Certame oferta 80 vagas para os cargos de Assistente, Analista e Procurador Legislativo e mais 77 vagas para cadastro de reserva.

O mês de outubro está quase no fim, porém, a quantidade de concursos públicos sendo abertos está só aumentando, neste segundo semestre de 2018.

Já está efetivado mais um processo seletivo. Na última quinta-feira, dia 25 de outubro, foi definitivamente publicado o edital de abertura do novo concurso público para preenchimento de cargos na Assembleia Legislativa do Estado de Goiás, o Concurso ALEGO de 2018, para o preenchimento de 80 postos nos cargos seguintes: de Assistente; de Analista e de Procurador Legislativo. Haverá ainda, de acordo com o documento do edital, mais 77 vagas para o cadastro reserva de pessoas, destinadas à contratação havendo necessidade. A banca organizadora está nas mãos do Instituto Americano de Desenvolvimento, ou IADES, que terá a responsabilidade na condução deste certame.

Sobre as Provas Objetivas as informações são as seguintes:

Trata-se de uma prova objetiva que consistirá em um caderno com diversas questões, cujo total é de 50 pontos. A mesma prova objetiva passará pela técnica de correção realizada por meio do chamado processamento eletrônico. Todo candidato deverá, via de regra e sob pena de eliminação deste certame, atingir uma pontuação igual ou superior a 50% no conjunto de questões versando sobre os conhecimentos específicos.

Será necessário, também, que todo candidato evite obter pontuação 0, zero, em cima das questões versando em Língua Portuguesa. Este concurso para cargos na Assembleia Legislativa do Estado de Goiás, ou Concurso ALEGO, disponibilizará diversas vagas destinadas aos seguintes cargos:

Para o setor de Analista Legislativo, em Nível Superior, são:

Função de Arquiteto, com duas vagas; função de Arquivologista, com duas vagas; função de Assistente Social, com duas vagas; função de Cirurgião Dentista, com duas vagas; função de Comunicador Social, com 5 vagas; função de Contador, com 5 vagas; função de Enfermeiro do Trabalho, com duas vagas; função de Engenheiro Civil, com uma vaga; função de Engenheiro do Trabalho, com uma vaga; função de Engenheiro Eletricista, com vaga; função de Fisioterapeuta, com duas vagas; função de Médico Cardiologista, com uma vaga; função de Médico Clínico, com uma vaga; função de Médico do Trabalho, com duas vagas; função de Médico Ginecologista, com uma vaga; função de Médico Ortopedista, com uma vaga; função de Médico Psiquiatra, com uma vaga; função de Psicólogo Organizacional, com duas vagas; função de Revisor Ortográfico, com 6 vagas e função de Segurança da Informação com duas vagas. O total são 42 vagas.

No setor de Assistente Legislativo, para Nível Médio, são as seguintes vagas:

Na função de Tradutor Intérprete de Libras, com duas vagas; função de Policial Legislativo, com 30 vagas; função de Técnico de Segurança do Trabalho, com duas vagas e na função de Técnico em Enfermagem do Trabalho, com duas vagas.

Totaliza em 36 vagas.

Para a função de Procurador de 2ª Classe, são duas vagas.

Todos os interessados em participar deste certame deverão cadastrar inscrição entre os dias 18 de novembro ao dia 27 de dezembro de 2018, por meio do site oficial da organizadora: http://iades.com.br/inscricao. A taxa de inscrição está dividida em três valores:

– 80 reais para função de Assistente Legislativo, em nível médio; 100 reais para função de Analista Legislativo, para nível superior e 150 para a função de Procurador Legislativo.

Sobre os salários, segue a informação:

Para o cargo de Analista Legislativo o vencimento é de 7.931,53 reais; para o cargo de Assistente Legislativo, o vencimento está no valor de 5.789,37 reais e para o cargo de Procurador de 2° classe, o vencimento está no valor de 29.114,95 reais.

As provas estão agendadas para o dia 20 de janeiro de 2019.

Por Paulo Henrique dos Santos

Concursos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 8 Média: 2.3]

Certame oferta 195 vagas de emprego em diversos cargos.

Quem é da região Centro-Oeste pode saber aqui sobre uma chance de trabalho. O Conselho Regional de Corretores de Imóveis da 5ª Região, que se refere ao estado de Goiás (CRECI GO) informa que as inscrições para seu próximo certame estão abertas até o dia 7 de novembro (quarta-feira). Os candidatos aprovados receberão até R$ 1,9 mil.

Há oportunidades para profissionais que tenham ensino médio completo e também para quem tem diploma de nível superior. Há reserva de vagas para afrodescendentes e também para pessoas com necessidades especiais (PNE). Inicie o quanto antes a sua preparação para que conquiste a aprovação no concurso do CRECI de Goiás.

Para saber mais informações, veja a matéria que segue abaixo.

As inscrições do certame do CRECI GO já estão abertas

Segundo o edital do certame, publicado no mês de setembro, na quarta-feira dia 26, data em que começou o prazo de inscrição, e que foi retificado em 3 de outubro (quarta-feira), as inscrições serão realizadas apenas via internet até o dia 7 de novembro (quarta-feira).

Se você está interessado em participar do processo seletivo do CRECI da 5ª Região, deve acessar o sítio eletrônico do Instituto Quadrix (www.quadrix.org.br), banca contratada pelo órgão para organizar a seleção. É necessário ainda que você preencha a ficha de cadastro, imprima e pague a taxa de inscrição, cujo valor varia entre R$ 50 e R$ 58, a depender do cargo.

O boleto pode ser quitado até o dia 8 de novembro (quinta-feira).

Mas se você pertence a uma família que recebe até 2 salários mínimos por mês, está registrado no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (Cad Único) e é doador de medula óssea pode ficar isento do pagamento da inscrição.

As oportunidades de trabalho no CRECI GO são para nível médio e superior

O edital prevê 195 vagas, sendo 50 para o cargo de Profissional de Suporte Administrativo, que exige ensino médio completo, e 145 para a função de Profissional de Suporte Técnico, que requer formação de nível superior. Confira quais são as especialidades disponíveis: Ciências Contábeis, Fiscalização, Tecnologia da Informação, Recursos Humanos e Ciências Jurídicas.

A remuneração ofertada é de R$ 1,2 mil para quem tem escolaridade de nível médio e de R$ 1,9 mil para de nível superior.

A jornada de trabalho é de 40 horas por semana. Quem for aprovado será contratado pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) para trabalhar na capital do estado, Goiânia. Confira quais são os benefícios ofertados: plano de saúde, vale-transporte, plano de cargos e salários e auxílio alimentação.

Requisitos exigidos para ingressar no CRECI GO

Se você que trabalhar no conselho de Goiás, veja quais são os requisitos que você precisa atender: ser aprovado no certame, apresentar comprovante de escolaridade compatível com o cargo, não ter antecedentes criminais, estar em gozo pleno dos direitos políticos, estar quite com as exigências do serviço militar e da justiça eleitoral, ser brasileiro, possuir no mínimo 18 anos de idade, entre outros requisitos.

Certame do CRECI GO contempla 3 fases

O processo seletivo conterá as seguintes etapas: 1) prova objetiva – com 120 quesitos no padrão certo ou errado; 2) prova dissertativa – que deve ser escrita em até 30 linhas; 3) prova de títulos – exceto para o posto de nível médio. Nessa última etapa você deve apresentar certificado de especialização ou diploma de mestrado ou de doutorado.

A data prevista para realização das provas da primeira e da segunda fase é no domingo, dia 9 de dezembro.

Para saber mais detalhes sobre o concurso público do conselho de corretores de imóveis, acesse o edital no site do Instituto Quadrix www.quadrix.org.br.

Por Melisse V.

Concurso

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 4 Média: 3]

A banca IADES será a responsável pelo certame que deverá preencher 80 vagas em cargos de Assistente e Analista Legislativo.

As notícias são boas para quem tem interesse em prestar concurso para a ALEGO (Assembleia Legislativa de Goiás). Quem pretende concorrer a uma oportunidade no órgão pode se surpreender com lançamento do edital em breve.

O IADES (Instituto Americano de Desenvolvimento) será o órgão responsável por organizar o novo certame da Assembleia Legislativa do Estado de Goiás. Essa informação foi publicada em Diário Oficial, bem como a dispensa de licitação para a organização do novo concurso. O concurso, que deverá selecionar 80 novos servidores, terá o edital lançado em breve.

Serão abertas vagas para Assistente e Analista Legislativo, além de oportunidades para o cargo de procurador de segunda classe e as taxas de inscrição custarão R$ 63 R$ 72 e R$ 103, respectivamente.

Com 21 vagas a mais do que as previstas anteriormente, o presidente da Assembleia Legislativa, o deputado José Vitti do PSDB, afirmou que o acréscimo será necessário para a contratação de novos procuradores, vagas que não constavam na previsão anterior. Também houve aumento na oferta de vagas para as vagas de profissionais da Junta Médica e Policial Legislativo.

Renato Meneses Tôrres, que é diretor-geral da ALEGO, deverá nomear a comissão responsável por definir a instituição que aplicará a prova e os termos de contrato dessa instituição. Feito isso, a data do concurso poderá ser divulgada.

Muito esperado desde o ano passado, ocasião em que foi anunciado por Vitti, o novo concurso visa diminuir a quantidade de comissionados e qualificar o quadro de funcionários da Assembleia Legislativa.

Assim como diversas instituições públicas, a ALEGO sofre carência de funcionários devido o registro de aposentadorias, afastamentos e licenças médicas. Além disso, a demanda por serviços cresceu significativamente, tornando a contratação de novos profissionais um caso de urgência, justificando a dispensa de licitação.

O órgão já havia acordado junto ao Ministério Público, a abertura de seleção no ano passado. O MP investiga se houve irregularidade na contração de comissionados na ALEGO, uma vez que há mais contratados desse tipo do que funcionários efetivados na casa.

A ALEGO se comprometeu a nomear no mínimo 30% dos candidatos que forem aprovados no concurso de 2018, dentro de 60 dias após o concurso ser homologado. Os demais aprovados poderão ser convocados dentro do tempo de validade do concurso.

Concurso anterior

O último concurso da Assembleia Legislativa abriu 84 novas oportunidades, divididas entre candidatos com ensinos médio e superior. Na ocasião, o Centro de seleção da Universidade de Goiás foi o responsável por organizar o certame.

Os candidatos de nível superior tiveram que desembolsar R$110 para o pagamento da taxa de inscrição em 2015. Já os candidatos para os cargos de nível médio pagaram taxa de R$ 80,00 e as inscrições foram feitas pela internet.

Os concorrentes da última seleção foram submetidos à prova objetiva, com questões de múltipla escolha, sendo 10 questões de língua portuguesa; 5 questões sobre realidade étnica, geográfica, social, histórica, política e econômica do estado de Goiás; 5 questões de matemática; 15 questões acerca de Legislação Administrativa e outras 15 questões acerca de conhecimentos específicos, de acordo com o cargo pretendido. Para todos os cargos houve prova de redação. Também houve análise de títulos para todos os concorrentes. O último certame teve validade de dois anos.

Existem muitas informações acerca do novo concurso que ainda não foram divulgadas, mas que devem ser anunciadas ao público muito em breve. Por isso, é importante que os interessados acompanhem as notícias diariamente.

O edital do último certame ainda está disponível no site da UFG e os candidatos podem aproveitar para conferir o conteúdo das provas e os gabaritos. Dessa forma, é provável que haja mais facilidade em elaborar um bom plano de estudos.

Por Nanny Cunha

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 12 Média: 3.7]

Concurso do CRECI GO 2018 oferta 190 vagas em diversos cargos.

O primeiro trimestre de 2019 promete ser muito bom para o país em nível de contratação. Isso se deve ao fato de que no final deste ano estão sendo realizados diferentes concursos públicos. E a grande maioria das pessoas que forem aprovadas e posteriormente contratadas deve assumir os seus cargos nos três meses iniciais de 2019. E se você quer tentar fazer parte do grupo desses indivíduos é necessário que você se inscreva em um certame. A boa notícia é que ainda se tem alguns com o período de inscrição em aberto como é o caso do processo seletivo promovido pelo Conselho Regional de Imóveis de Goiás, o Creci-GO. São mais de 100 vagas segundo o edital. Para saber mais detalhes confira o texto abaixo.

A respeito das mais de 100 novas vagas abertas pelo Conselho Regional de Imóveis de Goiás para 2019

Como mencionado anteriormente são mais de 100 novas vagas de emprego. Para ser mais exato são 190 oportunidades e essas colocações foram divididas para a contratação imediata e também a formação de cadastro reserva. Assim, se tem uma parcela de servidores que vão entrar em um tempo mais hábil e outra parte que dependendo da demanda da empresa vão ser contratados posteriormente.

Para este processo admissional se tem oportunidades para pessoas com formação a nível médio e também superior. Para que as informações sejam apresentadas de forma coerente, elas vão ser apresentadas de formas distintas e assim os interessados não terão nenhum tipo de dúvida. Veja abaixo como foram divididos os cargos que estão sendo oferecidos neste certame:

– Nível Médio:

50 vagas para Profissional de Suporte Administrativo. Sendo 11 oportunidades para contratação direta e 39 para formação de cadastro reserva.

Vencimentos: R$ 1.214,43.

– Nível Superior:

25 vagas para Tecnologia da Informação. Sendo 01 oportunidade para contratação direta e 24 para cadastro reserva.

25 vagas para Recursos Humanos. Sendo 01 cargo para contratação direta e 24 para cadastro reserva.

25 vagas para Contador. Sendo 01 função para contratação direta e 24 para cadastro reserva.

25 vagas para Advogado. Sendo 01 vaga para contratação direta e 24 para cadastro reserva.

50 vagas para Profissional de Fiscalização. Com 06 oportunidades para efetivação imediata e 34 para cadastro reserva.

Salário: R$1.978,18.

Todas as vagas apresentadas acima são para a cidade de Goiânia e a jornada de trabalho é de 40 horas semanais. Além disso, todos os contratados vão ter direito aos seguintes benefícios: vale-transporte, plano de cargos e salários, plano médico, auxílio odontológico e auxílio-alimentação. Por fim, este certame também atende às exigências de cotas sociais, para verificar o número de vagas para cada um desses pontos acesse o documento oficial que está anexado no site do Instituto Quadrix, órgão responsável por ser a banca organizadora deste concurso: http://www.quadrix.org.br/default.aspx. Esses dados se encontram na página 1 em “1 DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES”.

Das fases deste concurso público que vão se distinguir de acordo com o nível de escolaridade

Levando em consideração o número de vagas e também a escolaridade exigida dos candidatos, os responsáveis por este processo seletivo definiram que inicialmente os participantes tantos os de nível médio e superior vão participar de duas etapas. A primeira se caracteriza por ser uma avaliação de múltipla escolha contendo 120 questões divididas da seguinte forma:

30 questões sobre conhecimentos básicos.

30 questões sobre conhecimentos complementares.

60 questões sobre conhecimentos específicos.

No edital está disponível o conteúdo programático dessa primeira etapa, ele se encontra na página 16 em “ANEXO I – CONTEÚDO PROGRAMÁTICO”.

Já a segunda etapa será uma prova discursiva. Não se tem informações sobre o tema, sabe-se que os inscritos vão escrever um texto de até 30 linhas. A primeira e a segunda etapa possuem caráter classificatório e eliminatório e acontecem em 09 de dezembro de 2018. Os locais ainda vão ser devidamente divulgados. Por fim, apenas os candidatos que contam com um diploma de graduação vão ser submetidos a uma prova de títulos. E este último exame tem caráter apenas classificatório. Os participantes devem apresentar todos os documentos para a prova de títulos nas datas de 20 e 22 de fevereiro de 2019. E a respeito dos documentos a lista está disponível na página 19 no “ANEXO IV – (DA AVALIAÇÃO DE TÍTULOS).

Inscrições para o certame do Conselho Regional de Imóveis de Goiás

O período de inscrições já foi iniciado e o Conselho vai receber a participação dos candidatos até o dia 07 de novembro, por meio do seguinte link: http://www.quadrix.org.br/default.aspx. A taxa é de R$ 58,00 (nível superior) e R$ 50,00 (nível médio). A data com o resultado final ainda não foi divulgada.

Boa sorte!

Por Isabela Castro

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 5 Média: 1.8]

Inscrições serão recebidas até outubro de 2018.

O mês de outubro de 2018 está chegando com boa notícia para a Região Centro-Oeste, no Planalto Central Brasileiro. Está oficialmente aberto o período de inscrições para o novo concurso que prevê o provimento de cargos no Ministério Público do Estado de Goiás, o MP-GO. Apesar de ser uma grande oportunidade, há somente duas vagas disponíveis para a função de secretário auxiliar. A lotação se dará nas Promotorias de Justiça estabelecidas nas Comarcas de Goiás e de Cristalina.

Todas as pessoas interessadas em se candidatar para esta concorrência de emprego deverão apresentar o diploma de conclusão do curso de ensino fundamental. A remuneração inicial está no valor de 3.118,89 reais, destinada a uma jornada de trabalho de 40 horas por semana.

Atrelado a este vencimento, o Ministério Público do Estado de Goiás também fornece aos seus servidores os seguintes benefícios: direito ao auxílio-alimentação; direito ao auxílio-transporte e ao auxílio-creche. São os benefícios básicos e garantidos de modo vitalício.

Sobre o procedimento de cadastro de inscrição para este processo de seleção, as informações são as seguintes:

Está disponível um formulário de inscrição, que pode ser encontrado no próprio site do órgão: http://www2.mp.go.gov.br/coliseu. O prazo oficial de inscrição se estenderá até o dia 9 do mês de outubro de 2018, com relação ao posto lotado na Comarca de Goiás, e até o dia 24 de outubro de 2018 em relação ao posto lotado na Comarca de Cristalina. O valor fixo cobrado para a taxa de participação será 62,02 reais, sendo que o seu pagamento deverá ser realizado até o primeiro dia útil que segue à data oficial de encerramento do período de inscrição; o boleto poderá ser pago em todas as redes bancárias.

Este concurso público será constituído de fases, que consistirão nas seguintes avaliações: inicia com a prova objetiva, a prova discursiva e a de redação, que estão previamente marcadas para realização no dia 11 do mês de novembro de 2018, na Comarca de Goiás e para o dia 25 de novembro de 2018 na Comarca de Cristalina; na segunda fase será realizada a devida análise de títulos.

A estrutura básica dos testes será a seguinte:

A prova objetiva consistirá em um caderno composto de 50 questões em múltipla escolha, das 15 versarão sobre a matéria de língua portuguesa; mais dez questões sobre matéria de matemática; serão cinco questões versando sobre a matéria de história do Brasil; serão cinco questões versando sobre a matéria de geografia; mais cinco questões versando sobre a matéria de informática básica e mais dez questões sobre a matéria de organização do Ministério Público.

Com relação à prova discursiva, a mesma consistiráa em um caderno contendo somente duas questões, e a resposta deverá ser escrita em um texto de cinco a 15 linhas, no qual será avaliado o conhecimento preciso de cada candidato respeito das tarefas típicas e necessárias deste cargo.

Com relação à prova de redação, esta consistirá numa elaboração de texto rigorosamente dissertativo ou descritivo-dissertativo, versando sobre um tema a ser formulado pela própria banca examinadora, o qual deverá conter uma extensão entre 15 e 30 linhas.

Entre as atribuições deste cargo estão:

Atuar no planejamento, na execução e na avaliação de planos, de projetos, de programas e demais pesquisas na administração superior no interior do Ministério Público e junto aos órgãos de execução; atuar no atendimento ao público; no recebimento, na autuação e no controle de tramitações sobre os processos administrativos e judiciais referentes à unidade ou ao órgão, sabendo cumprir os despachos e registrando os mesmos de modo preciso; atuar na organização, no preenchimento e no mantimento de livros obrigatórios na unidade ou no órgão, entre outras tarefas.

Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 3 Média: 2.3]

Inscrições podem ser realizadas de 26 de setembro a 07 de novembro de 2018.

Você reside em Goiás e gostaria de ter um emprego fixo, com maior segurança e boa remuneração? A sua chance de realizar esse objetivo é o Concurso CRECI GO 2018, que está com as inscrições abertas para preencher 190 vagas para diferentes áreas profissionais, que vão desde Ciências Contábeis até Direito.

As oportunidades contemplam pessoas com formação no Ensino Médio e superior. A seleção e a prova serão preparadas pela banca organizadora Instituto Quadrix, que é conhecida por aplicar avaliações com um nível de complexidade mediano.

Quer saber mais? Confira, abaixo, mais informações sobre o concurso público do CRECI GO!

Quais são as vagas oferecidas?

Conforme informado pelo edital do processo seletivo, há 50 vagas para profissional de Suporte Administrativo, 25 para profissional de Suporte Técnico na área de Direito, 40 vagas para profissional de Fiscalização, 25 Tecnologia da Informação, 25 para Recursos Humanos e 25 para Ciências Contábeis.

Em se tratando dos benefícios concedidos aos futuros contratados, o órgão informa que se trata de salário de até R$ 1.214,43 para profissionais com formação no Ensino Médio e de até R$ 1.978,18 para quem tem nível superior.

Além disso, também há auxílio alimentação pago diariamente no valor de R$ 35,00, plano de saúde, que inclui assistência médica, hospitalar e odontológica, com a possibilidade de coparticipação, vale-transporte e plano de cargos e salários.

Como será a prova?

Os candidatos terão que realizar uma prova objetiva, que tem caráter eliminatório e classificatório para todos os cargos, ou seja, os profissionais serão classificados e aprovados de acordo com a nota que obtiverem. Também é necessário fazer uma prova discursiva, composta por uma redação e passar pela avaliação de títulos, que confirma se os participantes estão aptos a assumir as funções para as quais se inscreveram.

Conforme divulgado, as avaliações objetivas e discursivas vão ser realizadas no dia 09 de dezembro de 2018, em horários e locais que ainda serão informados pela banca organizadora. Estima-se que os gabaritos vão ser liberados a partir do dia 10 de dezembro, permitindo que os candidatos confiram como foi o seu desempenho. Contudo, o resultado final com a lista dos aprovados só vai ser publicado no dia 09 de janeiro de 2019.

A prova objetiva será estruturada em 120 questões, tendo um valor total de 120 pontos. A sua proposta é avaliar as habilidades e conhecimentos do candidato. Por isso, a avaliação tem temas como Português, Matemática, conhecimentos básicos e conhecimentos específicos para cada área de atuação.

Como se inscrever?

Você tem interesse em participar do certame? Para isso, é necessário ficar atento ao prazo de inscrição, que se iniciou no dia 26 de setembro e termina em 07 de novembro de 2018. É possível se inscrever somente pelo site da banca organizadora (www.quadrix.org.br). Entre na página, localize o concurso e faça a sua candidatura, fornecendo os seus dados pessoais e profissionais.

Feito isso, você também deverá arcar com uma taxa de inscrição, que é de R$ 50,00 para os cargos de nível médio e de R$ 58,00 para os cargos de nível superior. O boleto bancário tem que ser pago até a data de vencimento, do contrário a sua inscrição será invalida e você não poderá participar do concurso.

Sobre o CRECI GO?

O CRECI (Conselho de Corretores de Imóveis) é um órgão de autarquia pública federal que tem como finalidade fiscalizar e disciplinar as atividades desenvolvidas pelos corretores de imóveis que atuam no Estado de Goiás, além de agir para identificar e combater possíveis contravenções e descumprimento das regras como, por exemplo, o reconhecimento de pessoas que exercitam a profissão sem tem qualificação profissional e os credenciamentos exigidos.

Por Simone Leal

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 2 Média: 3.5]

Certame oferta 28 vagas de emprego e recebe inscrições até o dia 24 de agosto de 2018.

Na região norte do Brasil, mais um concurso processo seletivo está oficialmente aberto. Trata-se da publicação do edital do concurso promovido pela Secretaria da Fazenda do Estado de Goiás, o Concurso SEFAZ-GO de 2018, destinado ao provimento de postos no cargo de Auditor Fiscal da Receita Estadual da região. Conforme os dados registrados no documento, a banca organizadora deste certame será a Fundação Carlos Chagas, FCC, responsável pela publicação do edital.

Estão disponíveis 28 vagas, das quais 27 em ampla concorrência e uma delas reservada aos concorrentes com deficiência. Outra informação importante é a de que será formado o cadastro reserva de pessoas, garantindo posteriores contratações conforme for a necessidade. O período de inscrições permanecerá em aberto até o dia 24 de agosto de 2018.

De acordo declaração oriunda da Secretaria da Fazenda, o histórico registra que o último concurso para o mesmo cargo de Auditor Fiscal, foi realizado no ano de 2004 e que as próximas contratações visam suprir os postos em aberto durante estes últimos anos na carreira de auditor fiscal, a qual constitui a função responsável pela arrecadação dos impostos estaduais. A maior esperança está em que muitos candidatos sejam nomeados e convocados para além da oferta oficial de vagas, dentro da modalidade do cadastro reserva, levando em conta que, atualmente, o mesmo órgão está com mais de 150 servidores auditores em vias de aposentadoria. Portanto, a intenção deste órgão será convocar todos os aprovados no início do ano de 2019.

A respeito do cargo de Auditor Fiscal, neste Concurso da SEFAZ-GO de 2018 as informações são as seguintes: o concorrente necessita de certificado de conclusão do curso superior em quaisquer áreas profissionais, no nível de graduação e devidamente registrado pelo Ministério da Educação e da Cultura, MEC.

Sobre o período de inscrições, como já foi citado acima, a abertura para o cadastro iniciou às 10 horas do dia 26 do mês de julho e se estenderá até às 14 horas do dia 24 do mês de agosto de 2018, por meio do site: http://www.concursosfcc.com.br. O valor da taxa foi estipulado em R$ 200.

Todos os concorrentes deverão realizar o pagamento deste valor, referente à inscrição, por meio do serviço DARE, ou seja, o Documento de Arrecadação de Receitas Estaduais, conforme as instruções constantemente atualizadas no próprio site de inscrições, já que, como foi descrito, a data limite para o pagamento será o dia 24 de agosto de 2018.

Sobre as provas do Concurso SEFAZ-GO de 2018, as informações são as seguintes:

Os exames consistirão em um caderno de provas objetivas, cujo caráter será de teste eliminatório e classificatório, seguido da necessária avaliação dos títulos, em caráter apenas classificatório.

O conteúdo programático essencial da Prova Objetiva será o seguinte:

Grupo 1 – Matéria de língua portuguesa com oito questões; em Raciocínio Lógico-Quantitativo e em Matemática Financeira, com seis questões; em Direito Constitucional, com cinco questões; em Direito Administrativo, com sete questões; em Direito Civil e Empresarial, com cinco questões; em Finanças Públicas e em Orçamento Público do Estado de Goiás, com cinco questões e em Tecnologia da Informação, com 14 questões.

No grupo 2, será realizada a devida avaliação que abordará todas as questões sobre o tema de Contabilidade Geral, contabilidade Avançada e de Auditoria, com 20 questões; em Legislação Tributária, com 26 questões e em Direito Tributário, com 14 questões.

Todas as provas objetivas serão ministradas no dia 30 do mês de setembro de 2018, em Goiânia, Capital do Estado de Goiás. Todas as avaliações serão realizadas às 8 horas, no período matutino.

Por Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 4 Média: 3.3]

Certame deverá contar com 80 vagas.

Quem sonha em trabalhar no Poder Legislativo da Administração Pública a fim de ser bem remunerado pode conferir aqui uma boa oportunidade. No Centro Oeste, estado de Goiás, a Assembleia Legislativa (ALE GO) está se preparando para seu próximo certame, que visa prover 80 vagas para cargos tanto de nível superior, quanto de nível médio. Se você quer ingressar no serviço público, não perca essa chance. Inicie logo a sua preparação, pois o edital será lançado em breve. Veja mais detalhes do processo seletivo a seguir.

Sobre as vagas a serem oferecidas na ALE de Goiás

Os cargos disponíveis na Assembleia são de Analista e Assistente Legislativos e de Procurador de Segunda Classe. Aqueles que almejam a função de analista devem possuir formação de nível superior nas seguintes áreas: Ciências Contábeis, Assistência Social, Engenharia Civil, Arquitetura, Odontologia, Segurança da Informação, Fisioterapia, Arquivologia, Comunicação Social, Enfermagem do Trabalho, Engenharia Elétrica, Psicologia Organizacional, Revisão Ortográfica, Engenharia do Trabalho e Medicina. Nessa última área, as especialidades a serem anunciadas no edital são: Clínica, Trabalho, Psiquiatria, Cardiologia, Ginecologia e Ortopedia.

É necessário que o diploma de graduação seja emitido por instituição de ensino que esteja regulamentada junto ao Ministério da Educação (MEC).

Já para concorrer ao cargo de assistente legislativo você precisa ter certificado de conclusão de curso técnico em segurança do trabalho ou enfermagem do trabalho; certificado de conclusão de ensino médio para ser policial legislativo ou tradutor intérprete da linguagem brasileira de sinais – libras.

Para ocupar a função de procurador é necessário ser formado em Ciências Jurídicas e possuir registro ativo na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

Haverá oportunidades reservadas para pessoas com deficiência (PCD). A jornada de trabalho é de 30 horas semanais.

Inicialmente, a previsão era de contratar 59 profissionais, mas recentemente, no dia 20 de julho (sexta-feira), o presidente da Assembleia Legislativa de Goiás, o deputado José Vitti, do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), anunciou que autorizou o aumento da quantidade para 80. Segundo o parlamentar, o objetivo é destinar mais 21 chances para a Procuradoria, para a Junta Médica e para o cargo de Policial Legislativo. Assim, será reduzido o número de cargos comissionados. Além disso, o serviço público na ALE de Goiás se tornará mais profissionalizado.

O deputado ainda confirmou que a estimativa de despesas com pessoal, com a contratação dos novos servidores, está adequada com a Lei Orçamentária Anual (LOA), bem como com a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

Previsão de lançamento do edital

Em 2016, a Assembleia havia assinado com a promotoria do estado de Goiás um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta). Nesse documento, a ALE GO se comprometia a realizar um concurso no ano de 2017.

Assim, desde o início do ano passado, a publicação do edital é esperada. Em seguida, houve prorrogação do prazo, com o aditivo ao TAC para 31 de março. Como aquele prazo não foi cumprido, foi estabelecido um novo para o segundo semestre de 2018.

Agora há previsão de publicação do edital do certame da ALE de Goiás entre 40 e 60 dias. Mesmo havendo eleição em 2018, a Casa Legislativa poderá realizar o concurso público, só não poderá realizar a nomeação ainda esse ano.

Sobre o último concurso da Assembleia do Estado de Goiás

O último processo seletivo da ALE GO ocorreu no ano de 2015. Na ocasião, a banca responsável por organizar o concurso foi o Centro de Seleção da Universidade Federal de Goiás (UFG). Foram oferecidas chances para nível médio e superior. Os candidatos foram avaliados nas seguintes fases: 1) prova objetiva, 2) prova discursiva, 3) prova de títulos, 4) prova prática – apenas para o cargo de taquígrafo. A remuneração variou entre R$ 3,3 mil e R$ 4,6 mil.

Melisse V.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 33 Média: 2.6]

Processo Seletivo contará com 500 vagas.

Muitas pessoas que se encontram em situação de desemprego passaram a ver os processos seletivos e concursos públicos como novas opções na hora de tentar conseguir um novo trabalho. Afinal, na atual situação do país, que se encontra em meio a uma crise econômica, o número de vagas disponível no mercado de trabalho é cada vez menor, o que dificulta ainda mais a situação para quem busca uma nova oportunidade. Desse modo, se você reside no estado de Goiás e busca pela oportunidade de realizar um concurso público, acaba de surgir uma novidade bastante positiva.

É que a Seap-GO, que é a Superintendência Executiva de Administração Penitenciária do estado de Goiás, acaba de tornar público aos interessados através da assessoria de imprensa, que está previsto para o mês de setembro a publicação do edital de abertura de seu novo concurso que irá disponibilizar vagas para a função de agente penitenciário.

Já foi adiantado pelo órgão que o documento de contratação da empresa organizadora já está sendo elaborado e em poucos dias deve ser assinado entre as partes. Desse modo, também será anunciado o nome da empresa contratada para organizar e executar o concurso.

Para quem não possui reconhecimento, a realização do concurso foi anunciada no dia 09 do mês de fevereiro. O anúncio foi feito por Marconi Perillo, que é o governador do estado de Goiás, que na ocasião recebeu a visita de Cármem Lúcia, que como todos sabem é presidente do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) e também STF (Supremo Tribunal Federal). Nesta visita foram discutidas algumas questões sobre eventuais medidas a serem tomadas pelo governo em relação à crise atual do sistema prisional.

Assim, durante a realização desta reunião o governador comunicou oficialmente à presidente a autorização dada para a realização deste novo concurso que deverá disponibilizar para a concorrência o total de mil vagas no posto de agente penitenciário.

Contudo, segundo as informações cedidas pela assessoria, o quantitativo de vagas a serem realemente disponibilizadas na concorrência deve ser um pouco menor, totalizando 500 vagas.

Desse modo, poderão se candidatar ao cargo de agente penitenciário pessoas que possuam formação de nível superior, indepenedente da área de conhecimento.

A remuneração inicial prevista para este cargo é no valor de R$ 1.500.

A comissão organizadora do concurso já foi formada, sendo presidida por Liliane Morais de Sá, que é a superintendente da escola do governo. Além disso, há outros membros sendo eles Joseleno Borges Sales, João Francisco Alves, Ronnie Peterson, Lorena Pratti, Weruska de Godoy Silva, Degmar Rocha de Souza, Daniel Porto e Cezar Tadeu Veiga, todos servidores da área de segurança do estado de Goiás.

Um agente penitenciário possui como atribuição uma série de atividades, sendo elas a orientação dos presos com esclarecimento das normas de disciplina vigentes, prestando assitência aos internos, conforme haja necessidade, além de outras atribuições.

O último concurso realizado pela Seap do estado de Goiás aconteceu no ano de 2014, quando foram disponibilizadas um total de 300 vagas. O processo de seleção dos candidatos se deu por meio de cinco etapas em que os candidatos foram submetidos à realização de provas objetivas, discursivas, testes médicos, testes físicos e testes psicológicos. Embora tenham sido disponibilizdas na concorrência 300 vagas, contudo, diante da necessidade de novos servidores, foram nomeados o total de 800 candidatos aprovados no certame.

Nesse sentido, se você possui interesse em realizar este concurso, fique atento às novas informações sobre o mesmo, assim como à publicação do edital de abertura com todas as informações sobre o certame.

Não perca essa oportunidade. Prepare-se para a realização das provas e testes e faça a sua inscrição. Aguarde o edital de abertura no mês de setembro.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 5 Média: 2.4]

Concurso abrirá vagas para o cargo de Agente Penitenciário.

Recentemente, foi divulgada por meio da sua assessoria de imprensa, a previsão para a publicação do edital do novo concurso público da Superintendência Executiva de Administração Penitenciária de Goiás (Seap / GO), destinado ao cargo de Agente Penitenciário. O edital está previsto para ser publicado no mês de setembro.

Saiba mais sobre o certame acompanhando esse post!

Concurso Seap/GO 2018: informações sobre o concurso

Até o momento, sabe-se que esta é a reta final para o processo de contratação da banca que será responsável por organizar o certame. Dessa forma, pode-se esperar em breve o anúncio do nome da banca escolhida.

O anúncio para esse novo processo seletivo ocorreu no dia 9 de fevereiro, durante a visita da presidente do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) e do STF (Supremo Tribunal Federal), Cármen Lúcia, ao governador do estado de Goiás, Marconi Perillo, para discutir as medidas que devem ser tomadas em relação à crise do sistema carcerário.

De início, o governador anunciou a abertura de um concurso para mil novos agentes penitenciários, porém, segundo as novas informações da assessoria, o número de vagas abertas deve cair para a metade, contando com, no máximo, 500 oportunidades.

Conforme o anunciado, para concorrer ao cargo é preciso possuir formação de nível superior em qualquer área de atuação e o salário inicial é no valor de R$ 1.500,00.

Comissão do concurso Seap/GO 2018

A comissão do concurso já está totalmente formada, sendo presidida por Liliane Morais Batista de Sá, superintendente da escola de governo. Tendo como vice-presidente o Joseleno Borges Sales, agente de segurança prisional. Como coordenador técnico, João Francisco Alves, o gerente de recrutamento, seleção e relações externas do governo. Junto dos agentes de segurança Lorena Franco Pratti e Ronnie Peterson Alves, representando a Polícia Militar. E, por fim, Cezar Tadeu Sousa Veiga, Weruska de Godoy Costa Silva, Degmar Mendes Rocha de Souza e Daniel Soares Porto, representando a Secretaria de Planejamento.

Agente Penitenciário: atribuições do cargo

Dentre as responsabilidades do Agente Penitenciário, pode-se listar as seguintes:

· orientar e receber os presos, segundo às normas disciplinares;

· revistar os detentos nas instalações;

· prestar assistência aos presos e internados, de forma que, se necessário, possa encaminhá-los para atendimento em outros setores;

· acompanhar a movimentação dos presos e internos no interior das instalações;

· garantir o cumprimento das condições de segurança estrutural e comportamental;

· comunicar às autoridades, de imediato, qualquer alteração ou suspeita de irregularidade;

· divulgar os direitos e deveres conforme as normativas legais; dentre várias outras.

Concurso Seap/GO: último concurso

O último concurso público realizado para o cargo de Agente Penitenciário pelo Seap/GO ocorreu no ano de 2014, oferecendo 305 vagas. O processo seletivo teve cinco etapas, sendo:

1. provas objetivas: de caráter eliminatório e classificatório;

2. provas discursivas: de caráter eliminatório e classificatório;

3. avaliação médica: de caráter eliminatório;

4. testes de aptidão física: de caráter eliminatório;

5. avaliação psicológica: de caráter eliminatório.

Além disso, também houve um curso de formação, também de caráter eliminatório e classificatório. No total, 800 servidores foram nomeados durante o prazo de vigência deste certame.

Nas provas, foram cobrados conhecimentos das disciplinas de:

· Constituição do Estado de Goiás;

· Ética no serviço público;

· Língua Portuguesa;

· Noções de Direito Administrativo;

· Noções de Direito Constitucional;

· Noções de Direitos Humanos;

· Noções de Direito Penal;

· Noções de Direito Processual Penal;

· Raciocínio Lógico; e

· Realidade étnica, social, histórica, geográfica, cultural, política e econômica do estado de Goiás e do Brasil.

Concurso Seap/GO: últimas considerações

Como visto, a contratação da banca organizadora deve ocorrer em breve, e, logo em seguida, a publicação do edital do concurso do ano de 2018, oferecendo 500 vagas de nível superior para Agente Penitenciário.

Por Felicia Lopes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 2 Média: 3.5]

Inscrições até o dia 4 de junho de 2018.

Nos últimos dias, tem-se vinculado em diferentes meios de comunicação diversos anúncios de concursos públicos por todo o território nacional. E a última notícia que se tem a respeito de um novo certame foi em relação ao novo processo seletivo do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Goiás, o Crea/ GO. Segundo o órgão, estão abertas mais de 20 vagas para três cargos específicos. Além de contratação direta, este certame também vai ser utilizado para a criação de um cadastro reserva. Veja agora todos os detalhes do concurso do CREA/GO.

As oportunidades oferecidas pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Goiás

A unidade do CREA de Goiás vai oferecer ao todo 21 vagas em seu novo processo de contratação. A admissão de novos profissionais se faz importante. Visto que o último processo seletivo do órgão aconteceu no ano de 2016. E uma organização com a importância do Conselho necessita ter um bom número de funcionários para poder atender a todas as suas demandas.

Veja agora a lista das oportunidades abertas e demais informações sobre as vagas:

-Nível Superior:

01 vaga direta para o cargo de analista de área de tecnologia da informação. Cadastro reserva: 02. Remuneração: R$3.703,69

-Nível Médio:

05 vagas diretas para o cargo de assistente administrativo. Cadastro reserva: 10. Remuneração: R$ 1.714,44.

-Nível Fundamental:

01 vaga direta para o cargo de auxiliar operacional. Cadastro reserva: 02. Para esta função é necessário que o interessado tenha uma carteira nacional de habilitação para automóveis. Remuneração: R$1.556,90.

Para todas as funções é necessário ter a formação exigida no nível de escolaridade. Todos os contratados vão ter uma carga horária de oito horas semanais (segunda-feira a sexta-feira) ou 40 horas por semana. Além disso, os contratados vão ter direito a benefícios como: licença maternidade no período de 180 dias; auxílio com creche; folga no dia do aniversário; plano médico e auxílio com alimentação.

Os cargos vão ser divididos para as seguintes cidades: Goiânia, Goianésia, Campos Belos, Porangatu, Minaçu e Formosa.

Processo de escolha dos novos funcionários do CREA/ GO vai ser realizado por meio de diferentes etapas

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Goiás definiu que vai realizar os seguintes procedimentos para a escolha dos novos servidores:

01º: análise de currículo;

02º: avaliação de múltipla escolha;

03º: prova de redação (somente para candidatos a cargos da função de assistente administrativo);

04º: teste de digitação (etapa semelhante aos critérios da terceira etapa).

05º: entrevista individual.

Na primeira etapa, análise de currículos, os responsáveis pela avaliação vão pontuar os candidatos de acordo com as experiências que eles possuírem nos seguintes pontos:

-analista de área de tecnologia da informação: desenvolvimento no padrão MVC; banco de dados MySQL e PHP.

-assistente administrativo: sistema operacional Linux; aplicativos para escritório, como Word, Writer, Excel, Calc etc e atendimento ao público.

-auxiliar operacional: sistema operacional Linux; aplicativos para escritório, como Word, Writer, Excel, Calc etc e desenvolvimento e auxílio nas atividades previstas no item 2.2.1

Para conferir a pontuação de cada um dos itens acesse o edital deste certame que está disponível em: http://www.creago.org.br/. Essas informações estão dispostas no item “4 – DO PROCEDIMENTO DE SELEÇÃO” página 04. O resultado da primeira etapa vai ser divulgado no dia 15 de junho de 2018.

Já a segunda a avaliação de múltipla escolha será composta da seguinte maneira:

-auxiliar operacional e assistente administrativo. Total de 25 perguntas sendo:

07 questões sobre a norma NBR ISO 9001:2015.

08 questões sobre o Capítulo VII – da Administração Pública – da Constituição Federal.

10 questões sobre a lei 5.194/66.

-analista de área de tecnologia da informação. Total de 25 perguntas sendo:

05 questões sobre a norma NBR ISO 9001:2015.

05 questões sobre o Capítulo VII – da Administração Pública – da Constituição Federal.

05 questões sobre a lei 5.194/66.

10 questões sobre os seguintes conhecimentos específicos: Versionador de Arquivos SVN, Desenvolvimento no padrão MVC, AngularJS, CSS3, HTML5, Jquery, Javascript, Banco de Dados MySQL, PHP e Logística de Programação.

A prova de múltipla escolha está marcada para a data de 19 de junho e o resultado vai ser divulgado em 04 de julho. A prova de digitação e a entrevista acontecem no período entre 09 a 20 de julho. O resultado final vai ser divulgado na data de 01º de agosto. As provas acontecem nas cidades em que vão ser distribuídos os cargos.

Inscrições no processo seletivo do CREA/ GO

As inscrições estarão abertas até o dia 04 de junho e devem ser efetuadas até a data de http://www.creago.org.br/. O certame vai ter validade de um ano e pode ser prorrogado por mais um ano.

Isabela Castro.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 2 Média: 2]

Inscrições poderão ser feitas entre os dias 12 de junho e 11 de julho de 2018.

O Governo do Estado de Goiás, através da sua Secretaria de Segurança, divulgou na última terça-feira, dia 15, o edital para o próximo concurso ao cargo de delegado da Polícia Civil daquele estado.

Esta é uma excelente oportunidade para quem é bacharel em Direito ou para aqueles que estão terminando o curso ainda este ano. Isto porque um dos requisitos básicos para o cargo é possuir curso superior nesta área.

Segundo as informações divulgadas pela instituição daquele estado, os aprovados para o cargo terão que cumprir uma jornada de trabalho de 40 horas semanais e terão uma remuneração inicial de pouco mais de R$ 19.000,00 para quem está em início da carreira.

Além disto, os aprovados não ficarão lotados apenas nas delegacias da capital, mas deverão ser realocados para as diversas delegacias espalhadas pelo interior do estado, de acordo com as necessidades de cada município.

Ao todo, serão selecionados um número inicial de 100 candidatos, sendo que desta, 05 vagas são destinadas aos portadores de deficiência física.

Este número inicial anunciado deverá cumprir um cronograma estabelecido pela própria Polícia Civil para que haja um reforço no esquema de segurança em diversas localidades do estado.

As inscrições deverão ser iniciadas a partir do dia 12 de junho e poderão ser feitas exclusivamente pela internet, até às 23:59hrs do dia 11 de julho.

O valor da inscrição será de R$ 200,00 e todo o processo seletivo ficará por conta da Universidade Estadual de Goiás (UEG). O endereço eletrônico para a inscrição será o seguinte: www.nucleodeselecao.ueg.br.

Vale lembrar aos interessados que somente a inscrição no site não garante a efetiva participação do candidato no processo seletivo. Os participantes deverão realizar o pagamento da respectiva taxa para garantir o seu acesso a todas as fases do concurso.

Os interessados em participar do processo seletivo deverão estar cientes de que deverão enfrentar uma verdadeira maratona de teste e avaliações. Para o cargo de delegado todo o processo seletivo constará de oito fases a serem cumpridas.

A primeira fase é composta de uma prova objetiva, a ser aplicada no dia 12 de agosto. A segunda etapa será composta por questões subjetivas e tem por finalidade de testar os conhecimentos mais aprofundados dos candidatos. Esta segunda etapa será realizada nos dias 25 e 26 de setembro.

Nas duas fases, os candidatos serão avaliados com relação ao grau de conhecimento teórico com relação às seguintes disciplinas: criminologia, medicina legal, legislação aplicada no estado de Goiás e do Brasil, noções de cultura, política e geografia de Goiás, legislação penal e conhecimento específico em algumas áreas do Direito como o penal, processual penal, administrativo, constitucional, administrativo, empresarial, civil, tributário e eleitoral.

Depois desta etapa teórica, os candidatos deverão ser submetidos a outras etapas que deverão constar de outros tipos de avaliação como avaliação médica, testes de aptidão física, exame psicotécnico, análises de títulos, investigação da vida pregressa, exame de aptidão e sanidade mental e a avaliação do formação do aspirante ao cargo em cursos de formação profissional.

O concurso anunciado pelo governo de Goiás terá a validade de apena seis meses, sendo passível de prorrogação por igual período.

Os interessados em participar do concurso podem ter acesso ao edital do referido pleito através da mesma página na qual poderão fazer a sua respectiva inscrição e a mesma já foi citada anteriormente neste artigo.

Se você é bacharel em Direito ou está concluindo o curso até o final do primeiro semestre deste ano, esta é uma boa oportunidade para ingressar numa carreira pública que , apesar dos riscos, poder garantir um salário razoável e uma boa estabilidade funcional. Então não perca tempo e começe a estudar agora ou intensifique seu ritmo de estudo para não perder mais tempo.

Emmanoel Gomes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Seleção conta com 493 vagas. Inscrições poderão ser feitas até o dia 8 de junho de 2018.

Novo certame público foi oficialmente anunciado recentemente na parte leste da Região Centro-Oeste do país. Trata-se do novo concurso público promovido pela Prefeitura de Goiânia, a capital do Estado de Goiás, cujo edital foi divulgado e visa rigorosamente ao preenchimento de 493 postos de trabalho de caráter temporário dentro do quadro de servidores da Secretaria de Educação daquele Estado.

Junto a estas oportunidades de empregos temporários será aberta, também, a formação do cadastro reserva de pessoal. Estas vagas devem ser preenchidas no sentido de substituir servidores que se encontram em licença ou em afastamentos legais dentro da rede municipal de ensino público. Este é um concurso voltado para o sistema educacional público, onde serão avaliadas pessoas idôneas para atuação no setor.

Estão aptos a concorrer ao posto na função de agente em apoio educacional, com 74 vagas disponíveis e remuneração no valor de 961,72 reais, os profissionais que possuam curso efetivo até o sexto ano de nível fundamental acadêmico.

Com relação aos candidatos com diploma de ensino médio, existem oportunidades abertas, neste concurso da Prefeitura de Goiânia, para o setor de assistente administrativo e educacional, com 21 vagas disponíveis e remuneração no valor de 1.045,62 reais, e vagas no setor de auxiliar de atividades educativas, com 74 vagas disponíveis e remuneração no valor de 1.045,62 reais.

Para os candidatos com nível superior de formação acadêmica são 324 postos de trabalho distribuídos para duas carreiras distintas, que incluem a de intérprete de Libras e a de professor nas seguintes áreas: atuação na área de pedagogia; na área de português; na área de matemática; na área de ciências; área de história; área de geografia; área de inglês; área de educação física; área de artes visuais; área de dança; área de artes cênicas. Área de música e área de Libras. A remuneração, neste caso, está no valor de 2.298,47 reais.

Neste processo de seleção as inscrições são totalmente gratuitas e o período para o preenchimento do cadastro se dará entre o dia 1º ao dia 8 de junho de 2018. Todas as pessoas interessadas necessitam realizar a inscrição para este certame por meio do seguinte endereço eletrônico: www.concursos.goiania.go.gov.br. Este é um concurso que, embora ofereça apenas vagas temporárias, abre chances para futuras oportunidades estáveis. Os salários são bastante atraentes.

O processo de seleção de todos os candidatos inscritos se dará por meio da devida análise de todos os currículos cadastrados. Esta avaliação estará fundamentada em dois critérios principais: na formação educacional e na experiência profissional dos concorrentes. O resultado definitivo da avaliação será publicado no dia 24 de julho de 2018.

Conforme as informações contidas no novo edital, este concurso público que provê cargos temporários no quadro de servidores da Prefeitura de Goiânia, no Estado de Goiás, terá um prazo de validade extensível até o dia 23 de julho do ano de 2019, podendo ser prorrogável por até mais um ano, de acordo com a necessidade e os critérios da rede municipal de ensino daquela região. O prazo é longo, portanto, as chances de ingressar são grandes.

Vale a pena conferir e visualizar o grau de interesse que esse processo de seleção pode despertar nas pessoas que residem naquele Estado, dada a crise de desemprego que atinge uma parcela significativa da população brasileira. Mesmo que as vagas sejam de caráter temporário, elas configuram grande chance de se fazer parte do grupo de servidores do órgão.

Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 4]

Concurso ofertará 100 vagas. UFG será a responsável pela organização do certame.

Na última sexta-feira, dia 20 de abril de 2018, foi divulgado pela Câmara Municipal de Goiânia, em Goiás, através de uma publicação no diário oficial, o nome da banca organizadora do seu concurso público.

Sobre a Banca Organizadora

A Banca Organizadora escolhida foi a Universidade Federal de Goiás (UFG) e a expectativa é de que a publicação do Edital aconteça em breve, já que o contrato a empresa já foi assinado.

Sobre a Comissão

A comissão do concurso foi composta da seguinte maneira:

  • Presidente: A comissão é presidida por Herbert de Vasconcelos Barros, o diretor de controle interno da câmara.

Conta também com:

  • Paulo de Tarso Lêda – Diretor legislativo
  • Aderilton Bezerra dos Santos – Diretor de recursos humanos
  • Servidora Marília Roriz Silva de Freitas
  • Ulda de Oliveira – Consultora econômica
  • Osório de Carvalho Oliveira – Agente administrativo
  • Cassandra Arruda de Sousa Araújo – Assessora técnico legislativa
  • Maria Olina Gomes – Assessora técnico legislativa

Sobre o Concurso

A abertura desse processo seletivo vem sendo acelerada desde o dia 28 de novembro, quando foi aprovado o projeto de lei para a criação de vagas, que serão destinadas ao concurso.

De acordo com o vereador Andrey Azeredo do PMDB, além das 75 vagas que serão abertas, foi feita a inserção de um novo cargo, que é o do profissional de Libras. Esse cargo foi criado, para que o órgão se adequasse à Legislação Federal e sendo assim, todas as transmissões feitas pela casa pudessem informar também as pessoas que possuem necessidades especiais, através do trabalho desse profissional.

Sobre as vagas

Conforme citado acima, o projeto de lei aprovou 75 vagas, mas a previsão é de que cerca de 100 postos sejam preenchidos, já que além de vagas para início imediato, também terão vagas destinadas a formação de cadastro reserva de pessoal.

Cargos

Veja abaixo quais os cargos disponíveis e quantas vagas para cada um deles:

  • 8 vagas para Procurador jurídico legislativo
  • 1 vagas para Assessor técnico legislativo – Gestor ambiental
  • 1 vaga para assessor técnico legislativo – medicina – clínica geral
  • 2 vagas para assessor técnico legislativo – medicina do trabalho
  • 1 vaga para assessor técnico legislativo- psicologia
  • 5 vagas para início imediato e 1 vaga para cadastro de reserva para assessor técnico legislativo – contabilidade
  • 8 vagas para assessor técnico legislativo – assessoria geral
  • 1 vaga para assessor técnico legislativo – fisioterapia
  • 1 vaga para assessor técnico legislativo – enfermagem do trabalho
  • 4 vagas para analista de sistemas
  • 2 vagas para início imediato e 2 vagas para formação de cadastro de reserva para gestor público
  • 2 vagas para fotógrafo
  • 4 vagas para início imediato e 2 vagas para formação de cadastro reserva para assessor para assuntos legislativos
  • 8 vagas para agente de segurança legislativo
  • 1 vaga para início imediato e 3 vagas para formação de cadastro de reserva para atendente de recepção e cerimonial
  • 1 vaga para início imediato e 3 vagas para formação de cadastro de reserva para motorista
  • 27 vagas para início imediato e 3 vagas para formação de cadastro reserva para agente administrativo
  • 4 vagas para início imediato e 2 vagas para formação de cadastro de reserva para técnico de informática
  • 2 vagas para técnico em segurança do trabalho
  • 1 vaga para técnico em telecomunicações

Os interessados em participar do concurso público devem ficar atento às publicações com novas informações, sobre o processo seletivo, pois como o contrato com a Banca Organizadora já foi assinado, provavelmente não demora muito até que a data de publicação do Edital seja divulgada, inclusive a publicação do próprio Edital de inscrições não deve demorar muito para ser divulgado.

Assim que o Edital for publicado, os interessados devem lê-lo na íntegra, pois lá estarão todas as informações necessárias para os candidatos.

Lorena Ruiz

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 9 Média: 3.6]

Concurso tem previsão de ofertar de 24 a 28 vagas para o cargo de Auditor Fiscal.

Os concurseiros de Goiás já podem se preparar, pois a SEFAZ (Secretaria da Fazenda do Estado de Goiás) anunciou a realização do seu concurso público para 2018. Segundo a instituição, o projeto está sendo elaborado no momento, avaliando aspectos importantes como, por exemplo, a escolha da banca, definição do número de vagas, como será a prova, entre outros.

Estima-se que o edital do certame, juntamente com a abertura das inscrições, deve ser lançado até o início do segundo semestre. O órgão vai oferecer de 24 a 28 vagas para uma função.

Confira abaixo tudo que sabemos até agora sobre o Concurso SEFAZ GO 2018!

Anúncio do processo seletivo SEFAZ GO 2018

A realização do novo concurso público da SEFAZ GO foi anunciada no dia 25 de janeiro por meio do Adonídio Neto Vieira Júnior, que é superintendente executivo da receita. O certame será feito depois de 14 anos, conforme informado no Facebook, tendo sido aprovado pelo Secretário de Estado da Fazenda e Governador do Estado.

Segundo as autoridades, os trâmites legais estão sendo acelerados para que o concurso seja realizado o mais breve possível, uma vez que há uma grande necessidade de renovar a carteira de auditores da instituição. Afinal, o órgão perdeu cerca de 270 ativos em decorrência da última seleção.

O processo seletivo deve ser divulgado no Diário Oficial nos próximos dias, tendo como finalidade formar a comissão do concurso, que é responsável por acompanhar as etapas do certame e a sua aplicação.

Vagas oferecidas

O edital do concurso público SEFAZ GO deverá abrir no mínio 24 vagas, podendo alcançar 28 oportunidades até o fechamento do evento, de acordo com as informações contidas no projeto básico. A seleção visa contratar novos profissionais para o cargo de Auditor Fiscal. De início, 23 vagas são para ampla concorrência e 1 destina-se aos candidatos que são portadores de necessidades especiais.

O Auditor da Secretaria tem como função fazer as atividades relacionadas à execução de atributos estaduais, quando advindas da tarefa de fiscalização na unidade móvel ou fixa, além de promover a construção de crédito tributário vindo das suas atribuições de fiscalização.

A remuneração paga aos auditores fiscais de Goiás é de R$ 20.949,62. Os interessados em participar do concurso devem ter Ensino Superior completo, não há a exigência de uma formação específica, pois o processo abrange todas as áreas.

Como foi o último concurso

O último certame realizado pela SEFAZ do estado goiano aconteceu no ano de 2004, na ocasião o evento foi divulgado através da Universidade Estadual de Goiás. Naquela época, as vagas disponibilizadas também tiveram como objetivo o preenchimento da função de Auditor Fiscal.

Com base no processo seletivo anterior da instituição, espera-se que o próximo seja feito a partir de uma prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. O teste deve ser composto por 80 questões que contemplam as disciplinas de Matemática Financeira, Língua Portuguesa, Direito Constitucional, Direito Tributário, Direito Administrativo, Contabilidade Geral, Legislação Tributária Estadual, Auditoria e informática.

Os candidatos que forem aprovados na primeira etapa terão que fazer a comprovação de títulos, ou seja, apresentar os seus diplomas para comprovar que estão aptos a assumir o cargo.

Sobre a SEFAZ GO

A SEFAZ tem como atribuição atuar diretamente no controle da arrecadação de tributos estaduais, sendo incumbida também de controlar a receita obtida e despesa gasta pelo Estado. Em suma, podemos dizer que o órgão cumpre o papel de administrar os gastos e trabalha como a tesouraria das finanças que envolvem as atividades estaduais.

Você tem interesse em participar desse concurso público para conquistar um emprego estável e bem remunerado? Então, fique atento às próximas notícias sobre a seleção, pois o edital será lançado nos próximos meses, trazendo os requisitos para a inscrição e data de realização da prova.

Por Simone Leal

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 2 Média: 2.5]

Concurso da Polícia Militar de Goiás de 2018 deverá ser realizado em breve e contará com 2 mil vagas abertas.

O edital para o novo concurso da Polícia Militar de Goiás deve ser publicado ainda no primeiro semestre de 2018. Os salários chegam a até R$ 5,4 mil. Ainda que o contrato entre a instituição organizadora do concurso e a Polícia Militar do Estado de Goiás não tenha sido assinado, tudo indica que essa etapa acontecerá em breve. A Assessoria em Organização de Concursos Públicos, conhecida como AOCP, foi divulgada no dia 16 de abril como a responsável pelo novo concurso da PM GO.

Diversos detalhes do processo já estão em andamento e a previsão é que o concurso aconteça em outubro, e o edital seja publicado nos próximos meses.

Segundo o Diário Oficial, o processo seletivo terá como objetivo fornecer profissionais para o preenchimento de 2 mil vagas na PM GO, sendo 1.920 para o cargo de Soldado 3ª Classe e as 80 vagas restantes para o cargo de Cadete.

Concurso PM GO

O último concurso da Polícia Militar GO aconteceu em 2016, com 2.500 vagas ao todo. Os vencimentos eram de até R$ 1.500 para Soldado e R$ 5.401,43 para Cadete, ambas as funções com jornadas de trabalho de 42 horas por semana. A taxa de inscrição foi de R$ 110 para Soldado e R$ 140 para Cadete. Ao que tudo indica, os valores serão semelhantes esse ano. Os dois cargos terão vagas tanto para o sexo masculino quanto feminino.

Para tomar posse do cargo é necessário ter diploma de nível superior, possuir no mínimo 18 anos e máximo 30 anos de idade para Soldado, e máximo de 29 anos para Cadete. Também é preciso possuir a estatura mínima exigida para cada sexo, apresentar CNH (Carteira Nacional de Habilitação) ou permissão para dirigir na categoria B e ser devidamente aprovado em todas as fases do certame. No caso dos futuros Soldados, é exigida a conclusão do curso superior em qualquer área. Por outro lado, os candidatos a Cadete deverão possuir diploma de Bacharel em Direito.

Seleção

A seleção dos futuros policiais acontecerá em quatro fases, sendo elas: Prova objetiva e discursiva (eliminatória e classificatória); TAF – Teste de avaliação física (eliminatório); Avaliação médica e psicológica (eliminatória); Investigação social e Avaliação da vida pregressa (eliminatória).

Os candidatos ao cargo de Soldado serão avaliados por provas contendo conhecimentos gerais sobre Língua Portuguesa, História, Geografia, Realidade política, étnica, cultural e econômica de Goiás, além de conhecimentos específicos sobre Noções de Direito Administrativo, Penal Militar, Constitucional, Penal, Processual Penal e Legislação Extravagante.

Os candidatos a Cadete realizarão provas sobre os conhecimentos específicos já listados acima e conhecimentos específicos sobre Direito Processual Penal Militar, Administrativo, Constitucional, Penal, Penal Militar e Processual Penal, além de Legislação Extravagante.

Inscrições

Antes de se inscrever é importante o candidato ler o edital com muita atenção, e verificar se preenche todos os requisitos para a posse do cargo. As inscrições devem ser realizadas online, no site da instituição administradora do concurso, no período determinado no edital. No momento da inscrição o concorrente deverá especificar o cargo pretendido e escolher o CRPM, que vai determinar o local onde as provas objetivas discursivas ocorrerão, assim como o curso de formação. As demais fases do concurso, como TAF e avaliações médicas acontecerão na cidade de Goiânia.

Na última edição do certame PM GO, todas as etapas relacionadas ao cargo de Cadete aconteceram somente em Goiânia.

No concurso PM GO de 2016 somente os candidatos que comprovaram baixa renda e insuficiência financeira puderam solicitar a isenção da taxa de inscrição. Fora esses casos, não houve isenção parcial ou total da taxa.

Este concurso não contará com vagas para portadores de deficiência devido às inaptidões para realizar as funções dos cargos.

Todas as informações oficiais do concurso PM GO serão futuramente publicadas no Diário Oficial e no site da AOCP.

Por Fabio Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 16 Média: 3.4]

Certame tem 900 vagas abertas para Professores Nível III em diversas cidades de Goiás.

Foi publicado o Edital para o concurso público que ofertará 900 vagas para professores em Goiás. A contratação dos professores nível III, será para preenchimento de vagas na Secretaria de Educação, Cultura e Esporte, a Seduce.

As inscrições para participar do processo seletivo, deverão ser feitas no site http://www.quadrix.org.br. Após o preenchimento da Ficha de Inscrição, com as informações que forem solicitadas, será gerado o boleto da taxa de inscrição, no valor de R$ 70,00. O prazo para realizar a inscrição será até o dia 6 de junho de 2018 até às 23h59.

Obs.: O pagamento da inscrição só será aceito até o prazo máximo de vencimento, que é dia 7 de junho de 2018. Os candidatos que não efetuarem o pagamento nesse prazo terão as inscrições automaticamente canceladas. As inscrições só serão efetivadas após a confirmação do pagamento do boleto.

Veja abaixo informações sobre as vagas do concurso público da Seduce.

  • Cargo: Professor nível III
  • Requisitos: será exigido dos candidatos certificado de curso superior, devidamente registrado, nos cursos de Biologia, Matemática, Física ou Química ou em alguma outra área específica do currículo, que o certificado tenha sido fornecido por alguma instituição de ensino reconhecida pelo MEC (Ministério da Educação)
  • Atribuições do Cargo: o profissional que for aprovado no concurso público, irá participar de todo o processo de ensino e de aprendizagem, juntamente com a escola e com a comunidade
  • Carga horária: a carga horária pode variar entre 20, 30 ou 40 horas semanais. O período de trabalho poderá acontecer em 3 turnos, na parte da manhã, tarde ou noite, de acordo com a necessidade da escola para qual for designado
  • Remuneração: o salário oferecido aos aprovados vai variar entre R$ 1.563,17 e R$ 3.126,35, de acordo com a carga horária semanal do profissional
  • Locais de atuação: as vagas serão distribuídas por diversas cidades de Goiás. Para saber todas as cidades, o número exato de vagas disponíveis em cada uma delas ou para saber o número de vagas disponíveis para PCD, consulte o Edital (cdn.quadrix.org.br/web/visualizar.html?file=http://cdn.quadrix.org.br/Archives/General/19032/19178/19180/120B0A148410/1_SEDUC_concurso_2018_edital_de_abertura.pdf)

Provas do Concurso Público da Seduce

Locais de prova: As provas objetivas para selecionar os aprovados, serão aplicadas nas seguintes cidades: Anápolis, Aparecida de Goiânia, Catalão, Formosa, Goiânia, Goiás, Iporá, Itumbiara, Jataí, Luziânia, Porangatu em Goiás e em Brasília no Distrito Federal.

O processo seletivo ocorrerá em três etapas.

1º Etapa: Nessa etapa será aplicada a prova objetiva, que cobrará Conhecimentos Gerais (20 questões), Conhecimentos Básicos (20 questões) e Conhecimentos Específicos (30 questões), sendo um total de 70 questões e terá caráter eliminatório e classificatório. Vale ressaltar aqui, que tanto Conhecimentos Básicos como Gerais terão peso 1, já Conhecimentos Específicos terá peso 2.

Essa prova objetiva ocorrerá no dia 24 de junho de 2018, no período da tarde e terá duração de quatro horas.

Obs: Essa data do dia 24 é a data provável para a aplicação da prova, porém podem ocorrer mudanças, nesse caso, os candidatos serão informados.

2º Etapa: Na segunda etapa será feita a perícia médica nos candidatos que se declararam PCD, no momento da inscrição. Essa etapa terá caráter eliminatório.

3º Etapa: A terceira etapa terá caráter classificatório e será feita a avaliação dos títulos.

Para informações mais detalhadas, os interessados devem ler o Edital (cdn.quadrix.org.br/web/visualizar.html?file=http://cdn.quadrix.org.br/Archives/General/19032/19178/19180/120B0A148410/1_SEDUC_concurso_2018_edital_de_abertura.pdf). É de extrema importância que ele seja lido com atenção e por inteiro, pois é através das informações presentes nele, que o candidato irá saber todos os requisitos necessários para participar do concurso e se atendem a essas exigências, saberá também sobre datas importantes, locais, horários e conteúdo das provas, salários, como vai funcionar o processo de avaliação dos títulos, pedido de isenção da taxa, inscrições, entre outras informações.

Por Rosângela Rodrigues

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 5]

Certame deve contar com 1.000 vagas. Salários deverão chegar a R$ 1.500.

Quer mudar de emprego, mas não sabe como fazer isso? Então faça como milhares de brasileiros estão fazendo em todo o país, faça concursos públicos e alcance a estabilidade e segurança financeira que você tanto precisa. E se você é residente do estado de Goiás, saiba que acaba de surgir uma excelente oportunidade. Trata-se de um novo concurso público que será realizado pela Superintendência Executiva de Administração Penitenciária de Goiás, a Seap-GO. Continue lendo este artigo e saiba tudo sobre o Certame.

Aos interessados a Seap- GO comunica que vai disponibilizar para a concorrência em um novo processo de seleção um total de 1000 vagas, sendo todas elas para a função de Agente Penitenciário.

O concurso já recebeu autorização do governo do estado de Goiás e foi oficialmente anunciado pelo então governador do estado, Marconi Perillo, em um evento realizado no último dia 09 do mês de fevereiro.

Antes do anúncio de realização deste novo concurso o governador do estado havia se reunido com o presidente do CNJ, que é o Conselho Nacional de Justiça e também do STF, Supremo Tribunal Federal, a ministra Cármen Lúcia, de modo que foram discutidas algumas medidas a serem tomadas em referência à crise existente no sistema prisional do estado.

Desse modo, foi oficialmente comunicado a autorização e realização deste novo concurso, com a oferta de 1.000 vagas.

Quem estiver interessado em realizar o concurso para concorrer a uma vaga no cargo de Agente Penitenciário é preciso possuir formação de nível superior em qualquer área do conhecimento. Um profissional no cargo de Agente Penitenciário recebe uma remuneração no valor inicial de R$ 1.500.

Dessa forma, agora que o concurso já está autorizado, os preparativos para a sua realização já começam. O passo seguinte da Secretaria de Gestão e Planejamento, a Segplan, é definir qual será a empresa que se responsabilizará pela organização e execução do certame e assim formalizar a contratação.

Após a contratação da banca organizadora será definido então uma data para que o edital de abertura do certame seja publicado e assim os interessados tenham conhecimento sobre a abertura das inscrições, entre outras informações importantes sobre o certame.

De acordo com informações do órgão, a expectativa é de que tudo isso seja resolvido a tempo de o edital ser publicado ainda neste primeiro semestre de 2018.

O último concurso realizado pela Superintendência Executiva de Administração Penitenciária de Goiás aconteceu no ano de 2014, quando foram disponibilizadas para a concorrência um total de 305 vagas para o cargo de Agente Penitenciário. O processo de seleção foi constituído por cinco etapas, que inclui realização de prova objetiva de múltipla escolha, avaliação discursiva, avaliação do estado de saúde, avaliação de condições físicas e por último, realização de avaliação psicológica.

Para quem ainda não sabe, um agente penitenciário possui uma atuação voltada para o recebimento e orientação dos detentos, de modo que as normas disciplinares sejam atendidas, deixando claro a eles seus direitos, assim como seus deveres e obrigações. Também é atribuição do cargo a revista dos presos e de suas instalações, a prestação e assistência a eles, encaminhando-os para setores de atendimento conforme haja necessidade.

Nesse sentido, se você possui interesse em realizar este concurso, fique atento às novas informações que devem ser anunciadas pela Superintendência Executiva de Administração Penitenciária de Goiás, assim como à publicação do edital de abertura. Não deixe de realizar a sua inscrição e se preparar para a realização das provas e testes, para isso consulte editais de concursos passados para este cargo e verifique os conteúdos geralmente cobrados nas provas.

Não perca essa oportunidade. Aguarde a publicação do edital e se inscreva.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 35 Média: 3.1]

Seleção oferecerá 100 vagas

No último dia 06 de fevereiro foram abertas as inscrições para o novo concurso público do Conselho Regional de Medicina Veterinária de Goiás, o CRMV/GO. Este certame vai oferecer cerca de 100 vagas para nível médio e técnico. Uma informação importante a respeito deste processo admissional é que do total de vagas, cerca de cinco, são para a contratação imediata e o restante vai ser como base para montar um quadro de futuros funcionários.

Informações a respeito das vagas

Todos os aprovados vão trabalhar na cidade de Goiânia e vão ter uma carga horária de 40 horas semanais. Segundo, o CRMV de acordo com as necessidades de trabalho do órgão, vão sendo chamados os aprovados que foram incluídos no quadro de reservistas. Confira agora quais são as vagas estão sendo oferecidas e outras informações:

– Nível Técnico:

Função: Auxiliar Técnico de Informática. Sendo 01 vaga para contratação imediata e 29 para banco de reserva. Remuneração: R$ 2.851,34 reais.

– Nível Médio:

Função: Agente Fiscal. Sendo 01 vaga para contratação imediata e 29 para banco de reserva. Remuneração: R$ 4.008,14 reais.

Função: Auxiliar Administrativo. Sendo 02 vagas para a contratação imediata e 37 para banco de reserva. Remuneração: 2.851,34 reais.

É importante salientar que os aprovados vão ter direito a benefícios como: plano médico, plano odontológico e vale-alimentação.

Fases do processo seletivo

A banca organizadora do concurso público do Conselho Regional de Medicina Veterinária de Goiás vai ser o Instituto Quadrix. Para este certame, o processo seletivo vai ser dividido da seguinte forma: uma avaliação de múltipla escolha contendo 50 questões e uma redação, sendo ambos os testes para todos os cargos. Confira agora os conteúdos cobrados em cada avaliação:

Para as funções de Agente Fiscal e Auxiliar Administrativo:

  • Prova de conhecimentos gerais: 05 perguntas de informática; 05 de raciocínio lógico, 10 de legislação e 10 de língua portuguesa.
  • Prova de conhecimentos específicos: 20 perguntas sobre o cargo e seus deveres.

Para a função de Auxiliar Técnico de Informática:

  • Prova de conhecimentos gerais: 10 perguntas de legislação, 10 de raciocínio lógico e 10 de língua portuguesa.
  • Prova de conhecimentos específicos: 20 perguntas sobre o cargo e seus deveres.

O tema da redação vai ser revelado no momento da aplicação da prova. Os candidatos precisam escrever um texto de no mínimo 20 linhas e no máximo 30. O texto precisa seguir as normas e padrões da língua portuguesa, obedecendo a critérios gramaticais e sendo do gênero discursivo.

Para todos os cargos as avaliações vão ser de caráter classificatório e eliminatório.

Data das provas, inscrição e demais informações

As provas acontecem no dia 15 de abril de 2018, a previsão é que a aplicação dos testes aconteça no período da tarde. Ainda não foi informado o local onde os participantes vão realizar o certame. A expectativa é que os locais sejam divulgados nos próximos dias.

Para realizar a inscrição, os interessados precisam acessar o seguinte endereço eletrônico: http://www.quadrix.org.br. Clique em “Inscrição” no alto da página e realize todos os passos que forem pedidos. Lembrando que as inscrições devem ser efetuadas até o dia 12 de março de 2018. Para este concurso público, os participantes vão precisar pagar uma taxa de inscrição de R$ 65,00 reais (para todos os cargos). O pagamento precisa ser efetuado até a data de 13 de março de 2018.

Os gabaritos oficiais vão ser divulgados no dia 22 de maio. Já o resultado da redação vai ser publicado em 05 de junho. Por fim, o resultado final com a lista contendo o nome dos aprovados vai ser divulgada na data de 29 de junho de 2018.

Para quem vai realizar a prova é de importante consultar o edital do certame que está disponibilizado no seguinte link: http://www.quadrix.org.br. Boa sorte!

Isabela Castro.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 9 Média: 2.7]

Oportunidades deverão ser para técnicos e analistas judiciários.

O edital do TRT/GO pode ser publicado dentro de alguns dias.

Até o momento, sabe-se que já foi escolhida a banca organizadora responsável pela elaboração do concurso público. Dessa forma, o TRT está aguardando que seja finalizado o edital. A prova deve abrir oportunidade para que pessoas com diferentes níveis de escolaridade possam participar, isto é, haverá cargos pra técnicos, assim como analistas judiciários.

Ficou interessado? Deseja participar do concurso público do TRT/GO? Pois bem, se for assim, não deixe de acompanhar as informações abaixo.

Antes de tudo é necessário informar-se sobre o que é o TRT/GO. Para quem não sabe, TRT/ GO é a abreviação de Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região, uma instituição séria e responsável por fiscalizar e regulamentar todos os processos trabalhísticos dentro de uma certa área delimitada, que nesse caso é o Estado de Goiás.

De acordo o TRT, as etapas do concurso devem ocorrer ainda no primeiro semestre de 2018. Sabe-se que a banca organizadora responsável por criar o edital e executar cada processo de avaliação dos candidatos, será, dessa vez, a Fundação Carlos Chagas (FCC).

Durante o último ano, a instituição anunciou de forma informal quais seriam os cargos ofertados no concurso. No entanto, apenas com o edital é possível ter certeza sobre a validade dessas informações, até porque, pode ser que haja oferta de ainda outras vagas. Além disso, é divulgado o número de vagas que devem ser oferecidas para cada um dos cargos disponibilizados. Sabe-se que, no momento, a FCC faz uma pesquisa dentro do TRT com o intuito de quantificar e assim fazer um levantamento sobre a quantidade de profissionais que deve ser contratada. Por hora, tudo o que se sabe é que haverá cargos tanto para analistas judiciários quanto para técnico.

Sendo assim, para poder participar do concurso público, é necessário se encaixar em algumas das normas pré-estabelecidas pela banca organizadora, isto é, os interessados em participar do concurso, com o intuito de disputar as vagas de técnico, devem ter concluído o ensino médio, além de possuir o curso técnico na área de opção que foi selecionada no ato da inscrição. Dessa forma, haverá 1 vaga para técnico de enfermagem e outras 4 vagas de saúde bucal.

Por outro lado, aqueles com formação em nível superior podem se candidatar como analista. Dessa forma, haverá uma vaga para enfermagem e uma vaga para estatística. Vale ressaltar que, nesse caso, os candidatos aprovados devem ser chamados para trabalhar na instituição assim que o concurso for homologado. Já as demais áreas como médico do trabalho, cirurgião dentista, administrador e técnico em tecnologia da formação devem ter seus dados no Cadastro de Reserva. Desse modo, serão chamados assim que houver oportunidade e de acordo com a necessidade da instituição.

Ainda segundo o site do TRT a remuneração para analista é superior a R$ 10.000 e a dos técnicos, superior a R$ 5.000. Além do pagamento mensal, os servidores contam ainda com outros benefícios como auxílio transporte e alimentação.

O objetivo de realizar um novo concurso se dá pelo fato do último, que ocorreu no ano de 2013, ter sua validade expirada no final deste ano, mais especificamente em novembro.

Estima-se que haverá muitas inscrições para a realização das provas, que contam com o nível de dificuldade diferentes, de acordo com cada área de atuação que o profissional deve atuar. O número elevado de inscrições deve-se ao fato de que nos últimos tempos, o Brasil passa por uma crise no cenário politico, o que, por consequência, acaba afeando também outras esferas da sociedade e diretamente a economia. Dessa forma, muitas pessoas passaram a procurar nos estudos e concursos públicos uma forma de garantir certa estabilidade financeira, mesmo que por algum período estabelecido.

Ana Paula Oliveira Coimbra

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 27 Média: 2.9]

Seleção ofertará 28 vagas imediatas mais o cadastro de reserva.

Na Região Centro-Oeste do país, uma nova oportunidade de concurso público está sendo oficializada. Trata-se do novo concurso público promovido pela Sefaz de Goiás, que abre oportunidades para cargo de auditor. O processo de seleção foi anunciado por meio da superintendência da Receita, de onde saiu a publicação nas redes sociais no último dia 25 de janeiro, quinta-feira. São 28 vagas e demais cadastros, destinados a candidatos com nível superior em qualquer ramo profissional.

Assim, a Secretaria da Fazenda do Estado de Goiás, Sefaz-GO, é responsável pela realização desde novo certame público que visa ao preenchimento de cargos no setor de auditor. O último processo seletivo desse órgão foi há 14 anos, ou seja, durante esse período não houve novas contratações de servidores para carreiras, o que deixa clara a necessidade de uma renovação no departamento. A condição necessária para ser possível concorrer a uma das 28 vagas é a posse de diploma de graduação em curso superior em qualquer ramo vocacional, disciplina. A remuneração inicial para carreira de auditor chega a 14.505,33 reais, sendo que esse valor conta com o devido subsídio final que chega até o valor de 22.047,57 reais com os complementos.

Depois de mais de uma década, o novo processo de seleção, com cargos para a função de auditor fiscal da receita estadual, se tornou um dos concursos mais almejados e aguardados no Estado de Goiás. A aprovação deste processo seletivo de caráter público contou com a sanção da Jupof, ou seja, a Junta de Programação Orçamentária e também, recentemente, pelo Consind, ou Conselho Estadual de Políticas Estaduais e Recursos Humanos. Este processo de seleção também obteve aprovação do governador do Estado e do Secretário da Fazenda. O procedimento de publicação segue conforme o ritmo da legislação vigente e, em breve, o concurso estará definitivamente oficializado. Existe a exigência de renovação para a função de auditor, já que são 28 vagas disponíveis, além do cadastro reserva de pessoal.

Esse processo de renovação é justificado pelo fato de que nos últimos anos o Estado de Goiás perdeu em torno de 270 ativos, desde o último concurso. Este cargo é típico do serviço público e precisa estar em constante trabalho. Dada essa situação de urgência, o próprio órgão decidiu promover e agilizar o processo de formação do certame.

As atribuições do cargo de auditor, como funcionário público, são: atuar na execução de tarefas para arrecadação dos tributos estaduais, quando estes forem decorrentes da atividade própria da fiscalização nas unidades fixa ou móvel. Outra função necessária é atuar na constituição de créditos tributários que sejam decorrentes do exercício das correspondentes tarefas da fiscalização e demais funções próprias do setor. Os interessados nessa carreira precisam estar cientes não apenas de suas atribuições, mas das responsabilidades que a mesmo a acarreta.

De acordo com informações angariadas do último processo seletivo da Sefaz de Goiás, realizado em 2004, o número de vagas ofertadas foi 80. A banca responsável pela organização ficou por conta da Universidade Estadual de Goiás, FUEG. As provas consistiram em 80 questões, das quais sete versaram sobre língua portuguesa; sete sobre a matéria de matemática financeira; sete questões sobre informática, sete questões sobre direito constitucional, sete questões sobre direito administrativo; 15 questões em cima de direito tributário; 20 questões sobre legislação tributária estadual e mais dez questões sobre contabilidade geral e em auditoria. Portanto, as provas têm caráter classificatório e eliminatório. É importante que os interessados estejam atentos às informações publicadas oficialmente na internet.

Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 10 Média: 2.8]

Certame está na etapa de escolha da organizadora.

Outro concurso está sendo promovido na Região Centro-Oeste do Brasil. Trata-se da autorização concedida para o novo processo seletivo da Polícia Civil do Estado de Goiás, a qual abrange diversas oportunidades em cargos como os de delegado; cargo de agente e cargo de escrivão. A condição básica é a de que os candidatos possuam nível superior completo. A fase seguinte do procedimento de realização deste novo certame da Polícia Civil de Goiás será a determinação da devida banca organizadora, que está prestes a ser contratada. A meta deste novo concurso público se destina ao preenchimento de 650 vagas, cargos já enunciados.

A já mencionada autorização está à disposição do grupo organizador desde o dia 31 de outubro de 2017. O governador de Goiás já deu o seu aval, durante a realização de uma solenidade de formatura para 400 policiais civis. De acordo com a sanção, neste concurso público para cargos no departamento da Polícia Civil de Goiás 2018, serão 100 vagas destinadas à carreira de delegado e as demais 550 serão distribuídas entre os setores de agente e de escrivão. A totalidade dos cargos poderá ser ocupada somente por candidatos profissionais, que possuam ensino superior completo em muitas disciplinas, que constituem áreas de atuação. A única exceção é para o cargo de delegado, para o qual sempre é exigido bacharelado em direito.

Entretanto, até o presente momento não foi divulgada a data de publicação oficial definitiva do certame em questão. O edital permanece, portanto, inédito, porém, a data está prestes a ser definida, na medida em que o processo de escolha da empresa encarregada da organização esteja completo.

A descrição das atribuições dos cargos, referidos neste concurso, são:

A função de agente está em: realizar diligências no sentido de prender criminosos; atuar na apreensão objetos furtados e na localização de pessoas; realizar investigações, rondas noturnas e diurnas; realizar o policiamento de zonas inadequadas para menores; plantões; investigar e monitorar elementos suspeitos de infração penal; realizar coletas de informações úteis; atuar na prisão de infratores seja em flagrante ou em virtude de mandado expedido por autoridade idônea; conduzir indivíduos suspeitos à presença de autoridade da polícia judiciária, no sentido de obter esclarecimentos imprescindíveis sobre fatos delituosos; produzir relatórios sobre as investigações concluídas e demais funções.

O cargo de escrivão possui as seguintes funções: sintetizar os termos em ocorrências, em declarações e em depoimentos; realizar despachos de intimações, de citações e das devidas notificações; produzir em forma escrita as portarias, os ofícios, os mandados, os termos, os autos, as ordens de serviço, os editais e as circulares, os boletins; realizar o preenchimento de guias destinadas à identificação, ao recolhimento e à soltura de presidiários; realizar protocolo de ofícios, de requerimentos e das devidas representações; catalogação e arquivamento, nas pastas adequadas, de todos os documentos relacionados ao serviço prestado; organização de livros que contêm informações das cargas e das descargas de remessa dos autos, das conclusões de inquéritos e demais ofícios, dos documentos e registros de cartórios policiais.

O cargo de Delegado possui os seguintes atributos e funções: atuar na instauração e presidência nos inquéritos policiais, no reconhecimento de termos circunstanciados sobre ocorrências e demais procedimentos de autoridade policial legal, no sentido de apurar infrações penais ou ato infracionais; atuar nas atribuições previstas em legislação processual penal em cuja competência possa exercer autoridade policial; trabalhar na direção, coordenação, supervisão e fiscalização de atividades em logística e finalística de acordo com o sistema da sede sob sua direção; atuar na determinação de intimações, como também, em casos de ausência injustificada, na condução coercitiva do indivíduo intimado; produzir requisições para a realização dos devidos exames periciais e exames complementares, que se destinam a colher, recolher e resguardar os indícios ou provas de determinada ocorrência de infração penal e demais exames considerados imprescindíveis ao esclarecimento de fatos investigados.

Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 66 Média: 3]

Certame oferta 274 vagas em diversas carreiras dentro do Corpo de Bombeiros de Goiás.

Se você reside no estado de Goiás e gostaria de fazer parte da Corporação de Bombeiros Militar do Estado, sua hora pode estar chegando. É que já está confirmada a realização de um novo concurso público no estado. De acordo com as primeiras informações, serão disponibilizadas 274 vagas em várias carreiras.

É isso mesmo, o Concurso Público do Corpo de Bombeiros do Estado de Goiás irá disponibilizar um total de 274 vagas, sendo que desse total, 230 serão para o cargo de Soldado (músicos e praças combatentes), 20 serão para a carreira de Oficial de Comando, 12 para a carreira de Oficial Médico e as restantes 12 serão para a carreira de Oficial Odontológico.

Na última quinta-feira, dia 08 do mês de dezembro Joaquim Mesquita que é o Secretário de Gestão e Planejamento realizou uma reunião para tratar de assuntos relacionados à realização do concurso.

A previsão inicial é de que este concurso seja realizado ainda no primeiro semestre do ano de 2018, contudo ainda não existe a previsão de uma data para publicação do edital de abertura e período de inscrições. Porém o concurso já recebeu autorização para ser realizado.

O último concurso público realizado em Goiás, para seu Corpo de Bombeiros Militar aconteceu no ano de 2016 e foi registrado como um dos concursos públicos mais concorridos do estado, registrando mais de 16 mil inscrições, o que representou um total de 55 candidatos por vaga. Na ocasião foram disponibilizadas 250 oportunidades para a carreira de Soldado de 3ª classe, além de 40 vagas para o cargo de cadete. A empresa contratada para organizar e executar o certame foi a já conhecida FunRio.

Embora o edital de abertura ainda não tenha sido publicado já se pode afirmar que o concurso para Bombeiros é realizado por meio de provas objetiva e discursiva, de caráter classificatório e eliminatório, seguidos de testes físicos, avalição médica e análise da vida pregressa, além de investigação social.

Geralmente a prova para a carreira de Soldado de 3ª classe é composta por 50 questões sobre conteúdos de Língua Portuguesa, Noções de Direito, Realidade Étnica, Sociologia, História e Geografia, Realidade Cultural, Política e Econômica, Noções de Informática, Legislação aplicada ao CBMGO, Raciocínio Lógico, Noções de Atividades de Bombeiro Militar.

Os candidatos ao cargo de Cadete, também devem realizar uma prova composta por 50 questões sobre conteúdos de Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico, Realidade Étnica, Social, Histórica, Geográfica e Cultural, Política Econômica, Noções de Informática, Química, Noções de Direito, Física, Matemática, Noções de Atividades Bombeiro Militar e Legislação Aplicada.

Desse modo, para concorrer a uma vaga no cargo de Soldado do Corpo de Bombeiros Militar é preciso que o candidato possua formação de nível superior em qualquer curso. Já para entrar na concorrência por uma vaga de Oficial o candidato também precisará possuir formação de nível superior em qualquer área do conhecimento ou em área específica de acordo com o cargo pretendido.

Além desse tipo de formação, o candidato precisa possuir idade mínima de 18 anos e máxima de trinta anos para o cargo de soldado. Para o cargo de oficial a idade mínima é 18 e a máxima 32. Também é necessário possuir altura mínima de 1,65 no caso de candidatos homens e 1,60 para candidatas mulheres.

Um soldado, na condição de cadete, ou seja, aluno ainda em formação recebe uma remuneração inicial no valor de R$1,5 mil. Como cadete o subsídio vai para o valor de R$ 5.401,43 para a função de cadete. Passando-se assim quatro anos da sua formação a remuneração chega ao valor de R$4.068, que é referente à classe posterior.

Fique atento às novas informações sobre o concurso e à abertura do período de inscrições que deve ser a partir de janeiro de 2018.

Por Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 111 Média: 3.2]

Seleção deverá ofertar 100 vagas de emprego.

Quem estuda para obter aprovação em concurso público pode ficar sabendo aqui sobre as novidades referentes à próxima seleção da Câmara Municipal de Goiânia (CMG), no estado de Goiás. Visando atender ao Termo de Ajuste de Conduta (TAC) do Ministério Público Estadual (MP GO), o poder legislativo municipal se prepara para organizar o certame. Veja mais detalhes a seguir.

Novidades sobre o concurso público da CMG

A comissão responsável por organizar e planejar o processo seletivo já está constituída desde abril de 2017 e é formada por 8 membros, conforme publicado no diário oficial. Em 28 de novembro, terça-feira, foi aprovado no plenário em primeira votação, o projeto de lei (PL) que cria mais vagas para a CMG. O documento obteve autorização dos parlamentares sem voto contrário e, inclusive, já tem entendimento favorável da Comissão de Constituição e Justiça.

Com isso, a expectativa de lançamento do edital aumenta. A previsão é que o documento seja publicado até o mês de março de 2018.

Quais são as oportunidades previstas?

As oportunidades são para profissionais com escolaridade de nível superior, médio e técnico de diversas especialidades, quais sejam: médico do trabalho, assessor para assuntos legislativos, motorista, gestor ambiental, fisioterapeuta, agente administrativo, procurador jurídico legislativo, médico clínico geral, analista de sistemas, técnico em telecomunicações, assessor técnico legislativo de ciências contábeis, assessor geral, psicólogo, enfermeiro do trabalho, agente de segurança legislativo, técnico em segurança do trabalho, gestor público, técnico de informática, atendente de recepção e cerimonial e fotógrafo.

O certame visa preencher vagas ociosas e, inclusive, aquelas novas que serão criadas a partir da aprovação do projeto de lei que seguirá para a Comissão do Trabalho para uma segunda votação e aprovação.

Uma novidade é a previsão de contratar um profissional de linguagem brasileira de sinais (LIBRAS) a fim de facilitar as transmissões das audiências e também para atender a quem possui deficiência auditiva.

O concurso também visa formar cadastro reserva. Além disso, a CMG pretende nomear boa parte dos candidatos aprovados dentro do número de vagas em até 60 dias a contar da homologação do processo seletivo. Os demais serão convocados até a validade do certame.

O órgão já realizou análise de viabilidade orçamentária para isso e constatou que há condições de chamar aproximadamente 85 candidatos. Mas a expectativa de chances total é de mais de 200 postos de trabalho.

Sobre o Termo de Ajuste de Conduta

O termo de ajuste foi celebrado entre a câmara e o MP-GO para concluir a nomeação do candidatos aprovados no certame realizado em 2006. Além disso, houve renovação do documento para que seja realizado um novo concurso no próximo ano, visando preencher as vagas.

O TAC também destacou a necessidade de extinção de cargos desnecessários a fim de melhorar a operação dentro da casa legislativa do município de Goiânia.

Mais detalhes sobre o órgão e o certame

No final do ano de 2016, foi aprovado o projeto de lei que criou 100 vagas para várias áreas. Para esse próximo concurso, essas chances vão formar o cadastro reserva.

O órgão pretende realizar o concurso com celeridade a fim de atender às decisões do TAC o quanto antes. Assim, você pode contar que o concurso ocorrerá no primeiro trimestre do próximo ano e já iniciar seus estudos para garantir uma vaga no serviço público do município.

Não perca essa chance. Prepare-se já para ser aprovado no concurso público da Câmara Municipal de Goiás.

Atualmente, o poder legislativo do município de Goiânia tem 600 servidores, dentre comissionados e efetivos. Considerando as necessidades de trabalho da CMG e buscando atender às demandas dos cidadãos, é importante realizar esse concurso público.

Melisse V.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 57 Média: 2.8]

Seleção será organizada pela Contarh e deverá acontecer nos primeiros meses de 2018.

Nos dias atuais no Brasil existem diferentes tipos de processos seletivos. Pois, cada instituição decide a sua maneira como vai incorporar novas profissionais em seus quadros de funcionários. Mesmo tendo essa diversidade, o mais usado são os concursos públicos. Pois, para muitas pessoas, esse tipo de processo admissional é o mais democrático e mostra de fato os profissionais que estão preparados para assumir aquela função que está sendo oferecida. E uma das organizações que está se preparando para realizar um concurso público daqui alguns meses é a Companhia de Desenvolvimento Econômico de Goiás, a Codego. Confira agora todas as informações que já foram confirmadas a respeito desse processo seletivo.

A Companhia de Desenvolvimento Econômico de Goiás, a Codego, é um órgão criado a pouco mais de dois anos, mais precisamente no ano de 2015. E essa instituição é de extrema importância. Visto que ela é responsável por projetos que façam com que a capital do estado de Goiás tenha um desenvolvimento maior em diferentes áreas, como a econômica, a industrial, a social, dentre todas as vertentes que envolvam um município e ajude diretamente na vida dos cidadãos. Com todos esses meses de trabalho, a Codego já conseguiu alguns resultados positivos e quer continuar ampliando seu trabalho, para atingir diretamente mais pessoas. Devido a isso, se faz necessário um concurso público para a contratação de novos funcionários.

A proposta de um novo processo seletivo já vinha sendo pensada e discutida pelos gestores da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Goiás há alguns meses e a previsão era que o concurso público acontecesse no final de 2017 ou nos primeiros meses de 2018. Como nenhum edital ou documento foi divulgado até o momento, estima – se que todas as informações corretas, assim como o concurso público, aconteçam nos meses iniciais do próximo ano. Por enquanto, o dado que foi confirmado pela Codego informa que a empresa Contarh Consultoria em Desenvolvimento Humano foi contratada com o intuito de estruturar as primeiras etapas do concurso público da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Goiás. Então, a Contarh Consultoria em Desenvolvimento Humano vai estabelecer quantas vagas vão ser oferecidas para quais cargos; o valor da remuneração; a carga horária semanal; os pré – requisitos que os candidatos precisam atender para se candidatar a uma das vagas; o cronograma do concurso; o valor da taxa de inscrição; que tipo de provas os interessados vão ser submetidos, validade do processo seletivo, dentre outros pontos importantes para a divulgação de um edital. Após isso, o próximo passo vai ser a contratação de uma banca organizadora para montar e aplicar as provas.

Como em qualquer concurso público realizado no Brasil, seja qual for o órgão, os candidatos precisam atender a uma série de pré – requisitos. Pois, se forem aprovados e não atenderem a essas regras, eles pode ser desclassificados. Conheça agora mesmo alguns dos pré – requisitos que devem ser exigidos dos candidatos no concurso público da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Goiás: o candidato precisa ser naturalizado brasileiro; ele precisa ser maior de 18 anos; ele não pode ter nenhuma pendência judicial, político e militar (para os candidatos do sexo masculino); na época da efetivação do cargo ele não pode ser contratado ou estar prestando algum serviço para um órgão público brasileiro; ele precisa ter bons antecedentes criminais; ele precisa comprovar que está adepto tanto fisicamente quando mentalmente para ocupar o cargo preterido; precisa ser aprovado em todas as fases do concurso publico e outros pré – requisitos.

Se você se interessou sobre o concurso público que a Companhia de Desenvolvimento Econômico de Goiás deve realizar nos primeiros meses do ano de 2018 e quer ficar por dentro de todas as informações que forem sendo divulgadas, acesse o endereço eletrônico da Codego que é o: http://www.goiasindustrial.com.br/. Neste site vão estar todas as informações. Boa sorte!

Isabela Castro.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 19 Média: 2.4]

Certame segue com as inscrições abertas até 27 de novembro.

A cada anúncio de um novo concurso muitas pessoas se interessam por este processo seletivo. Visto que, as pessoas enxergam uma grande oportunidade para mudar de carreira profissional e, consequentemente, mudar de vida, aumentando muitas vezes, o seu poder aquisitivo e também recebendo muitos benefícios que esse tipo de cargo proporciona. E uma das instituições que está com vagas abertas para o seu concurso público é a Fundação Integrada Municipal de Ensino Superior, a FIMES, do estado de Goiás, que está oferecendo 14 vagas para nível superior, para Professores Substitutos.

Se você se interessou e quer saber mais informações a respeito desse processo seletivo leia o texto abaixo.

Há alguns meses a Fundação Integrada Municipal de Ensino Superior, a FIMES, Goiás, já tinha anunciado que iria realizar um concurso público ainda em 2017, nos meses finais do ano. Pois, a instituição que está localizada no município de Mineiros precisava aumentar o número de pessoas inscritas em seu quadro de funcionários. Para que a instituição continuasse a prestar os seus serviços de forma qualificada e sem prejudicar os alunos que ali se encontram matriculados. Pois, de tempos em tempos alguns professores saem de seus postos de trabalho para fazer cursos de especialização, ainda têm-se os casos dos docentes que se aposentam e tantas outras situações.

Como foi dito acima, são 14 vagas para professores substitutos. Conheça agora as vagas e a quantidade que está sendo oferecida, a área de formação que está sendo exigida, a titulação exigida e carga horária semanal.

Uma vaga para o curso de Engenharia Ambiental e Sanitária. Área de formação: Engenheiro Ambiental ou Engenheiro Sanitário. Titulação exigida: Especializando, Especialista, Mestre ou Doutor. Carga horária: 10 horas semanais.

Uma vaga para o curso de Medicina. Área de formação: Odontologia. Titulação exigida: Especialista em Bucomaxilofacial e Estomatologia ou Mestre Doutor. Carga horária: 10 horas semanais.

Duas vagas para o curso de Medicina. Área de formação: Enfermagem. Titulação exigida: Especialista, Mestre ou Doutor. Carga horária: 10 horas semanais.

Uma vaga para o curso de Medicina. Área de formação: Farmácia ou Bioquímica. Titulação exigida: Mestre ou Doutor.

Uma vaga para o curso de Medicina. Área de formação: Medicina. Titulação exigida: Anestesia com residência médica e inscrição ativa junto ao CRM.

Uma vaga para o curso de Medicina. Área de formação: Medicina. Titulação exigida: Cardiologia com residência médica e inscrição ativa junto ao CRM.

Uma vaga para o curso de Medicina. Área de formação: Medicina. Titulação exigida: Cirurgião Geral com residência médica e inscrição ativa junto ao CRM.

Uma vaga para o curso de Medicina. Área de formação: Medicina. Titulação exigida: Clínico Geral com residência médica e inscrição ativa junto ao CRM.

Uma vaga para o curso de Medicina. Área de formação: Medicina. Titulação exigida: Neurologista com residência médica e inscrição ativa junto ao CRM.

Uma vaga para o curso de Medicina. Área de formação: Medicina. Titulação exigida: Urologista com residência médica e inscrição ativa junto ao CRM.

Uma vaga para o curso de Medicina Veterinária. Área de formação: Medicina Veterinária. Área de formação: Especialista, Mestre ou Doutor.

Uma vaga para o curso de Pedagogia/ Psicologia/ Educação Física. Área de formação: Licenciatura plena m Letras: Libras ou em Letras: Libras/ Língua Portuguesa como segunda língua; ou Licenciatura Plena em Pedagogia (com pós – graduação em Libras).

Uma vaga para o curso de Psicologia. Área de formação: Psicologia. Titulação Exigida: Mestre ou Doutor.

O processo seletivo vai contar com duas fases, sendo a primeira um teste de aptidão didático e o segundo uma prova de títulos. A primeira etapa ocorre nos dias 09 e 10 de dezembro de 2017, na sede administrativa da Fundação Integrada Municipal de Ensino Superior. Se você atende aos requisitos e quer se inscrever, basta comparecer pessoalmente até a sede da Fimes que se encontra Rua 22, sem número, Setor Aeroporto, Mineiros – GO, no horário entre 07h e 20h de segunda a sexta-feira ou das 08h até às 12h no sábado. A taxa de inscrição é de R$ 70,00.

Importante também que você consulte o edital no caso de alguma dúvida, o link é o seguinte: www.fimes.edu.br/paginas/concurso/detalhe.php?id=53. As inscrições devem ser efetuadas até o dia 27 de novembro de 2017.

O concurso tem validade de dois anos.

Por Isabela Castro

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 6 Média: 2.8]

Certame oferta vagas para Fiscal das Relações de Consumo. Inscrições podem ser realizadas até 28 de novembro.

No Estado de Goiás um novo concurso já está oficializado. Trata-se do Concurso PROCON GO 2018, cuja inscrição já está disponível, sendo que o salário está em torno de 3.165,41 reais.

Este processo seletivo está sendo promovido pela Superintendência de Defesa do Consumidor do Estado de Goiás, portanto, constitui o Concurso Procon GO.

O período de inscrições estender-se-á até o dia 28 de novembro. Aos interessados em concorrer cabe realizar as inscrições o quanto antes.

Conforme as informações disponíveis no documento tornado público pelo Diário Oficial de Goiás, no dia 02 de outubro deste mesmo ano, estão sendo ofertadas um total de 15 vagas, destinadas ao provimento de cargos no setor de Fiscal das Relações de Consumo. Devido ao fato de que a quantidade de vagas é menor, uma delas será reservada às pessoas portadoras de necessidades especiais, ou seja, pessoas com deficiência.

A instituição que será encarregada de organizar este concurso do Procon de Goiás, de acordo com o edital, será o Instituto Quadrix, o qual estabelecerá a realização dos exames em fases distintas, tais como: 1 – ministrar as provas objetivas, que são de caráter eliminatório e classificatório; 2 – ministrar a prova discursiva, de redação, também de caráter eliminatório e classificatório; 3 – a devida análise dos títulos, cujo caráter será classificatório; 4 – a realização da rigorosa avaliação médica sobre os candidatos que se declararem pessoas com deficiência, cujo caráter será eliminatório e a realização de um curso de formação profissional, cujo caráter também será eliminatório e classificatório, sob a responsabilidade do próprio Procon e da banca organizadora.

Todas as etapas em que o concurso do Procon-GO está dividido, estão programadas para serem realizadas no município de Goiânia-GO. Entretanto, em caso de ocorrer indisponibilidade em alguns dos locais reservados para esta finalidade, que são suficientes ou adequados para a aplicação dos exames, na capital do Estado, os mesmos serão realizadas em outras localidades disponíveis em regiões circunvizinhas a serem determinadas e divulgadas.

De acordo com a lei, as nomeações de todos os candidatos aprovados neste certame público serão realizadas em um período que se estenderá por até 90 dias, contados a partir da homologação relativa ao Resultado Final do Processo Seletivo, havendo muita chance de serem adiantadas.

Este cronograma está sujeito a alterações a qualquer momento, sendo que poderá ser adaptado às diversas condições econômicas e também financeiras desta Administração, em caso de necessidade.

A condição necessária para que seja possível candidatar-se a este concurso será a apresentação de um diploma de graduação atestando formação em curso de nível superior, que deverá ser conferido por uma instituição de ensino superior aprovada pelo Ministério da Educação e Cultura, MEC.

Os exames estarão divididos em dois tipos, tais como a prova objetiva, de conhecimentos básicos, que consistirá de Língua Portuguesa com 06 questões; matéria de Realidade Étnica, social, de Histórica, de Geográfica, de realidade Cultural, Política e realidade Econômica do Estado de Goiás e também do Brasil com 03 questões cada; matéria de Raciocínio Lógico com 05 questões; matéria de Ética no Serviço Público com 03 questões e matéria de Noções de Informática com 03 questões.

A prova de conhecimentos específicos consistirá em matéria de Direito do Consumidor com 15 questões; matéria de Direito Constitucional com 07 questões; matéria de Direito Administrativo com 07 questões; matéria de Direito Civil e Empresarial com 06 questões e matéria de Legislação com 05 questões.

Aos interessados em candidatar-se para este certame e concorrer a uma das vagas ofertadas, é necessário estar atento ao prazo de inscrições, que foi estabelecido entre as 10 horas do dia 25 do mês de outubro de 2017, estendendo-se até às 23h59 do dia 28 do mês de novembro de 2017.

Os candidatos precisam acessar a página eletrônica oficial da própria organizadora, Instituto Quadrix, por meio do link: www.quadrix.org.br. O valor da taxa de inscrição é de 70 reais. É um valor acessível para quem deseja conquistar estabilidade.

Para mais informações e atualizações acesse: http://noticiasconcursos.com.br/concurso-procon-go-2017-inscricoes.

Por Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 10 Média: 3.6]

Certame oferta 60 vagas temporárias para cargos administrativos.

A Polícia Civil de Goiás está com 60 vagas abertas para cargos administrativos e os candidatos precisam ter nível médio concluído para se inscreverem. O salário é de R$ 1,2 mil e as inscrições começam no próximo dia 20.

A Segplan – Secretaria de Gestão e Planejamento de Goiás, está responsável pelo processo seletivo simplificado. O prazo para inscrição termina no dia 20 de dezembro e o edital já se encontra disponível para os interessados.

As provas serão realizadas dia 14 de janeiro do ano que vem e até o dia 23 do mesmo mês o resultado já deve ter sido divulgado.

A Segplan informou que as vagas são temporárias, pois o objetivo é evitar que policiais deixem seu trabalho de combate ao crime para realizarem estas tarefas.

As vagas oferecidas são para apoio administrativo e a carga horária é de 40 horas semanais. Para a área geral são 16 vagas, na área de informática são 14 vagas, 2 são para auxiliar de enfermagem, 2 para área eletrotécnica e telefonia, 7 para auxiliar de manutenção predial e outras 19 vagas para auxiliar de serviços gerais.

A taxa de inscrição é de R$ 30,00 e os boletos devem ser pagos no máximo até dia 21 de dezembro. Do total de vagas oferecidas, 5% são destinadas aos candidatos com necessidades especiais.

Será aplicada uma prova objetiva de caráter eliminatório e classificatório, sendo realizada em Goiânia, Goiás, mas caso não haja locais suficientes, as provas poderão ser aplicadas também em outros municípios.

O prazo de validade deste concurso é de 2 anos, podendo ser prorrogado por igual período e o prazo de contratação é de 12 meses. Os candidatos precisam ficar atentos não só ao edital, como também às demais informações divulgadas posteriormente.

Nenhum dos candidatos será convocado pessoalmente, todas as informações ficarão disponíveis no site oficial do concurso. Caso receba algum contato por telefone ou e-mail, ignore imediatamente, pois pode se tratar de um golpe.

Os candidatos aprovados serão lotados na SSPAP de Goiânia, ficando responsável pelas seguintes funções: atendimento ao público de um modo geral, podendo ser por telefone, pessoalmente ou por e-mail; realizar todas as rotinas administrativas, entre outras funções que serão passadas pela chefia.

Para o cargo de Apoio Administrativo na área de informática, é preciso ter domínio do pacote Office (Word, Excel, Power-Point), saber lidar com memorandos, ofícios, despachos, entre outros documentos administrativos. O edital ainda pede que os candidatos tenham conhecimento em redes de computadores, análise de sistemas, montagem e manutenção de computadores e conceitos sobre desenvolvimento de sistemas orientados a objetos, pois poderá ser solicitado para dar suporte a problemas relacionados a software e hardware, editar vídeos e fotos, utilizar o Corel Draw, entre outros softwares.

Os candidatos para a área de enfermagem precisam ter domínio em segurança do paciente, ética profissional, noções de primeiros socorros, segurança do trabalho e assistência em saúde coletiva. Os selecionados ficarão responsáveis por atendimento ao público, suporte ao médico, controlar equipamentos dos servidores, fazer relatórios, entre outras atividades.

Para se inscrever, o candidato deve ser brasileiro nato ou naturalizado, idade acima dos 18 anos, estar em dia com a Justiça eleitoral e estar quite com o serviço militar (para os homens).

Aqueles convocados que não se apresentarem dentro do prazo estipulado, automaticamente serão declarados desistentes. As inscrições só podem ser feitas pela internet, através do site Portal do Servidor de Goiás, no endereço:
www.portaldoservidor.go.gov.br/post/ver/173041/concursos.

É de suma importância que o candidato acesse o edital e leia atentamente todos os requisitos, regras e as informações para o cargo pretendido. Para conferir todas estas informações, acesse o link abaixo e leia atentamente, para não ficar nenhuma dúvida: http://www.sgc.goias.gov.br/upload/arquivos/2017-11/edital-atualizadoanalise-adv_setorial_.pdf.

Por Russel

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 41 Média: 3.1]

Inscrições poderão ser feitas entre os dias 25 de outubro e 28 de novembro de 2017.

Segundo o edital publicado pelo Diário Oficial de Goiás, estão abertas as inscrições para o concurso público do Procon do Estado. A instituição está oferecendo 15 vagas para ocupar o cargo de fiscal das relações de consumo, sendo que uma é exclusiva para as pessoas que são portadoras de necessidades especiais. Os candidatos aprovados irão atuar na cidade de Goiânia.

Você está se preparando para fazer esse processo seletivo? Fique atento às datas e como o concurso será aplicado, bem como os conteúdos que serão cobrados na prova, isso é fundamental para garantir um bom desempenho. Acompanhe abaixo todas as informações sobre o concurso público para o Procon de Goiás:

Quem pode se inscrever

Para se candidatar às vagas disponibilizadas no concurso público do Procon, as pessoas interessadas devem ter diploma de conclusão de curso de nível superior, que deve ser fornecido por uma instituição de ensino reconhecida pelo MEC (Ministério da Educação). O salário inicial pago aos aprovados é de R$ 3.165,41, para o cumprimento de uma carga horária semanal de 4 horas.

Os interessados em participar do processo seletivo devem se inscrever do dia 25 de outubro a 28 de novembro de 2017. Para se inscrever é necessário acessar o site do Instituto Quadrix, banca organizadora do concurso, e selecionar a ficha de cadastro. Posteriormente, preencha as suas informações pessoais e profissionais. Por fim, conclua o seu cadastramento e imprima o boleto com a taxa de participação, cujo valor é de R$ 70,00 e tem que ser pago até a data de vencimento para validar a sua inscrição.

Como será a prova do concurso

O participantes do concurso Procon/GO serão avaliados por meio de provas objetiva e discursiva, que possuem caráter eliminatório e classificatório. O exame tem uma duração total de quatro horas e será aplicado na cidade de Goiânia, no dia 17 de dezembro de 2017.

A prova objetiva será estruturada em 60 questões de múltipla escolha, sendo que 20 compreendem os conhecimentos básicos sobre Língua Portuguesa, Ética no Serviço Público, Raciocínio Lógico, além de noções de informática e realidade ética, histórica, social, cultural, geográfica, econômica e política do Estado de Goiás e do Brasil, tendo uma peso de 1 ponto. As outras 40 questões da prova abordam conhecimentos específicos e têm peso de 2 pontos.

A prova discursiva será composta por uma redação de texto dissertativo, que deve ter até 30 linhas, tratando de um tema baseado nos conhecimentos específicos. A avaliação do candidato na redação será feita com base no domínio do conteúdo, demonstração de conhecimento técnico aplicado, o domínio do uso das normas do registro formal e culto da Língua Portuguesa.

Os candidatos que forem aprovados na primeira fase terão que passar pela etapa final do concurso para fiscal do Procon, que consiste na análise de títulos, que é classificatória. Nesse processo, os profissionais têm que apresentar os diplomas de pós-graduação especialização lato sensu, mestrado e/ou doutorado.

Sobre o cargo de fiscal das relações de consumo

O fiscal das relações de consumo é responsável por fazer a fiscalização dos estabelecimentos do tipo industrial, comércios e prestadores de serviço que atuam no Estado de Goiás, tendo como finalidade garantir que a legislação que protege e defende o consumidor seja cumprida. Faz parte das atribuições do fiscal checar documentos fiscais, estoques e livros comerciais, além de fazer exames contábeis para verificar se há a prática de infrações contra os consumidores.

Entre os deveres do fiscal do Procon/GO também estão fazer visitas in loco para comprovar práticas irregulares das empresas, coletando documentos, dados e informações que possibilitem a abertura de procedimentos administrativos. É importante lembrar que os aprovados no concurso irão exercer as suas atividades na cidade de Goiânia.

Simone Leal

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 9 Média: 3.1]

Vagas serão para profissionais com nível médio. Salários podem chegar a R$ 1.500.

O concurso da Polícia Militar de Goiás irá ofertar cerca de 2.000 novas vagas de emprego.

De acordo com nota divulgada pela assessoria de imprensa da PM/GO, os interessados a se candidatarem pelas vagas precisam ter formação de nível supeior, seja ela em qualquer área de atuação profissional. Estima-se que no início o salário possa chegar a até cerca de R$ 1.500.

Ainda não há datas para quando será realizada a publicação do edital no Diário Oficial, pois para o certame acontecer, depende ainda das decisões tomadas pela banca organizadora. Até agora, de maneira informal, pode-se afirmar que 2.000 vagas estão sendo disponibilizadas e dessas, cerca de 80 são destinadas aos futuros cadetes e o restante das vagas visa a formação de soldados. Por isso, os interessados precisam estar atentos, uma vez que a previsão é de que o edital sai logo no início deste mês de outubro.

A banca organizadora tem o intuito de realizar o processo seletivo o mais rápido possível, pois, desde o mês de maio, o governador Marconi Perillo já havia afirmado em entrevistas a necessidade de se fazer um novo concurso público, a fim de preencher as vagas deficitárias de profissionais de segurança pública. A informação saiu em diversos veículos de comunicação, logo após o governador estadual ter reunido-se com ministros e secretários do governo Temer.

Sabe-se que a comissão criada com o objetivo de escolher a banca organizadora do concurso público é formada por tenentes coronéis e coronéis da região.

Como o governador mesmo já havia dito anteriormente, a realização desse processo seletivo é extremamente importante, pois além de garantir a segurança pública dos cidadãos do Estado de Goiás, essa também é uma oportunidade para que muitos desempregados que possuem graduação e desejam servir à sociedade possam conseguir um novo emprego.

Desse modo, as vagas oferecidas por esse concurso somadas às 2.500 de um processo seletivo feito, anteriormente, no ano passado, amplia o número de soldados.

É importante salientar ainda que os aprovados devem ter disponibilidade para realizarem viagens ou até mesmo mover-se de cidades. Isso porque a segurança deve ser reforçada não apenas nos grandes centros urbanos, mas também em outras cidades menores em que há um aumento nos índices de criminalidade. Desse modo, muitos dos profissionais devem ficar espalhados em todo o território do Estado de Goiás.

Outra informação que os interessados devem ter em mente é que a seleção ocorre em etapas. Desse modo, a primeira etapa é composta por uma prova objetiva com caráter tanto classificatório quanto desclassificatório.

Na última edição do concurso a prova objetiva era composta por 50 questões. Desse modo, a prova foi dividida do seguinte modo: aproximadamente 15 questões eram de conhecimentos gerais e exigiam que o participante tivesse domínio nas áreas de economia e política, cultura, geografia, história, etnia, sociologia e, por fim, língua portuguesa. Por outro lado, as 35 questões restantes são dedicadas aos conhecimentos específicos de cada área, nesse contexto é cobrado dos candidatos conhecimentos básicos em direito constitucional, penal, administrativo, processual e militar.

Os interessados a participarem do processo seletivo precisam estar bem preparados no dia da prova, pois a relação de números de candidatos por vagas é crescente a cada ano.

É certo que ainda não foi divulgado o edital informando qual sãos os conteúdos que devem cair na prova. No entanto, o candidato pode buscar o edital do último concurso feito no ano passado, pois mesmo que a banca organizadora não seja a mesma, não é possível haver tanta discrepância em relação às disciplinas cobradas no dia da prova.

Desse modo, é bom que os candidatos busquem refazer o máximo de provas anteriores que puderem. Sendo assim, além de estarem treinando as suas condições emocionais, o teste pode servir para que os candidatos também estabeleçam limite de tempo para cada questão. Somado a isso, eles chegam preparados e conhecendo o modelo da prova. Às vezes, pode acontecer até de cair questões reformuladas e com certa semelhança. Enfim, essa é uma técnica bastante empregada por estudantes que prestam vestibular, além, claro, de pessoas que se dedicam a prestarem exames de concurso público.

Ana Paula Oliveira Coimbra

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 65 Média: 2.9]

Departamento Municipal de Água e Esgoto de Caldas Novas, em Goiás, oferta 224 vagas em seu novo concurso público.

Uma grande oportunidade está sendo anunciada pelo Departamento Municipal de Água e Esgoto de Caldas Novas do estado de Goiás, o DEMAE. Pois, o órgão da cidade de Caldas Novas vai realizar um concurso público para a contratação de mais de 200 profissionais de diferentes cargos. Se você mora na localidade que sedia a instituição ou em outro município perto e está à procura de uma nova colocação no mercado de trabalho, essa é a sua grande oportunidade. Para saber todas as informações, leia o texto abaixo.

O anúncio desse processo seletivo foi feito há alguns dias. Essa seleção vai ser feita, pois, é necessário aumentar o número de empregados no quadro de funcionários do Departamento Municipal de Água e Esgoto de Caldas Novas / Goiás.

As vagas oferecidas para este concurso público são para as seguintes funções:

– Nível Fundamental Incompleto I: Secretário Executivo, Auxiliar Administrativo, Motorista de Veículos Leves e Motorista de Veículos Pesados. Número de etapas: 01. Tipo de Prova: Etapa Única.

– Nível Fundamental Incompleto II: Leiturista/ Cortador/ Religador, Auxiliar de Serviços Operacionais e Auxiliar de Serviços Gerais. Número de etapas: 02. Tipos de Prova: Teste Objetivo e Capacidade Física.

– Nível Fundamental Incompleto III: Soldador, Pedreiro, Mecânico de Autos, Ferramenteiro, Encanador e Eletricista. Número de etapas: 03. Tipos de Prova: Teste Objetivo, Capacidade Física e Teste Prático.

– Nível Médio: Técnico em Segurança do Trabalho, Técnico em Saneamento ETE, Técnico em Saneamento ETA, Técnico em Informática, Apontador, Almoxarife e Agente Administrativo. Número de etapas: 01. Tipo de Prova: Teste Objetivo.

– Nível Superior: Químico, Propaganda e Marketing, Procurador Autárquico, Engenheiro Químico, Engenheiro Civil, Engenheiro Ambiental, Design Gráfico, Contador e Arquiteto. Número de etapas: 01. Tipo de Prova: Teste Objetivo.

O processo seletivo vai ser composto por provas objetivas para todos os cargos. Esse teste vai ser uma prova de múltipla escolha (A, B, C, D). As matérias cobradas na provas vão ser as seguintes:

– Nível Superior: 10 questões de Língua Portuguesa e 40 questões de Conhecimentos Específicos.

– Nível Médio: 05 questões de Matemática, 05 questões de Conhecimentos Gerais, 10 questões de Língua Portuguesa, 10 questões de Noções de Informática e 10 questões de Conhecimentos Específicos.

– Almoxarife e Apontador: 05 questões de Matemática, 05 questões de Conhecimentos Gerais, 10 questões de Língua Portuguesa e 15 questões de Noções de Informática.

– Auxiliar Administrativo e Secretário Executivo: 05 questões de Matemática, 05 questões de Conhecimentos Gerais, 10 questões de Língua Portuguesa e 10 questões de Noções de Informática.

– Nível Fundamental Incompleto (restante dos cargos): 05 questões de Matemática, 10 questões de Língua Portuguesa e 15 questões de Conhecimentos Gerais.

A prova objetiva vai acontecer na cidade de Caldas Novas, estado de Goiás, no dia 03 de dezembro. Aprova ter duração de quatro horas. Para os cargos de nível médio e superior a prova vai acontecer pela manhã. Já para o nível fundamental incompleto, a prova vai ser no período da tarde. Já os cargos que pedem a prova de Capacidade Física, vão ter caráter eliminatório, vai ter como prática alguns exercícios físicos para avaliar se os candidatos conseguem desempenhar os esforços exigidos pelos cargos. E a prova prática também vai avaliar os conhecimentos práticos dos candidatos a respeito do cargo que ele deseja exercer, essa etapa também vai ser de caráter eliminatório.

As inscrições só podem ser feitas através da internet, através do seguinte endereço eletrônico: www.cs.ufg.br. As inscrições devem ser realizadas até o dia 19 de outubro de 2017. A taxa de inscrição para os cargos do nível fundamental incompleto tem o valor de R$ 60,00; para o nível médio o valor é de R$ 85,00 e já para os cargos de nível superior, o valor é de R$ 140,00. Os resultados vão começar a ser divulgados em janeiro de 2018.

Para mais informações, consulte o edital desse processo seletivo: https://centrodeselecao.ufg.br/2017/concurso_caldasnovas_demae/.

Boa sorte!

Por Isabela Castro

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 17 Média: 3.2]

Concurso deverá ofertar vagas para Agente Fiscal, Auxiliar Administrativo, Agente de Compras e Licitações e Auxiliar em Tecnologia da Informação.

A crise financeira pela qual o Brasil está passando leva a uma necessidade cada vez maior de colocação profissional adequada pelos diferentes tipos de trabalhadores que tem e o serviço público é uma de suas mais interessantes possibilidades.

Apesar da oferta de novas seleções estar sendo feita em uma proporção menor, existem muitas alternativas que serão oferecidas em breve, sendo que uma destas situações interessantes consiste no novo concurso público do CRMV/GO, que iremos detalhar em seguida neste artigo.

Informações atuais sobre novo concurso público CRMV/GO

O CRMV-GO é o Conselho Regional de Medicina Veterinária do estado de Goiás, o qual consiste no órgão de controle destes profissionais específicos por meio de fiscalizações, capacitações e processos variados tendo sua área de atuação específica no estado de Goiás.

De acordo com informações oferecidas pelo próprio CRMV/GO, esta entidade irá realizar um novo concurso público para o preenchimento de vagas em seu organograma relacionadas com diferentes cargos que tem exigência do nível médio de escolaridade.

Os cargos do CRMV/GO que terão vagas contempladas no novo certame desta organização são os seguintes:

· Agente Fiscal

· Auxiliar Administrativo

· Agente de Compras e Licitações

· Auxiliar em Tecnologia da Informação

Além disso, as questões relacionadas com esta seleção que já estão confirmadas são a de que a banca organizadora responsável será o Instituto Quadrix e que as vagas a serem preenchidas serão na cidade de Goiânia.

A expectativa atual é de que informações adicionais como a quantidade de vagas a serem disponibilizadas, bem como o edital completo do novo concurso relacionado com o CRMV/GO seja liberado nas próximas semanas.

Dados sobre último certame do CRMV/GO

Como não existem até o momento presente informações específicas sobre a seleção relacionada ao novo concurso CRMV/GO, os candidatos interessados devem se basear na última seleção para esta entidade, a qual ocorreu no ano de 2013 com remunerações de R$2.000,00 para cargos de nível médio em uma carga horária de 40 horas semanais.

Na oportunidade as inscrições foram feitas apenas pela internet, no site da banca organizadora, com o pagamento de uma taxa no valor de R$50,00 para os cargos com escolaridade exigida de nível médio.

Com relação às provas, as funções com exigência de escolaridade vinculada ao nível médio contou com provas de redação, além das provas objetivas que versavam sobre assuntos como Português, Informática, Raciocínio Lógico, Legislação, Direito Constitucional, Direito Administrativo e Noções de Administração Pública.

As avaliações mencionadas foram todas executadas em um único dia com a convocação alguns meses depois dos aprovados dentro da quantidade de vagas determinada pelo edital de abertura deste concurso público.

Como estudar para novo concurso CRMV/GO

Diante das informações apresentadas anteriormente, os interessados em participar do novo concurso público CRMV/GO devem intensificar desde já os seus estudos, tomando como base o conteúdo programático utilizado na última seleção realizada para esta organização considerada.

Além disso, é essencial que os candidatos se preparem conferindo as matérias, bem como o padrão de seleções relacionadas com este mesmo tipo de órgão que foram feitos no ano de 2016 e neste ano em vigor para identificar possíveis mudanças em conteúdo ou no padrão a ser adotado para sua avaliação.

Além destas informações, é importante que os interessados no novo concurso CRMV/GO conheçam de maneira detalhada o perfil da banca organizadora escolhida – Instituto Quadrix – com a delimitação de que tipo de conteúdo será mais exigido, focando de maneira mais intensa os estudos a serem executados.

Conclusão

Desta forma, o novo concurso público CRMV/GO é uma chance para quem deseja entrar na administração pública a qual estará disponível em pouco tempo, exigindo assim uma maior dedicação nos estudos daqueles que se interessam por esta ótima oportunidade de trabalho.

Ana Camila Neves Morais

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 9 Média: 2.7]

Certame deverá oferecer vagas para fiscal das relações de consumo.

O edital do novo concurso público do Procon (Superintendência de Proteção aos Direitos do Consumidor) de Goiás estava previsto para ser divulgado em agosto, mas ainda está passando por ajustes. Segundo o Instituto Quadrix, a banca organizadora do concurso, o edital deve ser liberado nos próximos dias, ainda no mês de setembro.

O concurso do Procon GO está sendo aguardado desde 6 de fevereiro, quando foi anunciado pelo governador do estado, Marconi Perillo. O processo seletivo tem a finalidade de preencher 15 cargos para fiscal das relações de consumo. Confira abaixo mais informações sobre o edital do concurso público do Procon de Goiás:

Organização do concurso

A comissão do concurso público do Procon de Goiás foi formada em 13 de março de 2017 e está sendo presidida pela superintendente da escola de governo Liliane Morais Batista de Sá. A organização do concurso também conta com a colaboração da escrivã de polícia, Rosânia Nunes Ferreira, como vice-presidente, de João Francisco Alves como gerente de recrutamento, seleção e relações externas da escola do governo, de Marcos Rosa de Araújo como assistente de gestão administrativa, dos servidores da gerência de recrutamento, seleção e relações externas da escola de governo Degmar Mendes Rocha de Souza, Maria Auxiliadora Borges Soares, Vinicius Rezende Santos, Fernando Antônio de Mata, Weruska de Godoy Costa Silva e de Rosângela Marinho de Souza Abrão, que atua como assistente de gestão administrativa.

O concurso público do Procon de Goiás foi anunciado no início de fevereiro pelo governador, que também prometeu promover melhores condições de trabalho dos servidores atuantes neste setor, se comprometendo a pagar horas extras e auxílio-alimentação.

Segundo a superintendente do Procon, o concurso para selecionar novos funcionários tem sido muito aguardado pelo órgão, o que se deve à grande necessidade que ele tem de suprir a alta demanda de trabalho que possui. A superintendente também ressalta que os fiscais ocupam um cargo muito importante e requisitado dentro do Procon.

Vagas

O concurso público do Procon de Goiás tem 15 vagas abertas para o cargo de fiscal das relações de consumo. Os candidatos aprovados irão receber uma remuneração mensal no valor de R$ 3.200,00. Você tem interesse em participar deste processo seletivo? Para concorrer às vagas disponíveis é necessário ter se formado no ensino superior em qualquer área profissional.

Sobre o Procon

O Procon é o órgão responsável por defender o consumidor, intercedendo juridicamente nas relações de conflito entre as empresas e os seus clientes. Conforme dados apresentados pelo Procon GO, o órgão recebeu 68.686 denúncias através do canal Dique Denúncia em 2016, uma quantidade 56% maior que no ano de 2015.

Além disso, a plataforma Procon Web também registrou 8.659 atendimentos, o que significa que houve um aumento de 11% nas denúncias em comparação ao ano passado. O índice de avaliação do atendimento que é responsável por mensurar se a demanda do consumidor foi solucionada no prazo obteve 98,13% de satisfação. Na atualidade, o Procon de Goiás tem 105 servidores, que estão distribuídos pela sede e em outros 15 postos de atendimento do estado.

Informações sobre o concurso

Mesmo que a data do concurso público Procon GO ainda não tenha sido divulgada, é importante que o candidato já esteja se preparando com antecedência. Fique atento à divulgação do edital, o que é essencial para não perder o prazo para se inscrever, além de saber quais serão os conteúdos cobrados na prova.

A banca organizadora do concurso é o Instituto Quadrix, que exige a capacidade de memorização dos candidatos e também elabora questões com base em acontecimentos atuais da sociedade. Procure estudar o estilo da banca organizadora para entender a estrutura da prova do concurso do Procon.

Simone Leal

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 6 Média: 2.2]

Concurso deverá ofertar 630 vagas. Salários chegam a quase R$ 9 mil.

As oportunidades de bons cargos estão crescendo na medida em que o ano se aproxima do fim. São inúmeros concursos cujos editais tem sido publicados por diversas entidades, publicas ou privadas, ofertando oportunidades pra todos os níveis de escolaridade, provendo remunerações cujo valor chega até R$ 8,9 mil. São escalas de valores salariais muito atraentes e, deste modo, os concursos passam a ser muito concorridos.

O presidente da Saneago, Companhia de Saneamento de Goiás S.A, Jalles Fontoura, foi entrevistado há poucos dias e pronunciou a notícia que certamente muita gente esperava ansiosamente. Foi confirmada a previsão de abertura do concurso da Saneago, por meio do edital de um novo concurso público do órgão em questão.

As inscrições tem previsão de abertura para meado do mês de outubro. Portanto, os interessados devem manter-se atualizados sobre esse processo seletivo toda semana.

O presidente da companhia adiantou informações sobre as vagas, declarando que estão disponíveis em torno de 400, embora esse número possa ser um pouco reduzido para o de 330 postos de trabalho, cujo provimento será imediato.

Sempre ocorrem mudanças dentro do prazo que vai das inscrições até às nomeações, por isso, nunca é possível afirmar o número exato de vagas. O fato é que, além das vagas disponíveis para preenchimento imediato, há mais 300 para cadastro em reserva de pessoal, somando um total de 630 ofertas.

A banca organizadora deste concurso ainda está para ser definida, assim que for realizada a assinatura do contrato, o que deve motivar ainda mais os interessados. Assim que todo o processo for definido e devidamente publicado, a previsão é de que as provas do certame sejam ministradas em dezembro.

A distribuição dos cargos conforme os níveis de escolaridade ainda não foi totalmente definida, porém, as remunerações são altas e repletas de benefícios, desde o Ensino Fundamental, cujo salário inicial chega a R$ 2.263,64, Ensino Médio com remuneração inicial em torno de R$ 3.310,38 e para cargos direcionados a candidatos com nível superior o salário inicial pode chegar a R$ 8.907,02, já que, neste caso, é necessário formação técnica.

A página que publicou a notícia já pôde adiantar algumas informações básicas a respeito da natureza de cada cargo, conforme os níveis escolares. Para candidatos que possuem apenas ensino fundamental em sua ficha, são destinadas as funções de agente de operação e agente de saneamento. Para candidatos com ensino médio em seus currículos é destinada, a princípio, a função de assistente de informática. Entretanto, para quem possui ensino médio com formação técnica as chances de cargos com salários melhores aumentam. São diversas áreas de atuação para nível médio técnico, tais como o de técnico em eletrotécnica, técnico em telecomunicações, técnico em mecânica, técnico em edificações, técnico em agrimensura, técnico em mineração, técnico em química, também para laboratorista e técnico em controle ambiental.

Interessados em participar do concurso devem comprovar suas formações técnicas. Para nível superior, por fim, existe chance de ocupar um número maior e melhor de cargos, que são os de analista de sistemas, engenheiro da computação, tecnólogo em processamento de dados, cientista da computação, advogado, engenheiro civil, engenheiro mecânico, engenheiro eletricista, engenheiro eletrônico, geólogo, designer gráfico, de relações públicas, de marketing, publicidade e propaganda, economista, contador, químico, administrador, farmacêutico generalista, de bioquímico e biomédico, tecnólogo em saneamento, biólogo, médico do trabalho e enfermeiro do trabalho.

O concurso da Saneago tem a intenção de prover novos cargos devido ao recente programa de demissão voluntária que está sendo realizado no órgão, já que a companhia conta com aproximadamente 700 colaboradores que já estão aposentados, porém, continuam ocupando seus cargos. É um processo necessário de reoxigenação no quadro de pessoal, que incentiva os aposentados a abrir mão dos cargos para que outras pessoas, nova geração, tenha a chance de conquistar bons empregos, carreiras e estabilidade.

Para maiores informações os interessados devem acessar aqui.

Paulo Henrique dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 504 Média: 2.8]

Certame tem previsão de oferta cerca de 1 mil vagas em 2018.

Com o segundo semestre do ano já iniciado, muitos órgãos públicos estão anunciando que vão realizar concursos para o próximo ano. Com o intuito de completar o quadro de funcionários de diferentes setores. A última instituição que anunciou provas para a contratação de funcionários foi a Secretaria Estadual de Educação, Cultura e Esporte de Goiás, a Seduce-GO, que pretende oferecer mais de 900 vagas para diferentes setores da educação do estado.

O edital desse concurso ainda não foi publicado, mas algumas informações foram divulgadas. Segundo as notícias, serão cerca de 1.000 vagas, divididas em 100 oportunidades para pessoas trabalharem com o setor de Administração e as outras 900 vagas para professores de matérias como: Química, Matemática e Física. É imprescindível que os candidatos tenham formação superior e possam comprovar a conclusão da graduação. O concurso vai ser realizado com o objetivo de levar esses profissionais a atuarem, sobretudo, no interior do estado de Goiás, já que existe uma defasagem de profissionais da educação e de administração nesses pequenos municípios, comprometendo assim o ano escolar de milhares de crianças, adolescentes e adultos. Há também a possibilidade de contratar professores de outros conteúdos, isso depende, ao final do concurso, da quantidade de pessoas que realizarem o exame.

Ainda não foram divulgados os dias, locais, horário e duração das provas, etapas do processo seletivo, quais municípios os contratados vão atuar, valores como taxa de matrícula e nem o valor exato da remuneração para cada cargo. Entretanto, hoje no estado para essas duas funções, estima-se que os pagamentos girem em torno de R$ 1.000,00 a R$ 5.000,00, dependo do cargo e da localidade.

O último concurso da Secretaria Estadual de Educação, Cultura e Esporte de Goiás foi realizado no ano de 2015. Na ocasião, foram anunciadas 1.805 vagas para professores temporários para as matérias, como: Artes; Biologia; Capoeira, Ciências; Coral; Dança; Educação Física; Ensino Religioso; Espanhol; Filosofia; Física; Geografia; História; Inglês; Interprete para alunos com deficiência; Literatura; Matemática; Música; Pedagogo; Língua Portuguesa; Psicólogo, Química e Sociólogo. A carga horária era de 20 horas, 30 horas ou 40 horas semanais dependo do cargo e os vencimentos eram de R$ 654,22; R$ 981,33 e R$1.308,44.

O processo seletivo foi composto por diferentes provas, a primeira era uma prova objetiva com 50 questões para cada área, em cada questão tinha-se quatro alternativas (A,B,C,D) sendo uma correta e as outras três erradas. Nessa primeira parte, eram-se cobrados assuntos referentes a cada área e também um pouco de atualidade dentro de cada campo de estudo. A segunda parte da prova era um teste discursivo com três questões, cada questão tinham-se duas perguntas (A e B). Cada pergunta tinha um peso de pontuação diferente. No caderno da prova de Biologia, por exemplo, na prova objetiva foi cobrado assuntos como o uso e a aplicação de insulina. E na parte discursiva foram cobrados assuntos como análise da uma imagem de uma membrana celular. Quem elaborou as questões que estavam nas provas foi o Centro de Seleção da Universidade Federal de Goiás, a UFG.

Para cada prova, o candidato tinha cerca de cinco horas para fazê-las e também completar o cartão de resposta. O gabarito foi divulgado alguns dias depois da realização da prova e o resultado dos aprovados alguns meses depois, levando em consideração os critérios para a aprovação e eliminação de candidatos.

A grande maioria dos professores foi contratada imediatamente, outros foram chamados logo depois. A duração do contrato foi de um ano.

O concurso que está previsto para os próximos meses é para a contratação efetiva de professores. Até agora são essas as informações que foram divulgadas.

Se você se interessou e quer fazer este concurso, acesse diariamente o site da Secretaria Estadual de Educação, Cultura e Esporte de Goiás, a Seduce-GO, através do seguinte endereço: http://site.seduce.go.gov.br. Pois, lá serão divulgadas todas as informações.

Boa sorte!

Por Isabela Castro

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 14 Média: 2.8]

Inscrições podem ser feitas até o dia 2 de agosto de 2017.

Será realizado pelo MP/GO (Ministério Público do Estado de Goiás) um concurso para preencher uma vaga e formar cadastro reserva para o cargo de secretário auxiliar das Promotorias de Justiça da Comarca de Itumbiara.

Poderão participar do processo seletivo os profissionais que tenham completado o ensino fundamental. A remuneração inicial oferecida para o cargo é de R$ 2.926,34, além dos seguintes benefícios: auxílio transporte, auxílio alimentação e auxílio creche. A carga horária de trabalho é de 40 horas semanais.

Os interessados deverão fazer sua inscrição no concurso até o dia 2 de agosto de 2017, acessando o site http://www.mpgo.mp.br. Será necessário pagar uma taxa de inscrição no valor de R$ 62,02.

O concurso será realizado em duas fases. A primeira ocorrerá em 27 de agosto, com prova que cobrará 50 questões objetivas, duas questões discursivas e uma redação. O conteúdo dessas questões envolve matemática, organização do Ministério Público, língua portuguesa, geografia, história do Brasil e informática.

A segunda etapa contará com a análise de títulos, considerando: cursos de nível superior e tempo de serviço em cargo público. O resultado com a lista de convocados para apresentação de documentação está previsto para o dia 17 de outubro.

Este concurso tem validade de dois anos, podendo ser prorrogado por mais dois, estando essa decisão a critério do órgão, de acordo com o que está estabelecido em edital.

Entre as atribuições do um secretário auxiliar estão:recebimento, autuação e controle da tramitação de processos administrativos e judiciais referentes à unidade ou órgão, fazendo despachos e realizado seus registros de forma devida; auxílio no planejamento, avaliação e também na execução de pesquisas, programas e projetos da administração superior do MP e do órgão de execução; ajudar no atendimento ao público; fazer a redação ou digitação de documentos diversos; fazer a organização, preenchimento e manutenção de livros obrigatórios da unidade ou mesmo do órgão; trabalhar no controle da emissão e dos recebimentos de expedientes; fazer a organização do arquivo da unidade ou do órgão; ser substituto temporário do oficial de promotoria; entre outras.

Confira o edital completo no site do Ministério Público e faça sua inscrição. Não perca a oportunidade de conseguir um novo emprego!

Iris Gonçalves

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Seleção deverá ofertar 2 mil vagas para soldado e cadete da PM.

Nos últimos tempos, os brasileiros têm acompanhado a crise sistêmica pela qual o país passa. Isto é, a crise política desencadeada no início de 2015 acabou por influenciar também no cenário econômico. Dessa forma, inúmeras empresas e indústrias, até mesmo aquelas consideradas de grande e médio porte, tiveram que reduzir o número de funcionários ou deixar de realizar novas contratações confirmando, dessa forma, a estatística assombrosa de quase 14 milhões de brasileiros que, no momento, estão sem emprego.

Em períodos como esses, ou seja, que há poucas oportunidades de emprego senão em órgãos públicos, as pessoas começam a pensar em novos meios de adquirir renda fixa. Dessa maneira, os concursos passam a ser ainda mais concorridos, pois às vezes são a única forma que as pessoas possuem para adquirir emprego que ofereça certa estabilidade financeira, além de outros benefícios.

Sendo assim, os concurseiros de plantão provavelmente já estão sabendo do concurso da Polícia Militar do Estado de Goiás (PM/GO), que foi publicado no diário oficial. Até o momento, sabe-se que o concurso prevê a admissão de quase 2.000 novos funcionários sendo a maior parte para soldado e o restante é para cadete da PM. Para desempenhar qualquer uma das funções é preciso possuir diploma de nível superior. A remuneração inicial pode chegar a até R$ 1.500.

Os interessados a participar do processo seletivo já podem começar a estudar tomando como base o conteúdo que caiu nas últimas provas.

As incrições poderão ser realizadas até este mês de julho. O concurso tem data para meados do mês de agosto, ou seja, está previsto para o sábado, dia 19 de agosto.

Assim, as incrições podem ser realizadas no endereço eletrônico fornecido pela banca organizadora . Para participar é preciso pagar uma taxa de incrição que pode variar, sendo R$ 100 para soldado e R$ 120 para cadete. Essa taxa pode ser paga em qualquer banco.

Para a profissão de soldado é necessário passar por provas obejetivas bem como discursivas e, obviamente, testes físicos que validam a aprovação final. Além disso, há análises psicológicas e investigação da ficha criminal e convívio social.

A prova objetiva é composta por 50 questões e dessas 15 são de conhecimentos gerais (política, atualidade, língua portuguesa, ética, história, geografia e sociedade) e o restante de conhecimento específico de cada área.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 15 Média: 3.2]

Concurso oferecerá 15 vagas para o cargo de Fiscal das Relações de Consumo.

Um dos órgãos mais atuantes no Brasil e que trabalha diretamente com a defesa dos direitos do consumidor, o Procon, anunciou que fechou contrato com a banca organizadora de seu próximo processo seletivo que deverá se dar por meio de concurso público.

A realização do concurso será para o estado de Goiás e os residentes daquela cidade ou localidades próximas deverão estar atentos para o anúncio das datas previstas para a realização das provas.

Segundo a Superintendência de Proteção aos Direitos do Consumidor (PROCON), a responsável pela realização do concurso será o Instituto Quadrix, conforme o anúncio feito no último dia 30 de junho.

Com esta notícia, segue-se então os trabalhos para que o edital possa ser fechado o mais rápido possível e divulgado para que os interessados possam se preparar e se programarem para efetivar a sua inscrição.

De antemão, os interessados devem ir se preparando e não esperar somente pela divulgação do mesmo.

No anúncio que contou com a presença do governador do estado, Marconi Perillo, a superintendente do órgão, Darlene Costa, anunciou que o concurso a ser organizado deverá disponibilizar 15 vagas para o cargo de fiscal das relações de consumo. A remuneração inicial deverá ser de R$ 3.200,00 e poderão concorrer ao cargo somente candidatos que possuam nível superior em qualquer área.

Durante a ocasião, o próprio governador anunciou que melhorias já estão sendo implementadas no órgão para que já sejam disponibilizadas para os novo servidores que deverão integrar o quadro de servidores como horas extras e auxílio alimentação.

Segundo a própria dirigente do órgão, o concurso a ser realizado é de extrema importância para a sociedade em geral, visto que o Procon, nos últimos tempos, tem sido bastante procurado pelos consumidores em geral. A demanda é cada vez mais crescente e os atuais servidores são em número insuficiente para atender a todas as denúncias que chegam ao mesmo.

De acordo com os dados publicados pelo Disque Denúncia, a procura pelo Procon cresceu em torno de 56% em 2016, em relação ao ano anterior. No total, foram mais de 68.000 casos registrados, com um índice de satisfação em torno de 99% de todas as pessoas que foram atendidas pelo órgão.

Emmanoel Gomes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 3 Média: 3.7]

Certame conta com 83 vagas para professores temporários. Inscrições podem ser feitas até o dia 30 de junho de 2017.

A Prefeitura Municipal de Goianésia, cidade localizada no estado de Goiás, irá receber até o próximo dia 30 de junho as inscrições destinadas ao processo público de seleção, que visa realizar a contratação de 83 professores temporários para as oportunidades que se encontram vagas, onde três delas são reservadas para as pessoas que possuem deficiência.

O processo de seleção oferta chances para os profissionais do magistério, sendo 83 postos para profissionais do magistério com apoio a alunos que possuem necessidades especiais e também para profissional do magistério para interpretação de libras.

As remunerações mensais oferecidas para os aprovados no certame da Prefeitura de Goianésia chegam a R$ 1.946,59. Os postos ofertados exigem que o concorrente possua graduação no curso de pedagogia, exceto a vaga para intérprete de libras, a qual exige formação específica em nível superior ou em nível médio.

Sobre as provas e as inscrições para o processo seletivo da Prefeitura de Goianésia

Os candidatos interessados em pleitear uma das vagas oferecidas pelo certame da Prefeitura de Goianésia precisam preencher o formulário específico de cadastro, o qual se encontra disponível na seguinte página eletrônica: www.goianesia.go.gov.br/index.php/servicos/pubicacoes-editais e então protocolar o mesmo na Secretaria Municipal de Educação, qual se situa a Rua 12, ao número 324, Setor Central, no período compreendido entre às 7h e às 17h. É válido ressaltar que não haverá cobrança de valor referente a taxa de inscrição.

Os candidatos inscritos no certame serão submetidos a uma avaliação objetiva, no dia 9 de julho, e nos dias 17 e 18 de julho a uma análise de títulos. A prova escrita contará com 50 questões, todas de múltipla escolha que versarão sobre conhecimentos específicos e língua portuguesa.

A seletiva ainda prevê teste prático somente para os concorrentes ao cargo de intérprete de libras, nos dias 20 e 21 de julho, e nos dias 19 e 20 do mesmo mês uma entrevista para o perfil de apoio aos alunos com necessidades especiais.

O certame em questão será válido pelo prazo de quatro anos, assim como estabelecido pelo edital.

FILIPE R SILVA

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 1]

Certame oferece oportunidade para Secretário Auxiliar. Inscrições podem ser feitas até o dia 27 de junho.

Os concursos públicos têm se mostrado como uma excelente opção para quem deseja um trabalho que ofereça estabilidade e segurança, principalmente em tempos como este em que o Brasil atravessa uma forte crise financeira, que tem levado milhares de brasileiros a situações de desemprego.

Se você estava na expectativa do surgimento de uma oportunidade no Ministério Público de Goiás, a sua chance pode ter chegado. É que o MP-GO acaba de abrir inscrições para um Concurso Público que disponibilizará uma vaga na função de Secretário Auxiliar da Promotoria de Justiça da Comarca do município de Cachoeira Dourada.

Podem se inscrever na concorrência pessoas que possuam ensino de nível fundamental completo, certificado por instituição de ensino que seja regulada pelo Ministério da Educação o MEC.

Segundo informações do edital de abertura, a remuneração inicial para o cargo é de R$ 2.926,34, para o cumprimento de uma jornada de trabalho semanal de 40 horas.

Além do salário mensal, o aprovado ainda terá direito a outros benefícios como Auxílio-Creche, Auxílio-Alimentação e Auxílio-Transporte.

Se você deseja participar, para se inscrever acesse o site www.mpgo.mp.br e preencha a ficha de cadastro que está disponível na página. As inscrições se encerram no dia de 27 deste mês de junho.

Os inscritos devem pagar uma taxa cujo valor é de R$ 62,02, para que suas inscrições sejam efetivadas.

O concurso público será realizado por meio de etapas, sendo a primeira a realização de provas objetiva e discursiva, além da realização de uma redação, que estão previstas para serem realizadas no dia 22 do mês de julho, com a duração de 5 horas.

Além das provas a serem realizadas, os candidatos classificados terão que passar por avaliação de títulos. Veja abaixo os documentos que serão aceitos nesta etapa:

– Diploma de curso de graduação;

– Certificado de especialização;

– Cerificado de mestrado ou doutorado;

– Comprovante de tempo de serviço público em algum cargo efetivo do Ministério Público;

– Comprovante de tempo de serviço público em cargo efetivo.

Se você possui interesse em prestar esse concurso, saiba mais informações na página do Ministério Público de Goiás e comece a se preparar para as provas.

Não perca essa excelente oportunidade de conquistar um cargo efetivo no MP-GO.

Inscreva-se e boa sorte!

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Governador autoriza abertura de 2 mil novas vagas para Polícia Militar do Estado.

Foi autorizado o Concurso da Polícia Militar do Estado de Goiás (PM-GO). A expectativa é que o certame ofereça 2 mil vagas com remuneração inicial de aproximadamente R$ 1.500,00. Para concorrer ao cargo de soldado de 3ª classe, o interessado deve ter nível superior em qualquer área, idade entre 18 e 30 anos e altura de, pelo menos, 1,65m para homens e 1,60 para mulheres. A carga de trabalho mínima é de 42 horas, sendo dedicação integral e exclusiva.

Os aprovados no concurso poderão atuar nos seguintes municípios: Luziânia, Goiânia, Anápolis, Goiás, Posse, Itumbiara, Rio Verde, entre outras. O último concurso foi realizado em 2016 e contou com 2500 vagas, sendo que 41.829 pessoas participaram da seleção.

A tendência é que as etapas do próximo concurso sejam similares as do último: provas objetivas e exames discursivos. Os aprovados nesta fase também farão teste de avaliação física, avaliação médica e psicológica, avaliação da vida pregressa e investigação social. Além disso, também terá curso de responsabilidade profissional, que será organizado pela PM-GO.

A expectativa é que os seguintes conteúdos sejam cobrados no concurso: português, realidade étnica, social, história, geográfica, cultural, política e econômica do estado de Goiás, além de direito penal, processual penal, direito penal militar, direito administrativo, constitucional e legislação extravagante.

Que tal conferir algumas dicas de preparação para mandar bem na prova?

Para começar a estudar, faça um planejamento com as últimas disciplinas cobradas no edital, para conferir é só acessar no site https://www.concursosfunrio.org.br/. Como a organizadora da atual seleção não está definida, faça exercícios da banca FUNCAB, responsável pelo último concurso.

Estude com materiais específicos e focados no conteúdo programático do edital. Peça orientações a outros estudantes. Assim, você economiza e não gasta dinheiro à toa.

Foque em passar. Por isso, aproveite os fins de semana e feriados para estudar e revisar todo o conteúdo. A matéria precisa ficar na sua memória, sobretudo detalhes como os de língua portuguesa.

Mantenha-se firme na direção do seu sonho e não perca tempo escutando pessoas negativas. Seja focado em ações.

Aproveite a oportunidade, pois espera-se 2000 vagas para este certame. Se você gostou das dicas, é só compartilhar com os seus amigos nas redes sociais. Sucesso!

Por Babi

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 28 Média: 2.9]

Concurso oferece 45 vagas para as cidades de Goiânia, Aparecida de Goiânia, Catalão, Goiás e Jataí.

Se você está em busca de uma oportunidade de trabalho no funcionalismo público na área da educação, você não pode deixar de prestar o concurso público da Universidade Federal de Goiás (UFG), que oferecerá diversas oportunidades para profissionais de nível superior que estejam dispostos a integrar o quadro efetivo de pessoal da universidade.

As inscrições para o novo concurso público da UFG já estão abertas e os locais de lotação descritos no edital normativo serão para os campus da universidade situados nas seguintes cidades: Goiânia, Aparecida de Goiânia, Catalão, Goiás e Jataí.

Em sua totalidade serão ofertadas neste novo concurso da UFG, 45 vagas para quem tiver formação para atuar como professor. A nomeação para o cargo será a de Professor de Carreira do Magistério Superior.

As oportunidades serão distribuídas em diversas áreas educacionais e a relação completa de especialidades e vagas encontra-se descrita no edital.

Os vencimentos oferecidos para os aprovados no processo de seleção variam de cargo a cargo, mas a remuneração mínima oferecida será de R$ 2.408,08, podendo chegar a até R$ 6.586,66.

Quem tiver interesse em participar do processo de seleção deverá ficar atento para o prazo de encerramento das inscrições, já que o encerramento acontecerá de acordo com a área educacional escolhida no momento da inscrição. A previsão é que para algumas áreas o encerramento ocorra nos meses de abril, maio, junho e julho.

A única forma disponibilizada para inscrição é via internet, sendo que o formulário eletrônico de inscrição encontra-se disponível no seguinte endereço eletrônico: www.ufg.br.

O valor cobrado para participação no concurso varia de acordo com a área educacional escolhida e exigência para participação. Para quem desejar as vagas para regime de dedicação exclusiva com doutorado, o valor a ser pago será de R$ 191, já para mestrado o valor cobrado é de R$ 132, em regime de 20 horas com doutorado é de R$ 66, com mestrado é de R$ 55 e com especialização é de R$ 48.

Quem se inscrever no concurso será convocado para o processo de seleção, que será realizado por meio de provas escritas, avaliações didáticas, testes orais e defesas de memorial, além de análise de títulos.

Por Rodrigo da Silva Monteiro

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 2 Média: 3]

Certame ofertará 100 vagas para nível médio e superior.

Para quem está sem nenhuma fonte de renda ou a mínima perspectiva de melhora perante o desanimador cenário econômico, esse artigo pode trazer um alívio. A Câmara Municipal de Goiânia (GO) abriu novo concurso para preenchimento de diversas funções no órgão.

A banca organizadora do concurso já foi escolhida no último dia 03 de abril e a expectativa é grande em relação ao edital que deverá ser publicado em breve, que vai oferecer 100 vagas para cargos diversos, além de formação do conhecido cadastro de reserva. A realização do concurso é mais que necessária e houve até uma determinação do Ministério Público que exigia que os trâmites tivessem início no final de 2016.

Os cargos que serão ofertado no certame são para nível médio e superior, dentre eles os que tem mais ofertas de vagas é de procurador jurídico legislativo (8), assessor geral (8), assessor de assuntos legislativos (6), motorista (4), técnico em informática (6), agente administrativo (30), agente de segurança legislativo (8), atendente de cerimonial (4), dentre outras funções.

Salários e demais benefícios serão informados na publicação do edital e recomenda-se aos interessados que já comecem a se prepararem para as provas, pois a concorrência deverá ser grande, perante altas taxas de desemprego em que o Brasil está passando e pelos salários atrativos ofertados pelo serviço público brasileiro.

Segundo informações de representantes da Câmara Municipal de Goiânia, os funcionários que se encontram na ativa estão muito sobrecarregados em suas funções no órgão, devido a alta demanda de trabalho e outros com mais tempo de casa, estão prestes a se aposentarem, por isso a necessidade que um concurso seja realizado o mais rápido possível.

As provas deverão ser objetivas com locais, dia e horário a serem definidos pela banca organizadora do certame.

Se você mora em Goiânia e se enquadra nos requisitos, não perca mais tempo e fique de olho no edital desse concurso, que está sendo aguardado com muita expectativa por todos os concurseiros que estão tentando o seu lugar ao sol. Boa sorte a todos no certame e rumo a um sólida carreira pública.

Rodrigo Souza de Jesus

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 20 Média: 2.9]

Concurso oferece 15 vagas. Inscrições podem ser feitas até o dia 10 de maio de 2017.

A Ordem dos Advogados do Brasil do estado de Goiás (OAB-GO) lançou edital para concurso do cargo de procurador de prerrogativas. São no total 15 vagas disponíveis, das quais três são reservadas para contratação imediata e 12 destinadas a cadastro de reserva para oportunidades futuras.

Requisitos para candidatura e remuneração

Para participar do processo seletivo é necessário ter graduação completa em Direito e registro ativo na OAB. Os aprovados terão carga horária de trabalho de 40 horas semanais e terão como função principal defender advogados que atuam no estado de Goiás, de modo extrajudicial e judicial.

Além disso, receberão os seguintes valores: remuneração mensal inicial de R$ 5.000; 100% de honorários advocatícios resultantes de condenações judiciais; R$ 751,96 de vale-refeição/alimentação e R$ 325,60 de auxílio-transporte.

Período de inscrições

As inscrições deverão ser feitas a partir das 10h de 10 de abril de 2017, sendo encerradas no dia 10 de maio de 2017, no site da OAB-GO: http://www.oabgo.org.br.

Haverá cobrança de taxa de inscrição, que será no valor de R$ 150.

Etapas de seleção

O Concurso da OAB-GO terá três fases: provas objetivas e discursivas, além de teste oral. As duas primeiras avaliações serão realizadas no dia 18 de junho de 2017, em diferentes horários.

A prova objetiva terá 80 questões, sendo composta de conteúdos sobre:

· Legislação da OAB tanto nacional quanto seccional (24 questões).

· Língua portuguesa e textualidade (12 questões).

· Processo civil e direito civil (12 questões).

· Direito administrativo e processual administrativo (8 questões).

· Direito constitucional e tributário (8 questões).

· Direito do trabalho e processual do trabalho (8 questões).

· Direito penal e processual penal (8 questões).

Já a prova discursiva terá cinco questões e uma peça prática. Nesse caso, será avaliado conhecimento técnico-jurídico dos candidatos, capacidade teórica e prática a respeito de fundamentação jurídica e domínio linguístico.

Contudo, somente os 30 candidatos mais bem avaliados nesses processos serão convocados para realizar o teste oral. Ele será aplicado em sessão pública, tendo como base temas e disciplinas dispostos no edital oficial.

O concurso para procurador de prorrogativas da OAB-GO terá duração de um ano, considerando a publicação oficial de seu resultado final, e poderá ser prorrogado para esse mesmo período apenas mais uma vez. O edital completo e demais informações referentes ao processo podem ser conferidas neste endereço: http://www.oabgo.org.br.

Camilla Silva

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 1]

Seleção deverá ofertar 900 vagas para professor e outras 100 vagas para a área administrativa.

Para quem reside no estado de Goiás, a Seduce, que é a Secretaria de Educação, Cultura e Esporte do estado, acaba de anunciar por meio de sua secretária Raquel Teixeira, que irá realizar um novo concurso.

O anúncio do concurso público foi realizado na última sexta-feira, dia 24 do mês de março, a pedido do então governador do estado Marconi Perillo. Na ocasião estava acontecendo uma reunião com profissionais que são representantes que pertencem ao Sindicato dos Trabalhadores na Educação, o Sintego do estado de Goiás.

De acordo com as informações preliminares, o novo concurso da secretaria do estado irá disponibilizar para a concorrência oportunidades para cargos na área administrativa e para professores.

Segundo informações cedidas por Raquel Teixeira, a realização desse novo concurso acontecerá porque no momento existe a necessidade de novos profissionais no Quadro de servidores do Magistério. Além disso, os salários também destes profissionais serão devidamente ajustados após o concurso.

A secretária ainda esclareceu sobre a importância da realização desse novo concurso, que não pode mais ser adiado, mesmo considerando a intensa crise econômica pela qual o país vem atravessando desde o ano passado. Nesse sentido, o Governo do Estado de Goiás se esforçou para a sua realização, pois acredita e sabe da importância de investimentos na área da educação.

O estado de Goiás conta hoje com milhares de profissionais contratados na área da educação. Desse modo, a previsão do estado é de que outros concursos sejam realizados na área para que a situação seja regularizada em todo o estado.

Está tudo certo para a realização do novo certame da Seduce, o próximo passo será a abertura de processo licitatório da empresa organizadora do concurso, o que está previsto para acontecer já nas próximas semanas. A partir de então, em poucos dias será feito o cronograma com a data para a publicação do edital, a marcação do dia de prova e do dia de homologação final.

Embora ainda não haja um edital oficial, as informações iniciais são que serão disponibilizadas para a concorrência o equivalente a 900 vagas para professores de áreas diversas e 100 vagas para funções na área administrativa do órgão.

Os interessados na realização do concurso devem ficar atentos, pois o edital de abertura está previsto para junho de 2017.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 2 Média: 2.5]

Certame irá ofertar diversas vagas de emprego.

Temos uma excelente notícia para todos aqueles que sonham com estabilidade profissional, altos salários e demais regalias oferecidas pelo serviço público federal brasileiro. O Tribunal Regional do Trabalho de Goiás permitiu a plena inclusão de outros cargos ao concurso que será realizado cujo edital deverá ser publicado em breve, gerando muita expectativa entre os concurseiros de todo o estado.

O cargo adicionado foi o de analista judiciário destinado a médicos e dentistas do trabalho, além de serem para o cadastro de reserva do órgão. A inclusão dessas novas vagas se faz necessária, pois vários profissionais da área da saúde do órgão já se aposentaram, aumentando a demanda de serviço para os que ainda se encontram na ativa.

A autorização para o esperado concurso foi dada em janeiro deste ano e se destina ao preenchimento de 4 vagas para a função de técnico judiciário especialista em saúde bucal, 1 vaga para a área de enfermagem e 1 vaga para a função de analista judiciário com especialização em estatística.

As áreas de tecnologia da informação e administrativa formam o cadastro de reserva e a comissão que organizará o concurso ainda não foi escolhida.

Todas as informações sobre data e locais das provas, carga horária e demais benefícios trabalhistas serão informados no edital, que já é aguardado ansiosamente pelos candidatos.

O último concurso do TRT 18 aconteceu em 2013 e o prazo tem previsão de expirar em novembro próximo. Se tivermos como base as provas exigidas no concurso anterior, as disciplinas serão de: língua portuguesa, conhecimentos gerais, conhecimentos específicos, prática e aptidão física, noções de direito em diversas áreas, matemática e raciocínio lógico, noções de regime interno do TRT 18, noções de gestão pública.

As remunerações previstas para o cargo de técnico será em torno de R$ 7.591,37 e para analista será de R$ 12.455,30, aproximadamente. Os aumentos serão consecutivos a cada ano de trabalho e se você se interessou em tentar uma vaga no TRT 18, é melhor ir se preparando o mais rápido possível.

Boa sorte aos candidatos.

Por Rodrigo Souza de Jesus

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 3]

Seleção deve contar com 200 vagas. Salários podem chegar a R$ 15 mil.

A Secretaria da Fazenda do Estado de Goiás (Sefaz/GO) estará promovendo a realização de um novo concurso público com vagas para o cargo de técnico fazendário estadual. A nova seleção pública foi anunciada no último dia 8 pelo próprio secretário estadual da fazenda. De acordo com Navarreta (secretário), o próximo concurso público terá a finalidade de garantir o preenchimento de 200 vagas. Abaixo você poderá acompanhar todos os detalhes. Confira!

Formação exigida

Os candidatos interessados em concorrer para alguma das vagas precisa contar com formação de nível superior em qualquer área de conhecimento. A remuneração oferecida para a função é de R$ 15 mil. A jornada de trabalho é de 40 horas por semana. Porém, há a informação de que o cargo tem um salário inicial de R$ 2.000. O valor anterior é para quem já está no topo da carreira.

Até o presente momento a informação é de que o processo que envolve o concurso se encontra no Conselho Estadual de Políticas Salariais. O edital está previsto para ser lançado em breve.

A carreira

Conforme o que se encontra disposto na Lei 13.738 de 2000, o técnico de fazendário estadual terá que realizar tarefas ligadas à administração de materiais e recursos humanos. Executar atividades relacionadas ao exame e conferência de documentos que, por sua vez, serão utilizados no setor contábil do estado. Exercer e acompanhar o controle da arrecadação assim como as aplicações financeiras. Elaborará demonstrativos. Executará tarefas de apoio fiscal. Prestará informações e se manifestará em processos administrativos. Fiscalizará serviços de loteria. E executará atividades de arrecadação de tributos estaduais em órgãos da fazenda.

Também comporão suas atividades a execução, o desenvolvimento, o acompanhamento e o controle de atividades em relação a arrecadação. Essas ações serão em sua grande parte realizadas por meio do sistema informático da Sefaz, bem como por meio de outros meios similares.

Ainda fazem parte de suas atribuições o controle e a execução de serviços que estejam relacionados com a instalação, manutenção e atualização dos sistemas de informática. Sobre este aspecto também será de sua alçada a manutenção e o cadastro dos equipamentos de informática. Por fim, ele supervisionará a execução dos contratos de serviços de informática que venham a ser executados por terceiros.

Denisson A. Soares

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 4 Média: 2.5]

Certame deverá ofertar vagas para o cargo de Fiscal.

O Procon de Goiás deve autorizar em breve um concurso público para vagas de fiscal de relação de consumo. A princípio, cerca de 30 vagas serão ofertadas, para salário de R$ 1.500, correspondente a 40 horas por semana.

Essas informações constam no Diário Oficial, basta acessar: http://www.agecom.go.gov.br/PDF/2016/09/28/007.pdf. O edital ainda não foi publicado e a previsão é de que esteja disponível ainda neste primeiro semestre de 2017.

O concurso foi anunciado pelo governador do Estado, Marconi Perillo (do PSDB). A partir de agora, a medida ainda precisa ser aprovada pelo poder legislativo de Goiás e, em seguida, se iniciarão os preparativos pertinentes à seleção e escolha da empresa que gerenciará o concurso.

Se preparar antes do edital?

A especialista em concursos Lia Salgado cita em sua coluna no G1 que antes da publicação do edital dos concursos, as pessoas já podem se dedicar a disciplinas como português e raciocínio lógico (temas bastante abordados em boa parte dos concursos).

No caso, as disciplinas mais específicas relativas ao cargo podem ser estudadas quando o edital for publicado. Contudo, no caso do concurso em Goiás, o candidato já pode se informar a respeito de questões mais genéricas e pode, inclusive, estudar um pouco sobre o Código de Defesa do Consumidor. O conteúdo está disponível em: http://www.idec.org.br/consultas/codigo-de-defesa-do-consumidor.

Em todo o caso, quem almeja uma vaga de fiscal no Procon goiano também pode acessar o portal do órgão e ficar por dentro de parte das ações realizadas, possivelmente, essas questões tendem a ser tratadas nos temas específicos da prova. Para outras informações, a dica é acessar o portal: http://www.procon.go.gov.br/.

Simulados e videoaulas

Hoje existe muito conteúdo na web focado em preparação para concursos públicos, como simulados online e videoaulas. Mas será que esses recursos ajudam no processo de estudo?

Especialista na área citam que esses mecanismos podem auxiliar na preparação. O acesso a questões de simulados, referentes – inclusive – a provas de processos anteriores, ajudam o candidato a se familiarizar com os tipos de questões. Uma dica é buscar por simulados feitos pela empresa escolhida para desenvolver a prova. Dessa forma, é possível ter certa noção do tipo de avaliação adotada pela empresa nos concursos anteriores.

Quanto às videoaulas, há estudos que comprovam a eficácia desse recurso para o ensino. Nesse formato, é como se a pessoa estivesse em sala de aula – mas numa classe particular – sendo possível pausar, voltar ou avançar o conteúdo, assim que necessário. Alguns canais no YouTube ainda trazem a oportunidade do aluno tirar alguma dúvida através dos comentários ou outras formas de contato, como por e-mail, por exemplo.

Por Letícia Veloso

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 1]

Seleção oferta 5.910 vagas temporárias para diversos cargos. Inscrições devem ser feitas até o dia 23 de fevereiro de 2017.

A SEDUCE – Secretaria de Estado da Educação, Esporte e Cultura – do Estado de Goiás divulgou nesta semana um edital de concurso público que irá preencher quase 6.000 oportunidades de emprego temporárias distribuídas em vários municípios. Do total, 208 estão destinadas a pessoas com deficiência. O processo seletivo também conta com formação de cadastro reserva. Os aprovados serão contratados por meio do Regime Especial.

Aqueles que possuem nível fundamental, ainda que incompleto, podem inscrever-se nos cargos de: vigia, merendeira e higienizador. É desejável que os candidatos tenham curso complementar na área.

Já quem tiver interesse a funções que exijam o ensino médio, há vagas para as carreiras de Auxiliar de Secretaria (desejável conhecimento em Excel e Word) e Motorista (Categoria B).

Aqueles que forem aprovados no processo de seleção terão contratação de até 01 ano. O local de trabalho será nas unidades educacionais distribuídas pelo Estado de Goiás. As lotações por cidade podem ser acessadas no edital completo do concurso.

Embora todas as funções citadas possuam carga horária de 40 horas semanais, é preciso entender que esta poderá ocorrer em turnos (manhã, tarde e noite), conforme necessidade da unidade educacional em que o funcionário estiver lotado.

Os interessados devem inscrever-se entre os dias 03 e 23 de Fevereiro de 2017, é preciso ainda pagar o valor de R$10,00, para todos os cargos, referente à taxa de participação no concurso.

Os candidatos que manifestem interesse em concorrer a uma das 5.910 oportunidades devem realizar o cadastro na internet, no link: http://www.portaldoservidor.go.gov.br/post/ver/173041/concursos.

Segundo informações que constam no edital, o concurso público da Seduce terá a Segplan como banca organizadora. O processo seletivo não contará com a aplicação de provas, os candidatos serão selecionados por 02 etapas: Análise de Currículo – com base nas informações preenchidas no momento da inscrição e comprovação documental.

A avaliação curricular levará em conta a experiência profissional do candidato nos últimos 10 anos no cargo pretendido e também os cursos complementares realizados que devem ter no mínimo 30 horas para serem aceitos.

No caso de dúvidas ou mais informações referentes a este processo seletivo, os candidatos podem encaminhar mensagens para o email pss- seduce@segplan.go.gov.br.

Por Beatriz

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 5]

Seleção deve ofertar vagas para técnico e analista judiciário.

Que tal focar os seus estudos no concurso do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª região, que tem sede em Goiânia? A comissão já foi formada e a expectativa é que o documento seja divulgado em pouco tempo. O certame já foi autorizado por meio da Resolução Administrativa 175/2016, que prevê 04 vagas para o cargo de técnico judiciário e cadastro reserva para as carreira de analista.

O último concurso realizado pelo Órgão ocorreu no ano de 2013 e o atual certame vence no mês de novembro deste ano. Na época, contou com 10 vagas para técnico e analista. Que tal aproveitar a oportunidade e começar os seus estudos?

Para a carreira de técnico, é necessário ter nível médio. Já para analista é preciso ter nível superior, que varia de acordo com a área. As remunerações são de R$ 5.365,92 e R$ 8.803,97, respectivamente.

No último concurso para técnico, foram cobradas as disciplinas de português, direito do trabalho, processo do trabalho, gestão pública, regimento interno, direito administrativo, constitucional e raciocínio lógico matemático. Além disso, para o cargo foram convocadas mais de 200 pessoas.

Como estudar para este concurso?

O TRT é um dos principais concursos do País, por isso, é fundamental ter foco, para criar uma base inicial nas disciplinas, sobretudo em português, direito (administrativo e constitucional) e processo do trabalho.

Você tem disponibilidade para mudança? Geralmente, há muitos concursos de TRT’S e estão previstos vários, como por exemplo, do TRT da 12 ª região. Desta forma, ao iniciar os seus estudos para o TRT de Goiânia, você pode manter o foco e tentar outros.

Faça um planejamento e adapte-se a sua rotina aos estudos. Elabore um planejamento e invista em materiais atualizados e específicos para o certame. Além de livros, leia sempre a legislação. Coloque o seu quadro de estudo em um local visível.

Comprometa-se com o seu sucesso e dedique-se aos estudos com muita determinação, para alcançar a classificação. Com planejamento e esforço é possível alcançar a aprovação.

Equilibre a sua rotina com alimentação saudável e atividade física. Tenha tempo para caminhar, relaxar e curtir a sua família e amigos. Confie na sua capacidade para vencer e, principalmente, no seu potencial.

Boa sorte e muito sucesso na jornada!

Por Babi

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 5]

Seleção deverá ofertar 47 vagas para profissionais de nível médio e superior. Edital deve sair em março de 2017.

A Assembleia Legislativa de Goiás (Alego) irá lançar um concurso público para preencher cargos diversos. O último concurso ocorreu em 2015, quando 76 vagas (para ensino médio e superior, em diversos cargos) foram divulgadas e preenchidas.

Para o novo concurso, a previsão é de 47 posições, sendo :

– 02 vagas para Assistente Social;

– 01 vaga para Cirurgião-dentista;

– 01 vaga para Comunicador Social;

– 02 vagas para Farmacêutico bioquímico;

– 06 vagas para Médico;

– 01 vaga para Eletricista de instalação;

– 02 vagas para Técnico em aparelhos e máquinas;

– 03 vagas para Técnico em laboratório e análises clínicas;

– 11 vagas para Polícia Legislativa;

– 05 vagas para Auxiliar administrativo;

– 08 vagas para Auxiliar de serviços de saúde;

– 04 vagas para Motorista.

Termo de Ajustamento de Conduta – TAC

Em outubro de 2016, o Termo de Ajustamento de Conduta, o TAC, foi assinado pelo presidente da Alego, pois foi constatado algumas irregularidades, sendo excesso de servidores comissionados em detrimento dos efetivos. Os envolvidos no termo são o Ministério Público de Goiás e a Alego.

Em um aditivo do TAC assinado em 2014, a Alego se comprometeu a convocar e nomear os últimos 14 aprovados no último concurso em 28 de fevereiro de 2017, ainda com a obrigação de prorrogar a validade do certame, no qual 80% dos aprovados já foram nomeados.

O edital está previsto para lançamento nos próximos meses, pois a data limite estabelecida é 31 de março de 2017, sendo que após a homologação do certame, ao menos 30% dos aprovados devem ser nomeados no máximo em 60 dias.

Caso contrário, a Alego pagará uma multa pré estabelecida no valor de R$ 1.000, adicionando 10% de um salário mínimo por dia de atraso.

Remuneração e Benefícios

Os valores referentes ao pagamento salarial dos aprovados no concurso ainda não foi divulgado. O concurso anterior teve salários entre R$ 3.376,99 e R$ 4.626,52, para jornadas de 30 horas semanais, ainda com a vaga de Procurador da Assembleia Legislativa, a qual a remuneração era de R$ 26.516,02 para candidatos com superior completo em Direito e registro na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

Para o próximo concurso é estimado que as vagas sejam abertas para Ensino Médio completo e Ensino Superior completo. Mais informações serão divulgadas com a publicação do edital.

Caroline Silvério

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 3]

Concurso oferta 19 vagas mais a formação de cadastro reserva. Inscrições podem ser feitas até o dia 23 de março de 2017.

A Celg Geração e Transmissão, concessionária de energia que atua em Goiás, lançou um concurso público mediante publicação de edital que prevê a contratação de 19 profissionais. O certame também conta com formação de cadastro reserva para vagas que forem surgindo no futuro.

Quem possui Ensino Médio Completo e Curso Técnico pode concorrer aos cargos de Técnico em Operações – Industrial Eletrotécnica (05) e Assist. de Operações – Aux. Técnico (07). Os salários oferecidos são respectivamente de R$2.959,76 e R$2.079,48.

Já aqueles que concluíram o Ensino Superior, podem tentar uma colocação para os cargos de Analista de Gestão/Administrador Técnico (01), Engenheiro do Meio Ambiente (01), Engenheiro Eletricista e Analista Técnico – Infraestrutura de T.I.. A remuneração oferecida para essas funções é de R$ 7.890,24.

Todos os servidores da Celg têm direito a seguro de vida em grupo, plano de saúde, e auxílio alimentação ou refeição.

O período de inscrições começa no dia 01 de Fevereiro e vai até 23 de Março deste ano. A ficha cadastral será disponibilizada em momento adequado no link da organizadora do concurso – www.cs.ufg.br. As taxas de participação variam conforme a escolha do cargo e custam entre R$ 60 e R$ 150,00, o pagamento deve ser feito através de boleto bancário.

Os interessados realizarão uma prova de múltipla escolha com 50 questões para funções que exigem o ensino médio e 60 questões no caso de exigência de ensino superior. As disciplinas cobradas são: Língua Portuguesa, Matemática e Conhecimentos Específicos. Os temas de cada matéria podem ser conferidos no edital de publicação.

Os cargos de nível superior contam ainda com prova discursiva. Serão 02 questões que versam sobre conhecimentos específicos de cada área. Os critérios avaliados incluem linguagem apropriada ao conteúdo cobrado, fundamentação teórica, capacidade de síntese e análise e correção na argumentação textual.

As provas serão aplicadas no município de Goiânia, dia 07 de Maio. A duração máxima é de 04 horas para os cargos de Técnico e Assistente e de 05 horas para as demais funções previstas no edital. Haverá ainda, exclusivamente para os cargos de Nível Médio, teste de capacitação física.

O prazo de validade deste exame é de 02 anos e aceita prorrogação única por igual período.

Por Beatriz

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 3 Média: 4.3]

Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região deverá ofertar 6 vagas imediatas mais a formação de cadastro reserva.

O Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região, no estado de Goiás, também conhecido como TRT-18, disponibilizou informações sobre a autorização de seu mais recente concurso público, que visa ao preenchimento de seis vagas imediatas para candidatos de nível médio, técnico, superior. Os cargos são de técnico e analista judiciário. Além da ocupação imediata das vagas, haverá também criação de CR (cadastro reserva).

O último concurso foi realizado em 2013, com 10 vagas no total, também para os cargos de técnico e analista. Este concurso terá a validade expirada no final do ano, em novembro. O novo concurso, para 2017, já foi autorizado e o Edital será disponibilizado em breve.

As vagas foram disponibilizadas para candidatos que tenham concluído ensino médio ou curso técnico nos ramos de enfermagem (uma vaga) ou saúde bucal (4 vagas). Já os candidatos com nível superior devem ser formados, ou concluir o curso até data limite, que será especificada no edital, nas áreas de estatística (1 vaga), enfermagem (uma vaga), administração (cadastro reserva) e tecnologia da informação (cadastro reserva).

A remuneração inicial será de R$ 6.167,99 para os profissionais de nível médio/técnico e de R$ 10.119,93 para o cargo de analista (nível superior), além de todos os benefícios oferecidos pelo órgão.

No último concurso do TRT/GO a comissão organizadora responsável foi a Fundação Carlos Chagas. Esse ano os organizadores ainda não foram selecionados. No ano de 2013 o certame contou com prova objetiva de múltipla escolha. Foram 50 questões sobre conhecimentos gerais e conhecimentos específicos para nível médio. Já os candidatos de nível superior foram avaliados por meio de 60 questões de língua portuguesa e conhecimentos específicos. Além disso, todos os concorrentes realizaram um teste discursivo.

Para se inscrever o candidato deve antes se certificar de atender a todos os requisitos especificados para se apossar do cargo: possuir mais de 18 anos no momento da posse; ter a escolaridade exigida para o cargo escolhido; ter sido aprovado em todas as fases do concurso; ter em mãos todos os documentos comprobatórios necessários, como certificados; estar em dia com as obrigações militares (no caso de candidatos do sexo masculino) e eleitorais.

A Secretaria de Orçamento e Finanças do Tribunal Regional do Trabalho de Goiás afirmou que os custos necessários para a realização do certame já estão incluídos no programa de orçamentos para 2017.

Por Fábio Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 4 Média: 3]

As chances são para os candidatos que possuem formação em nível superior, médio, técnico e fundamental.

O Credeq (Professor Jamil Issy), que é Centro de Referência e Excelência em Dependência Química da cidade de Aparecida de Goiânia, em Goiás, já se encontra com as inscrições abertas para o processo público de seleção que tem como finalidade o preenchimento de 196 oportunidades. As chances são para os candidatos que possuem formação em nível superior, médio, técnico e fundamental. A remuneração mensal dos futuros servidores oscila de R$ 950 a R$ 8.390,00.

O documento de edital que rege o concurso público já foi disponibilizado na página eletrônica do Credeq. Para realizar a inscrição, os interessados necessitam realizar a impressão e o preenchimento de um formulário, disponível no mesmo site da banca organizadora, e levar até a unidade juntamente com as cópias dos seus documentos pessoais, tendo prazo limite até o dia 16 de janeiro de 2017. Ao decorrer da semana, a entrega acontece entre as 8h e 12h e à tarde das 14h às 16h. Já no final de semana, no sábado, o atendimento acontece no período da manhã, entre 8h e 12h. O processo não tem qualquer tipo de custo.

O Credeq de Aparecida de Goiânia está localizado na Av. Copacabana, no Setor Expansul.

Os interessados em garantir uma vaga terão também de submeterem a outras três fases, que é a prova, a entrevista por competência e a análise curricular. Entretanto, as datas ainda não foram divulgadas, mas em breve constarão no site da organização.

Para o nível fundamental, há somente uma oportunidade que é para o cargo de auxiliar de manutenção predial.

Já para o nível médio as oportunidades são destinadas para assistente da qualidade, assistente-administrativo, auxiliar contábil, auxiliar de almoxarifado, auxiliar de farmácia, monitor multiprofissional, recepcionista (plantão), motorista, telefonista e recepcionista (administrativo).

Para o nível técnico, são ofertadas oportunidades para técnico em informática e técnico de enfermagem (plantão).

Por fim, as oportunidades para quem possui nível superior são as seguintes: enfermeiro (plantão), assistente social, educador físico, médico clínico-geral, farmacêutico, médico plantonista, musicoterapeuta, médico psiquiatra, nutricionista, psicólogo, terapeuta ocupacional e psicopedagogo.

Por Filipe Silva

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Certame oferta 38 vagas com salários de até R$ 3 mil. Inscrições podem ser feitas até o dia 2 de fevereiro de 2017.

O ano acaba de começar e já começam a surgir boas oportunidades de emprego. Os concursos públicos têm se mostrado como a melhor opção na conquista de um trabalho estável e com uma boa remuneração.

Nesta terça-feira, dia 03 de janeiro, foram abertas inscrições para o concurso público da UFG, Universidade Federal de Goiás, que oferece 38 oportunidades para o setor técnico-administrativo. Com uma carga horária de 40 horas por semana, a remuneração pode chegar até R$ 3.868,21.

As vagas previstas no concurso, de acordo com o seu edital, serão distribuídas para diversas localidades. Há vagas para Aparecida de Goiânia, Goiânia, Catalão e Jataí.

Os salários possuem valores diferentes, o que vai depender do cargo. Veja abaixo os cargos disponíveis pelo concurso, informados no edital:

– Arquiteto;

– Analista de Tecnologia da Informação;

– Arqueólogo;

-Urbanista;

– Arquivista;

– Bibliotecário/documentarista;

– Auditor;

– Contador;

– Engenheiro mecânico;

– Médico/psicólogo;

– Médico/psiquiatra;

– Médico/odontólogo;

– Técnico Desportivo;

Esses cargos possuem a remuneração de R$ 3.868,21 mensais.

– Instrumentador Cirúrgico;

-Técnico de laboratório da área de entomologia;

-Técnico de laboratório da área de saneamento e hidráulica;

– Técnico de laboratório da área de histologia geral;

– Técnico de laboratório da área de materiais de construção;

– Técnico de laboratório da área de química;

– Técnico de laboratório das áreas de geologia e petrografia;

-Técnico de laboratório da área de saúde;

– Técnico de contabilidade;

-Técnico de enfermagem;

-Técnico em telecomunicações;

Para esses cargos a remuneração é de R$ 2.294,81 mensais.

– Assistente de laboratório;

– Sonoplasta;

– Auxiliar de administração;

Remuneração de R$ 1.834,69 mensais.

Os interessados devem se inscrever até o dia 02 do mês de fevereiro, através do site http://www.cs.ufg.br/.

Para a efetuação da inscrição o candidato precisa pagar uma taxa que vai de R$ 70,00 a R$ 150,00, a depender do cargo pretendido.

De acordo com o edital, as provas devem acontecer no dia 05 do mês de março.

Para maiores informações sobre as funções dos cargos, salários, datas, horários e locais de realização das provas, acesse o edital do concurso em http://centrodeselecao.ufg.br.

Não deixe passar essa oportunidade de conquistar uma vaga na Universidade Federal de Goiás. Inscreva-se e prepare-se.

Sirlene Montes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Interessados devem se inscrever até o dia 12 de dezembro de 2016.

Precisando de uma oportunidade para ingressar no mercado de trabalho? Já pensou em conquistar espaço no cenário trabalhista através de concurso público? Caso a resposta seja negativa, está na hora de rever seus conceitos!

Há muitos órgãos auxiliando profissionais a retornarem a sua área de especialidade, por meio de um processo seletivo de um concurso público. Um exemplo de entidade a citar é o concurso da Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento (Segplan), que visa recrutar profissionais para o cargo de delegado de polícia substituto, em Goiás. Saiba mais!

Inscrições e Taxa

Abertas desde o dia 22 de novembro, terça-feira, as inscrições para o concurso público, que oferta 36 vagas, deve ir até o dia 12 de dezembro e contará com taxa de pagamento. Os candidatos interessados podem acessar o site da organizadora Cespe/UnB (http://www.cespe.unb.br/concursos/pc_go_16_delegado/) para a realização da matrícula e também obter maiores detalhes. A taxa do certame custa R$ 200.

Requisitos, Salário e Jornada de trabalho.

Entre os principais requisitos, o edital aponta que o profissional deve ter disponibilidade para viagens e ter diploma de curso superior de bacharel em Direito. O aprovado deve cumprir uma jornada de trabalho de 40 horas semanais e deve receber salários de R$ 15.250,02. Quanto ao local de trabalho, segundo informações da Segplan, o local ficará a critério da Administração Pública.

Provas, Etapas e Validade do certame.

Ainda com informações do comunicado, as provas serão aplicadas em Goiânia, no dia 5 de fevereiro. O concurso ainda aponta que terá oito etapas. A primeira será as provas objetivas e as provas discursivas; por segundo acontece avaliação médica; em seguida, a avaliação de aptidão física; depois, o exame psicotécnico; na sequência, a avaliação de vida pregressa e investigação social, logo após ocorre curso de formação profissional e por fim a avaliação de títulos.

Como se sabe, o certame terá o período de seis meses de validade, podendo, é claro, ser prorrogado.

Dica

Como já sabe, vagas de emprego também podem ser conquistadas através de um concurso público, que importantes órgãos brasileiros disponibilizam com frequência. Contudo, as exigências ficam mais severas. Por essa razão, antes de optar em fazer concursos, analise os requisitos que a empresa destaca no edital.

Fábio Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 5]

Cebraspe recebe as inscrições até o dia 12 de dezembro de 2016.

Já foi divulgado o edital de abertura para a realização de mais um concurso público para o Cargo de Delegado de Polícia Civil do Estado de Goiás. Segundo as informações preliminares apontadas no documento em questão, o certame estará disponibilizando aos interessados um total de 36 vagas. Veja os principais detalhes logo abaixo:

O Concurso de Delegado PC-GO 2016 terá sua organização técnica administrativa a cargo do Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos, o Cebraspe. O período de recebimento das inscrições dos candidatos interessados em aproveitar mais esta oportunidade será aberto a partir do dia 22 de novembro de 2016 e seguirão até o dia 12 de dezembro de 2016. Para validar a participação é requerido o pagamento de uma taxa no valor de R$ 200,00.

Durante o período das inscrições aqueles candidatos que preferirem poderão ainda solicitar a isenção do pagamento das taxas de participação.

Para participar deste concurso os candidatos interessados deverão contar com bacharelado na área de Direito. Porém, não será cobrado dos mesmos a prática profissional para que estejam aptos a participar.

De acordo com as informações constantes no edital que dispõe sobre as regras para a realização deste certame, os contratados para a função de Delegado de Polícia Civil Substituto deverão receber salários iniciais no valor de R$ 15.250,02. A este valor já se encontram incluídas as bonificações previstas para o cargo. As atividades serão desenvolvidas em jornadas de trabalho de 40 horas por semana. É importante destacar que a função requer dos contratados viagens e prestação de serviço fora do local e também do expediente de trabalho. Os concursandos que tiverem suas inscrições aceitas serão avaliados e selecionados por meio da aplicação de provas objetivas, discursivas, exames médicos, testes físicos, teste psicotécnico, exame de vida pregressa, investigação social, análise de títulos e por fim, curso de formação. A previsão é de que a primeira etapa da seleção ocorra na cidade de Goiânia/GO, na data do dia 05 de fevereiro de 2017.

A segunda etapa deverá acontecer no dia 21 de março de 2017.

Para maiores informações e inscrições acesse http://www.cespe.unb.br/concursos/pc_go_16_delegado/.

Por Denisson Soares

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 13 Média: 2]

Certame visa selecionar candidatos para os cargos de Soldado de 3ª Classe e Cadete (Aluno Oficial).

Quem busca entrar no mercado de trabalho através de um concurso público antes do fim do ano pode contar com o auxílio da SEGPLAN, que é a Secretaria de Gestão e Planejamento do Goiás, que está a divulgar seu mais novo edital de concurso público.

O edital n° 006/2016 de concurso público pertencente à Secretaria de Gestão e Planejamento do Goiás (SEGPLAN) já está com as inscrições abertas e busca profissionais para atuar no Corpo de Bombeiros Militar do Estado (CBM/GO).

O certame, que está sob a execução da FUNRIO, visa selecionar 290 profissionais, sendo 250 para Soldado de 3ª Classe e 40 vagas para Cadete (Aluno Oficial). Segundo o edital, as vagas são voltadas para quem possui nível superior em qualquer área, além da necessidade de atender outros requisitos.

Se estiver interessado, já pode acessar o portal eletrônico da responsável e executar a inscrição, que está aberta desde o dia 3 de outubro e deve ir até 7 de novembro de 2016. Além de executar a inscrição, o endereço da FUNRIO fornece mais detalhes: www.funrio.org.br.

Vale lembrar que haverá taxa de pagamento que, dependendo da área desejada, deve variar, sendo de R$ 110,00 ou R$ 140,00. Os aprovados devem receber vencimentos de R$ 1.500,00 para Soldado e R$ 5.401,43 para Cadete, sendo que o regime de trabalho é norteado pelo Estatuto dos Bombeiros Militares do Estado.

Além da remuneração, os novos contratados devem abocanhar outros benefícios como assistência médica, odontológica e social do CBM/GO.

Provas:

Segundo detalhes do concurso, a seleção dos candidatos será composta de provas objetiva e discursiva. Além das provas, haverá teste de avaliação média, avaliação física e avaliação da vida pregressa e investigação social. Quanto a datas das provas, o certame informa que devem ocorrer nos dias 4 e 11 de dezembro de 2016.

Validade:

Vale informar que, em razão da incompatibilidade para o exercício das atribuições dos cargos, o edital aponta ainda que não haverá reserva de vagas para pessoas portadoras de deficiência.

A validade deste concurso é de apenas oito meses, podendo ser prorrogável. Para obter mais informações, como já detalhamos acima, é possível acessar o site da responsável. Se estiver sem tempo para utilizar a internet, há outra opção, através ou dos telefones a seguir: (62) 3201-5738 e 3201-5715.

Por Fábio P dos Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 1]

Concurso irá ofertar 26 vagas com salários de até R$ 4,1 mil.

O Governo do Estado de Goiás anunciou recentemente através da Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento (Segplan) a abertura de um novo concurso para a Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop). De acordo com as informações divulgadas até o momento, estão sendo ofertadas aos interessados um total de 26 vagas de emprego. Todas as oportunidades estão sendo destinadas para o cargo de gestor de engenharia. O salário inicial oferecido para este cargo é de R$ 4,1 mil. Os novos contratados irão desempenhar suas funções em jornadas de trabalho compostas de 40 horas por semana.

Como Participar

O período de recebimento das inscrições para este concurso público será iniciado no próximo dia 29 de setembro. O atendimento aos interessados seguirá em aberto até a data limite do dia 13 de outubro de 2016. O formulário de inscrição estará sendo disponibilizado via internet por meio do endereço eletrônico http://www.portaldoservidor.go.gov.br/post/ver/173089/psss-inscricoes-abertas. Para validar a participação é necessário o pagamento de uma taxa de participação correspondente a R$ 60.

Etapas de Seleção

Os candidatos que tiverem suas inscrições aceitas serão avaliados e selecionados por meio da aplicação de provas objetivas. Os testes estão previstos para serem aplicados no dia 30 de outubro de 2016. Os locais e horários ainda estão sendo definidos e serão informados aos participantes com antecedência.

A organização informa ainda que os concursandos que obtiverem um aproveitamento de no mínimo 50% estarão aptos para participarem da próxima etapa que será composta por análise curricular. Aqueles que tiverem as melhores notas nestas duas fases serão direcionados para a entrevista. Esta é a última etapa das seletivas.

Todas as etapas de seleção acontecerão somente em Goiânia.

Este concurso terá uma validade total de 1 ano.

Este concurso público tem sua organização técnica-administrativa a cargo da Segplan. O edital na íntegra poderá ser conferido neste link.

Sobre a Agetop

A Agetop trata-se de uma entidade autárquica estadual sendo de pessoa jurídica de direito público interno. Entre as atribuições concernentes a ela estão a construção, ampliação, reforma e manutenção de prédios públicos, rodovias, balsas e pavimentação.

Suas atividades são desenvolvidas em parceria com órgão públicos, empresas de engenharia, polícia rodoviária federal e estadual e entidades ligadas ao setor.

Para maiores informações clique aqui.

Por Denisson Soares

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Inscrições até o dia 6 de novembro.

A Polícia Militar do estado de Goiás (PM-GO) deve publicar um edital visando ao preenchimento de 2.500 vagas para soldados e cadetes. A expectativa é que o documento seja publicado, em pouco tempo. Além disso, as inscrições devem começar no dia 14 de setembro e o prazo permanece aberto somente até o dia 06 de novembro.

A organizadora do certame será a banca FUNRIO e os valores da taxa de inscrição devem ser de R$ 110, 00 a R$ 140,00, de acordo com o cargo. A expectativa é que sejam convocados ao longo da validade do certame 2.420 soldados e 80 cadetes.

A remuneração varia de acordo com o cargo e pode chegar a R$ 5.401,43. Os interessados serão avaliados por meio de provas objetivas/discursivas, teste de avaliação física, avaliação médica e psicológica, avaliação de vida pregressa e investigação social. As provas objetivas estão previstas para serem agendadas entre os dias 15 e 22 de janeiro de 2017.

A carga horária de trabalho é de 42 horas semanais e o concurso deve ser regionalizado. Como o edital deve ser lançado ainda este mês, os interessados devem focar os estudos, a fim de tentar garantir uma boa nota no concurso.

Como estudar para o concurso da PM-GO?

Organize o seu local de estudo. Um ambiente bagunçado gera distração. Portanto, antes de estudar, limpe e arrume. Deixe os livros e apostilas pertos de você, para economizar tempo.

Planeje-se: escreva o que vai estudar, o conteúdo e a forma de estudo. Faça um horário de estudo e cumpra o que estabeleceu para si mesmo.

Programe-se por meio de metas, que sejam compatíveis com a sua realidade. Por exemplo, você tem três horas de estudo? Então aproveite ao máximo o tempo que possui. Nada de desperdiça-lo, pois ele é um recurso valioso.

Combine a sua rotina com atividades físicas. Descubra algo que goste, para praticar. Pode ser corrida, caminhada, musculação ou outra atividade que sinta prazer. Os exercícios estimulam a memória, concentração e o equilíbrio.

Distribua as disciplinas dentro do seu tempo disponível de estudo. Priorize as que tenham maior peso do edital.

Foque em exercícios da banca FUNRIO, a fim de conhecer a organizadora e o estilo da prova.

Boa sorte e sucesso!

Por Babi

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 6 Média: 2.5]

Seleção oferta 500 vagas. Inscrições podem ser feitas até o dia 31 de agosto.

Quem está procurando ou quem já estava esperando a abertura do Concurso Público da (PCGO) Polícia Civil do Estado de Goiás já pode comemorar, pois está oficialmente lançado o edital de abertura desse importante concurso. O concurso visa selecionar profissionais para o preenchimento de vagas nos cargos de Agente de Polícia Substituto e Escrivão de Polícia Substituto.

De acordo com o edital, em ambas as funções ofertadas nesse concurso poderão se candidatar profissionais que possuam diploma de nível superior em qualquer área do conhecimento.

Vagas e Remuneração

A oferta de vagas será de 500. As 500 vagas oferecidas nesse novo concurso da PCGO serão divididas da seguinte forma: 220 para o cargo de Escrivão de Polícia Substituto e 280 para Agente de Polícia Substituto.

A oferta salarial inicial para os candidatos que obtiverem êxito no processo de seleção será de R$ 1.500. A jornada de trabalho para ambos os cargos será de 40 horas por semana.

Inscrição e taxa de participação:

A empresa responsável pela organização do concurso será a Cebraspe/Cespe, devendo os interessados em participar preencher o formulário de inscrição que se encontra disponível no seguinte endereço eletrônico: www.cespe.unb.br.

Será necessário e muito importante observar o prazo estipulado pela organizadora do concurso para a efetivação de inscrições. O prazo estipulado será entre os dias 11 e 31 de agosto.

Em relação à taxa de inscrição, será necessário efetuar o pagamento de uma taxa no valor único de R$ 110.

Processo de seleção:

A etapa de seleção dos candidatos está prevista para acontecer no dia 16 de outubro de 2016. Todo o processo ficou definido para ser realizado em quatro etapas, sendo elas: prova objetiva e discursiva (duração de cinco horas), exames médicos, exame de aptidão física e de aptidão psicológica. Além dessas etapas, ainda haverá uma etapa voltada para prova prática de digitação (somente para candidatos para o cargo de Escrivão).

Também será necessário entregar documentação de vida pregressa e investigação social.

A divulgação do gabarito oficial contendo as respostas das provas escritas objetivas ocorrerá no dia 09 de novembro de 2016.

Após a homologação do resultado final, haverá um Curso de Formação Profissional visando preparar os candidatos e capacitá-los para o desenvolvimento das futuras atividades.

Por Rodrigo da Silva Monteiro

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Seleção oferece vagas para profissionais de nível superior, médio e técnico.

No Estado de Goiás, a Metrobus Transporte Coletivo tornou público um novo edital para concurso público que tem como finalidade o preenchimento de 238 vagas para profissionais que possuem formação em nível superior, técnico e médio. O processo público de seleção será regido pelo edital de número nº 001/2016 e está sob a responsabilidade do IBADE, o Instituto Brasileiro de Apoio e Desenvolvimento Executivo.

Os profissionais a serem contratados precisarão estar disponíveis para executar suas tarefas em uma jornada trabalhista de 20 a 44 horas por semana, assim, fazendo jus a uma remuneração inicial mensal que varia de R$ 1.190,71 a R$ 7.480,00, além de outros benefícios.

As vagas ofertadas pelo presente edital serão as seguintes:

  • Ensino Médio: Auxiliar de Eletrotécnica, Assistente Administrativo, Auxiliar de manutenção, Eletricista de Autos, Borracheiro, Lanterneiro, Motorista com CNH em categoria "E", Mecânico, Técnico de Segurança do Trabalho e Pintor de Autos.
  • Ensino Superior: Médico do Trabalho, Psicólogo e Engenheiro de Segurança do Trabalho.

Os candidatos interessados em concorrer a uma vaga deverão realizar suas inscrições a partir do dia 5 deste mês (agosto), as quais encerram no dia 4 de setembro de 2016, por meio da internet, na página eletrônica da banca organizadora: www.ibade.org.br.

Para que a inscrição seja confirmada será necessário realizar o recolhimento da taxa, que varia de acordo com o cargo desejado, sendo de R$ 90,00 para cargos que exigem nível superior e R$ 80,00 para cargos que exigem nível ensino médio.

O processo de seleção será consistido em uma prova escrita objetiva, que será aplicada a todos os candidatos inscritos. Haverá ainda uma avaliação prática, apenas para os candidatos que concorrem ao cargo de Motorista, além de exames admissionais e perícias médicas, para todos os cargos. A aplicação da prova escrita objetiva está prevista para ocorrer no domingo, dia 18 de setembro de 2016, em horário e local a ser divulgado antecipadamente, diretamente na página de inscrição.

O concurso tem um prazo de validade inicial de dois anos, os quais são contabilizados a partir da data de homologação do resultado final do concurso e pode ser prorrogado uma única vez, pelo mesmo período.

As atualizações e os editais podem ser acessados por meio deste link: http://www.ibade.org.br/Concurso/341.

FILIPE R SILVA

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Certame disponibiliza 116 vagas para todos os níveis de escolaridade. Inscrições vão até o dia 2 de setembro.

A Prefeitura Municipal de Aporé, no estado de Goiás, publicou o edital do novo Concurso Público, cujo objetivo é preencher 116 vagas disponíveis para todos os níveis de escolaridade, em vários setores, além da formação de cadastro reserva.

As inscrições serão realizadas unicamente via internet, por meio do endereço eletrônico da comissão organizadora www.somarconsultoria.net.br. Os formulários serão liberados a partir das 10h do dia 12 de agosto até o às 23h59 do dia 2 de setembro de 2016, no horário oficial de Brasília. Serão confirmadas somente as inscrições cujo pagamento for realizado até o primeiro dia útil após o encerramento das inscrições.

As taxas de inscrição serão de R$ 50 ou R$ 100, dependendo do nível de escolaridade. Poderão solicitar isenção da taxa somente candidatos que possuem cadastro no CadÚnico e comprovar baixa renda familiar.

Os interessados que não tiverem acesso à internet poderão realizar sua inscrição no Departamento Pessoal da Sede da Prefeitura Municipal, localizada na Rua Ary Pimenta, 313, Centro, Aporé – GO, durante o período de inscrição, de segunda a sexta, das 8h às 11h. As informações contidas no formulário são de inteira responsabilidade dos participantes, não podendo estes acusar os auxiliares, no caso de erros ou controvérsias dos dados.

Os trabalhadores receberão remuneração que variam entre R$ 880,00 e R$ 1.931,31, de acordo com o cargo selecionado. A carga horária semanal será entre 30h e 40h.

De acordo com a lei, 5% das vagas já disponíveis ou que forem criadas durante a validade do concurso são destinadas exclusivamente aos portadores de necessidades especiais.

Para assumir o cargo, o candidato deve ser maior de 18 anos no momento da posse; estar quite com as obrigações civis, eleitorais e militares (em caso masculino); além de ter de comprovar toda a documentação exigida no Edital.

Segundo o cronograma, os locais e horários da prova objetiva serão divulgados no dia 3 de outubro. A prova será realizada no dia 9 de outubro de 2016.

Os profissionais serão selecionados através de Prova Objetiva (1ª etapa) e Prova de Títulos (2ª etapa). O certame atual tem validade de dois anos, a contar do resultado final, e poderá ser prorrogado por mais dois anos, caso a organização julgue necessário. O Edital, juntamente com todas as informações oficiais, pode ser encontrado no site www.somarconsultoria.net.br.

Por Fábio G. Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Certame oferece oportunidades para diversos cargos na área de Saúde. Inscrições vão até o dia 25 de agosto de 2016.

No Estado de Goiás, o Instituto Sócrates Guanaes (ISG), através da Secretaria de Saúde do Estado, retificou alguns itens do edital de abertura do atual concurso público, incluindo a data de inscrição.

O Instituto visa a formação de cadastro reserva para candidatos de nível médio, técnico e superior, para ocupação de diversas áreas da saúde.

As inscrições serão gratuitas, realizadas exclusivamente de maneira presencial, no Auditório da Escola de Saúde Pública Cândido Santiago, localizado na Rua 26, nº 521, no Bairro Santo Antônio, Goiânia – GO, CEP 74.853-070. O atendimento será realizado a partir do dia 22 de agosto, até o dia 25 de agosto de 2016, sempre das 8h às 13h. Após o horário estabelecido, os portões serão fechados e somente os candidatos dentro do prédio serão atendidos.

O candidato portador de necessidades especiais que precisar de auxílio diferenciado deverá solicitar tal atendimento no ato da inscrição e deverá comprovar sua condição por meio de laudo médico.

Para se inscrever os candidatos deverão comparecer ao local portando o formulário de inscrição já preenchido, munidos de comprovante de identidade oficial com foto, laudo médico, comprovante dos requisitos exigidos no edital e comprovante dos cursos e experiências.

Os salários vão de R$ 946,57 até R$ 7.827,70. A carga horária semanal varia entre 20 horas e 44 horas.

Os candidatos inscritos serão selecionados por meio de Análise Curricular (Classificatória e Eliminatória) e Entrevista por Competências (Classificatória).

A classificação dos candidatos será realizada através das pontuações adquiridas, do maior para o menor. Depois que o resultado da primeira fase (Análise Curricular) for disponibilizado, os selecionados serão convocados para a segunda fase do concurso (Entrevista por Competências). Os candidatos serão convocados de acordo com sua classificação e os que não aparecerem no local e prazo determinado estarão desclassificados e de acordo com o edital, não poderão entrar com recurso nem justificativa.

O profissional portador de deficiência aprovado em todas as fases, quando convocado para contratação, deverá realizar novo exame médico no prazo de 5 dias, a fim de averiguar se é apto para atuar nas funções exigidas.

Os candidatos que, comprovadamente, fraudarem os termos do concurso, serão desclassificados imediatamente ou terão seu contrato trabalhista anulado.

Todas as fases do atual concurso, informações oficiais e editais, estão disponíveis na página oficial da organizadora (www.isgsaude.org).

Por Fábio G. Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Certame disponibiliza 49 vagas com salários de até R$ 3.559. Inscrições podem ser feitas até o dia 20 de setembro de 2016.

No Estado de Goiás, a FESG (Fundação de Ensino Superior de Goiatuba) disponibilizou a abertura de dois editais para Concursos Públicos. O objetivo é selecionar profissionais para preencher o quadro de cargos efetivos, além da formação de cadastro reserva.

Os vencimentos mensais vão de R$ 999,00 até R$ 3.559,70. A carga trabalhista semanal pode ser de 20h, 36h, 40h ou 44h, de acordo com cada função.

O primeiro edital abriu 10 vagas e cadastro reserva para os cargos de Auxiliar de Anatomia, Auxiliar de Laboratório de Informática, Telefonista, Auxiliar de Serviços Gerais, Operador Braçal e Auxiliar Administrativo.

No segundo edital foram disponibilizadas 39 vagas para Professores de Ensino Superior nas seguintes áreas: Direito, Arquitetura, Agronomia, Engenharia Química, Engenharia Elétrica, Engenharia Civil, Geografia, Informática e Áreas Afins, Pedagogia, Economia, Matemática, Química, Física, Relações Internacionais, Psicologia, Enfermagem, Fisioterapia e Medicina Veterinária.

Em ambos os editais, para assumir o cargo, o profissional deve ser maior de idade até o dia da posse; ser brasileiro nato ou português naturalizado; estar regularizado com suas obrigações civis, eleitorais e, no caso dos homens, militares; comprovar estar apto física e mentalmente para assumir o cargo, entre outros.

O candidato é o único responsável pelas informações fornecidas no momento da inscrição e deve ficar atento a todas as etapas do concurso. Para assumir a nova função, o profissional precisa comprovar o nível de escolaridade exigido, além de toda a documentação solicitada no edital de abertura.

As inscrições vão do dia 20 de agosto ao dia 20 de setembro de 2016, e devem ser realizadas por meio do endereço eletrônico www.concursos.fesg.org.br. As inscrições serão confirmadas somente perante o pagamento da taxa exigida. Os valores são de R$ 29, R$ 39, R$ 49 ou R$ 53, dependendo do cargo selecionado. O candidato poderá solicitar isenção da taxa, desde que esteja inscrito no CadÚnico e comprove ser de família de baixa renda.

A seleção será realizada através de Prova Objetiva, Prova Dissertativa, Prova Didática e Avaliação de Títulos. Todo o conteúdo avaliativo, assim como cronograma dos eventos e requisitos exigidos, está disponível nos Editais. Acesse o site www.concursos.fesg.org.br para mais informações.

O atual concurso será válido por 2 anos (contados a partir da data e homologação) e poderá ser prorrogado por mais 2 anos, se a comissão julgar necessário.

Por Fábio G. Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Inscrições poderão ser realizadas entre os dias 15 de julho e 11 de agosto de 2016.

A Câmara do município de Itumbiara, localizada no estado de Goiás, tornou público o edital de número 1/2016 de concurso público, o qual tem a finalidade de prover 41 vagas, que exigem nível fundamental, ensino médio e ensino superior. Os futuros servidores poderão receber um salário de até R$ 4.500,00, contratados pelo regime estatutário. A seletiva será planejada e executada pela UEG, a Universidade Estadual de Goiás, por meio do seu Núcleo de Seleção.

Os interessados poderão ser efetuados no período compreendido entre os dias 15 de julho e 11 de agosto de 2016, por meio da página eletrônica do núcleo de seleção (www.nucleodeselecao.ueg.br). Para que as inscrições sejam efetivadas será necessário pagar uma taxa que varia entre R$ 59,00 e R$ 110,00, conforme o cargo a ser concorrido pelo candidato.

Os cargos ofertados pelo referido edital, são para: Vigilante do Legislativo, Auxiliar de Serviços Gerais do Legislativo, Auxiliar Administrativo da Presidência, Auxiliar Administrativo da Secretaria Geral, Auxiliar Administrativo de Vereador, Telefonista do Legislativo, Agente Administrativo da Presidência, Agente Administrativo de Apoio ao Legislativo, Agente Administrativo da Secretaria Geral, Analista do Controle Interno, Agente Administrativo Jurídico, Assistente em Informática do Legislativo, Procurador Jurídico do Legislativo e Contador do Legislativo.

A avaliação da equipe multiprofissional será realizada apenas para os candidatos que se auto declararem portadores de deficiência no momento da realização da inscrição e deverá ser realizada conforme os critérios apresentados no edital.

Exceto a prova objetiva, as etapas de provas de discursiva, peça jurídica e redação irão ser aplicadas de acordo com o cargo. A avaliação escrita objetiva aplicada a todos os cargos será realizada, provavelmente no dia 4 de setembro de 2016.

Os candidatos aprovados no concurso público serão nomeados de acordo com a necessidade da Câmara de Itumbiara. Os demais, que estiverem fora do limite de vagas irão compor a lista de cadastro de reserva, podendo ser convocados conforme o surgimento de novas vagas desde que a validade de dois anos ainda não tenha sido atingida.

Todas as atualizações, assim como o edital completo estão disponíveis no site da banca organizadora: www.nucleodeselecao.ueg.br/web/desc_concurso_novo-tab.asp?codigo=206.

Por Filipe Silva

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

A Fundação Integrada Municipal de Ensino Superior realiza o certame com inscrições que começam no dia 15 de julho deste ano de 2016.

A FIMES, Fundação Integrada Municipal de Ensino Superior, localizada no estado de Goiás, tornou público que estará abertas as inscrições para o concurso público, que será regulado pelo extrato de edital de número 002/2016, o qual tem como finalidade prover 33 vagas para o cargo de Docente, além de formar  um cadastro de reserva.

Os candidatos que forem selecionados e posteriormente contratados terão direito a um vencimento básico inicial de até R$ 162,64 a hora, variando conforme a especialidade. De acordo com a lei vigente, 5% de todas as vagas ofertadas são destinadas para as pessoas com necessidades especiais.

Os interessados deverão efetuar suas inscrições por meio do endereço eletrônico da FIMES (www.fimes.edu.br) mediante ao pagamento de uma taxa de inscrição no valor de R$ 200 e serão recebidas no período compreendido entre as 8 horas do dia 15 de julho de 2016 a às 20 horas de 15 de agosto de 2016.

O processo público de seleção será composto por avaliação de títulos e por provas de aptidão didática.

A prova de aptidão didática está programada para ocorrer entre os dias 27 de agosto e 4 de setembro de 2016, no Prédio Administrativo da própria Fundação Integrada Municipal de Ensino Superior (FIMES), localizada na Rua 22, sem número, no Setor Aeroporto, Mineiros, no horário das 8h às 12 horas e a tarde das 14 às 19 horas. Os temas para a prova didática serão sorteados, o qual deverá ser realizado no dia 25 de agosto de 2016, na sala dos professores, no bloco administrativo, a partir das 14 horas.

Para a avaliação de títulos, o candidato deverá entregar o currículo lattes, juntamente com a cópia de todos os certificados, para que os mesmos sejam comprovados, entre os dias 23, 24 e 25 de agosto de 2016, na recepção da FIMES, no bloco administrativo, no setor de protocolo, das 8h às 20h.

O prazo de validade inicial do processo de seleção será de dois anos, os quais serão contados a partir da data de homologação do resultado final e pode ser prorrogada pelo mesmo período, uma única vez, de acordo com a necessidade administração da FIMES.

FILIPE R SILVA

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Seleção não terá mais vagas para Agente Comunitário de Saúde e Agente de Combate a Endemias.

A Prefeitura Municipal de Diorama, no estado de Goiás, abriu ao público a retificação do concurso que visa prover mais de 20 vagas imediatas, além de Reserva Técnica em diversos cargos, para os níveis de escolaridade fundamental, médio e superior.

De acordo com o Edital, estão eliminados os cargos de Agente Comunitário de Saúde e Agente de Combate a Endemias. Os candidatos que já estiverem inscritos nesses cargos poderão cancelar sua inscrição e solicitar a devolução do valor pago, por meio do preenchimento do formulário específico, no site www.ebraconconcursos.com.br. Outra mudança está no cargo de Professor Nível I (Zona Rural), que terá uma vaga acrescentada.

Os cargos para Nível Fundamental Completo/Incompleto são: Auxiliar de Serviços Gerais, Agente de Limpeza Urbana e Jardinagem;

Para Nível Médio/Técnico: Técnico em Enfermagem, Técnico em Laboratório e Auxiliar Administrativo.

Para Nível Superior: Professor Nível I (Zona Rural), Professor Nível I (Zona Urbana), Médico Clínico Geral e Farmacêutico/Bioquímico.

Das vagas atribuídas para cada cargo, 5% são reservadas para portadores de necessidades especiais, de acordo com a lei vigente. Caso o interessado se declare deficiente no ato da inscrição, mas não comprove sua condição apresentando laudo médico, este será desconsiderado como tal e não poderá concorrer nessa variante.

Os trabalhadores terão jornada semanal de 40 horas e receberão vencimentos que vão de R$ 788,00 a R$ 4.456,28, de acordo com a função a ser desenvolvida.

Antes de se inscrever é necessário que o candidato leia o Edital do Concurso atentamente, averiguando se preenche a todos os requisitos exigidos para a posse do cargo.

O prazo de inscrição foi reaberto e os interessados poderão se inscrever do dia 3 de maio até o dia 17 de maio de 2016, via internet, no site da comissão organizadora (www.ebraconconcursos.com.br). As taxas de inscrição são de R$ 60 para nível fundamental, R$ 80 para nível médio/técnico e R$ 100 para nível superior. Somente os candidatos cadastrados no CadÚnico e que comprovarem ser de família de renda insuficiente ao pagamento da taxa poderão solicitar a isenção.

Os candidatos serão avaliados e selecionados por meio de Prova Objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. Haverá também Prova de Títulos, de caráter classificatório.

O concurso é válido por dois anos, prorrogável por mais dois anos. Todas as informações oficiais se encontram no Edital do concurso.

Por Fábio G. Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Seleção oferece vagas para Professor Pedagogo. Salários são de R$ 1.922 e as inscrições podem ser feitas até o dia 2 de junho de 2016.

Em Goiás, a Prefeitura de Jesúpolis publicou o edital do novo Concurso Público. Esta seleção será para preencher as vagas já existentes e as que virão a existir durante o período de vigência do concurso, assim como a criação de um cadastro reserva.

Atualmente há 15 vagas disponíveis para o cargo de Professor Pedagogo. Os interessados devem comprovar nível superior de escolaridade na área exigida. Além disso, o candidato deve cumprir uma série de exigências previstas pelo edital, por exemplo: ter nascido no Brasil ou em Portugal (desde que tenha obtido a igualdade de direito brasileiros); ser maior de idade (18 anos) até o dia da admissão; constatar a regularidade eleitoral e militar (quando do seco masculino); obter sucesso em todas as fases da seleção e comprovar o grau de escolaridade exigido pela instituição para cada cargo.

Durante a realização do concurso o profissional deverá apresentar sempre que exigido documento original de identificação com foto válida e comprovante de pagamento da taxa de inscrição.

Para se inscrever o candidato deve acessar o site www.itame.com.br do dia 13 de maio até o dia 02 de junho de 2016. As inscrições se iniciam às 10h e se encerram às 23h59, todos os dias, até a data limite. A taxa de inscrição é de R$ 90 e deve ser paga até o dia seguinte ao fechamento das inscrições, através de boleto bancário.

A comissão organizadora do concurso disponibilizou também atendimento pessoal na sede da prefeitura da cidade. Lá os candidatos contarão com computadores com acesso à internet, além de auxiliares instruídos para passar dados e executar os processos necessários à inscrição, no decorrer dos dias e no horário de trabalho. É importante lembrar que as informações dos interessados que utilizarem este método são de inteira responsabilidade dos mesmos e as imprecisões que ocorrerem não poderão ser listadas como culpa da equipe.

A seleção para o cargo ocorrerá por meio de Prova Teórica Objetiva, eliminatória e classificatória. O exame tem data prevista para 19 de junho de 2016. Os profissionais nomeados à nova função terão jornada trabalhista de 30 horas/aula por semana, nas escolas da cidade, e receberão vencimento de R$ 1.922,08.

Todas as informações oficiais encontram-se no edital, disponível no site da comissão organizadora (www.itame.com.br) e no site da prefeitura (www.jesupolis.go.gov.br).

Por Fábio G. Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Concurso disponibiliza vagas para o cargo de Guarda Municipal. Salários chegam a R$ 788 e as inscrições podem ser feitas até o dia 23 de maio de 2016.

No Estado de Goiás, a Prefeitura de Palestina de Goiás publicou um edital informando ao público o início das inscrições para o concurso que visa preencher 6 (seis) vagas para a função de Guarda Municipal.

Para concorrer ao cargo, o candidato precisa ter 18 anos ou mais no momento da admissão; ser brasileiro; estar regularizado com as obrigações eleitorais e militares (se for do sexo masculino); não possuir registro de antecedentes criminais; além de estar mental e fisicamente apto para exercer as funções do cargo. Além disso, é necessário possuir toda a documentação exigida no edital e comprovar sua conclusão no ensino médio, juntamente com o Curso de Formação Inicial.

As inscrições se iniciam no dia 2 de maio e serão encerradas no dia 23 de maio de 2016. Os interessados devem se inscrever via web, por meio do site www.itcoconcursos.com. Os candidatos que não possuírem acesso à internet poderão utilizar computadores fornecidos pela prefeitura da cidade, no endereço especificado no edital do concurso. O horário de atendimento nesse posto será das 8h às 11h e das 13h às 17h, do dia 02 de maio ao dia 23 de maio de 2016 (com exceção dos sábados, domingos e feriados). A taxa de inscrição é de R$ 40,00 e deve ser paga até o dia seguinte ao encerramento das inscrições para que esta seja validada.

O candidato pode solicitar a isenção da taxa de inscrição dentro da data limite e seguindo as orientações presentes no edital.

Os dados inseridos no momento da inscrição são de autoria exclusiva do candidato e poderão ser alterados em caso de erro nas informações, no máximo 05 dias antes da data prevista para aplicação da prova.

Os profissionais selecionados terão uma carga horária de 40 horas por semana e receberão o montante de R$ 788,00.

Os profissionais serão avaliados através de provas objetivas e provas de aptidão física. A aplicação da prova teórica está prevista para o dia 26 de junho de 2016. As disciplinas a serem estudadas, assim como todo o processo seletivo da prova física, estão disponíveis no edital.

As informações oficiais, edital e avisos, podem ser encontradas no site da comissão organizadora do concurso (www.itcoconcursos.com) ou através do endereço eletrônico da prefeitura do município (www.palestinadegoias.go.gov.br).

Por Fábio G. Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Vagas são para profissionais de todos os níveis de escolaridade e as inscrições podem ser feitas até o dia 26 de maio de 2016.

A Prefeitura de Montividiu do Norte, no Estado de Goiás, divugou a abertura do edital do Concurso Público realizado para prover mais de 50 vagas em diversos cargos, para nível fundamental, médio/técnico e superior. Além dessas, as vagas que surgirem durante o tempo de validade do concurso também serão preenchidas pelos selecionados, de acordo com sua classificação no exame.

As vagas disponíveis são para Fiscais, Agentes, Enfermeiros, Farmacêuticos, Professores, Auxiliar Administrativo, Merendeira, Motorista, Operador de Máquinas, Analista de Projetos, entre outras funções. A lista completa com os cargos, nível de escolaridade exigido, período de trabalho, taxa de inscrição e valores de salários pode ser encontrada no edital.

Os vencimentos vão de R$ 880 até R$ 3.000, equivalente à carga horária de trabalho de 30h a 40h por semana, de acordo com cada função.

Para se inscrever os candidatos devem acessar o site da comissão organizadora (www.itame.com.br) portando toda a documentação exigida, do dia 06 de maio a 26 de maio de 2016. Os valores das taxas de inscrição são de R$ 50, R$ 60, R$ 70 ou R$ 90, dependendo do grau de escolaridade. Para que a inscrição seja validada é fundamental que o candidato pague a taxa até o dia seguinte ao fechamento das inscrições.

Antes de se inscrever é necessário ao interessado ler atentamente o edital do concurso, atentando se atende a todos os requisitos exigidos para a ocupação do pretendido. É necessário ser maior de idade; estar com suas obrigações militares (no caso do sexo masculino) em ordem; possuir CPF e RG ou documento oficial de identificação com foto dentro da validade.

A sede da Prefeitura disponibilizará computadores com acesso à internet e equipe treinada para passar informações e auxiliar no processo de inscrição dos candidatos. É importante lembrar que os interessados têm total responsabilidade sobre os dados inseridos e não poderão culpabilizar o pessoal auxiliar por falhas. Esse atendimento acontecerá no horário de expediente da prefeitura.

A aplicação das provas objetivas está prevista para o dia 18 de junho de 2016. A seleção se dará através de prova objetiva, prova prática e prova de redação. Para assumir as novas funções os candidatos devem comprovar a escolaridade exigida no edital, além de atender todos os demais requisitos.

O edital está disponível nos sites eletrônicos oficiais: www.itame.com.br e www.montividiudonorte.go.gov.br.

Por Fábio G. Santos

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Oportunidades ofertadas no certame são para profissionais de todos os níveis de escolaridade e as inscrições podem ser feitas até o dia 14 de julho de 2016.

A Prefeitura Municipal de Caldas Novas, localizada no Estado de Goiás publicou o edital de concurso público de número 001/2016, o qual será planejado e executado pela organização do Centro de Seleção UFG. O referido edital prevê ofertar ao todo 590 oportunidades efetivas para profissionais de nível superior, médio e fundamental. Os candidatos que forem aprovados e assim contratados irão ter direito a um salário que vai de R$ 902,60 a R$ 10.000,00, para exercer suas atividades em jornadas trabalhistas de 20 a 40 horas por semana, para alguns cargos, para outros a jornada será de 12X36 ou então de 24X48.

As oportunidades disponibilizadas por este edital são para: Agente de Vigilância, Administrador, Auxiliar de Serviços Gerais, Oficial de Obras e Serviços, Motorista de Veículos Emergenciais, Oficial de Serviços Gerais, Auxiliar de Laboratório, Biomédico, Auxiliar de Necropsia, Bioquímico, Auxiliar de Saúde Bucal, Enfermeiro, Auxiliar de Saúde Bucal, Farmacêutico, Fisioterapeuta, Fiscal Sanitário, Fonoaudiólogo, Médico de PSF, Cirurgião Dentista, Médico Ambulatório, Médico Plantonista, Psicólogo, Veterinário, Técnico em Enfermagem, Técnico em Imobilização Ortopédica, Agente de Combate às Endemias, Técnico em Saúde Bucal, Agente Comunitário de Saúde, Técnico em Radiologia, Terapeuta Ocupacional e Técnico em Laboratório.

Os candidatos interessados deverão efetuar suas inscrições entre o dia 7 de junho e o dia 14 de julho de 2016, por meio do endereço eletrônico da organização (www.cs.ufg.br). Para efetivar a inscrição será necessário realizar o pagamento de uma taxa no valor que irá variar de acordo com a escolaridade exigida pelo cargo, sendo R$ 200,00 para cargos de nível superior, R$ 100,00 para cargos de nível médio e R$ 50,00 para cargos de nível fundamental.

O processo de seleção será composto por uma prova objetiva escrita, a qual deverá ser realizada provavelmente no dia 28 de agosto de 2016. O local e o horário deverão ser informados previamente a realização da avaliação. O gabarito deverá ser publicado no site algumas horas após o término da mesma.

Este concurso público será válido por dois anos, contabilizados a partir da data de homologação e podendo ser prorrogado pelo mesmo período, somente uma vez.

FILIPE R SILVA

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 1]

Seleção oferece oportunidades para profissionais de nível fundamental, médio e superior. Salários chegam a R$ 1.582.

A Prefeitura de Jaraguá, no estado do Goiás, divulgou o edital de seu novo concurso público, que pode ser uma excelente oportunidade para quem deseja a estabilidade profissional. O certame tem o objetivo de preencher 145 vagas para cargos de nível fundamental, médio e superior. Do total dessas vagas, 8 estão reservadas para candidatos portadores de deficiência.

O certame está sendo organizado pelo Instituto Brasileiro de Educação e Gestão – IBEG. As remunerações oferecidas variam entre R$ 880,00 e R$ 1.582,51. Os aprovados também contarão com algumas vantagens adicionais previstas no Plano de Cargos e Salários Municipal de Jaraguá. Os novos concursados terão uma jornada de trabalho entre 30 ou 40 horas semanais, a depender do cargo escolhido, e serão regidos pelo regime de trabalho estatutário.

Cargos e vagas:

Há 15 vagas para o cargo de Motorista de Transporte Escolar, que exige Nível Fundamental Completo, habilitação na categoria "D" e curso especializado para condução de escolares; 80 vagas para Assistente de Atividades Educacionais, que exige nível médio completo; e 50 vagas para Profissional do Magistério, que exige diploma de Licenciatura em Pedagogia, Matemática, Letras, Artes, Ciências Biológicas, Física, História ou Geografia.

Inscrições:

Os interessados em participar do certame podem se inscrever entre às 20 horas do dia 25 de abril e às 23h59 min do dia 19 de maio de 2016. O preço da taxa de inscrição é de R$ 50,00 para Motorista de Transporte Escolar; R$ 65,00 para Assistente de Atividades Educacionais e R$ 80,00 para Profissional do Magistério.

Provas:

As provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório, serão aplicadas provavalmente na data do dia 12 de junho de 2016, no município de Jaraguá, em dois turnos: os candidatos ao cargo de nível médio farão prova no período matutino e os candidatos aos cargos de nível fundamental e superior farão prova no período vespertino. As provas terão matérias de Língua Portuguesa e Conhecimentos Específicos de cada cargo.O resultado final do concurso será divulgado na data provável do dia 23 de junho de 2016.

O concurso terá validade de dois anos, podendo ser prorrogado uma única vez por igual período.

Para mais informações, acesse o edital completo do certame no site http://ibegconcursos.com.br.

Por Nathalia Henderson

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Seleção oferece 4.725 vagas para profissionais de nível fundamental, médio e superior. Salários chegam a R$ 2.135.

A Prefeitura da cidade de Goiânia, capital do estado de Goiás, publicou o edital de concurso público de número 001/2016, que irá selecionar candidatos para o preenchimento de 4.725 vagas para os cargos do quadro da Secretaria Municipal de Educação e Esporte. O certame será planejado e executado pelo Centro de Seleção da UFG e oferece chances para Assistente Administrativo Educacional, Agente de Apoio Educacional, Profissional de Educação II e Auxiliar de Atividades Educativas.

Poderão concorrer a uma dessas ocupações os candidatos que possuírem nível superior, médio e fundamental, assim também como pessoas com deficiência. Lembrando que as oportunidades para Profissional de Educação II estão distribuídas nas áreas de Artes Visuais, Pedagogia, Música, Artes Cênicas, Educação Musical, Arte – Dança, Geografia, História, Matemática, Português, Ciência, Inglês, Ensino de Libras, Interpretação de Libras e Educação Física.

Os candidatos que forem aprovados no processo de seleção e consequentemente efetivados farão jus a vencimentos variados, indo de R$ 880,00 a R$ 2.135,33. Além disso, os profissionais ainda contam com auxílio ou gratificação para exercer suas atividades em jornadas de trabalho de 30 horas semanais.

Os interessados deverão realizar suas inscrições de forma exclusiva por meio da internet, no portal eletrônico do Centro de Seleção da UFG, no link www.cs.ufg.br. O prazo máximo é dia 19 de maio de 2016. Caso ocorra erro no CPF ou nome do candidato, o mesmo terá de entrar em contato com o Centro de Seleção, através do email: cs@ufg.br ou então pelo telefone (62) 3209-6330.

A taxa de inscrição é de R$ 40,00 para o cargo de Agente de Apoio Educacional, de R$ 60,00 para a vaga de Assistente Administrativo Educacional e Auxiliar de Atividades Educativas e por fim, R$ 100,00 para o cargo de Profissional de Educação II.

As avaliações do certame irão ocorrer no município de Goiânia, inicialmente nos dias 12, 19 e 26 do mês de junho, para as vagas de Auxiliar de Atividades Educativas, Profissional de Educação II e Agente de Apoio Educacional. Já para o cargo de Assistente Administrativo Educacional a mesma acontecerá no dia 03 de julho de 2016.

Este certame é valido por dois anos, tendo a possibilidade de ser prorrogado uma única vez pelo mesmo período.

FILIPE R SILVA

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 3 Média: 1.7]

Seleção deverá ofertar 296 vagas. Organizadora do Concurso e Edital deverão ser divulgados em breve.

Na quarta-feira, dia 6 de abril de 2016, foi anunciado o concurso público do Governo do estado de Goiás para delegados, bombeiros e fiscais do Procon. Esse concurso foi decidido internamente pelo Governo, eles se basearam nas leis de responsabilidades fiscais, estudaram a possibilidade de contratar novos concurseiros e conseguiram arcar com os gastos. Contudo, havia uma previsão muito grande de contratar novas pessoas para as corporações de segurança do estado de Goiás.

Temos uma estimativa que serão oferecidas 296 vagas com a finalidade de preencher corporações como a Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Procon e Polícia Civil. Essas vagas estão distribuídas entre 36 oportunidades para o cargo de delegado, 230 oportunidades para o cargo de bombeiro e 30 oportunidades para o cargo de fiscal do Procon.

Para candidatar-se, o candidato precisa ter ensino superior completo em qualquer área, exigindo um curso especifico apenas para o cargo de Delegado. Além do curso de Direito, o interessado pelo cargo de Delegado deverá ter a carteira da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil).

Assim que a comissão responsável pelas medidas administrativas do concurso for escolhida, a Assembleia Legislativa de Goiás aprovar o projeto e a instituição que ficará responsável pela aplicação das provas do concurso for estipulada, haverá a liberação do edital. O esperado é que o edital seja publicado o mais rápido possível, assim os candidatos terão mais tempo para iniciar seus estudos e se programar.

O último concurso público para Bombeiros do estado de Goiás foi realizado em 2012. Nesse ano foram oferecidas 1.200 vagas, distribuídas entre soldados e cadetes. Para o cargo de soldado era exigido o nível superior em qualquer área, idade entre 18 e 30 anos, altura mínima de 1,65m (para homens) e 1,60m (para mulheres) e Carteira de Habilitação do tipo C. Já para o cargo de cadete, a idade máxima para se inscrever deveria ser 32 anos, os homens e as mulheres deveriam ter a mesma altura mínima exigida para o cargo de soldado e a carteira de habilitação deveria ser no mínimo do tipo B.

Além do concurso para delegado, bombeiro e fiscal do Procon, o Governo de Goiás está planejando abrir em 2018 um concurso público com um total de 3 mil vagas distribuídas entre soldados da Polícia Militar e Agentes da Polícia Civil, sendo 2.500 oportunidades para soldados e 500 oportunidades para agentes.

Aline Aparecida Feitosa Dias

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Seleções deverão oferecer cerca de 3 mil vagas. Edital deverá ser divulgado em breve.

Em breve deve ser anunciado o edital de abertura para o concurso público da Secretaria de Segurança Pública de Goiás. A realização do certame para as polícias civil e militar deverá ser anunciada depois que aconteceu a primeira reunião da força-tarefa que foi criada em fevereiro de 2016 com o intuito de reduzir a criminalidade no Estado de Goiás.

A assessoria do concurso aponta que o certame contará com 3 mil vagas. Deste total, 2,5 mil são voltadas para policiais militares e outras 500 para policiais civis. Esse número de vagas foi decidido devido a várias reuniões feitas pelos secretários de segurança, da Sefaz e da Segplan.

Segundo o governador de Goiás, com o corte de gastos feito desde o ano passado, agora abre a possibilidade de elevar o efetivo policial do Estado. A intenção é que o concurso seja realizado ainda no primeiro semestre de 2016 para que todos os candidatos aprovados façam os cursos de formação e possam estar na ativa até o final do ano em questão ou no início de 2017.

A população de Goiânia reivindica a algum tempo que seja aumentado o efetivo policial para a segurança pública.  

Para mais informações sobre o concurso acesse também o site da Secretaria de Segurança Pública de Goiás – www.ssp.go.gov.br.

Dicas para concurseiros:

  • É necessário que o concurseiro estabeleça hora para o início e término de seu estudo. Pessoas que são próximas a você não devem interromper esse momento que é importante.
  • Você deverá dormir, ao menos, seis horas por noite. É nesse momento de descanso que o seu cérebro vai memorizar os estudos. Se for possível, estude em bibliotecas. Outra dica importante é beber dois litros de água por dia. Isso faz com que o funcionamento do seu cérebro seja melhorado.
  • Em termos de alimentação, o recomendado é se alimentar a cada três horas, pois nosso cérebro consome energia ao estudar.
  • Uma boa caminhada três vezes na semana faz o seu cérebro oxigenar, além de produzir neurotransmissores que faz a redução do estresse.

É muito importante, se possível, fazer um curso, seja ele presencial ou via internet. O estilo vai depender da necessidade de cada pessoa.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 2]

Seleção oferece oportunidades temporárias para nível médio e superior. Salários chegam a R$ 3 mil.

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Científico e Tecnológico e de Agricultura, Pecuária e Irrigação de Goiás (SEAGRI-GO) publicou um edital com 218 vagas. O contrato tem duração de um ano e as chances são temporárias. A oportunidade conta com salários que podem variar de R$ 828,93 a R$ 3.059,22.

Há oportunidades para professores com mestrado, especialista ou quem tem nível superior profissional. Além disso, o processo seletivo simplificado também conta com vagas para professor de nível médio, apoio administrativo de nível superior, além de apoio administrativo para auxiliar em serviços gerais.

Ficou com vontade de participar da seleção? As inscrições ficam abertas somente até o dia 20 de fevereiro e o valor da taxa varia de R$ 20,00 a R$ 40,00. Os interessados serão avaliados por meio de testes de títulos e dependendo da função também passarão por provas didáticas.

A previsão inicial é de que o resultado final seja publicado em 22 de março. O edital completo da seleção temporária pode ser acessado por meio deste link: http://migre.me/sX2Xq.

Não deixe de compartilhar, os seus amigos podem estar buscando uma oportunidade.

Você sabe como organizar de forma efetiva o seu tempo de estudo?

O dia tem 24 horas, mas você acha que precisa de mais tempo? O tempo é distribuído de forma igual para todos e saber gerenciá-lo é essencial. Como você administra este recurso? Para ter um estudo qualificado, é necessário ter consciência do quanto cada minuto é valioso. Uma questão pode ser definitiva para você conquistar a vaga.

Programe o seu dia em função do estudo. Você tem apenas duas horas? Então dê o seu melhor neste tempo. Não se compare com outras pessoas que têm mais tempo disponível, compare-se consigo mesmo e busque melhorar a cada dia, ficando bom no conteúdo, aprendendo novas estratégias de estudo, revisando, fazendo exercício, entre outras.

Aproveite cada minuto do dia para estudar, a fim de conquistar a sua vaga no serviço público. Por exemplo, escute um áudio de uma aula enquanto está indo para o trabalho de carro. Ou aproveite o ônibus para resolver exercícios ou revisar algum ponto da matéria. Desafie-se a cada dia, mova e mude para realizar os seus sonhos. Bons estudos e muito sucesso!

Por Babi

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Seleção disponibiliza vagas para profissionais de todos os níveis de escolaridade. Inscrições devem ser feitas até o dia 14 de fevereiro de 2016.

Estão abertas as inscrições para o novo concurso público da Prefeitura de Trindade, no Estado de Goiás, para o provimento de 250 vagas efetivas, em todos os níveis de escolaridade. Os novos concursados terão remuneração entre R$ 788,00 e R$ 8.517,85, mais benefícios como auxílio alimentação e transporte. Esta é uma ótima oportunidade em meio a escassez de concursos públicos e vagas de emprego durante este ano. A banca organizadora do certame será a FUNRIO. Há também vagas para formação em cadastro de reserva.

Foram divulgados dois editais, sendo que o edital 003/2015 dispõe de vagas para Procurador Municipal (3). Já o edital nº 004/2015 dispões de vagas para Auxiliar de serviços Gerais (15), Merendeiro, Cozinheiro, Copeiro (60), Auxiliar Administrativo (30), Desenhista Técnico (1), Monitor de Educação Infantil (60), Arquiteto (1) e Professor Pedagogo (80). 

A função de procurador Municipal exige graduação em Direito e um ano de prática forense. O salário é de R$ 8.517,85, com carga horária de 30 horas semanais. Os demais cargos são para todos os níveis de escolaridade, com remunerações que variam entre R$ 788,00 e R$ 1.749,39, com carga horária de 40 horas por semana. 

Sobre as Inscrições:

Os interessados poderão se inscrever até o dia 14 de fevereiro, no endereço eletrônico da banca organizadora – www.funrio.org.br. O preço das taxas de inscrição varia entre R$ 39,00 e R$ 180,00, dependendo do cargo escolhdido. 

Sobre as Provas:

Os candidatos farão provas objetivas e dependendo do cargo também haverá prova de títulos. As provas objetivas serão aplicadas na data prevista do dia 10 de abril de 2016, os gabaritos serão divulgados no dia seguinte ao da aplicação das provas. O resultado final sairá em maio de 2016. O concurso terá validade de até dois anos, podendo ser prorrogado uma única vez, por igual período. Para mais informações sobre o concurso, acesse os editais na página https://selecao.econrio.com.br/modulo/funrio/index.php.

Por Nathalia Henderson

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 5]

Certame recebe inscrições dos interessados até o dia 20 de fevereiro.

A SED, Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Científico e Tecnológico e de Agricultura, Pecuária e Irrigação do Estado do Goiás, tornou publico o edital de número 001/2016, o qual irá reger o processo de seleção, que está sob a responsabilidade da SEGPLAN – Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento. O objetivo é selecionar e contratar 2 Docentes de Ensino Superior – com título de Mestre, 2 Docentes de Ensino Superior – com título de Especialista, 78 Professores de Nível Médio, 109 Professores de Nível Superior Profissional, 24 Apoios Administrativos – Auxiliar de Serviços Gerais e 3 Apoios Administrativos de Nível Superior.

De acordo com o extrato de edital, pelo fato de não existir candidatos aprovados em outros concursos públicos para estas funções, tais contratações se darão de forma excepcional. Os funcionários temporários irão atuar nos ITEGOs, Institutos Tecnológicos do Estado de Goiás e nos COTECs, Colégios Tecnológicos do Estado de Goiás, de acordo com o quadro de vagas disponível no anexo do edital.

As inscrições deverão ser realizadas exclusivamente através da internet, por meio do endereço eletrônico (www.segplan.go.gov.br/concursos). O prazo máximo para efetivá-las é 20 de fevereiro de 2016. O valor da taxa de inscrição irá variar de acordo com o cargo escolhido, podendo ser R$ 40,00, R$ 30,00 ou R$ 20,00.

Os candidatos inscritos no processo serão avaliados da seguinte forma:

Para os cargos de Professor de Nível Superior Profissional, Docente de Ensino Superior – Mestre e Especialista e também Professor de Nível Médio, será em duas fases, onde a primeira fase é a de Análise Curricular, com caráter classificatório, já a segunda, que  possui  caráter classificatório e eliminatório é a etapa de Prova de Desempenho Didático.

Já para os cargos de Apoio Administrativo – Auxiliar de Serviços Gerais e Apoio Administrativo de Nível Superior possuíra somente uma etapa, que será a Análise Curricular, possuindo apenas caráter classificatório.

O prazo de contratação dos aprovados neste processo de seleção será de doze meses e o mesmo constará no termo, a ser assinado pelo contratado.

Para obter mais informações e visualizar o edital, assim como suas atualizações acesse o portal do Segplan: www.segplan.go.gov.br/concursos.   

O processo, apesar de ter um contrato temporário, tem previsão de uma grande concorrência, portanto, pegue seu material e estude!

Por Nádia Neves 

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Seleção oferece vagas para profissionais de todos os níveis de escolaridade. Inscrições podem ser feitas até o dia 21 de março de 2016.

 A Prefeitura da cidade de Rio Verde, situada no Estado de Goiás, lançou um edital de concurso público com 1.200 oportunidades de emprego. Destas, 800 são para formação de cadastro reserva (CR) e as outras 400 tratam de vagas imediatas. Parte das oportunidades é reservada para Pessoas com Deficiência.

Alfabetização é condição obrigatória para os cargos de Merendeira (220 CR + 110), Operador de Máquinas Pesadas (30 CR +15), Auxiliar de Serviços Gerais (70CR + 25), Coveiro (10CR + 5), Motorista de Veículos Pesados com CNH C ou D (20 CR +10) e Motorista de Veículos Leves com CNH B (10CR +5).

No caso de Ensino Médio Incompleto, há vagas para a função de Recreador (344 CR + 172). Já aqueles que concluíram o nível podem optar pelas carreiras de Aux. Administrativo (12CR + 6) ou Agente de Proteção da Aviação Civil (8CR + 4).

Aqueles que possuírem Formação Superior têm como escolha os cargos de Médico Veterinário (06CR +3), Analista Ambiental (4CR + 2) ou Professor do Ensino Básico II para nível Fundamental dos Anos Iniciais (60 CR +30).

As  taxas de participação para os cargos que exigem a alfabetização são de R$ 60,00. Já para aqueles que determinam o Ensino Médio são de R$ 90,00. Por fim, R$ 150,00 é para concorrer às carreiras que possuem o Ensino Superior como exigência.

Os salários são bastante diversificados, sendo de no mínimo R$ 881,16 e máximo de R$ 4.012,91. Com exceção do cargo de Médico Veterinário e Professor EB II, que contam respectivamente com 20 e 34 horas semanais. As demais funções possuem jornadas de trabalho de 44 horas por semana.

Interessados têm até o dia 21 de Março para realizarem a inscrição, esta deverá ser feita no site da Prefeitura de Rio Verde (www.rioverdegoias.com.br) e no da Universidade de Rio Verde (www.unirv.edu.br).

Este concurso envolverá a aplicação de provas objetivas para todos os cargos. As carreiras que exigem o Ensino Superior contarão também com a elaboração de redação. A avaliação tem previsão para acontecer no dia 17 de Abril.

Por Beatriz

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 6 Média: 2]

Certame oferece mais de 1.800 vagas de emprego em diversos cargos.

A Prefeitura da cidade de Goiânia, no estado de Goiás, através SME, a Secretaria Municipal de Educação e Esporte, publicou edital de número 002/2015 de abertura das inscrições para o processo seletivo simplificado para a seleção de candidatos para o preenchimento temporário de mais de 1.800 vagas, além de formação de cadastro para servidores administrativos da SME e magistério.

As oportunidades são para Assistente Administrativo Educacional, Auxiliar de Atividades Educativas, Agente de Apoio Educacional e Professores (para áreas/disciplinas de Ciências, Artes, Com Curso de Altas Habilidades, Educação Física, História, Geografia, Inglês, Matemática, Língua Portuguesa, Intérprete de Libras e Libras Surdo e Pedagogia).

O regime de contrato será por tempo limitado e os futuros servidores atuarão em caráter emergencial e excepcional a partir de janeiro do próximo ano, conforma o calendário escolar da RME, Rede Municipal de Educação de Goiânia.

As inscrições poderão ser realizadas a partir do dia 18 e encerrando dia 28 de dezembro de 2015, somente pela internet, no site da própria Prefeitura: www.concursos.goiania.go.gov.br – no link “Processo Seletivo Simplificado – Edital nº 002/2015”.  Não será cobrada nenhuma taxa de inscrição.

A seleção para o cargo de Professor/ Intérprete de Libras e Libras Surdo, será através da análise de currículo e títulos, além de entrevista. Para os demais cargos a seleção ocorrerá por análise da experiência profissional e títulos. As datas destes eventos estão disponíveis no cronograma deste processo seletivo, no endereço eletrônico.

Conforme o edital, o processo de seleção se faz necessário, haja visto, que não restam nenhum candidato aprovado em concursos anteriores, além do que, a Educação é um serviço oferecido pela Administração Pública de forma contínua. A seletiva terá um prazo de validade de um ano, entre janeiro de 2016 e dezembro de 2016, podendo ser prorrogada até o ano de 2017.

A lotação dos servidores será em uma das Instituições Educacionais da Rede Municipal de Educação de Goiânia, para todos os turnos. A remuneração irá variar entre R$ 813,88 e R$ 1.917,52.

Por Filipe da Silva

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Seleção oferece 138 vagas com salários de até R$ 1.105. Inscrições podem ser feitas até o dia 24 de janeiro de 2016.

A Prefeitura da cidade de Anápolis, localizada no Estado de Goiás, por meio da empresa Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt, a FUNCAB, abre as inscrições para o concurso público que tem como objetivo final o preenchimento de 138 vagas efetivas em seu quadro de servidores.

As oportunidades oferecidas pelo edital são para Agente de Combate às Endemias (com um total de 38 vagas) e Agente Comunitário de Saúde (com 100 vagas), os quais irão atuar em diversos bairros do município. Para ser nomeado a um dos cargos é necessário no mínimo escolaridade em nível fundamental completo.

Os candidatos selecionados que vierem a se torna futuros servidores terão direito a remunerações de R$ 1.105,26, para cumprir uma jornada de trabalho de 40 horas semanais.

As inscrições devem ser realizadas através da internet, por meio do endereço eletrônico da empresa organizadora (www.funcab.org), no período compreendido entre os dias 21 de dezembro deste ano e 24 de janeiro de 2016. O valor da inscrição custará R$ 56 para ambos os cargos.

O certame será composto por prova de capacidade física, prova objetiva e também curso introdutório de formação inicial e continuada. Segundo os dados constados no extrato de edital, a prova objetiva escrita deverá ser realizada provavelmente no dia 28 de fevereiro de 2016, entretanto, os locais e horários serão informados no dia 22 de fevereiro de 2016. 

O gabarito provisório deverá ser divulgado a partir do meio dia do dia 1º de março de 2016, no mesmo site onde foram realizadas as inscrições, levando em consideração o horário oficial de Brasília/DF.  

O referido processo de seleção terá uma validade inicial de dois anos, contados a partir da data de homologação do resultado final, podendo ser prorrogado pelo mesmo período, conforme a necessidade da Prefeitura Municipal de Anápolis – GO.

FILIPE RIBEIRO DA SILVA

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 3 Média: 2.7]

Seleção oferece 89 vagas para profissionais de nível superior. Salários podem chegar a R$ 8 mil.

A reitoria da UFG (Universidade Federal de Goiás) informa por meio do edital de número 63/2015, que está aberto o concurso público que irá prover o cargo de Professor da Carreira do Magistério Superior. As inscrições poderão ser realizadas por meio do endereço eletrônico da UFG (www.ufg.br), até às 14 horas do dia em que está previsto para o encerramento, conforme a vaga a ser preenchida.

Serão 89 oportunidades que estão distribuídas entre as seguintes áreas: Administração de Unidades de Informação, Economia Política, Serviços e Produtos de Informação, Ciência Política, Métodos Quantitativos, Libras e Tradução, Fundamentos Filosóficos e Sócio-Históricos da Educação, Sociologia, Filosofia Medieval, Educação Matemática, Cirurgia Torácica, Psicologia Escolar e Educação, Clínica Médica, Psicologia Social e Psicanálise, Pediatria, Direito Constitucional e Teoria do Direito, Nutrição em Saúde Pública, Física Geral, Saúde Coletiva e Bioestatística, Saúde do Adulto com ênfase em Anatomia Humana, Bioquímica e Biologia Molecular, Sistemas de Informação, Fisiologia Animal e Humana, Estatística, entre várias outras. A remuneração máxima que será ofertada é de R$ 8.639,50.

As inscrições acontecem em intervalos de datas diferenciadas, as quais  devem ser devidamente conferidas pelos interessados, conforme a vaga pretendida. Dentre as datas, a última para algumas das vagas oferecidas será dia 19 de fevereiro do próximo ano (2016).

O valor da taxa de inscrição referente ao concurso em regime de Dedicação Exclusiva com Doutorado será de R$ 172, com título de Mestre será de R$ 118, para regime de 20 horas também com Mestrado será de R$ 49 e com Especialização será de R$ 43.

O processo de seleção será composto por avaliações escritas, didáticas, orais, de títulos e de defesas de memorial, as quais irão ocorrer nas datas a serem divulgadas oportunamente, em tempo hábil, no próprio site da Universidade (www.ufg.br).

O referido processo será válido por um ano, podendo ser prorrogado pelo mesmo período.

FILIPE RIBEIRO DA SILVA

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Seleção oferece 30 vagas e o salário dos aprovados é de R$ 10 mil. Inscrições podem ser feitas até o dia 4 de janeiro.

A Prefeitura de Goiânia, capital do estado de Goiás, abriu um concurso público para o provimento de 30 vagas de Auditor de Tributos. A remuneração oferecida é de R$ 10.558,84 e para concorrer é necessário ter Ensino Superior.

Os candidatos aprovados no certame irão exercer atividades de planejamento, controle e execução de trabalhos que envolvam a fiscalização e arrecadação tributária, além de orientar e fiscalizar os contribuintes atuando de acordo com o cumprimento da legislação vigente.

Das 30 vagas, 02 são reservadas exclusivamente para Pessoas com Deficiência. O cargo conta com carga horária de 40 horas semanais. Na remuneração de R$ 10.558,84 há ainda o acréscimo de adicional de titulação e indenização de transporte.

A graduação exigida para participação no certame inclui os cursos de: Administração; Administração Pública ou de Empresas; Ciências Contábeis; Análise de Sistemas; Economia; Direito e Engenharia (Elétrica, Civil ou da Computação).

O processo de avaliação acontecerá por meio de 02 etapas. A primeira delas será  a aplicação de prova objetiva (31 de Janeiro de 2016) e a segunda pelo Programa de Formação Inicial. Ambas as fases possuem caráter classificatório e eliminatório.

A prova objetiva será dividida em 02 horários. De manhã os candidatos realizarão uma prova de 40 questões que conta com as disciplinas de Língua Portuguesa; Matemática; Raciocínio Lógico; Noções de Informática; Geografia, História e Conhecimentos Gerais de Goiânia e do Estado de Goiás; Economia, Finanças Públicas e Administração Pública. Já no período vespertino, a segunda etapa cobrará 70 questões que envolvem conhecimentos de Auditoria; Contabilidade Geral e das Instituições Financeiras; Legislação Tributária Municipal e Direito.

O Programa de Formação Inicial terá carga horária de 180 horas e será ministrado em horário noturno, inclusive aos sábados, domingos e feriados.

O período para inscrição acontecerá entre 30 de Novembro e 04 de Janeiro de 2016, por meio da internet, no site www.vestibular.ufg.br. A taxa de R$ 190,00 deverá ser paga via boleto bancário.

Por Beatriz 

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 1 Média: 5]

Seleção irá oferecer 1.800 vagas temporárias e os salários podem chegar a R$ 1.917. Inscrições poderão ser feitas entre 18 e 28 de dezembro.

Na capital do estado de Goiás, a cidade de Goiânia, em parceria com a SME (Secretaria Municipal de Educação e Esporte), divulgou o edital nº 002/2015, com o intuito de oficializar e também de informar a todos os profissionais que tiverem interesse sobre a realização de um processo seletivo simplificado, cuja finalidade é selecionar e posteriormente contratar profissionais para vagas por tempo determinado, o total de vagas oferecidas será de 1800.

As 1800 vagas ofertadas serão oferecidas a profissionais que estejam dispostos a atuar como professores em diversas especialidades e áreas do conhecimento e também para servidores para suprirem carências em vagas de servidores nos cargos de Auxiliar de Atividades Educativas, Agente de Apoio Educacional e Assistente Administrativo Educacional.

De acordo com o edital publicado, a proposta salarial aos novos contratados poderá ser de no mínimo R$ 813,88 e máxima de R$ 1.917,52, de acordo com o nível de escolaridade e também com a jornada de trabalho dispensada a cada cargo.

Os interessados em se candidatar deverão preencher o formulário de inscrição que estará disponível no site www.concursos.goiania.go.gov.br, a partir do dia 18 de dezembro de 2015 e se estenderá por dez dias, até o dia 28 de dezembro.

Neste processo, não haverá a cobrança de nenhuma taxa de participação, sendo que a inscrição será inteiramente gratuita.

A seleção dos candidatos versará de análise curricular, análise de títulos e entrevista (somente para o cargo de Professor/ Intérprete de Libras e Libras Surdo), aos demais cargos será feita uma análise de títulos e experiência profissional anterior.

Como já foi dito, o processo seletivo será realizado para suprir carências de profissionais, sendo que esse processo será realizado em caráter emergencial, devendo os aprovados no processo de seleção atuar em Instituições Educacionais da Rede Municipal de Educação de Goiânia em turnos matutinos, vespertinos e noturnos, de acordo com a necessidade da Secretaria Municipal de Administração.

Por Rodrigo da Silva Monteiro

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 2 Média: 5]

Certame oferece 1.800 vagas de emprego temporário mais formação de cadastro reserva.

Por meio da publicação do edital de nº 002/2015 por parte da Secretaria Municipal de Educação e Esporte, foi iniciado oficialmente o concurso público da Prefeitura de Goiânia, capital do estado de Goiás. Trata-se de um processo seletivo de caráter simplificado.

O principal objetivo deste certame é o preenchimento de 1.800 vagas temporárias além da formação de cadastro reserva, sendo ambos destinados ao magistério e servidores administrativos da SME. A remuneração inicial varia de R$ 813,88 a R$ 1.917,52.

As vagas destinadas a professores são para profissionais das seguintes áreas: Pedagogia, Artes, Ciências, Inglês, Matemática, Educação Física, Intérprete de Libras, Língua Portuguesa, Geografia, Libras Surdo e História. Além disso, para o quadro de servidores administrativos os cargos de disponíveis são: Agente de Apoio Educacional, Auxiliar de Atividades Educativas, Assistente Administrativo Educacional.

Caso esteja interessado, saiba que o período de inscrições terá o seu início em 18 de dezembro e término em 28 de dezembro de 2015. O procedimento de inscrição deverá ser realizado por meio exclusivo da internet. Com isso, é preciso que o candidato acesse o www.goiania.go.gov.br e clique na opção “Concursos”. Após isso, basta que o mesmo acesse a opção “Processo Seletivo Simplificado – Secretaria Municipal de Educação e Esporte – Edital nº 002/2015”. A inscrição não requer o pagamento de nenhuma taxa.

O processo de seleção deste concurso será um pouco diferente para alguns cargos. Os interessados no cargo de Professor nas áreas de Intérprete de Libras e Libras Surdo serão submetidos à análise de currículos e títulos, bem como entrevista sendo essa a seleção para os mesmos. O processo seletivo para os demais cargos de dará por análise de experiência profissional e títulos.

O prazo de validade para tal seleção é de janeiro de 2016 a dezembro de 2016, porém, caso necessário, tal prazo será prorrogado até o ano de 2017, levando em consideração as necessidades da rede Municipal de Educação. A lotação dos futuros contratados será feita de acordo com o déficit de funcionários das Instituições Educacionais da Rede Municipal de Educação de Goiânia.

Por Bruno Henrique

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Certame oferece vagas para cargos de Nível Fundamental, Médio e Superior de ensino.

No estado de Goiás, a Prefeitura de Varjão realizará um concurso público para o provimento de 428 vagas, do total, 107 para início imediato e as outras 321 para formação de cadastro reserva.  Da totalidade de oportunidades, são destinadas 96 para nível superior, 112 para ensino médio, 196 para ensino fundamental incompleto e 24 vagas para ensino fundamental completo. Os vencimentos iniciais, vão de R$ 790 até R$ 5.000, para jornadas de trabalho de 20 a 40 horas por semana.

As inscrições serão iniciadas no dia 14 de dezembro e terminam no dia 15 de janeiro de 2016.

Os candidatos com ensino fundamental incompleto poderão concorrer aos cargos de Gari (10), Guarda Noturno (10), Jardineiro (1), Motorista de Veículos Leves (6), Motorista de Veículos Pesados (3), Oficial de Serviços  (Pintor, Carpinteiro e Encanador) (2), Oficial de Serviços Gerais (Copeiro, Merendeira e Cozinheiro) (10), Operador de Máquinas Pesadas (3), Pedreiro (1), Tratorista (2) e Zelador de Cemitério (1).

Para ensino fundamental completo, as vagas são para Eletricista de Manutenção (1), Agente de Combate a Endemias (3), Mecânico (1) e Agente Comunitário de Saúde (1).

Já para ensino médio completo: Agente Administrativo (8), Agente de Vigilância Sanitária (2), Monitor de Ensino (10), Auxiliar de Recursos Humanos (1), Técnico de Informática (1), Fiscal de Tributos (1), Técnico em Higiene Dental (1) e Técnico de Enfermagem (4).

Finalmente, para nível superior: Tecnólogo em Gestão (1), Analista de Controle Interno (1), Assistente Social (1), Analista de Licitação (1), Biólogo (1), Enfermeira Padrão (1), Fisioterapeuta (1), Farmacêutico (1), Nutricionista (1), Geógrafo (1), Procurador Jurídico (1), Professor PE II (12) e Psicólogo (1).

As inscrições poderão ser realizadas somente através da internet, no site da Torres Advogados Associados (www.torresadvogadosassociados.com.bre também no da Prefeitura de Varjão (www.varjao.go.gov.br).

A realização das provas está prevista para o dia 13 de março de 2016.

As contratações serão sob o regime estatutário. O concurso terá validade de dois anos, podendo ser prorrogado uma vez pelo mesmo período.

Por Filipe da Silva

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Certame oferece 30 vagas e recebe inscrições entre os dias 30 de novembro a 4 de janeiro.

Foi publicado o edital para o cargo de Auditor de Tributos do ISS de Goiânia visando ao preenchimento de 30 vagas, além da formação de cadastro de reserva. Para concorrer, os candidatos devem ter graduação específica em áreas como Administração, Análise de Sistema, Direito, entre outras.

A remuneração inicial para o cargo é de R$ 10.558,84. A banca responsável pelo certame é a Universidade Federal de Goiás (UFG) e os interessados devem fazer a inscrição a partir do dia 30 de novembro até 04 de janeiro. O valor da taxa de inscrição é de R$ 190,00.

Os candidatos serão avaliados por meio de provas objetivas que estão previstas para serem aplicadas no dia 31 de janeiro. O conteúdo do teste terá disciplinas como português, matemática e raciocínio lógico, geografia, administração pública, auditoria, direito administrativo, direito civil, direito penal, entre outros.

O edital e as inscrições podem ser acessados por meio deste endereço: vestibular.ufg.br/2016/concurso_prefgyn_auditor.

Como fazer um planejamento de estudo?

  • Defina o seu tempo diário e elabore um cronograma com os dias da semana e os horários. Você pode fazer a sua programação no computador ou em um papel. Escreva e organize usando lápis, porque modificações são comuns.
  • No planejamento, coloque as suas rotinas diárias: atividade física – essencial, não deixe de lado – trabalho, faculdade, entre outros compromissos.
  • No tempo de estudo, coloque as disciplinas que serão vistas no dia e o tempo destinado a elas. Além disso, escreva sobre a sua forma de estudo: leitura, revisão, vídeo aula, entre outras.
  • O seu planejamento deve ser organizado e objetivo. Coloque apenas metas reais, que devem ser cumpridas. Por exemplo, não coloque uma meta de 08h de estudo, sendo que o seu tempo disponível é três horas.
  • Coloque os compromissos sociais (casamento, festas, etc) no seu cronograma. Cumpra com afinco e determinação o que estipulou para si mesmo.

Boa sorte e muito sucesso nos estudos!

Por Babi

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Certame oferece 63 vagas para o cargo de Professor Efetivo do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico.

Foi lançado recentemente o edital nº 168/2015 que diz respeito ao concurso público do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás, o chamado IF Goiano. Caso não saiba, trata-se de um concurso público de provas e títulos e que tem como objetivo o preenchimento de 63 vagas para o cargo de Professor Efetivo do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico.

Caso esteja interessado nesta oportunidade, saiba que existem vagas para os seguintes campi: Goiânia Oeste, Cidade de Goiás, Aparecida de Goiânia, Senador Canedo, Inhumas, Luziânia, Uruaçu, Águas Lindas de Goiás, Itumbiara, Anápolis, Goiânia, Formosa, Jataí e Valparaíso de Goiás. As vagas disponíveis visam à contratação de professores nas seguintes áreas: Ciências Políticas, Artes Visuais, Engenharia Ambiental, Letras, Engenharia Civil, Saúde Coletiva, Filosofia, Química, Física, Matemática, dentre outras áreas.

Levando em consideração a titulação do profissional contratado, bem como o regime de trabalho adotado pelo mesmo, a remuneração inicial pode chegar a R$ 8.639,50.

É importante destacar que o período de inscrições já se encontra aberto e terá o seu encerramento em 3 de novembro de 2015. O procedimento de inscrição deve ser realizado por meio exclusivo da internet. Dessa forma, os candidatos devem acessar o site oficial do IFG (www.ifg.edu.br/concurso/index.php/concursos) para realizarem suas respectivas inscrições. A taxa de inscrição será de R$ 120,00 para todos os candidatos.

Os candidatos devidamente inscritos no certame serão submetidos a um processo seletivo de três etapas. A primeira etapa corresponde a Prova Dissertativa de Conhecimentos, sendo a mesma de caráter eliminatório e classificatório; a segunda fase, por sua vez, será a responsável pela Prova de Desempenho Didático que também é de caráter eliminatório e classificatório; a terceira fase é composta de Prova de Títulos além da proposta de Projeto de Pesquisa ou Extensão, sendo que esta é uma etapa de caráter classificatório.

Caso não saiba, a Prova de Desempenho Didático é ministrada juntamente com a Banca Examinadora do certame. Tal banca é composta por três membros titulares e/ou suplentes. O grande objetivo desta prova é a realização de uma aula com duração de 45 minutos por parte do candidato, sendo que o mesmo terá a sua disposição: quadro, giz/pincel e apagador.

Por Bruno Henrique

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Oportunidades estão abertas para Professores nas áreas de Administração, Ciências Biológicas e Química Industrial.

O período de recebimento das inscrições para o processo seletivo do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás (IFG) já está em aberto. De acordo com as informações divulgadas estão sendo disponibilizadas três oportunidades de emprego no cargo de Professor Substituto para o campus Uruaçu. Ficou interessado? Então confira os principais detalhes e como participar logo abaixo.

Os docentes que forem selecionados irão desempenhar suas funções ministrando aulas nas áreas de Administração, Ciências Biológicas e Química Industrial.

Com relação à jornada de trabalho a informação que temos é de que poderá ser em regime de 20h ou de 40h por semana.

Os salários oferecidos aos profissionais selecionados e contratados podem chegar ao valor de R$ 5.143,41.

Como informado o período de inscrições já se encontra em aberto e seguirá até a data limite do dia 13 de julho de 2015. Para se candidatar o interessado deverá acessar o site www.ifg.edu.br. A validação das inscrições somente será feita após o pagamento de uma taxa no valor de R$ 20,00.

Ainda existem em paralelo outros processos de seleção sendo realizados pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás. Em um deles há oportunidades para Professores Substitutos/Temporários sendo 6 no total. Neste caso, as chances são para o campus de Goiânia do Oeste.

As oportunidades aqui se encontram distribuídas entre as áreas de Ciências Sociais, Enfermagem, Língua Portuguesa/Inglês, Matemática, Educação Física e Psicologia da Educação.

Nesta situação os candidatos interessados em aproveitar alguma das oportunidades apresentadas precisa se inscrever via internet. O endereço eletrônico é www.ifg.edu.br. O valor da taxa é de R$ 20,00 e também pode ser paga por meio de boleto.

Já a remuneração dos profissionais contratados poderá oscilar entre R$ 2.018,77 e R$ 5.143,41.

Para obter mais informações, ter acesso a possíveis retificações dentre diversos outros pontos concernentes a essas seleções públicas basta acessar os sites das inscrições. O edital de ambos também se encontra disponível no mesmo endereço.

Por Denisson Soares

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

O concurso ainda está aguardando autorização

O Governador de Goiás, Marconi Perillo do PSDB, determinou a abertura de concurso público para o preenchimento de 1,5 mil vagas para a Polícia Militar do estado. A decisão foi tomada na última segunda-feira, dia 13. Os interessados já podem ir se preparando para o concurso desde agora, apesar que a data para as provas e do início da convocação dos concursados que forem aprovados ainda não foi definida.

Mas os interessados podem dar início aos estudos, porque de acordo com a assessoria de imprensa do Governador Marconi Perillo, o pedido para a realização do concurso foi feito com "urgência", sendo assim, todas as providências já estão sendo tomadas para que o concurso seja realizado o quanto antes.

Coincidência ou não, o anúncio do pedido do Governador para a realização do concurso com urgência foi logo após o STF – Supremo Tribunal Federal – julgar inconstitucional e ainda decidir sobre a interrupção do SIMVE – Serviço de Interesse Militar Voluntário Especial. Esta decisão foi tomada no dia 26 de março, sendo que 9 dos 10 ministros votaram a favor da interrupção do SIMVE.

Apesar do STF ter feito a solicitação para a interrupção do serviço, não foi informado sobre quando eles deveriam parar com a atuação, uma vez que a sessão tinha sido suspensa. No dia 8 a medida foi publicada, exatamente quando a determinação de paralisação foi anunciada.

A assessoria do Governador Perillo já determinou que sejam contratados mil servidores para a área administrativa que irão atuar na Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária com o objetivo de liberarem os policiais que hoje trabalham internamente para atuarem no policiamento preventivo e também ostensivo.

Perillo disse ainda que ficará a cargo da Secretaria de Gestão e Planejamento – SEGPLAN – e da SSP a tarefa de elaborar o edital e fazer a contratação da empresa que ficará responsável pela realização do concurso.

Há candidatos aguardando para serem convocados, eles prestaram concurso para a PM em 2012 e o Governador informou apenas que o caso será analisado pela Secretaria de Segurança Pública do Estado de Goiás.

Por Russel

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 3 Média: 3.3]

38 vagas destinadas ao cargo de Técnico Administrativo em Educação

As oportunidades por meio da prestação de concurso público se tornaram cada vez mais comum em todas as regiões do país. E se você está em busca de vagas no setor público, saiba que o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano, o IF Goiano, deu início ao certame que visa à contratação de novos funcionários para o quadro pessoal Técnico Administrativo em Educação. O certame em si tem por finalidade o preenchimento de 38 vagas para o referido quadro. Confira mais detalhes na continuação desta matéria.

Caso esteja interessado nesta oportunidade, saiba que os futuros contratados irão atender as necessidades da Reitoria, bem como serão lotados nos seguintes campi: Campos Belos, Ceres, Iporá, Morrinhos, Posse, Rio Verde, Trindade e Urutaí, além dos campi avançados de Catalão, Cristalina, Ipameri e Hidrolândia.

Além disso, é importante ressaltar que este concurso público é destinado a diversos tipos de candidatos. Isso, pois o mesmo é oferecido para os seguintes níveis de escolaridade: fundamental, médio, médio e proficiência em libras, técnico e superior.

Em relação à distribuição de vagas, os candidatos com ensino fundamental podem concorrer ao cargo de Auxiliar de Biblioteca que possui uma vaga. Os candidatos de nível médio podem concorrer ao cargo de Assistente de Alunos, são duas vagas disponíveis. O nível médio e proficiência em libras reserva os cargos de Tradutor e Intérprete de Linguagem de Sinais, sendo três vagas disponíveis.

Já os interessados em cargos de nível técnico poderão disputar vagas para os seguintes cargos: Técnico de Tecnologia da Informação, 2 vagas; Técnico em Contabilidade, 4 vagas; Técnico em Secretariado, 7 vagas; Técnico em Tecnologia da Informação, 1 vaga; e Técnico em Laboratório/Anatomia e Necropsia, 1 vaga.

Os cargos disponíveis para o nível superior são: Técnico em Assuntos Educacionais, 7 vagas; Tecnólogo em Agronegócio, 2 vagas; Assistente Social, 2 vagas;  Bibliotecário Documentarista, 1 vagas; Técnico em Gestão Pública, 4 vagas;  e Técnico em Assuntos Educacionais, 1 vaga.

O período de inscrições terá início em 1º de abril e término em 27 de abril de 2015. O procedimento de inscrição deve ser realizado por meio da internet. Dessa forma, os candidatos devem acessar o site oficial da UFG (vestibular.ufg.br/2015/concurso_ta_ifgo), instituição responsável pela organização deste certame. A taxa de inscrição varia de R$ 60,00 a R$ 90,00.

Por Bruno Henrique

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

As vagas são temporárias e as inscrições vão até o dia 30 de março de 2015

Estão abertas as inscrições para o processo seletivo da Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esporte (SEDUCE) do estado de Goiás. O edital normativo para o processo seletivo simplificado já foi publicado e visa o preenchimento de 1.805 vagas, mais formação de cadastro reserva, para o posto de Professor Temporário. Os contratos serão assinados por até três anos e irão substituir os contratos temporários vigentes, os quais estão por vencer.

As oportunidades são divididas entre as disciplinas de Português, Filosofia, Artes, Artes Visuais, Áudio Visual, Ensino Religioso, Banda, Bateria, Biologia, Atividades Pedagógicas, Capoeira, Ciências, Coral, Ciências, Matemática, Química, Educação Física, Espanhol, Física, Geografia, História e Inglês.

Para participar, é necessário ter ensino superior (licenciatura) e mais de 18 anos. Os aprovados receberão remunerações de R$ 654,22 por jornada de 20 horas; R$ 981,33 para 30 horas e de R$ 1.308,44 para jornada de trabalho de 40 horas por semana. As jornadas serão divididas em três turnos – matutino, vespertino e noturno, conforme as necessidades das escolas.

Interessados poderão se inscrever até o dia 30 de março de 2015, somente pela internet, no endereço eletrônico http://sss.segplan.go.gov.br/certame. Não será cobrada taxa de participação dos interessados.

A seleção constará de uma única fase, composta de avaliação curricular. O resultado parcial será publicado a partir do dia 31 de março de 2015, no site acima descrito. Já o resultado final do processo seletivo está previsto para sair no dia 08 de abril de 2015.

Lembrando que serão reservadas vagas aos candidatos portadores de necessidades especiais, desde que as atribuições do cargo sejam compatíveis com as limitações do candidato.

Segundo o edital, a validade do processo seletivo será de um ano, a ser contado a partir da data de homologação dos resultados no Diário Oficial do Estado de Goiás, podendo ser prorrogado por mais um ano, conforme os interesses e necessidades da SEDUCE.

Por Ana Rosa Martins Rocha

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

A expectativa é que o edital seja divulgado ainda em 2015

Está sendo aguardada a realização do concurso público do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região. Ao todo, há expectativa que o órgão ofereça 198 vagas para pessoas que tenham concluído o ensino médio-técnico e também superior.

A autorização está sendo esperada porque ela depende de dois projetos que circulam na Câmara dos Deputados e que, para serem avalados, precisarão chegar ao Congresso Nacional.  

Sobre os projetos, ambos tem como função a criação de cargos efetivos para o quadro de servidores do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região. Um deles, o PCL 7909/ 14, visa a lotação de 168 oportunidades, outras 18 chances em comissão e 75 vagas para postos comissionados.  

O outro projeto defende a criação de 12 vagas comissionadas e 30 chances para o setor da tecnologia da informação.

Com o rumo que estes projetos estão tomando, a previsão é de que em pouco tempo eles consigam a aprovação do Senado, visto que já obtiveram a inclinação positiva da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania. Tudo indica que aprovação pelo Senado sairá em breve, assim, é esperada a publicação do edital do certame público ainda neste ano.   

Nesta nova seleção, poderão ser ofertadas vagas para os seguintes cargos: técnico judiciário e analista judiciário. O primeiro exige que o interessado possua ensino médio completo e, o segundo, formação superior concluída.

O concurso estará sendo efetuado com o interesse em contratar mais pessoal pelo órgão, visto que as necessidades de atendimento supera o número de funcionários disponibilizados para atendimento, desta forma, há defasagem de pessoal.

Sobre o assunto, o Desembargador e atual Presidente do TRT, Aldon Taglialenga, confere a crescente demanda de colaboradores ao aumento expressivo no próprio Tribunal. Ainda conforme Aldon, o maior índice de defasagem fica por conta do setor da tecnologia da informação, atualmente são 45 funcionários para realizar o atendimento de 1.700 usuários.   

Por Melina Menezes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Com a finalidade de contratar profissionais para integrar o seu quadro de servidores públicos, o Conselho Regional de Química da 12ª Região (CRQ-12), que atua nos estados de Goiás, Tocantins e Distrito Federal, publicou o edital n° 05/2015 para regulamentar e informar a todos os interessados sobre a realização de um concurso público.

Serão oferecidas diversas vagas para início imediato e também para a formação de cadastro reserva nas funções de nível médio e superior nos cargos de Auxiliar Administrativo (vagas para Goiânia, Brasília e Palmas), Auxiliar Administrativo Mensageiro (vagas para Goiânia), Auxiliar, Agente Fiscal – Área Química (vagas para Goiânia) e Auxiliar Administrativo/Superior (vagas para Goiânia).

A proposta salarial que foi apresentada no edital para os novos contratados, será de R$ 1.324,93 a R$ 4.069,59, mais benefícios como vale-transporte e auxílio alimentação no valor de R$ 400.

A jornada de trabalho semanal para todos os cargos será de 40 horas semanais, sendo que candidatos portadores de necessidades especiais terão direito a 5% do total de vagas e candidatos negros ou pardos a 20 % do total de vagas do concurso.

Os interessados em se candidatar ao processo de seleção poderão preencher os formulários de inscrição a partir do dia 9 de março até a data limite que será o dia 13 de abril de 2015, sendo que o endereço eletrônico disponibilizado para inscrição é o do Instituto Quadrix (www.quadrix.org.br).

A seleção dos candidatos versará de prova objetiva contendo 50 questões de múltipla escolha sobre as seguintes disciplinas: Língua Portuguesa, Noções de Informática, atualidades e Legislação para cargos de nível médio, já os candidatos também terão que prestar uma prova objetiva de 50 questões, porém com disciplinas diferentes, sendo elas: Língua Portuguesa, Ética no Serviço Público, Legislação e Conhecimentos Específicos.

A data prevista para realização da prova objetiva ficou estabelecida para o turno vespertino no dia 26 de abril de 2015.

Por Rodrigo da Silva Monteiro

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Mais uma oportunidade para os docentes do estado do Goiás e da região Centro-Oeste. A Universidade Federal de Goiás (UFG) lançou o edital n° 05/2015 que estabelece as condições e normas para realização de processo seletivo, com a finalidade de preencher 23 vagas para Professores. Os contratos serão assinados por tempo determinado e os professores serão lotados nos campus de Goiânia e Catalão, de acordo com as necessidades de cada um.

Para participar da seleção, os candidatos devem ter graduação na área de atuação, além de titulação em nível de mestrado para determinados casos. Os aprovados farão jus aos salários que oscilam entre R$ 2.305,52 e R$ 3.972,50 pelo cumprimento de jornada que pode chegar a 40 horas por semana, no regime de dedicação exclusiva.

A própria UFG será a responsável pelo processo seletivo, adotando seus próprios critérios de seleção. Vale lembrar que serão reservadas vagas aos candidatos portadores de necessidades especiais, desde que as atribuições do cargo sejam compatíveis com as limitações do candidato, se aprovado. A reserva ainda está condicionada a apresentação de laudo médico comprovando a deficiência.

Os interessados podem se inscrever até o dia 2 de fevereiro de 2015, nas respectivas unidades responsáveis pelo processo seletivo, que ficam na Regional Goiânia – Campus Colemar Natal e Silva (I), Campus Samambaia (II) e Regional Catalão (REC). Será cobrada taxa de participação no valor de R$ 45,00, pagos em qualquer agência bancária até a data do vencimento do boleto, que será entregue no momento da inscrição.

A seleção será composta de prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, além de avaliação de títulos, somente de caráter eliminatório. As provas serão realizadas em dia, hora e local a serem informados com antecedência.

O processo seletivo será válido até o dia 31 de dezembro de 2015, contudo há a possibilidade de prorrogação, conforme as necessidades e critérios adotados pela Universidade Federal de Goiás (UFG).

Por Robson Quirino de Moraes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Continua aberto o período para realizar as inscrições no concurso público da Universidade Estadual de Goiás. Quem quiser concorrer a uma das oportunidades que estão sendo ofertadas pela instituição precisará efetuar a inscrição até o dia 15 de fevereiro. As vagas são distribuídas entre a Administração Central da UEG e entre as unidades universitárias em diversas localidades. 

Neste concurso da UEG estão sendo oferecidas 500 vagas para os postos de Assistente de Gestão Administrativa e Analista de Gestão Administrativa. Do total de vagas, 253 são para Assistente de Gestão e as outras 247 são para Analista de Gestão. Para concorrer às vagas de Assistente é necessário que o interessado tenha concluído o ensino médio, já para o cargo de Analista solicita-se que o candidato possua ensino superior completo. Há vagas também para a formação de cadastro reserva para lotação de oportunidades que puderem surgir ao longo do prazo de validade do concurso público.   

Quem quiser participar do concurso público precisará efetuar a sua inscrição até o dia 15 de fevereiro através do endereço eletrônico www.universa.org.br. Os interessados em participar do processo seletivo deverão pagar uma taxa de inscrição no valor de R$ 80 para o cargo de Assistente de Gestão Administrativa e de R$ 110 para o posto de Analista de Gestão Administrativa. 

Este processo de seleção contará com a realização de até quatro etapas. A primeira delas é composta por uma prova objetiva de caráter eliminatório e classificatório, a segunda consiste numa prova do tipo discursiva, também eliminatória e classificatória. A penúltima etapa é composta por uma avaliação de títulos com caráter meramente classificatório, ela será realizada somente para o cargo de Analista. A quarta etapa será efetuada somente com os candidatos portadores de necessidades especiais e contará com a realização de uma avaliação por uma equipe multidisciplinar. 

A aplicação tanto das provas objetivas como discursivas ocorrerá nas cidades de Goiânia e Anápolis. As provas objetiva e discursiva será realizada no dia 12 de abril, no período matutino serão aplicadas para os cargos de Analista, já no turno da tarde serão feitas as provas do cargo de Assistente. 

Por Melina Menezes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

No estado de Goiás, a Prefeitura Municipal da cidade de Anápolis, informou recentemente que já se encontra recebendo as inscrições para a realização do concurso público regulamentado pelo edital de n° 051. As vagas oferecidas são para o quadro permanente de pessoal e passam das 220 oportunidades de emprego. Confira abaixo os principais detalhes:

Sobre as vagas:

De acordo com o informado por meio do edital que dispõe sobre as regras para a realização do presente concurso público as chances oferecidas são para o cargo de Professor III. As vagas estão sendo distribuídas entre as disciplinas de Letras – Intérprete de Libras – 5 vagas; Pedagogo – 220 vagas; Geografia – 3 vagas; História – 2 vagas e Matemática – 1 vaga.

Além disso, há vagas sendo direcionadas para candidatos que sejam portadores de necessidades especiais.

O que será oferecido aos profissionais contratados?

Os concursandos que forem aprovados e não possuírem quaisquer impedimentos para a contratação deverão receber remunerações iniciais que poderão ir de R$ 1.173,26 a R$ 2.347,80 de acordo com a carga horária. Sobre esta a informação é de que poderá ser de 20h, 30h ou de 40h por semana.

Como participar deste concurso público?

Os candidatos que atenderem os requisitos de participação exigidos para a investidura nos cargos apontados poderão se inscrever no período situado entre os dias 16 de janeiro de 2015 e 5 de fevereiro de 2015. O formulário de inscrição está sendo disponibilizado via internet por meio do seguinte endereço eletrônico: www.funcab.org.

Como serão realizadas as etapas de seleção?

De acordo com a organização do certame os concursandos que tiverem suas inscrições aceitas deverão ser avaliados e selecionados por meio de aplicação de prova objetiva, prova de títulos e prova prática conforme o método de cada cargo.

Este concurso público terá uma validade total de dois anos e poderá ser prorrogado por igual período.

Confira o edital completo no site www.funcab.org.

Acompanhe nossas publicações diárias e fique por dentro das principais novidades no mercado de trabalho.

Por Denisson Soares

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Foi anunciado recentemente pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano (IF Goiano) a abertura de mais um concurso público. Por meio dessa nova oportunidade a expectativa é de que sejam providas vagas para os cargos de Professores do ensino básico, técnico e tecnológico. De acordo com o edital que dispõe sobre as regras para a realização dessa seleção pública ao todo são oferecidas 12 oportunidades. Confira os principais detalhes abaixo:

Como participar:

O período de recebimento das inscrições será aberto no próximo dia 3 de fevereiro de 2015 e seguirá até a data limite de 15 de março de 2015. Os profissionais interessados em aproveitar essa chance precisam contar com bacharelado, licenciatura ou ainda curso tecnológico na área para a qual pretende concorrer. As inscrições serão recebidas via internet por meio do site www.ifgoiano.edu.br. O valor estipulado para a taxa de participação é de R$ 90,00.

De acordo com as informações que constam no edital deste concurso público os profissionais aprovados e que não possuírem quaisquer impedimentos para suas respectivas contrações deverão atuar nos campi situados em Rio Verde, Iporá bem como no Polo de Inovação Tecnológica. Entre as áreas com vagas em aberto temos as seguintes: Biologia I e II, Engenharias Civil, de Alimentos, Elétrica, Mecânica, Agrícola. Também há vagas para Matemática, Química e Agronomia.

Os candidatos contratados por meio deste concurso público deverão desempenhar suas atividades em regime de Dedicação Exclusiva. A carga horária semanal será composta de 40h. Já sobre os salários oferecidos a informação é de que os mesmos ficam entre R$ 3.804,29 e R$ 8.344,64.

Para a seleção daqueles que tiverem suas inscrições aceitas a informação é de que haverá a realização de provas de desempenho didático, prova de títulos e avaliação de projeto.

Este certame contará com uma validade de um ano e poderá ser prorrogado por igual período.

Por Denisson Soares

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]

Estão abertas as inscrições para o novo concurso público da Secretaria de Gestão e Planejamento de Goiás (SEGPLAN) e da Universidade Estadual de Goiás (UEG). O certame objetiva o provimento de 500 vagas de níveis médio e superior. A remuneração varia entre R$ 1.848,59 e R$ 3.080,97, dependendo do cargo escolhido, mais benefícios como auxílio alimentação, auxílio transporte e convênio médico. Os novos concursados terão uma carga de trabalho de 40 horas semanais. A banca organizadora que irá realizar o concurso é a Fundação Universa. 

Sobre os cargos: 

As 500 vagas serão distribuídas nos seguintes cargos: 

– Nível Médio: Assistente de Gestão Administrativa nas funções de Edificação Geral; Manutenção Elétrica; Segurança do Trabalho; Informática e Necropsia;

– Nível Superior: Analista de Gestão Administrativa nas áreas de Biblioteconomia, Pedagogia, Serviço Social; Psicologia; Elaboração e Análise de Processos; Planejamento; Gestão e Finanças; Administração; Logística; Arquitetura; Arquivologia; Contabilidade; Engenharia (Civil, Elétrica e Segurança do Trabalho); Jornalismo; Diagramação; Web Designer; Relações Públicas. Elaboração e Revisão de Textos; Relações Internacionais; Analista e Desenvolvimento de Sistemas; Redes; Tecnologia da Informação; Jurídica; Geral; Técnico em Laboratório Audiovisual; Atividades Laboratoriais em Química/Biologia.  

Sobre as inscrições:

Os interessados em participar do certame podem se inscrever apenas pela internet, no endereço eletrônico da banca organizadora do concurso: www.universa.org.br. O preço da taxa de inscrição para os cargos de nível médio é de R$ 80,00. Já o preço da taxa para cargos de nível superior é de R$ 110,00.  

Sobre as provas:

Os candidatos farão prova objetiva e também prova discursiva, que ocorrerão na data provável de 12 de abril de 2015. Os candidatos aos cargos de Analista (Nível Superior) farão a prova no turno matutino, e os candidatos aos cargos de Assistente (Nível Médio) farão prova no turno vespertino. O horário e local das provas serão informados no dia 1º de abril de 2015, e os gabaritos serão divulgados no dia seguinte ao da realização das provas, nos sites www.universa.org.br e www.segplan.go.gov.br.

O concurso terá validade de um ano, podendo ser prorrogado uma única vez, por igual período.

Por Nathalia Henderson

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 0 Média: 0]




CONTINUE NAVEGANDO: