, em uma ocasião em que o presidente do TCM/SP, que é o sr. Roberto Braquin, assinou o documento que torna a autorização oficial.

As primeiras informações em relação ao concurso apontam que serão disponibilizadas para a concorrência o total de 10 vagas para o cargo de auxiliar técnico de fiscalização, com oportunidades para pessoas com formação de nível médio e de nível superior, a depender da área de formação do interessado.

Embora o órgão ainda não tenha divulgado quais são as áreas que as vagas contemplarão, o que deve ocorrer com a publicação do edital de abertura, onde estas e outras informações serão disponibilizadas aos interessados, já é confirmado pelo órgão o valor da remuneração que o cargo oferece.

Assim, os aprovados no certame e nomeados no cargo de auxiliar técnico de fiscalização deverão receber uma remuneração no valor de R$ 10.032,40, sendo que neste valor estão incluídos o salário básico no valor de R$ 4.907,45 e bônus de gratificação de incentivo para a especialização e produtividade cujo valor é de R$ 5.124,95.

Os aprovados deverão cumprir uma jornada de trabalho semanal de 40 horas.

Assim, como o concurso já recebeu autorização, o próximo passo será a formação e uma comissão que se encarregará dos próximos passos do certame, assim como a escolha e contratação da empresa que ficará encarregada de organizar e executar o concurso. Após esses passos o edital de abertura deve ser publicado, de modo que a expectativa é de que isso ocorra ainda nesse primeiro semestre de 2018.

Como dito anteriormente, muitas pessoas aguardavam que este concurso fosse autorizado ainda no ano de 2017, contudo, esperava-se que o quantitativo de vagas fosse maior que o autorizado neste certame, uma vez que o órgão necessita de um número superior de novos servidores, já que já passa de 12 anos que o TCM não realiza nenhum tipo de processo seletivo ou concurso público para o cargo em questão. De acordo com dados cedidos pelo próprio órgão, no ano de 2012 já existia um déficit de mais de 60 auxiliares, o que passado 6 anos já deve estar bem maior. O número de vagas disponibilizadas indica que diante do déficit atual que o órgão possui, haverá oportunidades para quem ficar nas colocações chamadas vagas remanescentes.

Os servidores do Tribunal de Contas do Município de São Paulo, que são concursados no órgão, além do salário inicial, podem contar com progressão salarial que possui sete níveis de colocação, sendo que a cada nível o valor das remunerações aumentam.

Desse modo, com base na gratificação de incentivo da atualidade no valor de R$ 5.124,95, com o inicial no valor de R$ 10.032,40, os salários passam posteriormente para os valores de R$ 10.523,14, depois para R$ 11.062,97, em outro nível R$ 11.656,79, posteriormente para R$ 12.309,96 e R$ 13.028,48, chegando ao valor de R$ 13.818,79 e finalizando em R$ 14.688,22.

Desse modo, se você possui interesse em realizar este concurso, não deixe de estar atento a novas informações que serão divulgadas em breve, assim como o edital de abertura e período para realização das inscrições.

Estra pode ser a oportunidade que você aguardava de conquistar um trabalho que ofereça estabilidade e progressão financeira. Aguarde o edital e se inscreva.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 29 Média: 3.4]

Pedido abrange 849 vagas destinadas ao cargo de Técnico da Fazenda Estadual.

As necessidades dos órgãos por novos profissionais surgem de forma constante no cotidiano das organizações em virtude de demandas diversas como aumento das responsabilidades, aposentadorias, dentre outras.

Por isso, surgem solicitações constantes para a contratação de novos funcionários na iniciativa privada e também no setor público no qual o mais novo pedido diz respeito ao Concurso Sefaz/SP, que será detalhado em seguida neste artigo.

Informações básicas sobre o pedido de Concurso do Sefaz/SP

A autorização relacionada com o Concurso Sefaz/SP (Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo) tem sido buscada com muitos esforços por este órgão público o qual encaminhou um novo pedido para a Secretaria Estadual de Gestão Pública.

Nesta nova demanda ocorre a reafirmação da relevância em se autorizar o órgão a realizar concurso destinado ao preenchimento de 849 vagas destinadas ao cargo de Técnico da Fazenda Estadual.

Caso haja a liberação para o concurso ser realizado no montante total de vagas solicitadas, a Sefaz/SP ainda ficará com carência de profissionais visto que, de acordo com levantamento de servidores feito em dezembro de 2016, dos 2.320 postos que possui apenas 1.354 estão devidamente preenchidos, perfazendo um lapso de 966 vagas que precisam ser preenchidas.

A próxima etapa deste processo consiste na tramitação interna do pedido na Secretaria Estadual de Gestão Pública de São Paulo, a qual, se confirmar que existem condições adequadas, encaminha o pedido para autorização do governador Geraldo Alckmin.

Vagas ofertadas no Concurso Sefaz/SP

A totalidade de vagas que está sendo oferecida no Concurso Sefaz/SP diz respeito ao cargo de Técnico da Fazenda Estadual, o qual exige dos candidatos nível médio completo no momento da posse.

Os selecionados terão uma jornada de trabalho de 40 horas semanais com remuneração inicial de R$2.039,15, na qual já está adicionado 50% referente ao PIQ (Prêmio de Incentivo à Qualidade), com elevação para R$ 2.974,30 quando o referido prêmio é concedido em sua totalidade.

O cargo que será alvo deste concurso analisado tem como funções básicas oferecer apoio técnico e administrativo para o desenvolvimento de todas as atividades na Secretaria de Fazenda, além de atendimentos ao público que sejam necessários.

Pontos relevantes para o Concurso Sefaz/SP

A preparação para um determinado exame deve ser iniciada com um período de tempo longo antes de sua realização e isto também se aplica aos interessados no concurso Sefaz/SP, que podem se basear neste momento na última seleção feita por esta entidade determinada.

O último certame deste órgão ocorreu no ano de 2010 e teve a FCC (Fundação Carlos Chagas) como banca organizadora em uma oferta de 550 vagas neste momento considerado para as quais houveram mais de 49.000 inscritos.

Na oportunidade ocorreu a aplicação de uma prova objetiva com 40 questões relacionadas a conhecimentos gerais e mais 40 abordando apenas conhecimentos específicos exigidos para o cargo considerado.

De maneira detalhada, os conhecimentos gerais foram relacionados com as seguintes disciplinas:

· Língua Portuguesa: 20 questões

· Matemática e Raciocínio Lógico: 10 questões

· Noções de Informática: 5 questões

· Atualidades: 5 questões

Ao se considerar os conhecimentos específicos a sua divisão ocorreu da seguinte maneira:

· Noções de Direito Constitucional: 10 questões

· Noções de Direito Administrativo: 10 questões

· Noções de Direito Penal: 05 questões

· Noções de Direito Tributário: 10 questões

· Noções de Direito Civil: 05 questões

Esta estrutura prévia deve ser utilizada como base para iniciar os estudos considerando as mudanças ocorridas neste período de tempo, especialmente nas matérias jurídicas, avançando no seu conhecimento para uma melhor preparação no momento em que o edital for liberado.

Conclusão

Desta forma, o ano de 2018 tem como uma de suas grandes possibilidades a realização do novo Concurso Sefaz/SP, exigindo dos candidatos com interesse nesta seleção pública uma intensificação de seus estudos para obter o sucesso pretendido.

Ana Camila Neves Morais

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 16 Média: 3]

Seleção oferta 235 vagas. Inscrições podem ser feitas até o dia 14 de fevereiro de 2018.

Através da publicação do edital oficial de abertura nº 01/2017, tivemos o início do concurso público o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ/SP). O certame visa ao preenchimento de 235 vagas para o cargo de Escrevente Técnico Judiciário, cuja escolaridade exigida é o ensino médio completo. O certame será organizado pela Fundação VUNESP. Mais detalhes podem ser encontrados na continuação desta matéria.

Os futuros contratados serão lotados nas seguintes Circunscrições Judiciárias:

· 2ª Região Administrativa Judiciária: Araçatuba (sede).

· 3ª Região Administrativa Judiciária: Bauru (sede).

· 5ª Região Administrativa Judiciária: Presidente Prudente (sede).

· 6ª Região Administrativa Judiciária: Ribeirão Preto (sede).

· 7ª Região Administrativa Judiciária: Santos (sede).

· 8ª Região Administrativa Judiciária: São José do Rio Preto (sede).

· 9ª Região Administrativa Judiciária: São José dos Campos (sede).

· 10ª Região Administrativa Judiciária: Sorocaba (sede).

A remuneração inicial para o cargo de Escrevente Técnico Judiciário é de R$ 4.706,53, que corresponde a jornada de trabalho de 40 horas semanais. Além disso, o cargo também prevê direito aos benefícios de auxílio alimentação, auxílio transporte e auxílio saúde. Dentre as principais atribuições deste cargo, podemos destacar: realização de atividades ligadas à organização de serviços relacionados às funções de suporte técnico e administrativo; elaborar e analisar documentos; efetua o atendimento ao público interno e externo; dentre outras atribuições.

Inscrição

O período de inscrição será iniciado em 09 de janeiro e tem término previsto para o dia 14 de fevereiro de 2018. É importante destacar que o procedimento de inscrição deve ser efetuado por meio exclusivo da internet. Sendo assim, basta que os interessados acessem o site oficial da Fundação VUNESP (www.vunesp.com.br/TJSP1703), que é a instituição responsável pela organização e a execução deste concurso público. A taxa de inscrição será de R$ 68,00 para todos os candidatos.

Estarão aptos a solicitar a isenção da taxa de inscrição todo e qualquer candidato que esteja regularmente matriculado em uma das séries do ensino médio, curso de pré-vestibular ou curso superior e que receba remuneração mensal inferior a dois salários mínimos ou esteja desempregado. O benefício deve ser solicitado pelo próprio candidato no ato da inscrição. A comprovação da situação deve ser feita através do envio dos documentos comprobatório estabelecidos pelo edital oficial de abertura.

Processo Seletivo

O processo seletivo deste certame será composto por duas etapas: prova objetiva e prova prática. A prova objetiva de caráter eliminatório e classificatório, que corresponde à primeira etapa, terá 100 questões de múltipla escolha e tem como principal objetivo avaliar o conhecimento teórico necessário para aqueles que pretendem exercer o cargo ofertado no certame. Com duração de cinco horas, essa etapa está prevista para ocorrer no dia 25 de março de 2018, segundo consta no edital oficial de abertura.

A prova objetiva será dividia em três blocos. O Bloco I é formado por 20 questões de Língua Portuguesa. O Bloco II, por sua vez, se refere à área de Noções de Direito e será composto por 40 questões abrangendo as seguintes disciplinas: Processual Penal, Direito Penal, Processual Civil, Direito Administrativo, Direito Constitucional e Normas da Corregedoria Geral de Justiça. O Bloco III também conta com 40 questões e versará sobre conhecimentos gerais abrangendo as seguintes disciplinas: Informática, Atualidades, Matemática e Raciocínio Lógico.

Os candidatos aprovados na prova escrita objetiva serão convocados para a realização da prova prática. Essa segunda etapa corresponde à realização de duas atividades: formação e digitação de um texto.

Para mais detalhes e informações referentes ao concurso aqui destacado é muito importante que o candidato leia atentamente o edital oficial de abertura. Através deste documento o candidato irá encontrar todas as normas, exigências e demais detalhes que compõem esse certame. O edital de abertura nº 01/2017 se encontra disponível no site oficial a Fundação VUNESP, através do link www.vunesp.com.br/TJSP1703.

Por Bruno Henrique

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 100 Média: 2.8]

Certame ofertará vagas de nível médio e superior.

A Ceagesp anunciou recentemente que definiu qual será a banca organizadora responsável por realizar todas as etapas que antecedem o concurso público.

Desse modo, caro leitor, se você está desempregado ou conhece alguém nessa situação e que deseja mudar de vida por meio de um novo emprego, é bom ficar atento aos próximos passos que devem ser tomados para a concretização do certame.

Até o momento, sabe-se que esse concurso público pode alcançar muitos participantes, uma vez que as vagas que vão ser oferecidas requerem que os candidatos tenham o nível médio ou senão o nível superior, para os cargos mais complexos e que contam com uma maior exigência.

Para quem não sabe, Ceagesp é a abreviação de Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo, que já fez a escolha, nos últimos dias, de qual será a banca organizadora que estará a frente de todos as etapas necessárias para que o concurso público da empresa possa realizar-se com sucesso.

Segundo as informações fornecidas pelo setor de RH da empresa, o novo concurso público deriva da necessidade de contratar novos funcionários, pois o contrato que foi assinado durante o mês de maio com o Idecan, o Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional, está prestes a chegar em sua data de validade. Sendo assim, a partir de agora, será o Instituto Águia o responsável por selecionar quais serão os próximos funcionários da companhia, isto é, de acordo com o relatório publicado recentemente no Diário Oficial, nesta última terça-feira, dia 19 do mês de dezembro. Segundo o documento, o novo contrato que deve ser feito possui validade até dezembro do ano de 2018.

Tendo isso em vista, parece que o edital do concurso terá a sua publicação feita só depois que for realizado um processo seletivo para aqueles que já trabalham dentro da companhia, que está prestes a acontecer. Dessa maneira, estimam que até o término do mês de janeiro, do próximo ano, já poderão ser definidas o número de vagas que serão ofertadas, além de como deverá ser feita a distribuição dos profissionais contratados pelos cargos.

O intuito da Ceagesp é não só selecionar funcionários para preencherem os cargos que já estão disponíveis, mas também selecionar novos profissionais para reserva das vagas que estão atualmente preenchidas. Dessa forma, quando houver necessidade, o aprovado pode ser chamado para tomar sua posição dentro da companhia.

O emprego na Ceagesp oferece inúmeras vantagens como auxílio alimentação, cestas básicas ao longo do ano e quinquênio. Já para outros funcionários, os benefícios ainda vão mais além, como auxílio médico, odontológico e psicológico, além do risco de vida.

Nos cargos de nível técnico é necessário que o participante tenha cursos técnicos como em administração, técnico operacional, técnico em informática, técnico em segurança do trabalho, recursos humanos e, por fim, áreas contábeis. Além dos benefícios, o profissional pode contar ainda com salários que podem variar de R$ 2.000 até R$ 3.000.

Já os cargos oferecidos para o nível superior são os seguintes: médico veterinário, médico do trabalho, engenheiro, analistas de sistemas, recursos humanos, economia, área contábil, comunicação social, analistas nas áreas de auditoria e administração e, por fim, advogados.

Acredita-se que seja exigido desses profissionais experiência de no mínimo 6 meses.

Se o leitor ficou interessado, não deixe de acompanhar os próximos passos do processo seletivo, que deve acontecer em breve, já que o objetivo e de que até o fim do mês de janeiro as coisas já tenham se resolvido. Vale ressaltar ainda que o processo seletivo pode englobar ainda diversos municípios, como aconteceu no último processo seletivo, que aconteceu no ano de 2009.

Ana Paula Oliveira Coimbra

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 43 Média: 3.3]

Seleção deverá ofertar 62 vagas de nível médio e superior.

Estamos em uma época do ano em que muitas pessoas aguardam a abertura de editais de concursos públicos e processos seletivos em todo o país. Em decorrência de uma forte crise na economia do país, o número de inscritos em certames dos mais variados segmentos aumentou de forma considerável neste ano de 2017 e para o ano de 2018 não será diferente.

Os concursos públicos deixaram de ser somente para uma classe denominada “concurseiros” e se estenderam a todo aquele que busca por um emprego que ofereça estabilidade e segurança, que estão tão em falta neste momento em que o número de brasileiros em situação de desemprego é muito grande e o número de ofertas de vagas é bem menor, fazendo com que o mercado de trabalho se mostre a cada dia mais exigente e competitivo.

Para quem se encontra na expectativa de novas informações sobre o novo concurso público do Conselho Regional de Educação Física da 4ª Região, que está localizado no estado de São Paulo, as notícias que chegam são bastante animadoras. É que a comissão que se responsabilizará pelo certame já foi formada. Saiba mais.

O documento com os nomes dos integrantes desta comissão já foi publicado no Diário Oficial.

É uma exigência que quando um órgão for realizar um concurso público que uma comissão seja formada antes que ele seja elaborado, cabendo a essa comissão tratar de todos os assuntos em relação a realização do certame, assim como a contratação da empresa organizadora.

A comissão foi formada por seis membros, todos eles titulares, sendo eles, Tadeu Corrêa, Paulo Rogério Oliveira Sabioni, Lilian Cardeal Silva de Paula, Rodrigo Nuno Peiró Correia, Elder Sicoli Lopes e Leandro Cintra Vilas Boas.

Dessa forma, uma vez nomeada a comissão, o passo seguinte do concurso será a definição da empresa que se responsabilizará pela organização e execução do concurso, que poderá ser feita por meio de processo licitatório ou por escolha direta, o que ainda não foi divulgado.

De acordo com informações do conselho, o concurso está previsto para ser realizado no ano de 2018.

Até o momento ainda não foram anunciados mais detalhes sobre as carreiras que serão disponibilizadas, mas uma notícia muito boa é a de que já foi aprovado uma reestruturação no plano de carreiras.

De acordo com o documento publicado no Diário Oficial, serão disponibilizadas para a concorrência um total de 62 vagas, com oportunidades para candidatos que possuam formação de nível médio e formação de nível superior.

Do total de vagas ofertadas para o Conselho, 16 são para o cargo de auxiliar de serviços administrativos, 6 para o cargo de motorista, 2 para o cargo de analista contábil, 1 vaga para o cargo de analista de marketing e comunicação, 2 para analista de recursos humanos, 1 para analista de sistemas de TI, 2 para analista técnico em educação física, 2 para controlador interno, 23 vagas para agente de fiscalização e orientação, 3 para procurador e 1 vaga para ouvidor.

O último concurso público realizado pelo Conselho Regional de Educação Física do estado de São Paulo aconteceu no ano de 2013. Na ocasião foram disponibilizadas o total de 24 vagas. O concurso foi organizado pela Cetro Concursos.

Nesse sentido, se você está à procura de um concurso público para realizar no ano de 2018, fique atento as novas informações sobre este concurso. Para já ir se preparando para a realização da prova busque na internet editais de concursos passados para obter uma noção sobre os conteúdos geralmente cobrados.

Não se deixe levar pela crise do país, faça concursos públicos e passe o ano novo trabalhando com estabilidade e segurança financeira.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 24 Média: 3.4]

Seleção ofertará 100 vagas.

Já foi confirmado pela Procuradoria Geral do Estado de São Paulo que já foram escolhidos os membros de uma comissão que ficará responsável pela organização de seu mais novo concurso público. O documento com os nomes dos membros foi publicado no Diário Oficial. Segundo as informações do documento, o concurso público da PGE/SP irá disponibilizar 100 vagas, todas para o cargo de Procurador do Estado.

É isso mesmo, quem estava na expectativa de novas informações sobre o novo concurso público da Procuradoria Geral do Estado de São Paulo já pode começar seus estudos preparatórios, pois o concurso já está confirmado e se encontra em fase de elaboração.

O concurso, que foi autorizado no dia 09 do mês de novembro, pelo governador do estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, agora que a nomeação da comissão responsável foi realizada, terá como passo seguinte a definição da empresa que ficará responsável pela sua organização e execução.

Assim que a banca organizadora for definida, o edital de abertura já será liberado para publicação, o que deve acontecer no início de janeiro de 2018.

Embora o edital ainda não tenha sido publicado, já se pode afirmar que serão disponibilizadas na concorrência o total de 100 vagas, todas elas para a carreira de Procurador do Estado.

Desse modo, para concorrer a uma das vagas o candidato precisa possuir graduação em Direito.

A remuneração inicial prevista para um profissional que atua neste cargo é no valor de R$ 22.178,43.

Ainda que o quantitativo de vagas seja considerável, ainda não será suficiente para suprir a necessidade de novos servidores que a Procuradoria possui na atualidade. Somente para a carreira de Procuradores existem algo em torno de 170 cargos em aberto. Com o preenchimento de 100 postos, 70 ainda estarão em aberto no órgão.

O último concurso público realizado pelo órgão aconteceu no ano de 2012, quando foram disponibilizadas um total de 105 vagas. Na época a empresa contratada para organização e execução do concurso foi a já conhecida Fundação Carlos Chagas.

Os candidatos tiveram que realizar provas escritas, objetivas e discursivas, além de terem que passar ainda por prova oral e avaliação de títulos.

Nesse sentido, se você possui interesse em realizar este concurso, a primeira recomendação é de que os estudos preparatórios já sejam iniciados. Como ainda não foi publicado o edital com todas as informações, inclusive os conteúdos pragmáticos a serem cobrados nas provas, os futuros candidatos podem verificar na internet editais de concursos passados para este mesmo cargo e verificarem quais os conteúdos comumente cobrados. Além disso, também é recomendado que os interessados realizem provas de concursos passados a fim de obterem uma noção sobre como os conteúdos são abordados nas questões de concursos.

Estamos em um momento em que o Brasil vem atravessando uma difícil crise na economia, o que tem levado milhares de empresas a diminuírem o número de colaboradores, enquanto outras encerraram suas atividades tendo que dispensar todos os seus funcionários.

Como reflexo deste quadro de crise, o número de desempregados no país aumentou de forma considerável, aumentando assim também a concorrência pelas poucas vagas que surgem.

Assim, nesse ambiente de instabilidade que o país atravessa, os brasileiros passaram a ver os concursos públicos como mais uma alternativa para driblar a crise e conseguir uma recolocação no mercado de trabalho.

E quando se trata de concurso público da Procuradoria Geral do Estado, em razão do salário oferecido, o número de inscrições tende a ser bem elevado, aumentando assim o grau de dificuldade pela concorrência.

Então, se você quer se tornar um Procurador do Estado de São Paulo, prepare-se e não deixe de fazer a sua inscrição quando o edital for publicado.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 10 Média: 2.5]

Seleção devera oferecer 80 vagas para Técnico e Analista de Gestão Previdenciária.

Os órgãos públicos vinculados aos diferentes estados brasileiros precisam renovar em períodos variados os seus quadros de funcionários para, com isso, conseguir manter a qualidade pretendida nos serviços por ela efetuados.

Diante desta situação, surgem diversos certames para o preenchimento destas vagas consideradas que terá no concurso SPPrev 2018, uma interessante possibilidade para quem se interessa por esta atuação delimitada.

Informações básicas sobre concurso SPPrev 2018

A SPPrev é a sigla relacionada com a autarquia chamada São Paulo Previdência, que tem como responsabilidade realizar a gestão de serviços previdenciários para os servidores deste estado analisado.

Esta entidade está subordinada de forma direta à Secretaria Estadual de Fazenda de São Paulo (SEFAZ/SP) e tem a previsão de iniciar o processo para um novo concurso público já no início do ano de 2018.

A próxima atividade neste caso consiste em aguardar a autorização do governador de São Paulo Geraldo Alckmin para que as ações seguintes como contratação da entidade organizadora sejam realizadas de forma posterior.

Detalhes sobre vagas e cargos para concurso SPPrev 2018

Em maio de 2017, foi solicitado pela Sefaz/SP para a Secretaria Estadual de Gestão Pública deste estado a autorização para realizar um concurso destinado à SPPrev com um total de 80 vagas a serem disponibilizadas.

As funções a serem oferecidas nesta nova seleção considerada são as seguintes:

· Técnico em gestão previdenciária: total de 66 vagas disponíveis com a exigência de nível médio completo de escolaridade para a possível posse e nomeação dos aprovados.

· Analista em gestão previdenciária: terá um total de 14 vagas com a necessidade de que os candidatos possuam nível superior completo em qualquer área.

Quando se pensa nos vencimentos oferecidos para o concurso SPPrev 2018, o técnico em gestão previdenciária tem uma remuneração inicial de R$2.073,80, a qual pode ser elevada para um valor de até R$2.480,94 em virtude da nota relacionada com o PIQPrev (Prêmio de Incentivo à Qualidade Previdenciária).

Já os analistas em gestão previdenciária tem um recebimento inicial de R$5.202,35 que pode chegar a R$5.880,91 em virtude do montante ofertado pelo mesmo PIQPrev presente no nível médio.

Como foi o último concurso para SPPrev

A base para os estudos relacionados com o concurso SPPrev 2018 será o último certame feito no ano de 2012 por esta entidade, considerada que teve como organizadora a FCC (Fundação Carlos Chagas).

Nesta oportunidade foram também disponibilizadas vagas para técnico e analista em gestão previdenciária para o preenchimento de 202 vagas tendo mais de 22.000 inscritos para diversas cidades paulistas.

Com relação ao seu conteúdo específico, para técnico em gestão previdenciária foram abordadas questões de português, matemática/raciocínio lógico, informática, direito administrativo, direito constitucional e legislação estadual relacionada.

Para os analistas em gestão previdenciária, por sua vez, houve uma prova com opções de múltipla escolha tendo 70 questões com abordagens de conhecimentos básicos e específicos, além de uma prova de títulos.

Orientações para estudo quanto ao concurso SPPrev 2018

Ao se considerar a possibilidade de que o concurso SPPrev 2018 tenha suas primeiras etapas realizadas nos primeiros meses de 2018, é de suma importância que os candidatos interessados intensifiquem o ritmo de estudos para este certame delimitado.

Com relação a isto, os estudos devem ter um foco no último concurso verificando os conteúdos programáticos das disciplinas que foram cobradas, inserindo em cada uma delas as atualizações ou modificações sofridas, especialmente nos assuntos relacionados a ramos jurídicos como Direito Constitucional e Administrativo.

Conclusão

Portanto, diante das informações apresentadas neste artigo com relação ao concurso SPPrev 2018, você que está interessado nesta possibilidade pode se preparar com maior dedicação para conseguir uma das vagas que serão nele disponibilizadas no ano que irá começar.

Ana Camila Neves Morais

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 19 Média: 2.9]

Inscrições seguem abertas até 18 de dezembro de 2017.

As cidades que constituem o interior paulista são consideradas localidades que oferecem diferentes oportunidades para as pessoas que ali estão em busca de um futuro melhor. Existem vagas para todos os níveis de escolaridade e para diversas funções. Com isso, nestes municípios também existem muitas organizações que realizam concursos públicos para a contratação de novos funcionários. E esse é o caso da Fundação Municipal Irene Siqueira Alves – Vovó Mocinha Maternidade Gota de Leite de Araraquara/SP, a FUNGOTA. A instituição vai realizar em 2018 um processo seletivo para expandir o número de inscritos em seu quadro de funcionários. Saiba agora as principais informações.

Criada há cerca de cinco anos, a FUNGOTA é uma instituição que trabalha para oferecer os melhores serviços às gestantes que moraram na cidade de Araraquara ou em localidades da região. Devido a isso, o órgão necessita estar em dia com o número de funcionários para que as mulheres tenham o acompanhamento de diferentes profissionais necessário durante a gravidez. Para mais uma edição de um novo processo admissional, a FUNGOTA está oferecendo 35 oportunidades para pessoas que possuem formação no ensino médio e no ensino superior.

Confira agora todas as informações a respeito das vagas que estão sendo oferecidas pela organização do interior paulista:

Nível Médio:

01 vaga para a função de Técnico (a) em Radiologia.

01 vaga para a função de Técnico (a) em Informática.

01 vaga para a função de Técnico (a) em Farmácia.

08 vagas para a função de Técnico (a) em Enfermagem. Sendo 02 oportunidades para candidato a cotas raciais e 01 oportunidade para candidato portador de necessidade especial.

01 vaga para a função de Reparador (a) Geral na Área Hospitalar.

02 vagas para a função de Recepcionista.

As vagas para os cargos de Técnico em Radiologia, Informática, Farmácia e Reparador são exclusivamente para candidato a cota racial.

Nível Superior:

01 vaga para a função de Psicólogo (a).

01 vaga para a função de Nutricionista.

02 vagas para a função de Médico (a) Horista – Especialidade Ultrassonografista.

07 vagas para a função de Médico (a) Horista – Especialidade UTI Neonatal/Pediátrica. Sendo 01 oportunidade para candidato a cota racial e 01 oportunidade para candidato portador de necessidade especial.

07 vagas para a função de Médico (a) Horista – Especialidade Ginecologia/Obstetrícia. Sendo 01 oportunidade para candidato a cota racial e 01 oportunidade para candidato portador de necessidade especial.

01 vaga para a função de Fonoaudiólogo (a).

02 vagas para a função de Fisioterapeuta.

02 vagas para a função de Enfermeiro (a) Obstetra e ou Obstetriz.

01 vaga para a função de Enfermeiro (a) UTI NeoNatal/Pediátrica.

01 vaga para a função de Assistente Social.

02 vagas para a função de Assistente Administrativo.

01 vaga para a função de Advogado (a).

01 vaga para a função de Analista de Sistemas.

As vagas para os cargos de Nutricionista, Fonoaudiólogo, Assistente Social e Analista de Sistemas são exclusivamente para candidato a cota racial.

O processo seletivo vai ser composto por duas fases. Sendo a primeira um avaliação objetiva de 50 questões para cada nível de escolaridade e análise de títulos para os candidatos formados em um curso de graduação. Para ambas as formações, as provas vão ser divididas da seguinte forma: 05 questões de Noções de Informática; 10 questões de Legislação; 10 questões de Língua Portuguesa e 25 questões de Conhecimentos Específicos.

As inscrições devem ser realizadas até o dia 18 de dezembro de 2017, através do seguinte endereço eletrônico: www.paconcursos.com.br. A taxa de inscrição é de R$13,50 para nível médio e R$14,00 para nível superior.

As avaliações acontecem no dia 21 de janeiro de 2018. O concurso vai ter a validade de dois anos e o vínculo empregatício pode ser entendido pelo menos período de tempo, se esse for o desejo de ambas as partes.

Por Isabela Castro

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 5 Média: 3.2]

Seleção será para o cargo de escrevente.

No Estado de São Paulo estão sendo agendados os procedimentos para a organização de um novo concurso público. O prazo de nomeações do último concurso encerrou no dia seis de dezembro de 2017. Assim, no Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, TJ-SP, estão sendo realizadas as sanções para o próximo certame, que, em breve, estará com edital publicado, cujas vagas se destinarão ao cargo de escrevente, em setores no interior e no litoral.

Entretanto, não há, ainda, informações sobre o futuro edital, no departamento de recursos humanos. Os responsáveis informaram, somente, que neste órgão é tradicional dar início a um novo processo seletivo assim que o anterior encerra o seu prazo de chamadas.

A instituição encarregada de organizar o próximo concurso do TJ de São Paulo já foi determinada, cujo contrato foi assinado no dia 31 de maio. Portanto, a banca organizadora do novo certame será a Fundação Vunesp. O contrato em questão estabelece que esta instituição está encarregada de levar adiante os demais processos seletivos, dentro do prazo de validade contratual.

O posto de escrevente técnico judiciário está entre os cargos mais disputados entre os concorrentes, pois se trata de uma função cuja exigência máxima é de ensino médio completo, como condição para concorrer. A remuneração inicial está em torno de 6.025,76 mil reais. Os atributos que caracterizam este cargo e suas funções são: execução de atividades ligadas à organização de serviços diretamente relacionados às práticas de suporte técnico e suporte administrativo, destinadas às sedes do Tribunal de Justiça; manter em curso os processos judiciais e processos administrativos; realizar atendimento ao público interno e externo ao órgão; trabalhar na elaboração e na conferência de documentos oficiais, entre outras atividades.

É importante salientar que este pode não ser o único cargo de que o órgão lançará mão, no próximo certame. Oportunidades para outras carreiras certamente estarão em vigência no próximo edital. De acordo com o que foi estabelecido no contrato com a Vunesp, é provável que haja mais de um tipo de cargo em disputa, pois o mesmo estipula valores diferentes de taxas de inscrição em conformidade com níveis escolares diversos. Quais sejam: 42 reais para candidatos com ensino fundamental; 72 reais para candidatos com nível médio de escolaridade e 85 reais em relação aos candidatos possuidores de graduação em curso superior.

Os cargos do TJ de São Paulo estão distribuídos em diversas regiões administrativas, cujas vagas serão preenchidas no próximo processo seletivo.

Em relação ao posto de escrevente, as sedes administrativas para onde serão encaminhadas as vagas são as da 2ª, da 3ª, da 5ª, da 6ª, da 7ª, da 8ª, da 9ª e da 10ª. Essas unidades abarcam diversas cidades do interior e litoral do Estado de São Paulo.

No que tange à segunda região, os municípios são: cidade de Lins, cidade de Araçatuba, de Andradina e de Jales. A terceira região abrange a cidade de Botucatu, cidade de Avaré, cidade de Ourinhos, de Bauru e de Jaú. Em relação à 5ª região, a mesma está circunscrita às cidades de Assis, cidade de Presidente Prudente, de Presidente Venceslau, de Dracena, cidade de Tupã e cidade de Marília.

As unidades administrativas que estão circunscritas judicialmente à 6ª região, estão localizadas nas cidades de São Carlos, de Araraquara, cidade de Franca, de Batatais, de Ituverava, cidade de Ribeirão Preto, de Jaboticabal e cidade de Casa Branca. No caso da 7ª região, esta abrange a cidade de Santos, cidade de Registro e de Itanhaém.

No que toca à 8ª região administrativa, estão circunscritas as cidades de Barretos, cidade de Catanduva, de São José do Rio Preto, cidade de Votuporanga e cidade de Fernandópolis. A 9ª região administrativa abrange a cidade de São José dos Campos, de Taubaté, cidade de Guaratinguetá e de Caraguatatuba. A 10ª região administrativa está circunscrita às cidades de Sorocaba, de Itu, de Itapetininga e cidade Itapeva.

Portanto, são diversas unidades onde há vagas disponíveis, que englobam diversas oportunidades para candidatos de diversas regiões.

Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 25 Média: 3]

Oportunidades são para profissionais de nível fundamental, médio e superior.

Quem tem interesse em ser um servidor público pode conferir aqui informações a respeito do próximo concurso do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ SP). A banca organizadora dessa seleção já está definida desde o mês de maio de 2017 e se trata da Fundação para o Vestibular da Unesp, também conhecida como Fundação Vunesp. Veja mais detalhes a seguir.

Oportunidades disponíveis no TJ SP

As chances a serem oferecidas são para a função de escrevente técnico judiciário. Para concorrer é necessário ter escolaridade completa de nível médio. A remuneração desse cargo é de R$ 6.025,76. Além disso, os aprovados e nomeados terão direito a benefícios, como vale alimentação e vale transporte, por exemplo. As vagas serão direcionadas para o interior do Estado e também para o litoral.

Confira as cidades que serão atendidas: Presidente Venceslau, Araçatuba, Itu, Barretos, Botucatu, Itanhaém, Taubaté, Lins, Dracena, São José do Rio Preto, Caraguatatuba, Avaré, Presidente Prudente, Itapetininga, Catanduva, Araraquara, Marília, Santos, Jales, Bauru, Registro, São José dos Campos, Andradina, Ourinhos, Assis, Votuporanga, Itapeva, Guaratinguetá, Jaú, Tupã, Ribeirão Preto, São Carlos, Ituverava, Sorocaba, Fernandópolis, Batatais, Casa Branca, Franca e Jaboticabal.

Dentre as principais atribuições dessa função estão: acompanhar processos administrativos e judiciais, realizar atividades de suporte técnico das unidades do Tribunal de Justiça, controlar e guardar material de expediente, elaborar documentos, atender público externo e interno, conferir documentos, entre outras tarefas.

Mais detalhes sobre o concurso

Como o tribunal já tem contrato assinado com a Vunesp para os processos seletivos até o ano de 2018, os valores referentes às taxas de inscrição já estão definidos por nível de ensino, sendo R$ 85 para superior, R$ 72 para médio e R$ 42 no caso de fundamental.

Essa expectativa para o concurso de escrevente aumenta devido à validade do último concurso já expirar no mês de dezembro. Mesmo assim, pode haver vagas para outros cargos, pois é hábito do TJ SP realizar seleção quando o processo seletivo anterior se encerra.

Por oferecer um bom salário para quem tem ensino médio completo, muitas pessoas estudam para alcançar a aprovação nesse concurso. Não deixe essa chance passar. Inicie sua preparação o quanto antes a fim de garantir sua aprovação do certame do TJ SP.

Sobre o último certame do TJ SP

A última seleção para o tribunal ocorreu no mês de março de 2017, quando foi lançado o edital a fim de preencher 590 vagas para o cargo de escrevente técnico judiciário. Além disso, houve vagas reservadas para pessoas que se autodeclaram pretos e pardos e também para pessoas com necessidades especiais (PNE). As chances disponíveis foram para as regiões administrativas judiciárias 4 e 1, referentes às comarcas de Campinas e São Paulo Capital e Região Metropolitana de São Paulo, respectivamente. Alguns municípios providos foram: Santo André, Diadema, Mauá, Jandira, Guarulhos, Itapecerica da Serra, Jundiaí, Bragança Paulista, Mogi Mirim, Rio Claro, Limeira, São João da Boa Vista, entre outros.

As inscrições custaram R$ 68, mas foi concedida isenção parcial de 50% para quem preenchesse os requisitos legais: desempregado, receber até 2 salários mínimos e estivesse matriculado em escola de ensino médio, em curso pré-vestibular, ou que tenha graduação ou pós-graduação em curso.

Na ocasião, os candidatos realizaram provas objetivas com 100 quesitos, no mês de julho desse mesmo ano. As disciplinas cobradas foram: atualidades, direito penal, informática, português, direito processual penal, raciocínio lógico, direito administrativo, matemática, direito constitucional e normas da corregedoria geral de justiça. Os candidatos tiveram 5 horas para responder às questões e preencher o cartão de resposta. A segunda etapa constituiu-se de uma avaliação prática para digitar e formatar um texto com a ferramenta MS Word 2010.

Melisse V.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 55 Média: 2.5]

Concurso foi autorizado e terá 500 vagas disponíveis.

Os brasileiros estão vendo os concursos públicos como alternativas na hora de tentar driblar a crise e o desemprego que atingiram o país desde o ano passado. E para quem busca por concursos públicos em aberto acaba de surgir uma oportunidade. Trata-se do Concurso público do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região, do estado de São Paulo, que acaba de ser autorizado pelo MPDG. Ou seja, o concurso está confirmado e assim que tudo estiver pronto o edital de abertura será publicado com todas as informações necessárias.

A autorização de sua realização foi concedida no último dia 13 do mês de novembro, em uma Sessão Administrativa do Órgão Especial.

O próximo passo para andamento do concurso será a formação de uma comissão que se encarregará da contratação e uma empresa para ser a organizadora do certame.

O concurso foi autorizado, pois já se aproxima o vencimento do último realizado pelo órgão. Além disso, o TRT-SP já possui um elevado déficit de servidores, já que se totalizam 260 cargos em aberto, entre as funções de técnico, analista e auxiliar.

Ainda não se pode afirmar o quantitativo de vagas a serem disponibilizadas no certame, mas existe a expectativa de que seja um número relevante e nos seguintes cargos:

– Analista Judiciário na área Judiciária;

– Analista Judiciário na área Administrativa;

– Analista Judiciário na área Judiciária com Especialidade Oficial de Justiça Avaliador Federal;

– Analista Judiciário na área de Apoio Especializado em Enfermagem;

– Técnico Judiciário na área Administrativa;

– Técnico Judiciário com Especialidade em Segurança;

– Técnico Judiciário com Especialidade em Enfermagem.

Saiba os requisitos para cada um dos cargos mencionados acima:

– Analista Judiciário na Área Judiciária: Podem concorrer ao cargo pessoas que possuam curso de nível superior em Direito, que tenha sido cursado em instituição de ensino que possua o reconhecimento do Ministério da Educação, o MEC.

– Analista Judiciário na Área Administrativa: Podem concorrer ao cargos pessoas que possuam formação de nível superior em cursos de qualquer área, sendo aceito até mesmo curso de Licenciatura Plena, e que tenha sido cursado em instituição de ensino superior que possua o reconhecimento do MEC.

– Analista Judiciário na Área Judiciária com Especialidade Oficial de Justiça Avaliador Federal: Podem concorrer ao cargo pessoas que possuam formação de nível superior em Direito, cursado em instituição que possua o reconhecimento do MEC.

– Analista Judiciário na Área Apoio Especializado com Especialidade em Enfermagem: Para concorrer ao cargo é preciso possuir curso de nível superior em Enfermagem, que tenha sido cursado em instituição de ensino superior e registro no CRE, que é o Conselho Regional de Enfermagem.

– Técnico Judiciário na Área administrativa: para concorrer a este cargo é preciso possuir ensino médio completo, com certificado registrado, ou ainda certificado de formação técnica, cursado em instituição reconhecida pelo MEC.

– Técnico Judiciário na Área Administrativa com Especialidade Segurança: para concorrer a este cargo e necessário possuir ensino médio completo, ou curso técnico cursado em instituição que possua o reconhecimento do MEC. Além disso, o candidato precisa possui CNH de categoria D ou E.

– Técnico Judiciário na Área Apoio Especializado com Especialidade Enfermagem: para concorrer ao cargo é preciso possuir ensino médio completo e curso técnico de enfermagem, cursado em instituição que possua o reconhecimento do MEC.

Desse modo, os aprovados no certame recebem excelentes salários, acrescidos de um grande número de benefícios. Os salários podem partir de R$ 6 mil a R$ 11 mil, dependendo do cargo.

Nesse sentido, se você possui interesse em realizar o concurso, já comece a preparar seus estudos pois não deve demorar muito o edital de abertura será publicado.

Por Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 93 Média: 2.9]

Concurso deverá oferecer 2.750 vagas com salários de até R$ 10 mil.

Se você está em busca de uma oportunidade de concurso público para a Polícia Civil do estado de São Paulo, as notícias que chegam são bastante animadoras. É que foram autorizados pelo governo do estado a realização de dois novos concursos que disponibilizarão o total de 2.750 vagas.

A autorização foi dada pelo governador do estado Geraldo Alckmin, no dia 02 do mês de novembro. A partir de então já se iniciaram os primeiros preparativos para a realização dos certames.

Pedro Tonelli Neto, que é o atual delegado da divisão de Polícia da Secretaria de Concursos Públicos, declarou que nos dias que seguem os primeiros procedimentos já serão adotados, inclusive a formação da banca que se encarregará de organizar os concursos.

De acordo com o delegado, assim como ocorreu em um concurso realizado no ano de 2013, será necessário que uma empresa se responsabilize pela aplicação das provas. Contudo, o órgão ainda não decidiu se fará a contratação por meio de processo licitatório ou de forma direta. Essa decisão deve ser tomada nos próximos dias para que os editais de abertura dos certames estejam prontos para serem publicados no próximo mês de dezembro, em concordância com o que foi anunciado por Mágino Alves Barbosa Filho, que é secretário estadual de Segurança Pública, que disse no mês de outubro que o edital estaria disponível em dezembro.

Embora ainda não tenham sido publicado os editais, já foram confirmados que serão disponibilizadas para a concorrência o total de 2.750 vagas , sendo que deste total 1.100 para cargos que exigem formação de nível médio e 1.650 para cargos que exigem formação de nível superior.

As remunerações inicialmente serão em valores de até R$ 10.142,55.

Outra questão que ainda deve ser definida é se os dois editais serão publicados no mesmo dia, o que se acontecer levará os candidatos a escolherem apenas uma concorrência. Uma vez que em outros concursos aconteceu de um mesmo candidato ser aprovados em duas carreiras e assim terem que optar por um cargo deixando o outro vago, o que atrasa a composição completa do quadro de novos servidores.

Assim, já foi definido que as provas para as carreiras de escrivão e investigador serão realizadas no mesmo dia, em concordância com o que foi anunciado no último dia 9 do mês de novembro, em que foi publicada no Diário Oficial a resolução SSP-118.

Neste documento está especificado que em casos em que forem disponibilizadas duas carreiras, as provas devem ser realizadas no mesmo dia e mesmo horário.

Quem possui ensino médio completo poderá concorrer aos cargos, de agente de telecomunicações, com 300 vagas disponíveis, agente de polícia (com 400 vagas disponíveis), papiloscopista policial (com 200 vagas disponíveis) e auxiliar de papiloscopista (com 200 vagas disponíveis).

Já profissionais que possuam formação em curso de nível superior poderão se inscrever para concorrer aos cargos de investigador de polícia (com 600 vagas disponíveis), escrivão (com 800 vagas) e delegado (com 250 vagas disponíveis).

Nesse sentido, se você possui interesse em fazer parte da Polícia Civil do estado de São Paulo, fique atento a publicação dos editais de abertura, que devem ser publicados no próximo mês de dezembro.

As provas devem ser aplicadas nos primeiros meses do ano de 2018. Assim, a recomendação inicial é de que os interessados já comecem a se preparar para o processo de seleção. Para isso, busque por editais de outros concursos públicos da PC para o cargo desejado e verifique os conteúdos pragmáticos a serem cobrados para que os estudos preparatórios já possam ter início, garantindo assim a realização e uma boa prova e o aumento das chances de ser aprovado.

Garanta a sua vaga na Polícia Civil de São Paulo.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 313 Média: 3.2]

Concurso irá oferecer 33 vagas. Inscrições podem ser feitas até o dia 7 de dezembro de 2017.

A APTA/SP está com 33 postos de pesquisador e as inscrições podem ser feitas até o dia 7 do próximo mês, para o concurso da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios, que é vinculada à Secretaria de Agricultura e Abastecimento de São Paulo. As vagas são para o cargo de 'Pesquisador Científico I' e é uma ótima oportunidade para quem deseja conseguir uma boa oportunidade para 2018.

A atuação tanto pode ser em âmbito regional, como também estadual, tudo vai depender da área de especialização, sendo que as unidades estão sediadas nos seguintes municípios: Jundiaí, Campinas, Votuporanga, Santos, Ribeirão Preto, Campos do Jordão, Cordeirópolis, Capão Bonito, Nova Odessa e também em Sertãozinho.

Importante ressaltar que só poderão se inscrever os candidatos com nível superior, das seguintes áreas: zootecnia, agronomia, engenharia de alimentos, medicina veterinária, engenharia química, engenharia agrícola, engenharia de pesca, engenharia mecânica, biologia, biomedicina, farmácia, química, economia, estatística e também em áreas que sejam pertinentes às especializações que estão estipuladas no edital.

A carga horária é de 40 horas semanais e o salário inicial é de R$ 4.173,85.

Quem tiver interesse precisa ficar atento ao prazo, que termina dia 7 de dezembro, mas a dica é não deixar para a última hora, o ideal é efetuar o cadastro o quanto antes. A inscrição pode ser feita nos dias úteis, no horário das 10 às 16 horas, indo pessoalmente ao departamento de gestão estratégica, no centro de recursos humanos da APTA, que fica no endereço: Avenida Barão de Itapura, nº 1.481, em Campinas, São Paulo.

A inscrição também pode ser feita na sede do Instituto Biológico, que fica no endereço: Avenida Conselheiro Rodrigues Alves, nº 1.252, em São Paulo.

A taxa de inscrição é de R$ 87,73.

Assim que as inscrições se encerrarem, já começam as etapas. Todos que se inscreveram serão chamados para a prova escrita dissertativa, depois vem a avaliação de arguição oral e por fim, a análise de títulos. A prova escrita dissertativa será composta por duas etapas, sendo que a primeira é sobre conhecimentos básicos no campo da agricultura, alimentos e zootecnia, depois vem a segunda, que será sobre conhecimentos específicos, variando de acordo com a área de especialização do candidato.

A data e horário da prova serão publicados no Diário Oficial do Estado de São Paulo, que pode ser acessado no site: www.imprensaoficial.com.br.

A principal missão da APTA – Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios é gerenciar as atividades relacionadas a ciência e tecnologia pra melhorar o agronegócio, contando com uma estrutura moderna, que envolve o Instituto Biológico, o Instituto Agronômico, Instituto de Pesca, Instituto de Economia Agrícola, Instituto de Tecnologia de Alimentos e também o Instituto de Estado de São Paulo, além do Departamento de Gestão Estratégica. A Agência mantém o foco no desenvolvimento sustentado, buscando sempre a inovação responsável e para isto precisa contar com profissionais capacitados, além dos pesquisadores e técnicos. Graças aos estudos, pesquisas e serviços prestados pela APTA, tem sido oferecido inovação científica e tecnológica, garantindo o fortalecimento da economia na área do agronegócio.

No site da APTA o candidato poderá já ir conhecendo a Agência, verificar os projetos, os serviços oferecidos, o retorno social, distribuição geográfica, além de conhecer um pouco mais sobre as unidades de pesquisa, basta acessar:
www.apta.sp.gov.br.

E para acessar as informações sobre o concurso, é só acessar o endereço abaixo, onde está o edital e também a retificação com o valor da taxa de inscrição, mais a ficha de inscrição para preenchimento online. Os interessados não podem deixar de acessar a página para conferir todas as informações e sempre que possível, retornar para ver se tem alguma novidade: www.apta.sp.gov.br/concurso-pesquisador-cientifico-apta.php.

Por Russel

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 3 Média: 2.7]

Seleção irá ofertar 44 vagas para Agente Comunitário. Inscrições podem ser feitas até o dia 20 de novembro de 2017.

A Prefeitura da cidade de Araras, localizada no estado de São Paulo, divulgou recentemente que irá realizar um processo seletivo com o intuito de selecionar novos funcionários para executarem a função de agente comunitário, na área da saúde e, também, na área da educação para professores.

É isso mesmo! As inscrições para esse processo seletivo começam no dia 7 do mês de novembro (terça-feira) e terminam no dia 20 do mesmo mês (segunda-feira). Estima-se que sejam ofertadas cerca de 44 vagas, sendo elas, algumas efetivas, já outras temporárias. A finalidade principal da realização desse certame é conseguir preencher o atual quadro de funcionários da prefeitura do município de Araras, que nos últimos tempos está desfalcado e os serviços públicos são prestados com um reduzido número de funcionários se comparada à proporção do número de habitantes.

É necessário, no entanto, que o candidato se disponha a pagar uma pequena taxa de inscrição, isto é, aqueles que se inscreverem para competir pela vaga de agente de saúde, deve pagar um valor referente a R$ 9,00, já aqueles que destinarem sua inscrição para ocupar o cargo de professor precisa desembolsar R$ 12,00.

Para participar do processo seletivo é necessário que o candidato possua um certificado de conclusão do Ensino Médio emitido pelo Ministério da Educação. As 44 vagas que serão disponibilizadas serão divididas de acordo com as diferentes áreas de atuação, isto é, saúde e educação. Nesse contexto, serão destinadas cerca de 37 vagas para candidatos que queiram exercer a função de agente comunitário, trabalhando diretamente com a população de Araras. Vale ressaltar ainda que a remuneração, no início, pode chegar a até R$ 1.300.

Sendo assim, as outras sete vagas serão destinadas para área da educação, desse modo, há uma vaga para a função de professor de inglês; três vagas para professores de educação física e, por fim, outros três postos de empregos para professores que tiverem formação superior em arte. Esses servidores públicos vão possuir uma remuneração de cerca de R$ 1.800.

Ficou interessado? Bem, para se inscrever é muito fácil. Antes de tudo, é importante saber que as inscrições só podem ser realizadas por meio da internet. Sendo assim, basta apenas acessar ao seguinte endereço eletrônico: www.shdias.com.br, que pertence à banca organizadora do processo seletivo, que desta vez será a SHDias, responsável por elaborar a prova do exame.

A prova deve acontecer no dia 3 do mês de dezembro. Os participantes que competem pelas vagas na área da saúde devem realizar uma prova contendo 30 questões. Por outro lado, aqueles que prestarem o concurso para conquistarem as vagas de professores, para serem aprovados, precisam passar por 40 questões.

Os participantes precisam dominar conhecimentos de matemática, língua portuguesa, raciocínio lógico, conhecimentos gerais e, claro, alguns conhecimentos específicos para aqueles que competem por vagas que exigem formação superior.

Após o resultado do processo seletivo, os candidatos devem ter seus títulos, assim como documentos que afirmam os cursos e especializações realizados pelos participantes. Os responsáveis por fazer essa análise fazer parte da banca organizadora e são escolhidos a fim de formarem uma comissão.

Estimativas apontam que as inscrições devem ser bastante procuradas, já que, a crise econômica desencadeada em 2015, decorrente do agravante do cenário político, como todos já sabem, afetou a todos os municípios do país, fazendo inúmeros desempregados. Sendo assim, o processo seletivo é uma oportunidade para que pessoas que não conseguem arranjar um novo ofício, consigam, desta vez, por meio de muito estudo e dedicação, um trabalho que garanta certa estabilidade profissional e financeira.

É importante ressaltar ainda que o contrato realizado entre os servidores e a prefeitura, logo após o término do processo seletivo, deve durar por, no mínimo, dois anos. Havendo a oportunidade desses contratos serem renovados a partir desta data.

Ana Paula Oliveira Coimbra

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 4 Média: 3]

Concurso será organizado pelo Intituto Zambini. Edital deverá ser divulgado em breve.

No Estado de São Paulo, um novo concurso público está sendo promovido. A SPTrans está preparando um novo certame que dispõe de vagas para o cargo de médico. O edital do novo processo de seleção, que está sendo elaborado pela SPTrans, será publicado ao longo dos próximos dias. Este concurso público está destinado apenas a profissionais que possuem nível superior completo. A remuneração inicial foi estipulada no valor de 5,4 mil reais, com jornadas estabelecidas em 120 horas mensais.

A companhia SPTrans – São Paulo Transporte – está autorizada a promover novo concurso e já está trabalhando nos preparativos que visam a realização do processo seletivo, destinado a cargos na área da saúde. De acordo com as informações disponíveis, o órgão contratou os serviços do Instituto Zambini, ao qual está incumbida a responsabilidade de organização todas as fases do novo concurso. Portanto, este instituto será banca organizadora.

Este novo processo seletivo abarca excelentes oportunidades para os seguintes cargos: posto de médico auditor e serviço atende; posto de médico auditor e plano de saúde e posto de médico do trabalho. Entretanto, a condição necessária que permite concorrer aos cargos anunciados é a posse de diploma de formação superior específica na área.Conferido por instituição de ensino superior reconhecida.

Conforme foi informado pela companhia, o vencimento inicial ofertado neste novo certame da São Paulo Transporte foi estabelecido conforme o seguinte valor: 5.408,70 reais. Os demais benefícios disponíveis são: 671,44 reais em vale-refeição; 523,28 reais em vale-alimentação; 893,14 reais em auxílio-creche e, quando for o caso, 1.036,05 reais em auxílio para filho excepcional. As jornadas de trabalho estão fixadas em 4 horas diárias, equivalendo a 120 horas por mês.

A seleção dos candidatos participantes deste concurso será realizada por meio de avaliação com prova uma objetiva contendo 30 questões de múltipla escolha, das quais 20 versam sobre o Sistema Único de Saúde – SUS – e dez questões sobre os conhecimentos específicos necessários.

É importante que os interessados em participar deste processo seletivo estejam atentos às atualizações, pois ao longo dos próximos dias a São Paulo Transporte irá determinar, em conjunto com a banca organizadora, o cronograma completo que definirá a data de publicação do edital. No edital constarão o prazo de inscrição e as datas exatas das provas, locais e conteúdos.

Os cargos disponíveis estão descritos conforme segue:

  • Cargo de Médico Auditor e Serviço Atende: Com função de executar perícias e avaliações médicas de usuários especiais, tanto no deferimento quanto no indeferimento de concessão do benefício de gratuidade aos passageiros que possuam necessidades especiais.
  • Cargo de Médico Auditor e Plano de Saúde: Atuar na função de executar perícias e avaliações sobre as contas médicas da empresa, realizando análises dos pareceres em assuntos relacionados aos procedimentos da gestão do plano de saúde da companhia.
  • Cargo de Médico do Trabalho: Atuar na função de atendimento e avaliação das condições de saúde dos colaboradores e dos candidatos aos postos de trabalho na companhia, trabalhando na proposta de novos planos e procedimentos que visem a melhoria das caraterísticas ergonômicas e na prevenção de doenças ocupacionais. Portanto, na segurança do trabalho. São cargos de extrema responsabilidade. Profissionais da área médica, já atuantes, tem maior chence de aprovação, devido à experiência que possa demonstrar.

As vagas disponíveis estão sendo ofertadas apenas no Estado de São Paulo. Entretanto, candidatos de todas as regiões do Brasil tem chance de participar desse concurso, caso tenham disponibilidade de viajar.

Aos interessados compete permanecer antenados nas atualizações, recordando que para participar desse processo seletivo é necessário possuir diploma de graduação em curso superior específico.

Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 7 Média: 1.9]

Concurso irá oferecer vagas para todos os níveis de escolaridade e os salários podem chegar a R$ 4 mil. Edital deverá ser divulgado nos próximos dias.

Pode começar a estudar: Lemeprev/São Paulo escolheu a banca que será responsável pela realização do próximo certame. A expectativa é que o edital seja publicado nas próximas semanas e terá oportunidades para todos os níveis. A remuneração pode chegar a mais de R$ 4 mil.

Sobre o concurso Lemeprev/SP

O Regime Próprio de Previdência Social dos Servidores Públicos do Município de Leme, interior do estado de São Paulo, deve publicar edital nas próximas semanas. No total, o certame contará com 12 vagas, sendo 2 imediatas e o restante para a formação de cadastro reserva.

As vagas serão distribuídas da seguinte maneira: 4 para quem tem ensino fundamental, 5 para ensino médio e 3 para quem tem nível superior. As remunerações podem variar de R$ 1.237,23 a R$ 4.995,33, a jornada de trabalho também varia, sendo 30 ou 40 horas.

A banca escolhida para a realização do certame foi a Dedalus Concursos e os interessados já podem começar a sua preparação com foco na organizadora escolhida. Que tal aproveitar a oportunidade e iniciar os estudos?

Oportunidades do concurso Lemeprev/SP

O certame vai oferecer oportunidades para diversos cargos. Para concorrer ao cargo de agente de serviço público deve ter nível fundamental completo. Será oferecido uma vaga e dois cadastros reservas. A remuneração inicial corresponde a R$ 1.237,23 e a jornada de trabalho é de 40 horas.

Outra oportunidade para nível fundamental é para o cargo de motorista, que terá 1 vaga para cadastro reserva e a remuneração inicial é de R$ 1.505,65. O interessado deve ter carteira de habilitação “D” e a carga horária de trabalho é de 40 horas.

Os interessados em concorrer que têm nível médio, podem começar a estudar para o cargo de agente administrativo, que tem a remuneração inicial de R$ 1.505,65 e a carga horária de trabalho é de 40 horas semanais.

Para nível superior, o certame tem uma vaga para cadastro reserva para o cargo de assistente social, com remuneração inicial de R$ 2.243,86 e carga horária de 30 horas; contador, que conta com uma vaga para cadastro reserva e remuneração inicial de R$ 3586,04 e também para professor autárquico, com uma vaga e remuneração inicial de R$ 4.995,33.

Como estudar para este concurso?

A banca escolhida foi a Dedalus e a expectativa é que o edital seja divulgado nas próximas semanas. Ou seja, é necessário começar a sua preparação antes de o documento ser publicado, a fim de ganhar tempo e disciplina.

Elabore um cronograma focado e durante os estudos concentre-se. Desta forma, ao estudar, desligue o seu celular e não perca tempo com redes sociais. Deixe para conferir tudo depois que acabar de estudar ou no intervalo.

Tenha como meta passar e faça disso a sua prioridade, até conseguir. Faça um planejamento alinhado com a sua realidade de estudo, ou seja, não adianta se programar de estudar 04 horas, se você consegue apenas 02. Inicie aos poucos e de forma progressiva aumente o tempo. Assim, você vai criando hábito e aumentando a sua produtividade.

Invista em bons materiais e estude por meio de apostilas que sejam específicas. Faça exercícios da banca Dedalus, para conhecer o estilo da provas e as possíveis questões. Não se esqueça de separar um tempo no seu cronograma para fazer revisão e simulado. Isso vai estimular o seu conhecimento e te ajudar a identificar os conteúdos que mais domina ou que precisa de reforço. Quando o edital for publicado, aumente os ritmos de estudo e mantenha o foco.

Durante o estudo, mantenha na sua mente o porquê do seu objetivo. Motivação é essencial para manter a produtividade e alcançar a sua classificação. Boa sorte e boa prova!

Por Babi

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 11 Média: 3.5]

Concurso oferece 27 vagas. Inscrições podem ser feitas até o dia 31 de outubro de 2017.

A Amazônia Azul Tecnologias de Defesa S.A., mais conhecida como Amazul, abriu o período de inscrições para o preenchimento de 27 oportunidades em caráter temporário. Dessas 27 vagas em aberto, 12 são para assumir imediatamente, enquanto 15 são com o intuito de formação de cadastro de reserva. As oportunidades são para a cidade de São Paulo.

O salário inicial ofertado pelas oportunidades é R$ 6.071,77.

Pré requisitos para preenchimento das vagas

Para ser apto à concorrência das vagas, o candidato precisa ter ensino médio completo. Além desse grau de escolaridade, também é requerido que o profissional possua pelo menos 5 anos de experiência comprovada na função que quer pleitear.

Oportunidades de trabalho

As vagas em aberto para preenchimento cumprindo os requisitos citados acima são para o cargo de projetista, nas seguintes áreas:

– Engenharia civil de instalações industriais, sendo 3 vagas para posse imediata e outras 3 destinadas ao cadastro de reserva;

– Tubulações e instalações industriais, sendo 5 oportunidades em caráter imediato e outras 5 para formação de cadastro de reserva;

– Engenharia elétrica e instalações industriais, sendo 3 cargos para assumir imediatamente e mais 5 vagas para formar cadastro de reserva,

– Instrumentação e controle de instalações industriais, sendo 1 vaga para posse imediata enquanto as 2 restantes ficam para formação de CR.

Outros benefícios oferecidos pela Amazul

Além do salário atrativo, a empresa oferece ainda benefícios para os colaboradores contratados. Os benefícios oferecidos pela Amazul são: vale transporte, cesta alimentação, refeição oferecida na empresa ou se a unidade não tiver restaurante, auxílio-refeição, e auxílio creche.

Acerca do processo seletivo para eleição dos novos colaboradores

As inscrições devem ser realizadas de forma presencial e podem ser feitas até o dia 31 de outubro. A endereço de comparecimento é Av. Corifeu de Azevedo Marques, no número 1.847. O local está situado no bairro do Butantã, na cidade de São Paulo. O horário de atendimento, nos dias úteis, é das 10 da manhã ao meio-dia e também das 14hrs até às 16hs. A taxa de inscrição tem valor de 100 reais.

O processo seletivo se dará através de duas etapas, sendo ambas de caráter classificatório e eliminatório, ou seja, os mais aptos avançam na primeira e, na última, os que se destacarem serão eleitos. As duas etapas são: prova objetiva e avaliação de experiência.

A primeira etapa é composta de 20 questões, todas de multipla escolha e poderá ser realizada no período de 60 minutos, ou seja, 1 hora. A data prevista para a prova é dia 15 de novembro, na cidade de São Paulo. Local e horário ainda não foram divulgados, portanto, fique atento ao site http://amazul.gov.br.

Os aprovados para a segunda fase devem entregar os seguintes documentos para comprovar as informações acerca de formação e experiência: cópia autenticada do diploma do curso do ensino médio, comprovando a conclusão; documento que comprove a experiência mínima requerida para o cargo (5 anos). A entrega dos documentos deve ser realizada no ato da inscrição, num envelope devidamente identificado e lacrado.

O processo seletivo é válido por 2 anos. A data que começa a contar é a de homologação, ou seja, a que vai em Diário Oficial da União, na publicação da posse do concurso. O período pode ser prorrogado por mais 2 anos. Essa prorrogação fica a critério da empresa Amazul.

Não perca tempo! As inscrições se encerram na próxima terça-feira (31).

David Ferreira

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 4 Média: 2.5]

Seleção deverá ofertar 668 vagas. Salários podem chega a R$ 7.450.

A SAP/SP (Secretaria de Administração Penitenciária de São Paulo) vai lançar concurso público nos próximos meses, tendo como objetivo preencher 668 vagas disponíveis no seu quadro de pessoal, sendo que 316 são voltadas para cargos que exigem formação no ensino médio e 352 são dedicadas aos profissionais com nível superior. As remunerações iniciais são de até R$ 7.450,00.

O anúncio do concurso foi feito pelo governador Geraldo Alckmin, em fevereiro de 2016, sendo que a validade de autorização do certame se encerrou em fevereiro desse ano, mas a instituição recorreu e pretende realizar o processo seletivo ainda esse ano. Confira abaixo mais informações do concurso SAP/SP, que deve ser lançado em breve:

Sobre o concurso

O concurso SAP/SP começará a ser preparado nos próximos dias, pois conforme anunciado no Diário Oficial do Estado, no último dia 21 de outubro, a instituição já contratou a banca organizadora para a realização da seleção de novos funcionários públicos. A empresa responsável pela elaboração do exame é a Sarmento Concursos LTDA.

Das 668 vagas oferecidas pelo concurso, 265 são para ocupar o cargo de Oficial Administrativo, que é considerada uma carreira comum na área de administração pública estadual, tendo responsabilidades específicas que variam de acordo com cada órgão de lotação. Para essa função, o salário inicial é de R$ 1.484,00. Também para o ensino médio, há 51 vagas para a função de Técnico de Enfermagem, pagando uma remuneração de até R$ 1.754,74. É necessário que os interessados nessa oportunidade tenham formação técnica.

Em se tratando das 252 vagas para o ensino superior, o cargo a ser preenchido é o de Médico, cujo salário de início é de R$ 7.450,00. Há 5 vagas para Analista Sociocultural-Pedagogo, com salário de R$ 2.695,34, 25 vagas para Analista Administrativo, com remuneração de R$ 2.695,34. Ainda existem cargos para Agente Técnico de Assistência à Saúde, incluindo 5 vagas para Terapeuta Ocupacional e 42 para psicólogo, com salário de R$ 2.179,02.

Além disso, de acordo com a autorização emitida em janeiro, foram autorizadas 23 novas vagas, sendo 3 para Agente Técnico de Assistência à Saúde, que paga R$ 2.179,02, 8 para cirurgião dentista, com salário de R$ 2.179,02, e 12 para enfermeiro, com remuneração de R$ 2.885,83.

Estilo de prova

A prova do concurso público SAP/SP ainda será elaborada, mas com base nas características da banca organizadora Sarmento Concursos LTDA, já é possível ter uma noção de como será o estilo do exame aplicado aos candidatos. A responsável pela prova é conhecida por elaborar questões com nível médio de complexidade, sendo mais rigorosa na cobrança de conteúdos para os cargos de ensino superior.

A estimativa é de que a prova do processo seletivo seja composta por questões sobre Língua Portuguesa, Matemática, conhecimentos gerais e atualidades, conhecimentos específicos e a produção de uma redação, que geralmente trata de assuntos contemporâneos e que gerem discussão na sociedade. O exame é de múltipla escolha e tem caráter classificatório e eliminatório. Os candidatos que forem aprovados serão chamados para fazer a comprovação dos seus títulos profissionais.

Último concurso

O último concurso público realizado para o preenchimento de vagas na SAP/SP ocorreu no mês de agosto de 2017, tendo apresentado 1.034 oportunidades, que também eram direcionadas para a função de Agente de Segurança Penitenciária. Na ocasião, o processo seletivo foi organizado e aplicado pela banca MS Concursos.

A prova aplicada na última edição era objetiva, sendo estruturada em 50 questões de múltipla escolha. Os candidatos aprovados na primeira etapa foram submetidos a testes de condicionamento físico e de aptidão psicológica, além de terem que comprovar que possuem idoneidade e conduta ilibada, o que foi feito por meio e de investigação social.

Simone Leal

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 26 Média: 3.2]

Interessados podem se inscrever até o dia 24 de novembro de 2017.

Para quem pretende tornar-se um servidor público, aqui vai uma boa notícia. A Prefeitura de Osasco, município do estado de São Paulo, está com inscrições abertas para o seu próximo certame.

Se você tem interesse, confira mais informações a seguir.

Inscrições

Quem deseja se cadastrar para concorrer a uma das 289 vagas anunciadas em dois editais deve comparecer pessoalmente, ou por procuração pública, na Sala Osasco, que fica situada na Avenida Bussocaba, número 300, na Vila Campesina.

O prazo para realizar as inscrições é de 6 de novembro (segunda-feira) até 24 de novembro (sexta-feira). O horário de atendimento é das 9h às 15h.

Para efetuar o cadastro, não é necessário pagar taxa, pois a inscrição é gratuita.

Vagas

O primeiro edital, número 13/2017, anuncia 84 vagas para o cargo de enfermeiro e mais 84 para técnico em enfermagem. Para concorrer ao primeiro cargo, o candidato deve possuir formação de nível superior completa em Enfermagem, além de registro ativo no Conselho Regional de Enfermagem (COREN/SP). Outro requisito é ter vivência de 1 ano, no mínimo, na área de enfermagem em unidade básica de saúde (UBS) ou Estratégia de Saúde da Família (ESF) ou ainda em programas de agentes comunitários de saúde (PACS).

A jornada de trabalho corresponde a 40 horas semanais e a remuneração oferecida é de R$ 4.908,04.

No caso de quem possui escolaridade de nível médio e técnico, pode concorrer ao cargo de técnico de enfermagem. Os principais requisitos são: ter concluído o curso técnico em enfermagem, ter registro ativo no Conselho Regional de Enfermagem (COREN/SP) e experiência de um ano, no mínimo, atuando nessa área de saúde pública.

A prefeitura de Osasco oferece 84 vagas para técnico de enfermagem. A remuneração oferecida é de R$ 2.029,07 e a carga horária equivale a 40 horas por semana.

O outro edital, número 14/2017, anuncia 121 vagas para a função de Agente de Proteção Social, sendo 50 para candidatos do sexo masculino e 71 para mulheres. Para ocupar esse cargo é necessário ter escolaridade de nível médio completo.

A jornada de trabalho também é de 40 horas na semana e a remuneração corresponde a R$ 889,76, além de abono salarial.

Em todos os casos a contratação é temporária. De início o contrato de trabalho será por 12 meses, podendo ser prorrogado por mais 12 meses, a critério do órgão municipal.

Provas

A data para aplicação das provas está programada para o dia 10 de dezembro (domingo). Os locais e horários das avaliações serão divulgados no dia 5 de dezembro (terça-feira).

Todos os candidatos serão submetidos a provas objetivas com 40 quesitos. As disciplinas cobradas para todos os cargos são: português, legislação e conhecimentos específicos. Quem concorrer ao cargo de enfermeiro e técnico em enfermagem também deverá responder a questões sobre raciocínio lógico matemático e sobre conhecimentos básicos em informática.

Atribuições

Confira algumas das atribuições do agente de proteção social: apoiar os usuários no planejamento e organização de sua rotina diária, desenvolver atividades para o acolhimento, proteção integral e promoção da autonomia e autoestima dos usuários, desenvolver atividades que contribuam com a prevenção de rompimentos de vínculos familiares e comunitários, possibilitando a superação de situações de fragilidade social vivenciadas, entre outras.

As principais atividades do técnico de enfermagem são: Realizar atividades programadas e de atenção à demanda espontânea, participar e realizar atividades de educação permanente, realizar ações de educação em saúde a população adstrita, entre outras.

Mais informações

Para saber outros detalhes, acesse o site da prefeitura.

No total, são ofertadas 289 chances. Além disso, há vagas reservadas para pessoas com necessidades especiais (PNE).

Não fique de fora, participe desse processo seletivo.

Melisse V.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 9 Média: 2.2]

Seleção deverá oferecer vagas para analista e técnico.

Se você reside em Campinas, município do interior do estado de São Paulo e encontra-se na expectativa de novas informações sobre um possível concurso público do Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região, as notícias que chegam são bastante animadoras. É que embora ainda não exista uma data confirmada para a publicação do edital de abertura, o concurso já está confirmado e não vai demorar muito para o edital ser finalmente publicado com todas as informações sobre o certame.

Os concurseiros de Campinas e região têm criado grande expectativa em relação a realização deste concurso do TRT 15. Mas ao que tudo indica eles estão certos, pois o concurso realmente será realizado, já se encontrando em fase de elaboração.

De acordo com as primeiras informações sobre o concurso, já foi adiantado que serão disponibilizadas para a concorrência vagas para lotação imediata e para a formação de cadastro de reservas (CR), sendo estas vagas para pessoas com formação de nível médio e de nível superior.

A organização do concurso está em andamento, visto que sua autorização foi dada no mês de agosto deste ano. De lá para cá, o andamento vem acontecendo conforme o programado. Inclusive a empresa que se responsabilizará por sua organização e execução já foi escolhida , sendo ela a já conhecida Fundação Carlos Chagas. Agora, resta oficializar o contrato que prevê a prestação serviços.

A recomendação aos interessados em realizar o concurso público do TRT 15 é de que os estudos preparatórios já tenham início, pois como é de costume, o número de inscritos em processo seletivos de tribunais é muito grande, fazendo com que a concorrência seja muito acirrada.

Segundo informações que constam no documento que solicitava a autorização para a realização do concurso, as vagas a serem disponibilizadas no certame serão para os cargos de Analista e de Técnico, que exigem ensino de nível superior e médio, respectivamente, Contudo, não há informações sobre as especialidades dos cargos.

Um técnico judiciário possui um salário inicial no valor de R$ 6.376,41, enquanto um analista judiciário possui uma remuneração inicial no valor de R$ 10.461,90. Além destes vencimentos os profissionais ainda recebem alguns benefícios como vale-transporte e auxílio-alimentação.

O último concurso público realizado pelo Tribunal Regional do Trabalho 15ª Região de Campinas, ocorreu no ano de 2015. Na ocasião foram disponibilizadas para concorrência o equivalente a 63 vagas, para os cargos de Analista e Técnico judiciário em diversas especialidades. Além disso, também houve formação de cadastro de reservas.

Na época a empresa contratada para organizar e executar o concurso também foi a Fundação Carlos Chagas.

Os inscritos no concurso do ano de 2015, independente do cargo pretendido, tiveram que realizar uma prova objetiva composta por 60 questões. Candidatos de alguns cargos também tiveram que passar por prova de títulos e realização e redação.

Nesse sentido, se você possui interesse em realizar o concurso do TRT 15 de Campinas, já comece a preparar para a realização da prova. Para isso, busque pelo edital de abertura do último concurso do órgão, pois através dele é possível verificar os conteúdos que são comumente cobrados. Além disso, como a banca organizadora é a mesma, também é possível realizar as provas passadas de outros concursos para saber como é o tipo de abordagem que a banca utiliza em suas provas.

O mais importante é que o concurso está confirmado e assim que o contrato com a banca organizadora for assinada, será uma questão de dias para a publicação oficial do edital de abertura.

Faça o concurso público do TRT 15 de Campinas e trabalhe com segurança e estabilidade financeira, que em tempos de instabilidade na economia do país, estão tão raras.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 22 Média: 3.8]

Estão abertas as inscrições para o concurso CRESS/SP. Confira as vagas abertas.

Mais um concurso foi aberto e se você é de São Paulo poderá tentar uma vaga no concurso CRESS/SP.

O concurso da CRESS/SP vai ser muito disputado e o ideal é preparar para a prova.

Vagas para nível médio e superior

As vagas do concurso CRESS/SP são para os níveis médio e superior. A princípio é para duas vagas imediatas, o que torna o concurso mais disputado ainda, visando ao número estimado de inscrições. E também vai ter formação de cadastro reserva.

Como funciona o cadastro reserva do CRESS/SP?

O cadastro reserva funciona da seguinte forma: Os candidatos serão chamados de acordo com a precisão e conveniência do CRESS/SP. Serão chamados candidatos de acordo com a ordem de classificação do concurso.

Informações sobre a inscrição do concurso CRESS/SP

O valor da taxa de inscrição é de R$60,00. A data máxima para se inscrever é até o dia 20 de novembro. Para se cadastrar basta acessar o site www.shdias.com.br. No site tem uma ficha cadastral, basta apenas preencher os com seus dados corretamente e depois fazer o pagamento do boleto.

Informações sobre a prova do concurso CRESS/SP

A prova já tem data prevista para o dia 28 de janeiro de 2018, os locais e horários das provas ainda serão confirmados no site onde será feita a inscrição. E será de uma etapa que será de uma prova objetiva. Para o nível superior a prova será de 50 questões, já para quem tem o nível médio a prova terá 40 questões. Ambas as provas serão de múltipla escolha. Já as matérias que vão cair na prova são: Língua portuguesa, raciocínio lógico e matemática, conhecimentos específicos e noções de informática.

Salários e benefícios dos cargos no CRESS/SP

Para o cargo de assistente administrativo e serviços, que é para quem possui o nível médio completo, o salário inicial é de R$ 1.900,31 e a carga horária é de 30 horas semanais. Terá apenas 1 vaga para esse cargo, fora o cadastro reserva.

Para o cargo de assistente social que é para quem possui nível superior completo, o salário inicial é de R$ 3.533,63 e a carga horária é de 30 horas semanais. Terá apenas 1 vaga para esse cargo além do cadastro reserva.

Já benefícios para ambos os cargos são: vale-refeição, vale-alimentação e vale-transporte totalizando o valor de R$ 970,16 além de plano de saúde.

Banca organizadora do concurso

A banca organizadora do concurso é a SHDias. Ela é uma banca reconhecida por sua excelência em planejar, organizar e realizar diversos concursos. Normalmente as provas dessa banca são complexas e causa uma certa preocupação nos candidatos. A dica nesse caso é se preparar com certa dedicação para conseguir ter uma pontuação alta.

Atribuições do cargo de assistente administração e serviços e atendimento

Conferir documentos para inscrição e registro, atuar no suporte administrativo as comissões, organizar a documentação recebida e encaminhar para a sede da organização, prestar atendimento telefônico pessoalmente ou pela página do conselho e orientar quanto aos procedimentos e documentação necessária para inscrição e registro de profissionais assistentes sociais, atuar nos suportes administrativos as comissões, controlar a utilização e níveis de estoque de material de escritório e apoio utilizando a sede/seccional e outras atribuições.

Atribuições do cargo de assistente social/agente fiscal

Fiscalizar e inspecionar as atividades de serviço social na área de jurisdição sob sua responsabilidade, visando assegurar que as atividades de serviço social sejam executadas por profissionais devidamente habilitados, fornecer informações técnicas sobre as ações, regiões e instituições, oferecendo suporte na realização da estratégia do conselho, executar a política nacional de fiscalização do conjunto CFESS/CRESS, receber denúncias sobre o exercício ilegal da profissão e outras atribuições.

Agora é só se preparar para conquistar a tão sonhada vaga!

Por Cristiane Amaral

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 12 Média: 2.8]

Concurso deve oferecer 46 vagas para especialista e analista em regulação.

Já está em andamento o processo para a escolha da banca organizadora do novo concurso público da Agência Reguladora de Saneamento e de Energia do Estado de São Paulo, a Arsesp. Aguardado desde a data de 10 de maio de 2017, logo que foi autorizado pelo governador Geraldo Alckmin, a expectativa é de que, a qualquer momento, a empresa responsável por todo o processo do certame já seja confirmada, dando encaminhamento ao edital de abertura das inscrições até o prazo máximo de dezembro.

Com trabalho intensificado desde 9 de agosto, no processo para a elaboração do documento oficial, sabe-se que serão oferecidas um total de 46 vagas, sendo dessas 42 para a função de especialista em regulação de serviços públicos e outras quatro para o cargo de analista de suporte à regulação. Para ambas as carreiras, é necessário atender alguns pré-requisitos importantes no que se refere à formação e experiência profissional.

Partindo disso, as duas precisam de pessoas com diploma em nível superior em áreas específicas e de acordo com as atividades. Além disso, ainda é necessário ter experiência profissional de pelo menos três anos na respectiva área.

Quais as áreas de atuação?

Para a carreira de analista de suporte à regulação, as atribuições são voltadas para as seguintes áreas de atuação: fluxo de documentos, administração geral, orçamento, tecnologia da informação, comunicação e relacionamento com os usuários e planejamento estratégico.

Já para a de especialista, as atividades são três e as seguintes: saneamento básico, gás canalizado e energia elétrica.

Remuneração e plano de carreira

Ambos os cargos citados possuem um plano de carreira que é composto por seis níveis distintos. Sendo assim, durante o exercício, quem for aprovado para o cargo de analista contará, posteriormente, com um total de mais cinco reajustes, elevando assim as remunerações iniciais, que são de R$ 5.207. Dessa forma, os valores podem chegar a até R$ 10.473.

Já para os especialistas em regulação de serviços públicos, o valor inicial de R$ 6.214 chega, ao fim, a um vencimento de até R$ 12.499,50. É importa ressaltar que, para ambos os cargos, a jornada de trabalho é de 40 horas por semana.

Sobre o concurso anterior da Arsesp

A última seleção da Arsesp também foi destinada para as duas carreiras. O certame ocorreu no ano de 2009, pela banca organizadora responsável na ocasião, a Fundação Vunesp. É possível acessar no site da mesma todo o conteúdo programático desse processo, no https://www.vunesp.com.br/.

Uma prova de conhecimentos gerais foi a primeira etapa a que foram submetidos os candidatos. Foram, no total, 40 questões, além da realização de uma redação sobre assunto específico. Essas ocorreram no período da manhã. Já no período da tarde, foi realizada uma prova sobre conhecimentos específicos e com 30 questões.

Na etapa de conhecimentos gerais, foram cinco questões de matemática, 12 de língua portuguesa, quatro de noções sobre direito constitucional, cinco sobre raciocínio lógico, três sobre as noções de direito administrativo, três sobre noções de informática, três sobre atualidades e cinco sobre língua inglesa.

Em cargos técnicos, as 30 questões de conhecimentos contaram com uma divisão de quatro grupos com 15 questões, sendo que os candidatos deveriam escolher dois. Isso ocorreu da seguinte forma: 15 de conhecimentos técnicos relacionados ao setor de distribuição de gás canalizado e a sua regulação; 15 sobre conhecimentos técnicos do setor elétrico e a sua regulação dos serviços de energia; 15 sobre conhecimentos técnicos sobre a economia e a regulação; e, por último, 15 sobre conhecimentos técnicos do setor de saneamento básico e a sua regulação.

Para analistas, foram cinco grupos de 10, necessitando da escolha de três. A divisão ficou assim: dez de tecnologia da informação, dez de administração geral e sobre contratações, dez de orçamento público e as finanças, dez de comunicação e sobre relacionamento com o usuário e dez de recursos humanos e planejamento.

Na classificação final foram considerados também os títulos dos candidatos. O limite desses era de 15 pontos.

Kellen Kunz

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 4 Média: 3.3]

Os cargos são para professores atuantes em diversas áreas.

O Instituto Tecnológico de Aeronáutica, em São Paulo, divulgou edital do concurso público de 60 vagas, para professores em diferentes áreas. Os salários vão de R$ 4.455,22 a R$ 5.130,45 com adicional de titulação de mestre no valor de R$ 2.172,21. As inscrições iniciaram no dia 2 de outubro de 2017 e seguem até dia 31 do mesmo mês.

Os cargos de nível superior são para professores atuantes em diversas áreas. Na modalidade, o concurso chamará candidatos para os cargos de professor assistente e professor adjunto.

As vagas serão para preenchimento de cargos de professor na própria sede do Instituto Tecnológico de Aeronáutica – ITA, em São José dos Campos – São Paulo.

Para os interessados aos cargos do edital, as inscrições devem ser feitas pelo site: www.ita.br/concurso2017 e também no próprio ITA. A taxa é de R$ 120 e o pagamento deve ser feito exclusivamente pelo Banco do Brasil.

O candidato, ao efetuar sua inscrição, deve acessar a ficha de inscrição, pelo portal do ITA, imprimir e direcionar, via Sedex, junto com a documentação comprobatória para o endereço do Instituto.

O concurso do ITA terá três fases especificas. Durante a realização do certame será aplicada prova escrita, de conhecimentos associados à formação geral e específica, prova didática e prova de título. Todas as fases são de caráter eliminatório e classificatório, válido para todos os cargos ofertados no edital.

A prova, que ainda não tem data prevista, será realizada no próprio Instituto Tecnológico de Aeronáutica, em São José dos Campos – São Paulo.

Na data de realização das provas, é recomendado que o candidato esteja presente, pelo menos, 30 minutos antes do início da prova, portando documento original com foto. O candidato que chegar após este horário e não apresentar o documento original com foto terá sua entrada barrada. Logo será eliminado, automaticamente, do certame.

Após a realização da prova escrita, serão convocados para a próxima etapa, no máximo, 6 candidatos para cada vaga.

A prova objetiva, de caráter eliminatório, terá duração de 4h. O candidato que for eliminado na fase objetiva não poderá realizar as demais etapas do certame.

Já na prova escrita do concurso do Instituto Tecnológico de Aeronáutica – ITA, o candidato terá o seu desempenho e capacidade de organizar ideias avaliados pela Banca Examinadora. Em nenhum momento o candidato terá permissão de consultar qualquer material durante o período de redação das respostas.

A prova didática, que é de caráter classificatório, será aplicada para os candidatos aprovados na prova objetiva. Esta fase consistirá em uma aula teórica, que terá duração de 50 minutos, seguida de arguição oral pela Banca Examinadora.

Ainda na prova didática, o tema da aula será sorteado por um dos membros externos da Banca Examinadora. Esta fase contará com a presença de todos os candidatos. Os temas serão expostos com a antecedência de 24 horas, antes do horário previsto para o início da prova. Caso o candidato queira adiantar sua apresentação, ele poderá enviar um pedido à Banca Examinadora.

Já para a avaliação de títulos, os candidatos, aprovados, deverão fazer a entrega de seus documentos à Banca Examinadora na data a ser definida pelo edital da Instituição.

O candidato classificado será convocado através de Edital específico publicado no site do ITA: www.ita.br/concurso2017. Logo, também, será publicado no Diário Oficial da União.

O candidato, logo após ser convocação pela publicação, deverá comparecer ao Instituto Tecnológico de Aeronáutica, em São Paulo, munido de documentos, no prazo máximo de 15 dias, contados a partir da data de homologação do Edital de Convocação.

O concurso do Instituto Tecnológico de Aeronáutica terá validade de um ano, assim que homologado, o resultado final. O mesmo poderá ser prorrogado por um igual período, de acordo com as necessidades da Instituição.

Para mais informações e acesso ao edital do Concurso do Instituto Tecnológico de Aeronáutica – ITA 2017, acesse: www.ita.br/concurso2017.

Por Cassiany de Paula

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 5 Média: 2]

Certame contará com 732 vagas e as inscrições poderão ser feitas até o dia 9 de novembro de 2017.

Se você é um concurseiro e estava na expectativa de novas informações sobre um novo concurso público do Conselho Regional de Farmácia que pertence ao Estado de São Paulo, as notícias que chegam são bastante animadoras. É que acaba de ser publicado o edital de abertura do novo concurso com a disponibilidade de 732 vagas. Essa pode ser a oportunidade que você procurava.

Foi publicado na última segunda-feira, dia 09 de outubro, no Diário Oficial da União, o novo edital de abertura do concurso público do CRF-SP. De acordo com o documento, as inscrições já se encontram abertas e a previsão de encerramento é para o dia 09 do mês de novembro.

O órgão disponibilizará para a concorrência o equivalente a 732 vagas, contudo, 730 são para a formação e cadastro de reserva, sendo duas para lotação imediata.

Conforme ocorra a necessidade, os aprovados serão lotados nos municípios de Guarulhos, São Paulo, Osasco, Marília, Santo André, Adamantina, Avaré, Araçatuba, Bauru, Araraquara, Presidente Prudente, Barretos, Franca, São José do Rio Preto, Fernandópolis, Bragança Paulista, Piracicaba, Ribeirão Preto, Mogi das Cruzes, Campinas, Caraguatatuba Jundiaí, São João da Boa Vista, Santos, Sorocaba, São José dos Campos e Registro.

É necessário que os interessados em realizar o concurso leiam o edital completo do certame, pois segundo suas informações, ao atingir a aprovação e classificação final no concurso, ao candidato restará ficar no aguardo de que novas vagas surjam, para que assim ele possa ser contratado. Caso isso não aconteça, o órgão não possui nenhuma obrigação e realizar a contratação.

O Conselho Regional de Farmácia tem o direito por lei de somente contratar um número de servidores que atenda as suas reais necessidades. E que essas contratações sejam realizadas dentro do período de validade do certame.

De acordo com o edital, o concurso possui validade de 18 meses, a serem contados a partir do dia em que for homologado. Caso exista a necessidade e determinação do órgão, essa validade pode ser prorrogada por período igual.

Se você se interessou em realizar o concurso, veja os cargos disponibilizados para quem possui formação de nível médio:

– Agente Administrativo: 1 vaga imediata + 220 vagas no Cadastro Reserva.

– Agente de manutenção: 30 vagas para a formação de Cadastro Reserva;

– Motorista: 60 vagas para a formação e Cadastro Reserva.

Para estes cargos as remunerações iniciais são nos valores de R$ 2.407,90, R$ 1.893,25 e R$ 2.480,14, respectivamente.

Para quem possui formação em técnico de informática e ensino médio serão disponibilizadas 30 vagas para a formação de Cadastro Reserva. Para este cargo o salário inicial é no valor de R$ 3.536,07.

Por sua vez, quem possui formação e nível superior poderá concorrer aos seguintes cargos:

– Analista de sistemas: 30 vagas para Cadastro Reserva;

– Analista de suporte: 30 vagas para Cadastro Reserva;

– Arquiteto: 30 vagas para Cadastro Reserva;

– Contador: 30 vagas para Cadastro Reserva;

– Consultor de departamento de gestão de pessoas: 30 vagas para Cadastro Reserva;

– Consultor de departamento de administração: 1 vaga imediata + 30 para Cadastro Reserva;

– Consultor de departamento de licitações e contratos: 30 vagas para a formação de Cadastro Reserva;

– Desenvolvedor web: 30 vagas para Cadastro Reserva;

– Designer gráfico : 30 vagas para Cadastro Reserva;

– Farmacêutico consultor: 30 vagas para Cadastro Reserva;

– Farmacêutico fiscal: 30 vagas para Cadastro Reserva;

– Jornalista: 30 vagas para Cadastro Reserva;

– Procurador: 30 Vagas para Cadastro Reserva;

As remunerações para estes cargos partem de R$ 3.863,97 a R$ 7.188,13, de acordo com a função.

Os interessados podem se inscrever até o dia 9 do mês de novembro. Para isto basta acessar www.idecan.org.br, o site da banca organizadora do concurso.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 6 Média: 3.2]

Inscrições poderão ser feitas até a primeira quizena de novembro de 2017.

A busca por uma carreira que proporcione uma estabilidade financeira é o objetivo de muitas pessoas. Visto que quando se alcança esse status, a pessoa pode se planejar muito melhor e consegue adquirir bens com um valor mais elevado. E nos dias atuais, uma carreira que promete essa estabilidade são as funções conseguidas através de um concurso público. Devido a isso, diferentes órgãos realizam esse processo seletivo no país. E uma das instituições que anunciou que vai realizar um concurso público nos próximos meses é a Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, a SAA/SP. Para saber mais informações acerca deste concurso, leia o texto abaixo.

A Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo divulgou a alguns dias que vai realizar um processo seletivo para aumentar o seu quadro de funcionários. E na sexta – feira, dia 06 de outubro de 2010, o órgão divulgou mais uma novidade sobre o concurso, a informação dá conta que a banca que vai realizar todo o processo admissional vai ser a RBO Serviços Públicos e Projetos Municipais. Após essa confirmação, tem – se a expectativa que o edital do concurso seja divulgado até o final do mês de outubro de 2017. Pois, existe um prazo limite para que o edital seja divulgado, quando se acerta a banca que vai realizar algum processo seletivo. Ainda de acordo com os prazos estabelecidos, as inscrições devem ser abertas até a primeira quinzena do mês de novembro, E por fim, os candidatos devem fazer as provas entre os meses de dezembro de 2017 a janeiro de 2018.

As primeiras informações divulgadas sobre o concurso público da Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, a SAA/SP, dão conta que vão ser oferecidos cerca de 156 vagas, dividas entre os níveis de ensino fundamental, o médio e o superior. Sendo, 25 oportunidades para o fundamental para os seguintes cargos: oficial de apoio à pesquisa científica e tecnológica, oficial de apoio agropecuário e auxiliar de apoio agropecuário I. Com pagamentos que variam entre R$ 1.500,00 reais. Já para o médio, são 29 vagas para as seguintes funções: técnico de apoio à pesquisa científica e tecnológica, técnico de apoio agropecuário, oficial administrativo e agente de apoio agropecuário. E com vencimentos que giram em torno de R$ 1.600,00 reais. Por fim, para o superior são 102 vagas, divididas entre as estas ocupações: economista, administrador (a) de empresas, advogado (a), biblioteconomista, pessoas formadas na área de comunicação, assistente técnico de pesquisa científica e tecnológica, engenheiro agrônomo, médico (a) veterinário (a), zootecnista e assistente agropecuário.

Com base nas provas anteriores da Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, a SAA/SP. O processo seletivo para o nível fundamental deve contar com provas de caráter objetivo. Para os candidatos que possuem ensino médio, eles devem realizar um teste objetivo e também a escrita de uma redação. E para os de nível superior, os interessados devem ser submetidos a uma redação, prova de títulos e uma prova objetiva. Os municípios que devem receber esse processo seletivo são: São José do Rio Preto, Presidente Prudente, Bauru e Campinas. As informações que ainda não tiveram nenhum dado divulgado foram: valores da taxa de inscrição, se os candidatos aprovados vão ter direito a benefícios e quantas vagas vão ser destinadas a candidatos portadores de necessidades especiais. Os gabaritos oficiais devem ser divulgados com até um mês após a realização da prova e a divulgação com o nome dos aprovados também não deve demorar a ser divulgada. O último concurso realizado pela Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo foi no ano de 2006 e na ocasião mais de 1000 vagas foram oferecidas. Para você que se interessou e quer saber outras informações, acesse com freqüência o site da SAA/SP, que é o: http://www.agricultura.sp.gov.br/. Pois, lá vão ser divulgadas todas as informações. Boa sorte!

Isabela Castro.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 7 Média: 3.4]

Seleção deve ofertar 2.200 vagas de trabalho. Inscrições podem ser feitas até o dia 6 de novembro de 2017.

Para quem reside no estado de São Paulo e estava na expectativa por novas informações sobre um novo concurso público da Polícia Militar do Estado, as notícias que chegam são animadoras. É que as inscrições já tiveram início e segundo o edital de abertura, serão disponibilizadas o total de 2.200 oportunidades para pessoas com formações de nível médio e superior.

Os interessados, mulheres e homens, em concorrer uma vaga na Polícia Militar de São Paulo já podem realizar suas inscrições, pois estas acabaram de ser abertas nesta quarta-feira dia 04 do mês de outubro. Assim quem quiser participar do processo seletivo tem até o dia 06 do mês de novembro para se inscrever.

Quem quiser se tornar um membro da Polícia Militar do Estado de São Paulo precisa atender a alguns pré-requisitos. Para o cargo de soldado, por exemplo, é preciso:

– Possuir formação de Nível Médio Completa;

– Possuir altura de no mínimo 1.55 m para candidatas mulheres e 1.60 m para candidatos homens;

– Possuir idade mínima de 17 anos e máxima de 30;

– Carteira Nacional de Habilitação entre as categorias “B” e “E”.

De acordo com informações do edital de abertura do certame, um profissional no cargo de Soldado da Polícia Militar de 2ª classe possui uma remuneração no valor de R$ 3.034,05, sendo que este é o valor total da soma de R$ 1.178,88, que é o valor padrão, mais R$ 1.178,88 referente ao RETP, que é o Regime Especial de Trabalho Policial e ainda R$ 676,29 recentes a insalubridade.

Sempre existem muitas dúvidas por parte dos interessados em participar do concurso, em relação as tatuagens. Assim, conforme é esclarecido no edital do certame, os interessados podem possuir tatuagem, contanto que estas não tenham nenhuma inscrição ou símbolo que fazem referencias e ofendam valores e os deveres éticos que pertencem a quem faz parte da corporação da Polícia Militar. Assim como também não podem fazer alusão a ideologias de cunho terrorista ou que sejam contrárias às instituições consideradas democráticas, ou ainda que preguem a criminalidade ou a violência, preconceito de credo, raça, origem ou sexo ou a discriminação. Ou seja, tatuagens que não agridam os direitos humanos.

A empresa contratada por meio de processo licitatório para organizar e executar o concurso foi a já conhecida Fundação Vunesp.

Quem quiser se inscrever e concorrer a uma das 2.200 vagas deve preencher um cadastro que se encontra disponível em www.vunesp.com.br, que é o site da banca organizadora.

Os inscritos no processo de seleção para novos soldados da PM SP devem pagar uma taxa de inscrição no valor de R$50, sendo que o prazo máximo para pagamento da taxa é o dia 07 do mês de novembro. Quem não realizar o pagamento até este dia não terá o seu nome efetivado para concorrência.

Os inscritos devem realizar uma prova objetiva composta por 50 questões de múltipla escolha e uma prova dissertativa, que é a produção de um texto. As provas estão marcadas para serem realizadas no dia 3 do mês de dezembro. Serão aplicadas provas nas seguintes cidades do estado de São Paulo: Bauru, Araçatuba, Campinas, Sorocaba, Piracicaba, São José dos Campos, Presidente Prudente, Santos, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto e São Paulo.

Além das provas objetivas e dissertativas, os candidatos classificados ainda terão que passar por outras etapas como testes de aptidão física, exames de saúde; testes psicológicos; avaliação de conduta social, idoneidade e reputação e da idoneidade; e ainda análise de documentos.

Nesse sentido, se você atende aos pré-requisitos e gostaria de fazer parte da Polícia Militar do Estado de São Paulo, não deixe de fazer a sua inscrição e se preparar para a realização das provas.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 37 Média: 3.2]

Certame deve oferecer cerca de 1.430 vagas.

Para os concurseiros de plantão e que esperam por mais um concurso de âmbito federal, sempre é bom estar atento para as novidades que podem aparecer em breve.

Desta vez, segundo os responsáveis pela assessoria de imprensa do ministério da Justiça, já se encontra em trânsito, dentro do órgão, um pedido para a realização de um concurso que deverá ofertar vagas para novos servidores que queiram trabalhar no Sistema penitenciário brasileiro.

Segundo o órgão, o Departamento Penitenciário Nacional (DEPEN) já solicitou a realização de um concurso público para a contratação de aproximadamente 1.430 vagas e que serão distribuídas através de vários estados brasileiros.

A boa notícia é que estas vagas deverão contemplar candidatos de ambos os níveis de escolaridade, tanto médio quanto aqueles que possuem nível superior.

O pedido de realização deste tipo de seleção surgiu a partir do anúncio feito pela atual presidente da República, Michel Temer, que citou a intenção do governo de construir cinco novos presídio de caráter nacional e cujas localizações ainda deverão ser definidas ao longo do ano de 2017.

De acordo com o próprio Depen, já estão bastante adiantadas as negociações com os representantes do ministério da Justiça, o poder Executivo e os representantes de alguns estados que, além de coordenarem a construção de tais unidades, deverão analisar o pedido do órgão para a contratação do número de vagas solicitadas.

Tudo deverá girar em torno das necessidades de cada novo presídio e que justifiquem tal pedido de novos servidores federais.

Pelo que foi anunciado, existe um esforço pró-ativo de todos os lados para que o concurso possam ser estruturado e realizado num período de tempo o mais rápido possível.

Se todas as reuniões que estão sendo feitas conseguirem surtir o efeito desejado, a publicação do edital para o novo concurso deverá ser feita antes de se fechar o ano de 2017.

Caso isto ocorra, as provas relativas ao concurso deverão ser realizadas em 2018, o que pode dar um pequeno ‘ fôlego’ para quem já vem se preparando há algum tempo. Para quem não começou a estudar, é bom começar desde já, haja vista que da publicação do edital para o cumprimento do calendário de provas, são decorridos apenas seis meses, via de regra, o que pode deixar muito candidato no sufoco.

Por via das dúvidas, por enquanto, a publicação do edital ainda está na etapa das previsões. Para quem esta disposto a encarar esta maratona, a preparação antecipada é fundamental, visto que uma coisa é certa: o concurso deverá sair e provavelmente, as 1.400 vagas poderão ser mantidas.

Para situar os possíveis candidatos, o último concurso para agente penitenciário ocorreu em 2014. Foram , ao todo, apenas 258 vagas e a seleção contemplou apenas os estados que possuem presídios federais como Brasília, Mato Grosso, Paraná, Rio Grande do Norte e Roraima.

Segundo os dados deste último concurso, a responsável pela aplicação das provas, bem como por toda a coordenação do processo, foi feita pela Cespe/UnB.

O processo seletivo contou com uma etapa composta por provas teóricas ( com 120 questões sobre Língua Portuguesa, atualidades, noções de ética no serviço público e algumas questões sobre direitos humanos).

Além destas, houve a aplicação de provas escritas que versavam sobre alguns temas relativos à profissão e a alguns temas atuais, bem como a realizações de testes específicos para a avaliação da aptidão física dos candidatos, assim como testes psicológicos específicos, exames detalhados para se verificar a saúde dos candidatos.

Uma última etapa foi realizada e procurou fazer um levantamento completo de toda a vida pregressa dos participantes, a chamada investigação da vida social.

Emmanoel Gomes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 14 Média: 3]

Edital para seleção deverá ser divulgado até o final do ano.

Segue a expectativa sobre o Concurso para Escrevente do TJ (Tribunal de Justiça) do estado de São Paulo SP.

Há muita expectativa que até o final do ano seja publicado o edital para o certame de escrevente do TJ/SP, com vagas para o cargo, que exige apenas a escolaridade de nível médio.

O concurso deverá contemplar vagas destinadas ao cargo de escrevente técnico judiciário em seu processo de seleção, tanto no interior quanto no litoral do estado de São Paulo.

Como foi informado anteriormente, através do setor de recursos humanos do próprio órgão, há uma grande possibilidade para que se iniciem os preparativos para a seleção até o mês de dezembro.

Tendo em vista que a banca organizadora selecionada no último certame para aplicação da prova foi a instituição Vunesp, seguiu-se a decisão, sendo que a mesma foi selecionada para a aplicação deste próximo concurso.

O indício do novo concurso para o TJ/SP ainda conta com a seleção anterior para o cargo de escrevente, que abrange regiões não contempladas do edital. Esse foi lançado ainda este ano e encontra-se vigente até o início do mês de dezembro.

Outro provável indício acerca do certame é que os tribunais têm como costume publicar editais antes de seu vencimento de concursos anteriores, para que assim sempre haja um quadro de aprovados, dando condições ao órgão de suprir a necessidade de seu quadro funcional.

Informações sobre o concurso

Para quem almeja o cargo mais contemplado por concurseiros: o cargo de escrevente técnico judiciário têm salários atrativos e conta com remuneração inicial de R$ 6.025,76. Para concorrer ao cargo basta apenas possuir o ensino médio completo.

O candidato deve conhecer as atribuições do cargo

O aprovado terá como funções: dar andamento aos processos judiciais e administrativos, organizar os serviços que envolvam as funções de suporte técnico e administrativo às unidades, elaborar e conferir documentos, atender o público interno e externo, dentre outras.

Estima-se que há uma grande probabilidade do lançamento de seleção nesta carreira, onde outros cargos poderão vir a ser contemplados, tendo em vista que o contrato com a instituição Vunesp tem delimitado o valor para que o candidato realize sua inscrição contando com valores das taxas por nível de ensino, sendo eles:

Para o grau de escolaridade de nível fundamental, R$ 42,00.

Nível médio de escolaridade, valor de R$72,00.

Para o candidato que possui o nível superior, R$ 85,00.

Acerca do último concurso

Neste mesmo ano foi lançado pelo órgão uma oportunidade para o preenchimento de 590 vagas, distribuídos na Capital e Grande São Paulo (Primeira Região) e também na cidade de Campinas (Quarta Região), sendo aplicadas provas objetivas com questões da categoria múltipla escolha. Essas provas foram aplicada no mês de julho.

Tendo como banca organizadora a instituição Vunesp, os candidatos que possuem interesse neste certame, poderão estudar através do conteúdo programático do concurso anterior, que contou com 100 questões que abordaram as seguintes matérias:

  • Raciocínio Lógico;
  • Informática;
  • Língua Portuguesa;
  • Atualidades;
  • Direito Penal;
  • Direito Administrativo;
  • Direito Processual Penal;
  • Normas da CGJ (Corregedoria Geral da Justiça);
  • Constitucional;
  • Processual Civil;
  • Direito Administrativo.

Acerca da segunda etapa:

A segunda etapa conta com teste prático de digitação e formatação de texto no Microsoft Word 2010.

Ficha técnica distribuída

O concurso conta com ficha técnica distribuída da maneira que mostraremos a seguir.

  • Cargo: Escrevente
  • Organizadora: Vunesp
  • Concurso: TJ (Tribunal de Justiça)
  • Escolaridade: Nível Médio
  • Atuação: Administrativa
  • Remuneração: R$ 6.025,76

Quem deseja uma vaga para o cargo de escrevente do TJ/SP, deve começar os preparativos para estudar o quanto antes, por se tratar de um concurso de grande concorrência, todo preparo conta. Como possui um conteúdo programático bem explorado pela instituição escolhida, o candidato que realizou o último certame pode conhecer como são abordadas as questões pela banca organizadora escolhida pelo órgão.

Caso queira saber mais acerca do concurso, você poderá visitar a página do TJ-SP.

David Ferreira

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 45 Média: 3.2]

Associação Casa de Saúde Beneficente de Indiaporã está com 219 vagas abertas em seu concurso público.

Quem está de olho nas oportunidades que tem surgido em termos de processos seletivos, precisa ficar ligado nessa super dica que temos para você. Trata-se do concurso público realizado pela Reviva Saúde (Associação Casa de Saúde Beneficente de Indiaporã), que está com as inscrições abertas para a seleção de interessados em vagas nos mais diversos níveis de formação.

O preenchimento é por tempo determinado e o total de vagas é de 219 oportunidades. Os níveis de alfabetização são: nível fundamental, nível médio/nível técnico e ensino superior. As atividades serão desenvolvidas dentro da cidade de Bragança Paulista, localizada no Estado de São Paulo.

E se você quer saber mais sobre o certame, nós te contamos tudo sobre o processo. Fica ligado e não perca tempo.

Quais são as vagas?

Como já foi citado anteriormente, há vagas para o nível superior, médio e/ou técnico e nível alfabetizado. Sendo assim, todas as oportunidades, começando pela categoria que precisa de formação superior específica para atuação, são: Psicólogo (3 vagas), Nutricionista (3 vagas), Fonoaudiólogo (3 vagas), Fisioterapeuta (3 vagas), Farmacêutico (12 vagas), Enfermeiro (19 vagas), Educador Físico (3 vagas), Cirurgião Dentista (19 vagas) e, por fim, Assistente Social (1 vaga).

Para nível médio e/ou técnico, as funções são: Técnico em Enfermagem (52 vagas), Farmacista (26 vagas), Auxiliar de Consultório Dentário (21 vagas) e Auxiliar Administrativo (43 vagas). Continuando, as vagas para nível alfabetizado são de Servente (9 vagas) e de Motorista categoria “D” (2 vagas).

Quais os salários do concurso?

Os salários variam conforme o cargo pretendido, bem como com a jornada de trabalho exercida. Sendo assim, os valores começam em R$ 1.100 e podem chegar a até R$ 5.085. Já as jornadas de trabalho podem ser de 30 ou de 40 horas por semana.

Como faço para me inscrever?

As inscrições do concurso público da Reviva Saúde já estão abertas. Para isso, basta entrar no site da organizadora do certame, a GL Consultoria, no endereço eletrônico www.glconsultoria.com.br/concursos/inscrever/47 e realizar o preenchimento dos dados necessários.

Porém, fique ligado que o prazo final para participar já está chegando. Sendo assim, você tem somente até as 23h59 do dia 9 de outubro para efetivar a sua participação. Para isso, é preciso realizar o pagamento de uma taxa, sendo que os valores também variam de acordo com a vaga visada, sendo de R$ 70 para o nível superior, R$ 50 para o nível médio e/ou técnico e, por último, de R$ 30 para alfabetizados.

Sobre o Processo de Seleção da Reviva Saúde

Todos os participantes do processo de seleção da Reviva Saúde passarão pela realização de uma prova escrita. Porém, para os que se inscreveram para os cargos de nível superior, haverá também uma prova de títulos, exigindo que sejam entregues os documentos pertinentes e que constam no edital do concurso.

Em relação às provas, essas já têm data marcada para o dia 29 de outubro de 2017. Os locais para as suas realizações serão somente divulgados após o encerramento oficial do período de inscrições.

A avaliação terá um total de 40 questões, sendo essas de múltipla escolha. Ao todo, serão 20 itens de conhecimentos específicos, 10 de matemática e 10 de língua portuguesa. A duração do exame será de três horas.

Validade do concurso público da Reviva Saúde

Com validade do certame valendo por um ano, contando a partir da data final de homologação de todos os resultados, o processo seletivo da Associação Casa de Saúde Beneficente de Indiaporã pode ser prorrogado pelo mesmo período, ficando esse a critério do Presidente da instituição. É importante ressaltar também que esse é o prazo em que as contratações ocorrerão.

Por Kellen Kunz

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 2 Média: 4]

Inscrições podem ser feitas até o dia 6 de novembro de 2017.

Já foi divulgado o edital para o concurso da Polícia Militar de São Paulo. De acordo com o documento, serão oferecidas cerca de 2.200 vagas de soldado.

O intuito do concurso visa preencher vagas para a Polícia Militar do Estado de São Paulo. Dessa forma, além de homens, mulheres também poderão participar do processo seletivo. Contudo, é preciso possuir alguns pré-requisitos básicos, a exemplo disso está a idade, isto é, só poderão participar os candidatos que tiverem entre as idades de 17 até 30 anos.

O edital teve a sua publicação realizada no Diário Oficial, na sexta-feira, 29 de setembro.

Além de estar dentro do prazo de idade estipulado no edital, o participante deve possuir outras características que podem ser decisivas. Desse modo, ambos os sexos devem ter o certificado de conclusão do Ensino Médio emitido pelo Ministério da Educação. Somado a isso, as mulheres que desejam participar do certame devem possuir, no mínimo, a altura de 1,55 m, já os homens devem possuir uma altura mínima de 1,60 m. Outra exigência é que se tenha carteira de habilitação em diferentes categorias, ou seja, categoria ''E'' e ''B''. Essas exigências foram elaboradas pelo governador estadual de São Paulo e sancionadas para 2017.

O salário para inciantes registrados como PM de 2ª classe pode chegar a até R$ 3.100. O salário é dividido de acordo com diferentes áreas de dentro da PM, isto é, cerca de R$ 1.200 são derivados da função de polícia. São acrescidos no salário do funcionário essa mesma quantia, mas esta vem do Regime Especial de Trabalho Policial e o restante, que consiste em R$ 700, advêm de benefícios como insalubridade.

É importante salientar ainda que os participantes podem ter tatuagens. Contudo, elas não podem ter qualquer caráter ofensivo à raça, sexo, religião e não pode apresentar qualquer tipo de preconceito. Além disso, não podem fazer apologia às drogas, nem grupos extremistas. Nada que vai contra aos ideias defendidas pela Polícia Militar.

Os interessados a participar do processo seletivo precisam estar atentos aos prazos de inscrição que, por sua vez, terão início no dia 4 do mês de outubro e terminam no dia 6 do outro mês. As inscrições só poderão ser realizadas por meio da internet. Desse modo, basta acessar ao endereço eletrônico da Fundação Vunesp, que será a a banca organizadora do concurso. O link é o seguinte: www.vunesp.com.br.

É importante ressaltar ainda que o candidatos devem pagar uma taxa de inscrição, o valor corresponde a R$ 50. É preciso pagar até o dia 7 de novembro. Todas as agências bancárias do país receberão o pagamento.

É bom que o candidato tenha em mente que o concurso da PM não é realizado de forma rápida, isto é, é necessário passar por várias etapas.

A realização da prova ocorrerá no dia 3 do mês de dezembro. As cidades que em que ocorrerão as primeiras etapas de seleção são as seguintes: Sorocaba, São Paulo, São José dos Campos, São José do Rio Preto, Santos, Ribeirão Preto, Presidente Prudente, Piracicaba, Campinas, Bauru e Araçatuba. As provas devem ser realizadas em no máximo 4 horas.

A primeira etapa corresponde à prova objetiva, que é composta por cerca de 50 questões, todas de múltipla escolha. Os candidatos devem ter pleno domínio de conhecimentos gerais, matemática, administração pública e ter conhecimento básico em matemática.

Já a prova dissertativa caracteriza-se basicamente em uma redação, similar as redações do Exame Nacional do Ensino Médio. É preciso que o texto apresente argumentos consistentes, além de uma boa ortografia.

Aqueles que conseguirem ser classificados devem passar por outras etapas de seleção, como exames para testar se o candidato possui a aptidão física necessária à profissão. Além disso, é preciso fazer alguns exames de saúde básicos; testes com psiquiatras e psicólogos; outra etapa importante é quando se avalia o nome e vida social do participante e, por fim, basta apresentar os documentos para análise.

Ana Paula Oliveira Coimbra

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 16 Média: 2.8]

Saiba aqui quais são os cargos ofertados e os salários do Concurso do CRN-3 2018.

Uma boa notícia para os profissionais ligados ao campo da nutrição, pois o Conselho Regional de Nutricionistas da 3ª Região, o CRN 3, vai realizar um concurso público nos próximos meses para a contratação de profissionais em nível médio e técnico. O CRN 3, que está ligado aos estados de Mato Grosso do Sul e de São Paulo, vai realizar esse processo seletivo para aumentar o seu quadro de funcionários, visto que o órgão atende a dois grandes estados. Ainda não foi divulgado o edital para esse concurso, então saiba agora todas as informações já existentes.

Como dito acima, ainda não foi divulgado o edital do concurso e com isso as informações ainda estão sendo divulgadas. Um dos anúncios que já foi feito é sobre os cargos que vão ser oferecidos nesse processo seletivo. Para o concurso do Conselho Regional de Nutricionistas da 3ª Região vão ser oferecidas vagas para os cargos de assistente técnico I (formação técnica específica) e auxiliar administrativo I (formação de ensino médio). A remuneração dos cargos também foi divulgada, para função de auxiliar administrativo I os vencimentos vão ser de R$ 1.712,41 reais e para a função de assistente técnico I é de R$ 2.294,64 reais. As vagas vão ser para os municípios do interior do estado de São Paulo. Sendo para o cargo de assistente técnico I nas localidades de São José do Rio Preto e São José dos Campos. Já para a função de auxiliar administrativo I as vagas são para o município de São José do Rio Preto. Não vão ser oferecidas vagas para os municípios do Mato Grosso do Sul.

Essas são as primeiras informações que foram divulgadas pelo Conselho Regional de Nutricionistas da 3ª Região. Ainda não foram divulgadas outras informações, como o valor da taxa de inscrição e se terá isenção para algumas pessoas; a banca organizadora do concurso; se a inscrição só poderá ser feita através da internet; datas, horários e localidade das provas; tipos de exames e seu caráter; conteúdo das provas; validade do concurso; se os aprovados vão ter direito a algum benefício; se os aprovados vão ser chamados imediatamente se vai haver cadastro para reservistas; se vai haver vagas para portadores de necessidades especiais e quantas vagas; se vai haver vagas para cotistas e quantas vagas e outras tantas informações.

Nos próximos dias espera-se que essas informações e outras sejam divulgadas. Por isso, é imprescindível que você visite com freqüência o site do Conselho Regional de Nutricionistas da 3ª Região, que é o http://www.crn3.org.br/.

O último processo seletivo realizado pelo Conselho Regional de Nutricionistas da 3ª Região, CRN 3, aconteceu no ano de 2014 e as vagas eram para as funções de assistente técnico I, auxiliar administrativo I, operador de call center e secretária. Os salários variavam entre R$ 1.815,29 reais a R$ 2.303,37 reais. As vagas foram oferecidas para as cidades de: São Paulo, São José dos Campos, São José do Rio Preto, Santos, Ribeirão Preto, Presidente Prudente, Campo Grande/ Mato Grosso do Sul, Campinas, Bauru e Sorocaba. A banca organizadora foi o Instituto Quadrix. O concurso foi composto por diferentes processos seletivos. Os candidatos foram submetidos a uma prova objetiva que continha 10 perguntas de Conhecimentos Específicos, 10 perguntas de Legislação, 10 perguntas de Noções Informáticas, 10 perguntas de Raciocínio Lógico e 10 perguntas de Língua Portuguesa, essa etapa era de caráter classificatório eliminatório e também uma prova discursiva, também no mesmo caráter de classificação e eliminação. Essas provas foram aplicadas para os níveis médio e superior. Os candidatos que possuíam formação superior ainda foram submetidos a uma prova de títulos e contagem de experiência profissional, sendo essa última de caráter classificatório. Há chances do processo seletivo dos próximos meses seguir alguns preceitos do concurso de 2014. Boa sorte aos concurseiros.

Isabela Castro.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 4 Média: 2.8]

Concurso deverá ofertar 100 vagas para nível superior. Edital deverá ser divulgado em breve.

Você tem nível superior? Já pensou em ganhar mais de R$ 15 mil reais? Comece a estudar: o concurso de fiscal para a Prefeitura de São Paulo deve ser divulgado em pouco tempo. A expectativa é que tenha 100 vagas e para concorrer é necessário ter nível superior em qualquer área.

Sobre o concurso de fiscal

O certame aguarda a autorização do governador de São Paulo e deve ter 100 vagas referentes ao cargo de Auditor Fiscal Municipal de Classe I e para concorrer ao cargo é necessário ter nível superior em qualquer graduação. A remuneração é de R$ 16.273,72. Neste valor, estão inclusos R$ 2.243,46 que corresponde a remuneração básica e também outras parcelas que podem variar como o limite de produtividade que é individual e pode chegar a R$ 8,648,79, além do cumprimento de metas que o limite pode chegar a R$ 5.381,47. Que tal iniciar os estudos?

A jornada de trabalho é de 44 horas semanais. De acordo com um cronograma que já tinha sido enviado, a expectativa era de que as nomeações para a função ocorressem entre outubro deste ano e junho de 2018. Todavia, mesmo com o atraso para a realização do certame, ele continua em pauta, aguardando apenas a autorização. Por isso, intensifique os estudos e mantenha o ritmo.

Sobre o último concurso

O último certame ocorreu em 2014 e foi organizado pelo Cetro. O concurso contava com 98 vagas, sendo divididas da seguinte maneira: 80 para gestão tributária e o restante para tecnologia de informação.

Na ocasião, os candidatos fizeram provas objetivas que tinham 240 questões, que foram distribuídas entre três provas com 80 alternativas cada uma. Além disso, também teve redação e questões discursivas, dependendo do cargo.

Dicas de estudo para o concurso de fiscal

Este é um dos cargos mais cobiçados devido à remuneração, logo você deve começar os seus estudos antes da publicação do edital, que está aguardando a autorização do governador de São Paulo.

Faça um cronograma com base nas últimas disciplinas cobradas dentro do seu tempo disponível. Estipule metas reais, que você possa cumprir e tenha foco para conquistar o seu objetivo. Priorize as disciplinas que tenham um peso maior.

Se for o seu primeiro concurso, faça um curso completo online ou presencial (específico) para ter contato com as disciplinas. Os professores passam muitas dicas do conteúdo, estudo e orientações que podem te ajudar na caminhada.

Estude por apostilas e livros que sejam específicos para o seu edital. Priorize a qualidade e tenha cuidado porque existem vários materiais desatualizados.

Intensifique os seus estudos nos fins de semana e feriado. Aproveite o tempo disponível para revisar e aumentar a sua preparação. Outra dica é estudar no seu intervalo de almoço ou no dia a dia, quando você puder. Desta forma, é possível ganhar um texto extra de estudo no seu cotidiano.

As provas devem ser em São Paulo. Se você morar em outro estado, compre a passagem aérea, quando sair o edital com a data da prova. Não deixe para comprar nas últimas semanas, reserve com antecedência para garantir um preço bom e mais acessível. Não se esqueça de reservar um hotel ou pousada com antecedência, também. Desta forma, você consegue economizar e se hospedar em um local central, por exemplo.

Se não conseguir a aprovação, não desista. Mantenha o foco e que tal continuar estudando para a área fiscal? Existem boas oportunidades no serviço público. Procure fazer provas que tenham conteúdo semelhantes. Já imaginou se consegue a sua classificação?

Gostou das dicas? Compartilhe nas suas mídias sociais e marque os seus amigos. Bons estudos e muito sucesso!

Por Babi

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 8 Média: 3.5]

Seleção oferece 133 vagas. Inscrições podem ser feitas até o dia 31 de outubro de 2017.

Para quem se encontrava na expectativa de novas informações sobre o novo concurso público do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, as notícias que acabam de chegar são bastante animadoras. É que o edital de abertura do certame acaba de ser publicado e segundo suas informações, serão disponibilizadas na concorrência o equivalente a 133 vagas, com reservas para pessoas portadoras de deficiência.

O edital de abertura do novo concurso público do TCE/SP foi publicado nesta quarta-feira, dia 20 do mês de setembro. Do total de vagas anunciadas, que são 133, 97 são para o cargo de agente de fiscalização e as restantes 36 são para o cargo de agente da fiscalização da área de administração. Ambos os cargos possuem salários iniciais no valor de R$ 12.984,88.

Os interessados em entrar para a concorrência do cargo de agente de fiscalização precisam possuir diploma de curso superior nas áreas de direito, economia, ciências contábeis, engenharia civil, administração de empresas, administração pública ou ainda gestão de políticas públicas.

Já quem deseja concorrer ao cargo de agente de fiscalização da área de administração precisa possuir diploma de nível superior nas áreas de direito, economia, ciências contábeis, engenharia civil, administração de empresas ou administração pública, pedagogia com especialização em educação infantil, gestão de políticas públicas, enfermagem, biblioteconomia e documentação, psicologia, serviço social ou nutrição.

De acordo com informações do edital do concurso, os inscritos que forem aprovados devem ser lotados em diferentes regiões do estado de São Paulo, sendo elas :

– Araras: 9 vagas;

– Sorocaba: 1 vaga;

– Fernandópolis: 6 vagas;

– Registro: 6 vagas;

– Andradina: 6 vagas;

– Itapeva: 3 vagas;

– Ituverava: 3 vagas;

– Mogi Guaçu: 6 vagas;

– Santos: 5 vagas.

Os interessados em participar do concurso poderão realizar suas inscrições a partir do dia 28 do mês de setembro, até o dia 31 do mês de outubro.

As inscrições serão realizadas somente por meio da internet, no endereço da Vunesp, que é a empresa contratada para organizar o certame. Desse modo, acesse www.vunesp.com.br.

Os inscritos deverão pagar uma taxa de inscrição no valor de R$57 para terem suas inscrições efetuadas com sucesso.

O processo de seleção dos inscritos constará de uma prova objetiva composta por 80 questões

A seleção dos candidatos envolverá prova objetiva de múltipla escolha composta por 80 questões sobre língua portuguesa, raciocínio lógico, conhecimentos específicos do cargo em questão e informática.

O candidato terá o total de 4 horas para a realização da prova que está prevista para ser realizada no dia 17 do mês de dezembro.

Os inscritos poderão confirmar os horários e locais de realização da prova por meio do site da Vunesp e do Diário Oficial da União, onde essas informações serão divulgadas.

Segundo informações do edital, o concurso público do Tribunal de Contas do estado de São Paulo será válido pelo período de dois anos, período este que pode ser prorrogado por tempo igual, conforme necessidade e determinação do TCE/SP.

Nesse sentido, se você possui interesse em realizar este concurso, não deixe passar o período de inscrições. Confira o edital do certame e inscreva-se. Verifique os conteúdos pragmáticos a serem cobrados na prova e comece a se preparar.

Essa pode ser a chance que você precisa para conseguir um emprego que ofereça uma excelente remuneração e estabilidade, já que o país vem enfrentando uma forte crise política e econômica que tem resultado em milhares de pessoas em situação e desemprego. Assim, os concursos públicos têm se mostrado uma excelente opção para a conquista de um novo posto de trabalho.

Inscreva no concurso público do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo e boa sorte.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 3 Média: 3.3]

Seleção oferece 600 vagas. Inscrições podem ser feitas até o dia 31 de outubro de 2017.

Foi divulgado recentemente o edital de abertura referente ao concurso público do Corpo de Bombeiros de São Paulo. O concurso conta com nada menos que 600 vagas para o cargo de Guarda-Vidas. Confira mais detalhes sobre este certame na continuação desta matéria.

É importante destacar que esta oportunidade é destinada aos candidatos de ambos os sexos. Além disso, é preciso possuir ensino fundamental completo e idade igual ou maior que 18 anos. Com remuneração inicial de R$ 1.290,66, o cargo de Guarda-Vidas possui jornada de trabalho de 40 horas semanais e ainda conta com direito aos auxílios alimentação e transporte.

Em relação ao número total de vagas, saiba que as mesmas foram distribuídas entre 16 municípios do litoral do Estado de São Paulo. Confira abaixo todas as cidades para lotação dos futuros contratados, bem como seus respectivos números de vagas disponíveis:

· Ilha Comprida: 36 vagas.

· Guarujá: 50 vagas.

· Iguape: 14 vagas.

· Bertioga: 58 vagas.

· Peruíbe: 40 vagas.

· São Sebastião: 30 vagas.

· Itanhaém: 50 vagas.

· Ilha Bela: 12 vagas.

· Mongaguá: 60 vagas.

· Caraguatatuba: 20 vagas.

· Praia Grande: 100 vagas.

· Ubatuba: 50 vagas.

· São Vicente: 20 vagas.

· Guarapiranga (São Paulo): 36 vagas.

· Santos: 10 vagas.

· Billings (São Bernardo do Campo): 14 vagas.

Inscrições

Para os interessados em participar deste concurso, o período de inscrições terá início no dia 01 de outubro e término previsto para 31 de outubro de 2017, segundo destacado no edital oficial do certame. A boa notícia é que não haverá cobrança de taxa de inscrição.

Em relação ao procedimento de inscrição, o edital de abertura informa que poderá ser efetuado de duas formas: presencial ou através do portal na internet. Para a inscrição online, basta que o candidato acesse o site oficial do Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo, através do link: www.ccb.policiamilitar.sp.gov.br.

Confira abaixo os postos de atendimento para inscrição presencial em cada um dos municípios com vagas disponíveis:

· Ilha Comprida e Iguape: Av. Beira Mar s/nº, Monte Carlo. (13) 3842-1232.

· Peruíbe: Av. Governador Mário Covas Júnior s/nº, Jardim Ribamar. (13) 3455-4010.

· Itanhaém: Av. Governador Mário Covas Júnior 335, Cibratel II. (13) 3422-6000.

· Mongaguá: Av. Governador Mário Covas Júnior 7683, Itaoca. (13) 3448-7745.

· Praia Grande: Rua Gilberto Foud Beck 110, Vila Mirim. (13) 3473-3020.

· São Vicente: Rua Getúlio Vargas 01, Biquinha. (13) 3467-9288.

· Santos: Av. Presidente Wilson s/nº, José Menino. (13) 3237-6962.

· Guarujá: Av. Miguel Stefano 2474, Cidade Atlântica – Enseada. (13) 3355-4734.

· Bertioga: Rua irmãos Adornos 74, Centro. (13) 3317-1516.

· São Sebastião e Ilha Bela: Av. Francisco Loop 631, Maresias. (12) 3865-6700.

· Caraguatatuba: Av. José Herculano 7.495, Porto Novo. (12) 3887-3151.

· Ubatuba Ubatuba 33 Rua Guanabara 18, Perequê Açu (12) 3832-1290.

· Represa de Guarapiranga – São Paulo/SP: Av. Atlântica 3686, Guarapiranga. (11) 3396-2687.

· Represa Billings: Jardim do Mar Avenida Kennedy 67, Jardim do Mar. (11) 4330-1234.

Processo seletivo

Quando o assunto é processo seletivo, saiba que este certame contará com quatro fases no total: provas práticas de habilidades técnicas referentes ao cargo, análise de documentação, apresentação de atestado médico, além de investigação social. Segundo consta no edital, a prova prática de habilidades técnicas será realizada em 07 de novembro, às 10h00. Tal prova deve ser composta de atividades envolvendo corrida e natação.

Um detalhe importante é que, mesmo após a aprovação no certame, os futuros Guarda-Vidas serão submetidos a estágio de treinamento antes mesmo do início de suas atividades no cargo. Esse estágio possuir carga horária de 122 horas e deve ter início no dia 13 de novembro, sendo que sua duração é de três semanas.

Para mais detalhes a respeito deste concurso é de extrema importância que o candidato leia atentamente o edital de abertura. O documento se encontra disponível no Diário Oficial do Estado de São Paulo, edição 12 de setembro de 2017, páginas 81 e 82.

Por Bruno Henrique

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 12 Média: 3.1]

Oportunidades são para o cargo de Agente de Fiscalização Financeira.

Se você é um concurseiro e se encontra na expectativa do lançamento do edital de abertura do novo concurso público do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, as notícias que chegam são bastante animadoras. É que a previsão do órgão é de que o edital seja lançado na segunda quinzena do mês de setembro.

Segundo as primeiras informações sobre o novo concurso do TCE-SP, a empresa escolhida para organizar e realizar o concurso foi a já conhecida Fundação Vunesp.

A comissão eleita para ser a responsável pela realização do certame informou que faltam apenas alguns detalhes para que o edital seja publicado. Dentre esses detalhes o que ainda falta ser definido é a data para a realização da prova, contudo, este é um ponto que deve ser rapidamente definido e assim publicado o edital com todas as informações do processo seletivo.

Embora o novo Concurso TCE/SP ainda não tenha sido publicado, algumas informações já foram adiantadas, como os cargos a serem disponibilizados no certame.

Nesse sentido, as oportunidades disponíveis no concurso serão para os cargos de Agente de Fiscalização Financeira da área de Administração e Agente de Fiscalização Financeira. Ainda não foi divulgado o número exato de oportunidades, mas já se pode afirmar que os interessados no cargo deverão pagar uma taxa de inscrição no valor de R$57,00.

Para concorrer a função de Agente de Fiscalização Financeira o candidato precisa possuir formação de nível superior em Ciências Contábeis, Direito, Ciências Econômicas, Engenharia Civil, Administração de Empresas ou Gestão de Políticas Públicas.

Já os interessados na carreira de Agente de Fiscalização Financeira da área de Administração devem também possuir formação em nível superior, em cursos de Ciências Contábeis, Direito, Ciências econômicas, gestão de políticas públicas, administração de empresas, Administração Pública, Engenharia, biblioteconomia e documentação, Nutrição, Enfermagem, pedagogia especializada em educação infantil, serviço social ou psicologia.

Ambas as carreiras possuem uma remuneração inicial no valor de R$ 9.003,47, além de benefícios como o vale-refeição no valor diário de R$ 29, o que resulta em uma soma mensal de cerca de R$ 638, auxílio-alimentação no valor de R$125,00 mensais, vale-transporte diário de R$ 11,80, o que mensalmente resulta em média de R$ 259,60, auxílio-escola para colaboradores com filhos pequenos, além de plano de saúde.

A comissão responsável pelo concurso foi eleita no mês de abril deste ano, sendo que seu presidente, Renato Martins Costa, ocupa o cargo de vice-presidente do tribunal.

O último concurso público realizado pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo aconteceu no ano de 2011. Na ocasião foram disponibilizadas o total de 82 oportunidades, sendo que deste total 64 eram para o cargo de Agente, já 12 vagas são para o cargo de Agente Financeiro da área de administração e as 7 restantes foram para o cargo de Auxiliar de Fiscalização Financeira II.

A empresa contratada para organizar o certame, na época, foi a Fundação Carlos Chagas.

Os aprovados no concurso de 2011 foram lotados na capital do estado e nos municípios de Bauru, Araçatuba, Campinas, Presidente Prudente, Marília, Ribeirão Preto, Sorocaba, São José dos Campos, Fernandópolis, Araras, Registro, Guaratinguetá, Araraquara, Andradina, Adamantina, Itapeva e Ituverava.

Na ocasião, todos os inscritos tiveram que realizar uma prova composta por questões de múltipla escolha, sobre temas de conhecimento específico e gerais, conforme estava descrito no edital de abertura do mesmo. A prova foi realizada na capital paulista.

Nesse sentido, se você deseja realizar o concurso público do TCE/SP, comece a se preparar para a realização da prova, para saber dos conteúdos a serem cobrados verifique no edital do último concurso. Com a publicação do edital ainda em setembro, a prova deve acontecer entre dezembro e fevereiro.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 9 Média: 2.6]

Concurso ofertará vagas para profissionais de nível médio e superior. Salários chegam a R$ 6.891.

Atenção para a oportunidade! O CRF/SP (Conselho Regional de Farmácia do Estado de São Paulo) divulgou no último dia 12 de Setembro, por meio de uma publicação em seu diário oficial, a assinatura de contrato com o Instituto Idecan (http://www.idecan.org.br) para realização da banca organizadora de seu concurso público em 2017.

O próximo passo será a publicação do edital com todas as informações e as datas para abertura das inscrições, isto deve acontecer já nos próximos dias!

A principal novidade, é que além do habitual cadastro de reserva que será formado, haverá vagas para início imediato.

Cargos, Locais de Trabalho e Faixa Salarial

Serão ofertados cargos para quem possui ensino médio e superior. A maior expectativa será de cargos para quem tem formação em ensino médio, como agente administrativo, com faixa de salário inicial de R$ 2.308,63; agente de manutenção, com salários a partir de R$ 1.815,20 e motorista, iniciando nos R$ 2.377,89; todos estes cargos tem carga horária semanal de 40 horas.

A disponibilização destas vagas será em várias cidades do Estado de São Paulo, dentre elas podemos citar Presidente Prudente, Araraquara, Bragança Paulista, Piracicaba, São João da Boa Vista, Sorocaba, Barretos, além da própria capital.

Para quem tem ensino superior, haverá oferta de outros cargos, dentre os principais relacionamos as vagas para arquiteto (iniciais de R$ 6.891,78), contador (iniciais de R$ 4.423,58), designer gráfico (iniciais de R$ 3.704,67), jornalista (iniciais de R$ 4.423,58) e farmacêutico consultor (iniciais de R$ 6.123,25).

Vale ressaltar que todas estas vagas estarão disponíveis somente na capital e também terão carga horária de 40 horas semanais.

Detalhes do Concurso

Cargos disponíveis:

Agente administrativo, agente de manutenção, motorista, técnico de informática, analista de sistemas, analista de suporte, arquiteto, consultor de departamento de gestão de pessoas, consultor de departamento de licitações e contratos, contador, desenvolvedor web, designer gráfico, farmacêutico consultor, farmacêutico fiscal, jornalista, procurador e consultor de departamento de administração.

Nível de Escolaridade exigida:

Médio, Superior Completo e Técnico Completo.

Localização das vagas:

Cidade e Estado de São Paulo

Faixa Salarial proposta:

Entre R$ 1.815,00 e 6.891,00.

Organizadora do Concurso:

Instituto Idecan (http://www.idecan.org.br).

Sobre o CRF

O Conselho Regional de Farmácia do Estado de São Paulo é o maior conselho regional de farmácia do país e tem como principais funções:

– Atuar junto a empresas do ramo farmacêutico com seu registro.

– Exercer a fiscalização periódica da profissão de farmacêutico

– Fiscalizar, observar e ajudar a construir os princípios éticos de todos os profissionais farmacêuticos no Estado de São Paulo.

– Ter papel fundamental na habilitação do profissional da área para seu correto registro no exercício de sua função.

– Defender profissionalmente todos os farmacêuticos atuantes e registrados.

– Em suas principais jurisdições, zelar de forma igualitária por toda categoria de farmacêuticos, realçando seu papel social.

Dicas para Estudo

Se interessou? Então não perca esta oportunidade, antes de mais nada o importante é ter foco e preparo sobre o material a ser estudado, isto será um diferencial fundamental com relação aos seus concorrentes, listamos abaixo algumas dicas simples para você se preparar melhor para concursos.

– Organização é fundamental, então programe seus horários para estudo com base no seu dia a dia.

– Escolha o cargo/função e foque seus esforços neste objetivo.

– Utilize de simulados antigos da própria instituição na internet para estudo, isto vai lhe render mais experiência e segurança no conteúdo.

– Tendo condições financeiras, compre livros da área ou mesmo se inscreva em cursos preparatórios, todo auxílio externo é muito bem vindo.

– Procure conhecer mais a fundo a instituição que pretende trabalhar ou mesmo o órgão que irá aplicar as provas.

– Conhecer os locais e horários das provas com antecedência é fundamental para um melhor preparo mental e emocional.

– Se dedique, fugindo de qualquer distração no tempo que pré-determinou, mas não esqueça das pausas livres, elas iram revigorar suas energias.

– Mesmo depois de um resultado negativo, jamais desanime, haverá novas oportunidades e pode ter certeza que você hoje está mais bem preparado do que ontem.

– Confiança, humildade e paciência devem caminhar juntos para conquistar seus objetivos, lembre-se sempre disto.

Carlos B.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 5 Média: 2.6]

Certame deve ofertar vagas de nível médio e superio. Edital está previsto para novembro de 2017.

Se você está na expectativa sobre novas informações sobre um possível concurso público da Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo, as notícias que acabam de chegar são bastante animadoras. É que a realização do concurso foi confirmada e irá disponibilizar vagas para lotação imediata e para a formação de cadastro de reservas, em diversas funções da instituição.

Embora o novo concurso da Ceagesp já tenha sido autorizado, ainda não existem informações oficiais sobre o número exato de vagas a serem disponibilizadas para a concorrência. Já que o projeto ainda está em fase de análise em relação às condições financeiras para a contratação de novos servidores.

Contudo, a expectativa da instituição é de que o número de vagas, bem como outras informações, sejam definidas até o mês de outubro, para que após essas definições o edital de abertura possa ser publicado e iniciado o período de inscrições. Nesse sentido, a expectativa é de que o período de inscrições seja aberto no mês de novembro.

De qualquer modo, as informações iniciais dão conta de que as oportunidades no concurso Ceagesp serão para cargos que exigem formação e nível médio e também de nível superior, sendo que os salários iniciais podem chegar ao valor de até R$ 7.576.

Desse modo, a partir do momento em que o número de vagas a serem disponibilizadas for definido, o passo seguinte é a publicação do edital de abertura com todas as informações sobre o certame.

A empresa organizadora foi contratada no mês de maio deste ano, sendo ela o Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional, o já conhecido Idecan.

Assim que liberado a realização do concurso e realizadas as provas, os candidatos aprovados no certame devem receber vários benefícios. Entre eles estão auxílio-refeição ou auxílio alimentação, onde serão creditados 30 unidades no valor de R$ 23,10, o que resulta em um total de R$ 693, valor este que possivelmente será reajustado no ano de 2018. Além disso, os servidores ainda receberão uma cesta básica de R$ 300,00.

Os servidores ainda terão participação nos resultados, lucros e ainda adicional por tempo de serviço, como quinquênio.

Quando o servidor possuir 5 anos de atividades na instituição, à sua remuneração serão acrescentados 5% do valor de seu salário, podendo chegar a 35%.

Quando o servidor precisa trabalhar em horário extra, a hora trabalhada tem valor de 200%. Já quem trabalha em período noturno, o salário será acrescentado em 20% em relação ao valor da hora do período vespertino.

A instituição ainda oferece auxílio creche no valor de R$ 178 por cada filho de servidor, que tenham idade que vai até os 6 anos incompletos. Os servidores também podem contar com assistência odontológica, médica, psicológica e hospitalar.

Para casos em que ocorre o falecimento do colaborador ou de seu dependente, a empresa oferece auxílio funeral no valor de R$ 3.025,50.

Em relação aos cargos a serem disponibilizados na concorrência, já se sabe que ainda não existe uma confirmação sobre o número de vagas. Contudo, já é possível afirmar que as vagas serão para diversos cargos, com oportunidades para pessoas com formação de nível médio e superior.

Nesse sentido, se você está interessado em realizar o novo concurso público da Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo, o concurso já está confirmado, resta apenas definir alguns detalhes e então as inscrições serão abertas no mês de novembro. A prova deve ser realizada no mês de janeiro do ano que vem. Desse modo, comece a se preparar para a realização da prova, para isso baixe o edital de concursos passado e verifique os conteúdos pragmáticos a serem cobrados.

Fique atento às novas informações sobre o concurso da Ceagesp.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 13 Média: 3.3]

Seleção oferece 2421 vagas.

A Polícia Militar do Estado de São Paulo está com dois editais importantes para os que querem integrá-la: o primeiro foi para os oficiais (sendo o certame referente a sua escola de formação) e o segundo, que está anunciado há pouco tempo, é para os soldados. No caso do curso de formação, o concurso será para os integrantes de Barro Branco.

Falando da sua banca organizadora, é a já esperada Fundação Vunesp a escolhida para tratar dos dois certames. Com a mesma organização tratando de ambos os certames, a PM paulista fica com um concurso bem mais coeso e não com critérios variados. Contando os dois editais que a PM/SP apresentou, tem-se 2.421 vagas. Falando dos oficiais, eles serão 221, enquanto que 2.200 serão os soldados.

Escola de Formação

Os soldados que iniciarem na sua escola de formação ainda têm 6 meses para ficar no chamado estágio probatório. Assim como os funcionários públicos que integram outras divisões, esses aprovados poderão ser tirados dos seus cargos no caso de não terem aprovação em sua conduta ou de não apresentarem o que a Polícia Militar paulista precisa como comprometimento.

Enquanto integram esse curso de formação, os soldados já começam com a sua remuneração, mas ela é menor certamente do que aquela que os já efetivados na PM têm. Geralmente o pagamento fornecido a esses soldados é de R$ 2.940,00, um salário que é aproximadamente R$ 4.000,00 menor daquele que os integrantes já efetivados recebem.

Os vencimentos que são fornecidos durante o curso de formação incluem um benefício trabalhista específico que fica em R$ 634,00: ele é o adicional pela insalubridade e salienta-se que esse adicional não fica nessa quantia por todo o curso, aumentando. Ainda mencionando essa escola de formação, os soldados participarão dela por 4 anos e importa que se atente para qual será a idade no momento da sua finalização: os que tiverem passado de 30 anos não terão a sua posse aceita.

Fundação Vunesp

Sabendo que é essa a organizadora que vai cuidar de ambos os editais, cabe saber alguns aspectos dos certames que ela faz. Talvez algo que os profissionais sempre mencionam com relação a essa banca é que ela parte para as chamadas “pegadinhas”: isso é porque algumas das suas questões podem “enganar” os concurseiros por parecer que poderiam ser respondidas com opções diversas, embora não.

Os seus certames sempre têm algumas temáticas de leis e os conteúdos não são colocados nas perguntas de maneira rasa, pelo contrário: a Fundação Vunesp tem uma importante profundidade em seu banco de questões. Além disso, enquanto algumas organizadoras não inserem em suas provas cada conteúdo que menciona no edital, isso é diferente com a Vunesp: cada tópico que está elencado no conteúdo programático vai, sim, fazer parte do certame.

Perfil

Tanto os oficiais que vão para a Polícia Militar paulista quanto os seus soldados têm de possui entre os 17 e os 30 anos, sendo autorizado que eles apresentem alguma tatuagem. Contudo, aquelas que forem relacionadas a quaisquer organizações preconceituosas, principalmente ao terrorismo, serão justificativas para que esses indivíduos sejam recusados e não integrem a escola de formação.

Para quaisquer cargos, é necessário que as candidatas apresentem 1,55 m (ou superior) e que a altura para os candidatos seja a mínima de 1,60 m. Uma exigência que alguns dos concurseiros não conhecem é a habilitação, que precisa ser “E” ou então “B” e que se refere aos soldados.

Informando-se

A confirmação sobre a organizadora existe, mas os concurseiros esperam ainda pelas inscrições, que serão liberadas no endereço eletrônico da Vunesp, no https://www.vunesp.com.br/.

Por G.P

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 12 Média: 3.4]

Novo concurso deve ofertar 948 vagas para todos os níveis de escolaridade.

Para quem reside na cidade de São Paulo e aguarda por novas informações sobre um possível concurso público da Autarquia Hospitalar Municipal, o AHM, as notícias que chegam são bastante animadoras. É que no último dia 18 do mês de agosto, João Doria, prefeito da cidade, concedeu autorização para que o concurso seja realizado. De acordo com as primeiras informações, serão disponibilizadas para a concorrência o total de 948 oportunidades, havendo chances para pessoas com ensino fundamental, ensino médio, técnico e também superior.

Embora o concurso esteja ainda em sua fase inicial, não se pode precisar quantas vagas em exato serão disponibilizadas para cada carreira. Contudo, segundo o documento que autoriza o novo concurso público, as vagas serão nas seguintes funções:

– Agente de apoio na área de armazenagem.

– Assistente na área de gestão de políticas públicas.

– Assistente de saúde nas áreas de enfermagem e gasoterapia.

– Assistente técnico de saúde nas áreas de segurança do trabalho, enfermagem, farmácia e imobilização ortopédica.

– Analista de saúde nas especialidades de médico, terapia ocupacional, enfermagem, nutrição, fisioterapia e psicologia.

– AADS serviço social.

Nesse sentido, poderão se inscrever para concorrer ao cargo de agente de apoio pessoas que possuam ensino de nível fundamental.

Para a função de assistente poderão concorrer a uma vaga pessoas que possuam ensino médio completo.

Já para concorrer aos cargos de assistente técnico e assistente de saúde, é necessário que os candidatos possuam ensino de nível técnico na área.

Por sua vez, as vagas de ADDS serviço social e analista de saúde poderão ser concorridas por pessoas que possuam ensino de nível superior nas áreas especificadas no edital.

O último concurso realizado pela Autarquia Hospitalar Municipal aconteceu no ano de 2013, quando foram disponibilizadas o total de 2.847 oportunidades em vários cargos voltados para pessoas com diferentes níveis de escolaridade.

Na ocasião, a empresa contratada para organizar o certame foi a Coordenadoria de Apoio a Instituições Públicas da Universidade Municipal de São Caetano do Sul, a já conhecida Caipimes.

Os inscritos realizaram uma prova objetiva de múltipla escolha.

A partir da autorização para a realização e um novo concurso, começam os preparativos do certame, bem como a eleição de uma comissão, contratação da empresa organizadora, cronograma e publicação de edital de abertura. Assim, a expectativa é de que ainda neste semestre o edital de abertura seja publicado e a prova seja realizada no início do ano de 2018.

Atribuições de um agente de apoio: atua na recepção, conferência, separação, armazenamento, retirada e transporte de produtos e materiais. Também é sua atribuição registar entradas e saídas, fazer o controle do estoque, manter a organização e limpeza do almoxarifado.

Já um assistente de gestão atua no atendimento ao público, realiza trabalhos de digitação, assim como realiza trabalhos comuns de escritórios como organização, classificação, registro e conferência de arquivos. Também é atribuição do cargo entregar, receber e fazer o controle de guias de consultas, de exames e de outros documentos que sejam importantes. Assim como zelar pela conservação, guarda, limpeza e manutenção dos instrumentos, equipamentos e dos materiais que são utilizados em seu ambiente de trabalho. Um AGPP Também deve se manter atualizado sobre inovações tecnológicas que venham facilitar o seu trabalho e o atendimento ao público.

Se você possui interesse em realizar este concurso, já pode começar a se preparar para a realização da prova. Para se ter uma noção sobre os conteúdos pragmáticos a serem cobrados na prova, acesse o edital de abertura do concurso realizado no ano de 2013.

Fique atento às novas informações sobre o processo de organização do novo Concurso Público da Autarquia Hospitalar Municipal. Essa pode ser a oportunidade que você aguardava.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 34 Média: 2.9]

Seleção irá ofertar vagas para Técnico e Analista. Edital deverá ser divulgado em breve.

Realizar um concurso público tem sido a única opção de milhares de brasileiros que se encontram em situações de insegurança financeira que se dá em decorrência da forte crise que se instalou na economia brasileira desde o ano passado, o que levou milhares de pessoas ao desemprego. Desse modo, os concursos têm sido uma excelente opção para quem deseja estabilidade e segurança, em tempos de tanta instabilidade como o que estamos vivendo.

Se você faz parte deste grupo que passou a ver os concursos públicos como boas oportunidades e estava na expectativa sobre novas informações sobre um possível concurso público do Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região, no estado de São Paulo, as notícias que chegam são animadoras. É que o concurso foi autorizado e em breve será publicado o seu edital de abertura.

É isso mesmo, já está confirmado que o TRT 15, que possui sede na cidade de Campinas, irá realizar um novo concurso. A confirmação veio após a publicação no Diário Eletrônico da Justiça de São Paulo, cujo documento autoriza que o certame seja realizado. Outra informação importante do documento é a citação do nome da empresa a ser a organizadora do concurso, sendo ela a já renomada Fundação Carlos Chagas.

Ainda de acordo com o documento de autorização do novo concurso do TRT 15, serão disponibilizadas vagas para lotação imediata e para a formação de Cadastro de Reservas. Os cargos ofertados serão de Técnico e Analista, sendo que para concorrer ao cargo de Técnico o candidato precisa possuir ensino médio completo e para Analista ensino de nível superior.

Atualmente um profissional que ocupe a função de Técnico Judiciário possui uma remuneração inicial de R$ 6.376,41, enquanto um profissional na função de Analista Judiciário possui a remuneração inicial no valor de R$ 10.461,90. Sendo que nos valores destes vencimentos não estão incluídos vários benefícios como vale-transporte e vale-alimentação, que possuem valores consideráveis.

Embora não haja ainda muitas informações sobre como será o processo de seleção dos novos servidores, nem sobre o número de oportunidades a serem disponibilizadas para a concorrência, o que se pode garantir é que mediante a publicação desse documento, o concurso realmente deve acontecer, o que significa que os interessados já podem começar a se preparar para a realização da prova.

O último concurso público realizado pelo órgão aconteceu no ano de 2015 e na ocasião disponibilizou o total de 63 oportunidades para seu quadro de servidores, nas funções de Técnico Judiciário e Analista Judiciário. A empresa responsável por organizar o certame também foi a Fundação Carlos Chagas.

Os inscritos no certame do ano de 2015, independente do cargo almejado, tiveram que realizar uma prova de caráter objetivo, composta por 60 questões, além de terem que realizar prova de estudo de caso e uma redação.

Também no ano de 2013, o órgão realizou um processo seletivo disponibilizando duas vagas para lotação imediata e formação de cadastro reserva. As oportunidades também eram voltadas para profissionais com formação de ensino médio e ensino superior. Também neste concurso a empresa contratada para organização foi a Fundação Carlos Chagas.

Embora o Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região possua sua sede na cidade de Campinas, interior do estado de São Paulo, o órgão ainda tem jurisdição em vários municípios do estado, somando-se o total de 599 cidades paulistas, o que representa 95% do estado de São Paulo.

Nesse sentido, se você possui interesse em realizar este concurso, comece a se preparar para a realização da prova. Como a empresa organizadora é a Fundação Carlos Chagas, consulte os editais de concurso passados para saber quais conteúdos são geralmente cobrados na prova.

Em breve o edital de abertura deve ser publicado.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 8 Média: 3.1]




CONTINUE NAVEGANDO: