Certame tem 50 vagas abertas distribuídas entre cargos de Nível Médio e Superior de ensino.

O desejo de muitas pessoas para 2019 é conseguir uma colocação no mercado de trabalho através de uma vaga em um concurso público. A boa notícia é que se têm expectativas de diferentes processos seletivos ocorrendo durante o ano por todo território nacional. E se você mora ou pode se mudar para a cidade de Manaus saiba que a Secretaria Municipal de Finanças, Tecnologia da Informação e Controle Interno (ISS / Manaus) da capital amazonense está com as inscrições abertas para a contratação de 50 novos funcionários. Para saber as principais informações sobre esse processo admissional confira as informações abaixo.

Sobre o novo concurso público da Secretaria Municipal de Finanças, Tecnologia da Informação e Controle Interno de Manaus para 2019

De acordo com as informações que o órgão divulgou os 50 novos cargos foram divididos em dois editais distintos. Sendo um documento exclusivo para a função de Auditor Fiscal. Para essa ocupação são 10 vagas e a remuneração é de R$ 17.436,29. Para o cargo de auditor, os interessados precisam ter um diploma de curso superior em qualquer âmbito. Com isso, vai ser aceito que o candidato tenha bacharelado, licenciatura ou tecnólogo. Uma vaga, desse total, é para atender a cota para indivíduo portador de necessidade especial.

Já o restante das oportunidades, ou seja, as 40 vagas restantes foram divididas da seguinte forma:

– Nível Médio:

05 vagas para Assistente Técnico Fazendário.

12 vagas para Assistente Técnico de Tecnologia da Informação / Suporte. Desse total de oportunidades, 01 vaga é para portador de necessidade especial.

12 vagas para Assistente Técnico de Tecnologia da Informação / Programador. Para essa função também foi selecionada 01 oportunidade para pessoa com necessidade especial.

Para todas as vagas mencionadas acima, o salário é de R$ 8.211,81.

– Nível Superior:

01 vaga para Técnico em Web Design. Formação: design, design gráfico ou desenho industrial.

02 vagas para Técnico Fazendário. Formação: técnico, licenciatura ou bacharelado em qualquer área.

08 vagas para Técnico de Tecnologia da Informação. Formação: engenharia da computação, análise de sistemas, sistemas de informação, ciências da computação ou ainda em cursos na área de tecnologia da informação.

Para os cargos que exigem graduação, a remuneração é de R$ 13.193,77. Para essa categoria não foram destinadas oportunidades para portadores de necessidades especiais.

Informações acerca das avaliações propostas nos dois editais

Para que os interessados não tenham nenhum tipo de questionamento sobre as etapas seletivas dois documentos, todas as informações vão ser apresentadas de forma separada. Primeiramente, vão ser expostas as fases para a função de Auditor Fiscal. Para conseguir uma colocação para esse cargo, os interessados vão realizar dois testes. Sendo eles:

– Primeira fase:

Uma avaliação contendo 100 questões de múltipla escolha a respeito dos seguintes assuntos: direito tributário e legislação municipal, estatística, língua portuguesa, direito administrativo, matemática e raciocínio lógico, contabilidade de custos, noções de informática, contabilidade aplicada ao setor público, auditoria e contabilidade geral.

– Segunda fase:

Uma prova discursiva sobre conhecimentos específicos. Essa avaliação vai ser caracterizada por uma peça prática e duas questões.

O primeiro teste vai ocorrer no dia 19 de maio de 2019 na parte da tarde. Já a segunda fase acontece em 04 de agosto pela manhã. Ambas as fases vão ser de caráter habilitatório e classificatório. Para conferir o conteúdo programático, basta acessar edital. Que está disponível em: https://www.concursosfcc.com.br/concursos/semef118/index.html. A partir da página 16 em “ANEXO II CONTEÚDO PROGRAMÁTICO”.

Já para os demais cargos, o edital informou que a divisão de testes vai acontecer da seguinte forma:

– Nível Médio:

Cargos de: Assistente Técnico Fazendário, Assistente Técnico de Tecnologia da Informação / Suporte; Assistente Técnico de Tecnologia da Informação / Programador e Assistente Técnico Fazendário. Prova objetiva com 70 questões sendo 30 perguntas de conhecimento básico e 40 de conhecimentos específicos.

– Nível Superior:

Cargos de: Técnico em Web Design; Técnico de Tecnologia da Informação e Técnico Fazendário. Avaliação objetiva com 62 perguntas sendo 02 perguntas discursivas (estudo de caso), 20 de conhecimentos básicos e 40 de conhecimentos específicos.

No dia 19 de maio de 2019 ocorrem as provas de múltipla escolha para as funções de Assistente Técnico Fazendário. Já em 26 de maio de 2019 ocorrem as avaliações para as funções de Assistente Técnico de Tecnologia da Informação / Programador; Assistente Técnico de Tecnologia da Informação da Fazenda Municipal / Suporte; Técnico de Tecnologia da Informação e Técnico em Web Design. Por fim, na data de 02 de junho ocorre o teste para a função de Técnico Fazendário.

Os locais horários vão ser confirmados posteriormente. Para conferir o conteúdo das provas deste segundo documento acesse: https://www.concursosfcc.com.br/concursos/semef118/index.html. Toda a relação dos temas está disponível a partir da página 20. Uma última informação é que a banca organizadora deste certame é a Fundação Carlos Chagas.

Inscrições para o concurso da Secretaria Municipal de Finanças, Tecnologia da Informação e Controle Interno de Manaus

As inscrições já foram iniciadas e devem ser realizadas até a data de 05 de abril de 2019. Através do link: https://www.concursosfcc.com.br/index.html. As taxas para a inscrição variam entre R$ 125,00 até R$ 265,00.

Por Isabela Castro

Concurso


Concurso do Detran de São Paulo oferta 575 vagas de emprego.

Está cada vez mais perto o momento da abertura oficial do edital do certame público referente ao Departamento Estadual de Trânsito, o Detran do Estado de São Paulo. Isso porque no dia 24 de novembro, sábado, foi divulgado em Diário Oficial do Estado, as informações sobre a organizadora do concurso. A selecionada foi a Fundação Carlos Chagas (FCC), que será a responsável pela seleção e preenchimento de 575 oportunidades. Conforme a Lei Complementar de número 1.328, datada em 11 de julho de 2018, o certame terá a sua publicação em um período de 180 dias. Sendo assim, o prazo máximo é em janeiro de 2019.

Sobre a comissão organizadora

Na edição de 5 de setembro do Diário Oficial do Estado, foi divulgado que a comissão organizadora deverá tomar todas as providências que se fizerem necessárias em relação à preparação e também à realização do processo do órgão. Com isso, portanto, o grupo formado é composto por titulares e por suplentes. No primeiro estão: Carine de Amorim Simões e Izadora Rodrigues Normando. Já no grupo de suplentes, temos Luiz Carlos Krzyzanovski, Fátima Regina de Souza, José Iberê Fernandes Junior, Wellington Cruz Barbosa, Lorenzo Santiago Franco e Neusa Maria Lopes.

Sobre as vagas oferecidas

Segundo o documento que autoriza o certame, são dois os cargos oferecidos pelo Detran-SP. A divisão ficou da seguinte forma: 200 oportunidades para o cargo de Agente Estadual de Trânsito I e 375 vagas para o cargo de Oficial Estadual de Trânsito I.

Para a oportunidade de Agente, o candidato terá a remuneração inicial de R$ 4.657,50. Para participar, é preciso ter graduação completa, independente da área de formação, e também carteira nacional de habilitação (CNH) em categoria “B” ou superior. Já para o cargo de Oficial, os vencimentos são de R$ 1.863, sendo necessária a formação em nível médio ou, ainda, curso técnico e profissionalizante em um nível que seja equivalente.

Responsabilidades dos cargos

O Agente Estadual de Trânsito tem, entre as responsabilidades de seu exercício, desempenhar as atividades de gestão e de técnicas do cargo, executando todos os serviços relacionados aos planos legais e às suas competências dentro da instituição. Já o Oficial Estadual de Trânsito precisa desempenhar as funções destinadas ao apoio, execução e à gestão de serviços que tenham relação com as competências da instituição, desde que sigam as conformidades do Sistema Nacional do Trânsito.

A jornada de trabalho das funções é de 40 horas por semana, seguindo as regras da Consolidação de Leis de Trabalho, a CLT.

Ao que tudo indica, ainda, o concurso do Detran-SP terá as seguintes etapas para a seleção de seus classificados: em primeiro lugar, uma prova objetiva sobre conhecimentos específicos e gerais, sendo ela de caráter eliminatório e também classificatório; e uma prova de títulos, somente classificatória.

Sobre o último concurso do órgão

O último concurso do órgão ocorreu no ano de 2013, contando com um total de 1.200 oportunidades. Dessas, 600 eram destinadas para o emprego como Oficial Estadual de Trânsito e outras 600 para Agente Estadual de Trânsito.

O certame teve um número superior a 310 mil inscritos. Com isso, a relação foi de 260 participantes por oportunidade. Na ocasião, a organização do processo de seleção foi feito pela Fundação Vunesp, contando com provas objetivas e provas de títulos. As primeiras para Oficial Estadual de Trânsito contaram com 5 questões de Matemática, 12 de Língua Portuguesa, 4 sobre noções de informática, 4 sobre legislação e 25 sobre a legislação de trânsito.

Para Agente Estadual de Trânsito, a divisão ficou da seguinte forma: 5 questões de Matemática, 10 de Língua Portuguesa, 7 sobre Direito Administrativo, 4 sobre noções de informática, 7 sobre legislação, 8 sobre gestão pública e 22 sobre legislação de trânsito. A distribuição das vagas foi feita para a capital, regiões de Araçatuba, Barretos, Botucatu, Araraquara, Bauru, Campinas, Franca, Fernandópolis, Marília, Itapeva, Presidente Prudente, Mogi Guaçu, Ribeirão Preto, Registro, Sorocaba, São José do Rio Preto, Taubaté e Santos e região metropolitana.

Por Kellen Kunz

Concurso


Certame oferta 29 vagas de emprego imediatas e mais 200 vagas para cadastro de reserva em diversas funções.

Nova oportunidade de concurso público está oficialmente aberta. Trata-se do período de inscrições aberto para o novo concurso público destinado ao provimento de cargos na Agência de Fomento do Amapá, ou o Concurso da AFAP. São 29 postos imediatos e mais 200 para formação do cadastro reserva de pessoas. São cargos para níveis médio e superior.

Este certame tem como banca organizadora a Fundação Carlos Chagas, a FCC. Todos os concorrentes nomeados e convocados neste concurso serão contratados conforme os preceitos da Consolidação das Leis do Trabalho; da Legislação Trabalhista Federal Complementar e da Legislação Estadual pertinente.

A remuneração inicial está em R$ 3.319,77, já acrescido do benefício de auxílio-alimentação.

A taxa de inscrição está estipulada em 100 reais. São seis horas diárias de jornada, num total de 30 horas semanais.

Cargo de Analista de Fomento, na função de Advogado, com três vagas imediatas e mais 20 para cadastro reserva. Requisitos: possuir certificado de curso de graduação na área de Direito em instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação e da Cultura, MEC; além do registro regular em Órgão de Classe competente.

Cargo de Analista de Fomento, na função de Contador, com três vagas imediatas e mais 20 para cadastro reserva. Requisitos: possuir certificado de curso de graduação na área de Ciências Contábeis em instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação e da Cultura, MEC; além do registro regular em Órgão de Classe competente.

Cargo de Analista de Fomento, no setor de Tecnologia da Informação, com uma vaga imediata e mais 20 para cadastro reserva. Requisitos: possuir certificado de curso de graduação na área de Análise de Sistemas; em Sistema da Informação; em Ciência da Computação; em Processamento de Dados ou em Gerenciamento de Redes e em Informática, conferido por instituição de Ensino Superior devidamente reconhecida pelo Ministério da Educação e da Cultura, MEC.

Cargo de Analista de Fomento, na função de Economista, com uma vaga imediata e mais 20 para cadastro reserva. Possuir certificado de curso de graduação na área de Ciências Econômicas em instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação e da Cultura, MEC; além do registro regular em Órgão de Classe competente.

Cargo de Analista de Fomento, setor de Crédito, com uma vaga imediata e mais 20 para cadastro reserva. Possuir certificado de curso de graduação nas áreas de Administração; em Ciências Econômicas; em Ciências Contábeis ou em cursos das áreas de Ciências Exatas, em instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação e da Cultura, MEC; além do registro regular em Órgão de Classe competente, e mais a posse de Carteira Nacional de habilitação na categoria B, com situação regular.

Para candidatos com ensino médio, o vencimento inicial está em R$ 2.074,11, já suplementado com o benefício do auxílio-alimentação.

A taxa de inscrição está estipulada em 85 reais. São seis horas diárias de jornada, num total de 30 horas por semana.

Cargo de Assistente Administrativo de Fomento, com 10 vagas imediatas e mais 50 de cadastro reserva. Possuir diploma de conclusão de Ensino Médio conferido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação e da Cultura, o MEC.

Cargo de Agente de Fomento Externo, com 10 vagas imediatas e mais 50 de cadastro reserva. Possuir diploma de conclusão de Ensino Médio conferido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação e da Cultura, o MEC, além da Carteira Nacional de habilitação na categoria AB, com situação regular.

O período de inscrições se dará do dia 19 de novembro de 2018 ao dia 10 de janeiro de 2019, por meio da internet.

Para mais informações, bem como acesso ao link de inscrições, acesse o site: https://www.diariooficialdf.com.br/concurso-afap.

Por Paulo Henrique dos Santos

Concurso


Certame oferta vagas para o cargo de Defensor Público.

O segundo semestre de 2018 avança e novos concursos públicos estão sendo abertos. Recentemente foi publicado o novo edital do certame do DPE-MA de 2018, o qual está sendo organizado pela banca Fundação Carlos Chagas. No total serão disponibilizados cerca de oito postos destinados a cargos na função de Defensor Público no Estado do Maranhão. Este cargo é muito bem remunerado, no valor inicial de 26 mil reais.

O período de inscrições iniciará a partir do dia 15 de outubro, com prazo máximo de realização até o dia 5 de novembro de 2018. O valor da taxa de inscrição cobrada está estipulado em 229 reais.

As provas objetivas serão ministradas a partir do dia 15 de dezembro de 2018, seguidas da realização das provas discursivas, a partir do dia 16 de dezembro de 2018. Ainda não foi publicada a data de realização da prova oral.

As etapas que compõem este certame são as seguintes:

Inicia com a prova escrita preliminar e objetiva; segue com a prova escrita específica; em seguida será a fase da inscrição definitiva; a realização da prova oral e a avaliação dos títulos.

Os pré-requisitos são:

Possuir diploma de formação em nível superior em Direito; possuir cadastro de função na OAB, que deverá ser comprovada na data da posse e possuir experiência de 3 anos, ao menos, na atividade jurídica comprovada.

A prova objetiva está configurada dentro do regulamento deste certame, que prevê um percentual padrão de questões por disciplina desde a primeira etapa do processo. Portanto, a prova será estruturada em um valor total de 100 pontos. Portanto, o candidato deverá atingir um aproveitamento mínimo de 50% de todo a prova, para classificar-se.

Sobre a prova escrita as informações são as seguintes:

Um caderno composto de questões que abrangem duas peças processuais em duas questões, que contemplam conteúdos em Direito Constitucional; em Direito Civil; em Direito Processual Civil; em Direito Penal; em Direito Processual Penal; em Legislação e Princípios Institucionais de Defensoria Pública e em Direitos Difusos e Direitos Coletivos.

Portanto, a classificação do candidato para a etapa da inscrição definitiva, dependerá de o mesmo atingir uma pontuação mínima de 50 pontos na prova.

Sobre a prova oral as informações são as seguintes:

Todos os candidatos serão arguidos, dentro de uma sessão pública, diante das bancas examinadoras, que farão as perguntas sobre cada uma das 11 disciplinas a serem cobradas ao longo da primeira fase deste certame.

A sessão de arguição terá duração oficial máxima de 25 minutos para cada banca, as quais atribuirão, cada uma por sua vez, uma nota de até 100 pontos para os candidatos selecionados. A nota final constituirá uma média aritmética derivada de todas as pontuações anteriormente obtidas por cada concorrente.

Sobre a formação da comissão organizadora, as informações são as seguintes:

A mesma contará com seis membros, entre os quais: dois defensores titulares; um membro titular previamente indicado pela OAB; dois defensores públicos suplentes e mais o defensor público-geral, o qual presidirá toda a comissão.

O histórico do último processo seletivo promovido pela DPE-MA registra o seguinte:

Foi realizado no ano de 2015 a sua organização contou com a contratação da Fundação Carlos Chagas, como banca. Entretanto, naquela ocasião, foram ofertados somente 18 postos e 63 candidatos foram aprovados, entrando no cadastro reserva.

Foram registrados mais de 3 mil inscritos, dos quais 214 atingiram convocação para a etapa seguinte. Este é um dos concursos mais aguardados do ano. Vale a pena conferir e se inscrever.

Por Paulo Henrique dos Santos


Concurso da SEFAZ SC oferta 90 vagas de emprego. As inscrições podem ser realizadas até o dia 10 de outubro de 2018.

Mais um importante concurso público está com as suas inscrições abertas. Trata-se da Secretaria da Fazenda do Estado de Santa Catarina, a SEFAZ-SC, que fez a divulgação oficial de seu edital para a contratação imediata de um total de 90 vagas. Além dessas, ainda será feito um cadastro reserva para o cargo de Auditor Fiscal da Receita Estadual em Nível I.

A organização do certame está sendo feita pela Fundação Carlos Chagas. O concurso da SEFAZ-SC na edição de 2018 prevê uma remuneração de R$ 22.853,33.

Vale ressaltar que as oportunidades são destinadas para as seguintes áreas de conhecimento: Gestão Tributária, Tecnologia da Informação e Auditoria e Fiscalização. Para participar, o candidato precisa ter uma escolaridade em curso superior e em nível de graduação, independente de qual seja a sua área.

Ficou interessado e quer mais informações? Então nós te damos todas as dicas para você não ficar de fora. Vamos a elas.

Como se inscrever no concurso da SEFAZ-SC?

Para se inscrever no certame é muito simples. As inscrições são realizadas pela internet, no endereço eletrônico da organizadora, no www.concursosfcc.com.br.

O prazo para se inscrever teve início às 10h do dia 10 de setembro, seguindo até o dia 10 de outubro de 2018, às 14h no horário de Brasília. O valor das inscrições é de R$ 250. Quem quiser isenção do pagamento dessa taxa, poderá solicitá-lo atendendo os prazos e todas as instruções que são indicadas no edital.

Sobre o processo seletivo da SEFAZ-SC

Para a seleção de seus colaboradores, a Fundação Carlos Chagas aplicará provas objetivas com numerações diferentes. Essas serão realizadas em Criciúma, Chapecó, Joinville e Florianópolis. A previsão é de que essas ocorram nos dias 17 e 18 de novembro, dependendo o tipo da prova.

A confirmação oficial referente às informações sobre horários e datas para a realização das provas ainda serão divulgadas posteriormente através de um edital de convocação específico para isso. No dia 19 de novembro, às 17h, será divulgado também o gabarito, disponível então no site da organizadora.

Sobre a validade do concurso

O concurso da SEFAZ-SC terá a validade de dois anos, contando essa a partir da data de publicação de sua homologação de resultado final. O mesmo pode ainda ser prorrogado pelo mesmo período, ficando esse a critério da própria Secretaria da Fazenda de Santa Catarina.

Fique ligado aos pré-requisitos

Para participar do concurso da SEFAZ-SC, é preciso ficar ligado aos requisitos colocados pela organizadora. Sendo assim, pode-se citar entre eles: ter a nacionalidade brasileira ou portuguesa; gozar de todos os direitos políticos e civis; estar quite com as obrigações eleitorais; estar quite com o serviço militar (para homens); ter idade mínima de 18 anos; ter comprovação de formação em nível superior; ter aptidão mental e física para as atribuições do cargo; apresentar sua declaração de bens; apresentar a certidão sobre antecedentes na Polícia de Estados e na Polícia Federal; apresentar a certidão de setores de distribuição em foros criminais de lugares em que tenha residido; apresentar a declaração por não acumulação de cargos públicos; não ter sido responsável por atos irregulares ou punido em processo disciplinar; entre outros que podem ser visualizados claramente no edital.

A SEFAZ-SC

A SEFAZ-SC é a responsável por toda a arrecadação, pagamento, fiscalização, contabilização e pelo controle de todos os recursos públicos do Estado, bem como da elaboração e da execução de orçamento e do gerenciamento da dívida pública.

Através de suas oito diretorias, a Secretaria da Fazenda apoia também os demais órgãos do Governo em relação à administração contábil e financeira. Seu objetivo nesse sentido é garantir que os impostos que são pagos pelos contribuintes sejam bem aplicados em serviços que são do interesse de todos os cidadãos de Santa Catarina.

Por Kellen Kunz


Certame oferta 28 vagas de emprego e recebe inscrições até o dia 24 de agosto de 2018.

Na região norte do Brasil, mais um concurso processo seletivo está oficialmente aberto. Trata-se da publicação do edital do concurso promovido pela Secretaria da Fazenda do Estado de Goiás, o Concurso SEFAZ-GO de 2018, destinado ao provimento de postos no cargo de Auditor Fiscal da Receita Estadual da região. Conforme os dados registrados no documento, a banca organizadora deste certame será a Fundação Carlos Chagas, FCC, responsável pela publicação do edital.

Estão disponíveis 28 vagas, das quais 27 em ampla concorrência e uma delas reservada aos concorrentes com deficiência. Outra informação importante é a de que será formado o cadastro reserva de pessoas, garantindo posteriores contratações conforme for a necessidade. O período de inscrições permanecerá em aberto até o dia 24 de agosto de 2018.

De acordo declaração oriunda da Secretaria da Fazenda, o histórico registra que o último concurso para o mesmo cargo de Auditor Fiscal, foi realizado no ano de 2004 e que as próximas contratações visam suprir os postos em aberto durante estes últimos anos na carreira de auditor fiscal, a qual constitui a função responsável pela arrecadação dos impostos estaduais. A maior esperança está em que muitos candidatos sejam nomeados e convocados para além da oferta oficial de vagas, dentro da modalidade do cadastro reserva, levando em conta que, atualmente, o mesmo órgão está com mais de 150 servidores auditores em vias de aposentadoria. Portanto, a intenção deste órgão será convocar todos os aprovados no início do ano de 2019.

A respeito do cargo de Auditor Fiscal, neste Concurso da SEFAZ-GO de 2018 as informações são as seguintes: o concorrente necessita de certificado de conclusão do curso superior em quaisquer áreas profissionais, no nível de graduação e devidamente registrado pelo Ministério da Educação e da Cultura, MEC.

Sobre o período de inscrições, como já foi citado acima, a abertura para o cadastro iniciou às 10 horas do dia 26 do mês de julho e se estenderá até às 14 horas do dia 24 do mês de agosto de 2018, por meio do site: http://www.concursosfcc.com.br. O valor da taxa foi estipulado em R$ 200.

Todos os concorrentes deverão realizar o pagamento deste valor, referente à inscrição, por meio do serviço DARE, ou seja, o Documento de Arrecadação de Receitas Estaduais, conforme as instruções constantemente atualizadas no próprio site de inscrições, já que, como foi descrito, a data limite para o pagamento será o dia 24 de agosto de 2018.

Sobre as provas do Concurso SEFAZ-GO de 2018, as informações são as seguintes:

Os exames consistirão em um caderno de provas objetivas, cujo caráter será de teste eliminatório e classificatório, seguido da necessária avaliação dos títulos, em caráter apenas classificatório.

O conteúdo programático essencial da Prova Objetiva será o seguinte:

Grupo 1 – Matéria de língua portuguesa com oito questões; em Raciocínio Lógico-Quantitativo e em Matemática Financeira, com seis questões; em Direito Constitucional, com cinco questões; em Direito Administrativo, com sete questões; em Direito Civil e Empresarial, com cinco questões; em Finanças Públicas e em Orçamento Público do Estado de Goiás, com cinco questões e em Tecnologia da Informação, com 14 questões.

No grupo 2, será realizada a devida avaliação que abordará todas as questões sobre o tema de Contabilidade Geral, contabilidade Avançada e de Auditoria, com 20 questões; em Legislação Tributária, com 26 questões e em Direito Tributário, com 14 questões.

Todas as provas objetivas serão ministradas no dia 30 do mês de setembro de 2018, em Goiânia, Capital do Estado de Goiás. Todas as avaliações serão realizadas às 8 horas, no período matutino.

Por Paulo Henrique dos Santos


Certame prevê o preenchimento de 320 vagas de emprego divididas em 25 cargos públicos.

O Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região divulgou o edital com muitas vagas a serem disputadas em 2018. Um fato que não é muito comum dos tribunais regionais oferecerem um número tão expressivo para provimento imediato e reserva.

Ao total, são 320 vagas sendo elas divididas em 25 cargos públicos. O TRT 2 celebrou contrato com a Fundação Carlos Chagas (FCC) como banca examinadora e prestadora das provas.

Os cargos são para ensino médio e superior e as taxas de inscrição a serem pagas para concorrer no processo seletivo são R$ 80 e R$ 95, respectivamente nesta ordem.

Os salários são interessantes, com valores estipulados em R$ 6.780,53 para cargos de técnico judiciário a R$ 11.006,83 para os cargos de analista judiciário. Portanto, se você tem interesse em receber essas remunerações em uma instituição pública com estabilidade de emprego e financeira é melhor se preparar muito bem.

Quando será o concurso do TRT SP

As inscrições começaram às 10 horas da última sexta-feira, 27 de abril e o prazo para se inscrever no processo seletivo vai até às 14 horas do dia 21 de maio, ou seja, pouco menos de um mês para cadastrar seus dados no site da Fundação Carlos Chagas, responsável pelo concurso.

A data das provas para os cargos de técnico e analista está prevista em edital para o dia 22 de Julho a serem realizadas na cidade de São Paulo.

Cargos em disputa

Os cargos abertos para serem preenchidos através do processo seletivo são para as áreas judiciária, oficial de justiça, administrativa, contabilidade, serviço social, tecnologia da informação entre outros.

Para saber sobre o número de vagas e a relação completa com todos os cargos disponíveis acesse o edital diretamente no site da Fundação Carlos Chagas acessando http://bit.ly/concurso-trt-sp.

Para efetuar sua inscrição no concurso do TRT-SP acesse a página da Fundação e preencha o formulário e emita o boleto para o pagamento da taxa de inscrição. Efetue sua inscrição através deste link http://bit.ly/concurso-trt-inscricao.

Como se preparar para concursos de Tribunais?

A banca examinadora tem o costume de filtrar muito bem os candidatos, onde os aventureiros e entusiastas não tem muita chance com a FCC, apenas quem tem o costume de estudar para concursos e já conhece muito bem esta banca que poderá ter uma chance de ser aprovado nesta prova.

A oportunidade é muito boa e ainda há tempo para se preparar, o momento é para se debruçar realmente nos estudos. Os concursos do Tribunal Regional do Trabalho comumente são muito concorridos.

O número de vagas é interessante e a área administrativa está liderando com o maior número disponível. As provas da FCC são tradicionais, pois a mesma segue um padrão com um nível bastante elevado.

Não basta apenas decorar os conceitos, é preciso estudar realmente, inclusive na internet existem diversas provas da Fundação de outros tribunais. Faça o download destas avaliações e tenha como base as questões.

As questões deste tipo de concurso são bem trabalhosas, então procure exercitar bastante e aprender realmente os conceitos de forma prática para não ser surpreendido na hora do exame.

Quais horários serão aplicadas as provas?

A previsão é que para o período da manhã esteja destinado para os cargos de técnico judiciário e o período da tarde para os cargos de nível superior de analista judiciário.

Lembrando que as provas serão aplicadas no dia 22 de Julho, portanto, você tem um bom período para criar um cronograma de estudos e se organizar. Faça seu planejamento e estude com qualidade para obter uma qualificação razoável.

Fique atento a sua classificação

A atenção para a classificação é importante, normalmente os tribunais regionais chamam um número superior ao oferecido em edital. Tenham material com foco em seu edital para que suas chances sejam bem maiores.

Tenham consciência que talvez não tenha tempo hábil de estudar todas as matérias. O objetivo de estudo deve ser direcionado para matérias que você não tem muita familiaridade, ou seja, já domina determinada matéria foque seu tempo nas mais difíceis.

Haverá prova discursiva, ou seja, prepare-se para fazer a sua redação bem embasada.

Tempo e questões das Provas

A prova será aplicada com duração de 4h30 com caráter de eliminação e classificação. O número de questões para conhecimentos básicos são 30 e 40 para conhecimentos específicos e como já citamos haverá a redação como prova discursiva.

Por Marcio Ferraz


Concurso oferta 661 vagas de emprego em cargos de Nível Fundamental, Médio/Técnico e Superior de ensino.

Mais um concurso público foi aberto para o estado de São Paulo. Dessa vez, quem vai realizar o processo seletivo é a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo, a Sabesp. A instituição vai oferecer mais de 600 vagas para os seguintes níveis: fundamental, médio/técnico e superior. Veja as informações referentes ao certame.

Sobre as vagas que estão sendo oferecidas pela Sabesp

A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo vai abrir ao todo 661 postos de trabalho. Devido à importância e também à quantidade de pessoas que precisam do serviço do órgão, a realização deste novo certame é de extrema importância.

Para este novo concurso a banca organizadora vai ser a Fundação Carlos Chagas. Os aprovados vão atuar em diferentes pontos do estado de São Paulo como em municípios que se encontram no litoral, no interior e até em localidades da própria cidade de São Paulo.

Confira agora os postos de trabalho disponibilizados neste processo seletivo e também o valor da remuneração para cada vaga:

– Ensino Fundamental:

  • 15 oportunidades para motorista.
  • 246 oportunidades para agente de saneamento ambiental.

Remuneração R$ 1.854,54.

  • 04 oportunidades para soldador.
  • 19 oportunidades para mecânico.
  • 33 oportunidades para eletricista.
  • 02 oportunidades para oficial de manutenção civil.
  • 01 oportunidade para operador de caldeira.

Remuneração R$ 2.845,17.

– Ensino Médio/Técnico:

  • 03 oportunidades para técnico em informática.
  • 36 oportunidades para técnico em gestão.
  • 16 oportunidades para atendentes de cliente.
  • 04 oportunidades para técnico em segurança do trabalho.

Remuneração R$ 2.793,57.

  • 01 oportunidade para técnico em telecomunicações.
  • 08 oportunidades para técnico em saneamento.
  • 23 oportunidades para técnico em química/ meio ambiente.
  • 50 oportunidades para técnico em química.
  • 07 oportunidades para técnico em mecânica.
  • 05 oportunidades para técnico em eletrotécnica.
  • 03 oportunidades para técnico em eletrônica.
  • 13 oportunidades para técnico em eletromecânica.
  • 22 oportunidades para técnico em edificações.
  • 01 oportunidade para técnico em automação.
  • 01 oportunidade para técnico em agrimensura.

Remuneração: R$ 3.650,07.

– Ensino Superior:

  • 02 oportunidades para tecnólogo em construção civil/construções de edifícios ou obras hidráulicas.
  • 03 oportunidades para químico.
  • 02 oportunidades para médico do trabalho.
  • 01 oportunidade para biólogo.
  • 03 oportunidades para analista de sistemas.
  • 02 oportunidades para relações públicas.
  • 01 oportunidade para publicitário.
  • 02 oportunidades para psicólogo.
  • 04 vagas para economista.
  • 10 oportunidades para contador.
  • 33 oportunidades para administrador de empresas.
  • 29 oportunidades para advogado.

Remuneração: R$ 5.601,87.

  • 03 oportunidades para engenheiro em segurança do trabalho.
  • 01 oportunidade para engenheiro sanitarista.
  • 03 oportunidades para engenheiro mecânico.
  • 01 oportunidade para engenheiro elétrico.
  • 18 oportunidades para engenheiro civil.
  • 04 oportunidades para engenheiro ambiental.

Remuneração: R$ 7.964,50.

Os candidatos que vão concorrer a uma das vagas que pedem ensino médio/técnico ou superior precisam ter a formação na área e também um diploma reconhecido por uma instituição de ensino. As jornadas de trabalho variam de acordo com cada cargo, elas podem ser de 20, 30, 36 e 40 horas semanais. O vínculo empregatício vai ter a duração de 12 meses e o contrato pode ser prorrogado por mais um ano.

Processo seletivo

A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo definiu que este concurso público vai contar com 4 fases, sendo elas:

Primeira fase: teste de múltipla escolha. Caráter classificatório e eliminatório.

Segunda fase: verificação se os candidatos atendem aos pré-requisitos (para verificar quais são os pré-requisitos acesse o edital do certame que pode ser conferido em: http://www.concursosfcc.com.br/concursos/sabes317/index.html).

Terceira fase: avaliação médica.

Quarta fase: admissão.

Da segunda fase a quarta o concurso conta apenas com caráter classificatório.

O teste de múltipla escolha vai ser divido da seguinte forma:

Prova para os cargos de ensino fundamental: 20 perguntas de conhecimentos básicos e 20 perguntas de conhecimentos específicos.

Prova para os cargos de ensino médio/técnico: 25 perguntas de conhecimentos básicos e 25 perguntas de conhecimentos específicos. Entretanto, para as funções de técnico em gestão e atendente de clientes o teste vai contar com: 30 perguntas de conhecimentos básicos e 20 perguntas de conhecimentos específicos.

Prova para os cargos de ensino superior: 25 perguntas de conhecimentos básicos e 25 perguntas de conhecimentos específicos.

Para todos os níveis os candidatos, as provas vão ter a duração de 3 horas e elas acontecem no dia 6 de maio. O local e o horário das avaliações ainda vão ser divulgados.

Valor das inscrições e como realizá-las

A taxa de inscrição varia entre R$ 50,00 (fundamental); R$ 65,00 (médio/técnico) e R$ 70,00 (superior). Para realizar a inscrição, os candidatos devem acessar: http://www.concursosfcc.com.br e ela deve ser feita até a data de 26 de março.

Por Isabela Castro


O Concurso do Tribunal Regional Federal da 5º Região terá a Fundação Carlos Chagas como banca organizadora.

Em 11 de agosto de 2017 houve a divulgação da banca organizadora do Concurso Público do Tribunal Regional Federal da 5º Região, a Fundação Carlos Chagas (FCC) é a responsável pelo concurso. Confirmando assim, o total de 12 vagas e o cadastro de reserva.

De acordo com o documento divulgado pela FCC, o concurso público contará com vagas para início imediato. O edital da prova será publicado ainda neste mês de setembro/2017.

Concurso Tribunal Regional Federal da 5º Região

A 5º Região inclui os estados de Alagoas, Ceará, Paraíba, Sergipe e Rio Grande do Norte.

Estima-se que mais de 100 mil pessoas façam inscrições para o certame que ainda não tem data definida para acontecer. Sendo, 45 mil para os cargos de analista que exige o nível superior e 60 mil para vagas com o nível médio e cargo técnicos.

Cargos do concurso TRF 5º Região

As vagas para Analistas Judiciários são divididas em duas partes, sendo elas: Analista Judiciário área judiciária do concurso TRF que exige nível superior completo – bacharelado em Direito com reconhecimento pelo MEC. As funções delimitadas para este cargo são fornecer suporte administrativo e técnico contribuindo para a execução das funções dos magistrados. E a segunda área e função para os candidatos às vagas de analistas judiciários é de ajudar a realizar as atividades de ordens judiciais.

O Técnico Judiciário na área administrativa precisa ter concluído o ensino médio e apresentar comprovação da conclusão dos estudos. Os selecionados para este cargo deverão auxiliar nas atividades das funções dos magistrados. Além disso, para os técnicos que desejam trabalhar na área de transporte e segurança, além do ensino médio completo, é preciso que o candidato possua carteira de habilitação nas categorias D e/ou E. O concursado terá a função de assegurar os servidores, visitantes, patrimônios do cargo e garantir a segurança de veículos oficiais.

Além de cargos para execução de mandados administrativos, há também vagas para a área de medicina – clínica geral e vagas para técnico de informática.

Salários e Carga Horária

Os salários variam de acordo com o cargo escolhido pelo participante do concurso TRF 5º Região. Já a carga horária de trabalho para os futuros concursados é de 40 horas semanais.

Para os cargos de analistas judiciários o salário pode chegar a R$ 11 mil, mais os benefícios de vale-alimentação, saúde e natalidade, fazendo com que o salário chegue à R$ 12 mil.

O salário para o cargo de técnico judiciário é de R$ 6.709 e conta ainda com os benefícios que faz com que o salário chegue a mais de R$ 7 mil.

Último concurso TRF 5º Região 2012

A última prova de concurso público do Tribunal Regional Federal aconteceu em 2012 e foi realizado pela mesma banca organizadora deste concurso atual (Fundação Carlos Chagas) e a prova teve validade até janeiro/2017 para as vagas de analistas e março/2017 para as funções técnicas não havendo chances de prorrogação.

A prova de 2012 ofereceu oportunidades para João Pessoa, Natal, Recife, Fortaleza, Aracaju e Maceió.

As provas foram divididas em conhecimentos específicos, conhecimentos gerais e prova discursiva aplicada por meio de redação para todos os cargos.

Para os cargos de Técnico Judiciário da área administrativa e segurança e transporte, houve uma segunda etapa onde os candidatos foram avaliados por meio de prova prática, ou seja, prova de digitação.

Vários foram os aprovados que puderam desfrutar da estabilidade que o concurso pode dar, sendo 158 em Pernambuco, 132 no Ceará, 68 para Paraíba, 77 em Alagoas, 60 no estado do Rio Grande do Norte e o total de 51 aprovados para a região do Sergipe.

Por Fabiane Coelho


Certame oferta vagas para os cargos de analista jurídico previdenciário e analista em gestão previdenciária.

Se você tem escolaridade de nível superior e espera um edital para obter sua aprovação em um concurso público, saiba que a Fundação de Aposentadorias e Pensões dos Servidores do Estado de Pernambuco (Funape) lançou edital para os cargos de analista jurídico previdenciário e analista em gestão previdenciária.

Os candidatos devem realizar sua inscrição a partir do dia 19 de junho (segunda-feira) até o dia 20 de julho (quinta-feira) no site da banca responsável pela organização do certame, a Fundação Carlos Chagas (www.concursosfcc.com.br/concursos/funap116/index.html).

A remuneração para quem iniciar na carreira é de R$ 3.678,05. Além disso, há o benefício de vale alimentação no valor de R$ 246,40. A jornada é de 40 horas por semana.

Os concorrentes devem efetuar o pagamento da taxa de inscrição que custa R$ 64,50, até a data de 20 de julho.

São ofertadas 10 vagas para quem é formado em Direito e possui registro ativo na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Mais 42 chances são oferecidas para profissionais de nível superior em qualquer área.

O edital reserva vagas exclusivas para quem possui necessidades especiais.

O certame contempla uma prova objetiva, com 60 quesitos, e será aplicada no dia 3 de setembro (domingo), na cidade de Recife. No período da manhã, para candidatos ao cargo de analista jurídico e, à tarde para os concorrentes exercer a função de analista de gestão. O tempo de duração da avaliação é de 3 horas.

Veja quais disciplinas são cobradas para ambos os cargos: português, raciocínio lógico matemático, direito constitucional, direito previdenciário e legislação previdenciária estadual e direito administrativo.

Para ser habilitado, você precisa fazer 50 pontos no mínimo.

O concurso terá validade de 2 anos, podendo ser prorrogado pelo mesmo período, conforme interesse do órgão.

Confira quais são os requisitos básicos para tomar posse: ser maior de 18 anos, ser brasileiro nato ou naturalizado, estar em dia com as obrigações militares, civis e em pleno gozo dos direitos políticos, ter aptidão física e mental, não possuir antecedentes criminais e comprovar a escolaridade de nível superior.

Saiba quais são os municípios que possuem agências da fundação: Recife, Bezerros, Arcoverde, Afogados da Ingazeira, Salgueiro, Carpina, Goiana, Caruaru, Petrolina, Serra Talhada, Surubim, Ouricuri, Palmares e Garanhuns.

Acesse outros detalhes no site www.concursosfcc.com.br/concursos/funap116/index.html.

Por Melisse V.


Certame oferta 11 vagas para os cargos de Analista e Técnico Judiciários.

Depois de alguns meses de expectativa, os concurseiros podem se animar, pois o TRE – PR, Tribunal Regional Eleitoral do Paraná, publicou o edital para o concurso público destinado ao preenchimento de vagas para as carreiras de Analista e Técnico Judiciários. Tal informação foi publicada, nesta segunda-feira, dia 12, no Diário Oficial.

Ao todo, 11 vagas são disponibilizadas para que sejam preenchidas imediatamente e também será formado cadastro de reserva com o objetivo de contratar de acordo com a necessidade na validade do certame.

Para o cargo de Analista Judiciário será necessário possuir formação em nível superior, as oportunidades são voltadas para Área Judiciária, como duas vagas e também para Apoio Especializado em diversas especialidades, sendo:  Medicina do Trabalho (1), Biblioteconomia (1) e Contabilidade (1), Análise de Sistemas.

Já para Técnico Judiciário, que é voltado para os candidatos que possuem nível médio, as chances são para a área Administrativa com duas vagas e de Apoio nas especialidades: Operador de Computadores, Programação de Sistemas (ambas com duas vagas) e Enfermagem (1).

Remuneração

Os salários dos concorrentes que forem aprovados para Analista e Técnico será, respectivamente, de R$ 11.345,90 e R$ 7.260,41. Neste valor já está incluso R$ 884 referente à GAJ – gratificação de atividade judiciária e o auxílio alimentação. A remuneração mensal é para cumprir 40 horas por semana em ambas as funções. A exceção é a especialidade de Medicina, a qual terá uma jornada de 20 horas por semana.

Segundo o edital, prioritariamente será realizado o preenchimento das vagas nos municípios do interior e conforme for disponível, na capital Curitiba.

A empresa organizadora do certame será a FCC, Fundação Carlos Chagas. O último processo seletivo do órgão realizou-se no ano de 2011 também pela mesma banca. A data de vencimento do mesmo foi prorrogado uma vez e venceu no mês de outubro do ano passado.

Provas e Inscrições

Os candidatos podem se inscrever no período que inicia no dia 23 de junho e finda no dia 21 de julho às 14h, diretamente na página eletrônica da FCC. A taxa de inscrição será de R$ 90 para o cargo de Analista Judiciário e de R$ 70 para Técnico Judiciário.

As avaliações serão aplicadas dia 3 de setembro.

Por Filipe Silva


Certame tem 5 vagas abertas para o cargo de Juiz Substituto.

Em tempos difíceis em que uma forte crise na economia vem assolando todo o país, a realização de concursos públicos vem se mostrando como uma ótima oportunidade para quem deseja um trabalho que ofereça segurança, estabilidade de bons salários.

Mas você já pensou em se tornar um juiz?

Se você respondeu que sum e reside no estado de Santa Catarina surgiu uma imperdível oportunidade. É que o TJ do estado, o Tribunal de Justiça, abriu as inscrições para o seu mais novo concurso público, que visa a efetivação de 5 cargos de juiz substituto.

O concurso do Tribunal de Justiça do estado de Santa Catarina disponibilizará para a concorrência o equivalente a 5 vagas, todas para a função de juiz substituto.

De acordo com informações do edital um juiz substituto possui uma remuneração mensal acima de R$ 22.521,20.

Das 5 vagas ofertadas uma é exclusiva para pessoas que possuem alguma deficiência e mias uma vaga para pessoas negras.

Para entrar para a concorrência de uma das vagas anunciadas, o interessado necessita ter formação de nível superior.

As inscrições tiveram início na última segunda-feira, dia 20 do mês de março, e devem ser encerradas no dia 18 do mês de abril deste ano.

As inscrições serão realizadas somente via internet, por meio do site da empresa responsável pela organização do certame, em www.concursosfcc.com.br.

Para ter sua inscrição efetuada com sucesso o candidato precisará pagar uma taxa cujo valor é equivalente a R$ 200.

A prova objetiva e discursiva está prevista para ser realizada no dia 28 do mês de maio de 2017. A banca organizadora avisará os inscritos quanto ao horário e local para a realização da prova.

Além dessa prova os candidatos classificados terão de passar por provas orais e de sentenças, cujas datas serão também informadas pela organizadora do certame. No total o processo de seleção dos novos profissionais deve acontecer por meio de cinco etapas.

A previsão de validade do concurso do TJ de Santa Catarina é de 2 anos, que podem ser prorrogados conforme determinação do órgão, pelo mesmo período.

Não deixe de fazer a sua inscrição e se preparar para as provas. Acesse o edital completo no site da empresa organizadora do certame e torne-se um juiz substituto.

Por Sirlene Montes


Inscrições podem ser feitas até o dia 9 de dezembro de 2016.

A Sabesp anunciou nesta sexta-feira, dia 28, que está dando início a realização de mais um concurso público. De acordo com as informações divulgadas pela companhia, o certame em questão será voltado unicamente para a contratação de novos estagiários. As oportunidades estarão sendo direcionadas para o Litoral Norte do Estado e também para o Vale do Paraíba. Confira os principais detalhes e como participar:

Informações sobre as vagas:

De acordo com o documento que dispõe sobre a realização deste concurso estarão sendo disponibilizadas um total de 1.026 vagas. Poderão se inscrever jovens de qualquer região do estado. Somente na região que informamos serão selecionados 39 candidatos de nível médio regular, médio/técnico e superior.

Como garantir a participação no concurso:

O período de atendimento aos candidatos interessados já se encontra em aberto. O período de recebimento das inscrições seguirá até a data limite do dia 09 de dezembro de 2016. Para se inscrever os concursandos precisam acessar o site da Fundação Carlos Chagas, que se encontra responsável pela organização do presente certame. O endereço eletrônico que foi disponibilizado para este fim é o seguinte: www.concursosfcc.com.br.

De acordo com as informações divulgadas pela própria Sabesp, um dos principais objetivos deste concurso é oferecer aos jovens participantes a oportunidade de poder contribuir para a empresa ao passo que vão aprimorando seus conhecimentos e ganhando experiência de forma prática.

Para poder participar deste concurso os candidatos interessados precisam atender alguns requisitos mínimos que estão sendo exigidos. Entre eles destacamos os seguintes: Estar devidamente matriculado de forma regular em alguma instituição de ensino privada ou pública em 2017 e contar com no mínimo 16 anos de idade.

Os inscritos que tiverem suas candidaturas aceitas serão avaliados e selecionados por meio da aplicação de provas objetivas. A previsão é de que estes testes sejam realizados no dia 05 de fevereiro de 2017. A Sabesp informa ainda que o contrato do estagiário poderá ter uma duração de um período de até dois anos. A carga horária será correspondente a 6 horas por dia (30 horas por semana).

A bolsa auxílio varia entre R$ 812,03 e R$ 1.068,44, de acordo com a escolaridade do participante.

Eles ainda terão direito a diversos benefícios. Entre eles estão o Seguro Contra Acidentes Pessoais, Vale Refeição e Assistência Médica.

Por Denisson Soares


Seleção irá ofertar vagas para Técnico e Analista Judiciário.

Conforme o edital nº 01/2016 do Tribunal Regional do Trabalho da 20ª Região, publicado no dia 21 de setembro de 2016, as inscrições para o Concurso do TRT-SE estarão abertas no período de 26 de setembro de 2016 ao dia 26 de outubro de 2016. As inscrições para o concurso de nível médio e superior serão recebidas pela Fundação Carlos Chagas (FCC). As vagas disponíveis são para os cargos de técnico judiciário e analista judiciário, sendo que a de técnico judiciário exige nível médio e inclui tecnologia da informação, administrativa e enfermagem. Já a função de analista judiciário é somente para nível superior e inclui: oficial de justiça avaliador federal, administrativa, judiciária, estatística, comunicação social, engenharia civíl, contabilidade, enfermagem, fisioterapia, odontologia e medicina do trabalho.

Este concurso está destinado para suprir as vagas imediatas (sendo quatro para o nível médio e duas para o ensino superior) e para o cadastro de reserva, ou seja, para as vagas que vierem a surgir dentro do período de validade de dois anos deste edital. Os salários são de R$ 5.934,16 a R$ 9.736,27, de acordo com o cargo. A jornada semanal de trabalho é de 40 horas e o valor das inscrições é de R$ 90,00 para nível médio e R$ 110,00 para as vagas de nível superior.

As inscrições devem ser feitas apenas pela internet, através do site da Fundação Carlos Chagas. O prazo para pedir a isenção da taxa é do dia 26 de setembro até o dia 30 de setembro de 2016, neste caso o candidato deve estar cadastrado em Programas Sociais do Governo e ser de família de baixa renda.

A prova será realizada no dia 4 de dezembro de 2016, em Aracaju – Sergipe. O local e horário será divulgado posteriormente no site da FCC. Pela manhã a prova será destinada aos inscritos para os cargos de nível médio e a tarde para os inscritos nas vagas de nível superior.

A prova será dividida em três etapas, a primeira será a prova objetiva, onde os candidatos irão responder questões sobre conhecimentos gerais, específicos, raciocínio lógico-matemático, língua portuguesa, noções de direito administrativo e de informática. A segunda etapa é a prova discursiva, que inclui um estudo de caso e a terceira é dissertativa, que inclui uma redação.

Fabiana da Rosa.


Seleção oferece 6 vagas de nível médio e superior. Salários podem chegar a R$ 10 mil.

O Tribunal Regional do Trabalho do estado do Acre e Rondônia (14ª região) está com inscrições abertas para para o cargo de Analista (nível superior) e Técnico Administrativo (nível médio). Na ocasião, estão sendo oferecidas 06 vagas. A remuneração varia de acordo com o cargo e pode chegar a R$ 10.425,75.

A organizadora do concurso é a banca Fundação Carlos Chagas (FCC) e o valor de inscrição é de R$ 75,00 para técnico e R$ 100,00 para analista. O prazo segue aberto somente até segunda-feira, dia 14 de dezembro. Os candidatos serão avaliados por meio de provas objetivas, que estão previstas para serem aplicadas no dia 28 de fevereiro de 2016 e serão realizadas nas seguintes cidades: Porto Velho, Ji- Paraná (que estão situadas em Rondônia) e Rio Branco (Acre).

O concurso tem a validade de dois anos, podendo ser prorrogado pelo mesmo prazo. Desta forma, poderá ter convocação de candidatos no cadastro reserva. O edital completo do TRT pode ser acessado por meio deste link: www.concursosfcc.com.br/concursos/trt14115/edital_de_abertura_09_11_2015_-_versao_2_publicado_dou.pdf.

Como estudar para este concurso?

Como falta pouco tempo para a prova, o foco nesta reta final é essencial. Por isso, foque na resolução de questões da Fundação Carlos Chagas. A língua portuguesa também costuma eliminar bons candidatos, por isso, no seu tempo disponível dê atenção ao conteúdo, resolvendo provas anteriores da organizadora.

Além do estudo teórico, faça resumos e estude de forma estratégica. Tente memorizar e entender o que está lendo, ou seja, estude com concentração. Deixe o celular e as mídias sociais de lado e foque no seu objetivo: aprovação.

Além do TRT Acre e Rondônia, o TRT do Mato Grosso também está com inscrições abertas. Que tal aproveitar a oportunidade? Para o próximo ano estão previstos outros Tribunais do Trabalho como o do estado de Santa Catarina e do Mato Grosso do Sul, por exemplo. Boa sorte e muito sucesso nos estudos!

Por Babi


A Fundação Carlos Chagas será a banca organizadora do próximo concurso público do TRT da 4ª Região, situado no Rio Grande do Sul. O Edital poderá ser divulgado no 2º semestre de 2015.

O Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região (TRT 4), situado no Rio Grande do Sul, anunciou em seu Diário Oficial que já foi escolhida a banca organizadora para a realização do seu concurso público. A banca selecionada é a Fundação Carlos Chagas (FCC).

O custo de todo o trabalho que a banca realizará teve um orçamento no valor de R$ 2.345.000,00. Além deste gasto, será acrescentado o valor de R$ 34,90 em cada pessoa excedente que realizar a inscrição no certame. Os documentos contratuais entre o Tribunal Regional do Trabalho e a Fundação Carlos Chagas têm uma previsão de serem assinados o mais breve possível, uma vez que o lançamento do edital depende do fechamento desta parceria.

Conforme as informações que foram divulgadas pelo TRT 4, o órgão irá realizar dois exames seletivos neste ano de 2015. Existe uma previsão de que os editais sejam divulgados no 2º semestre deste mesmo ano de 2015.

Até o momento o TRT não decidiu a quantidade de vagas que serão disponibilizadas nesta seleção. Porém, já foram definidos os cargos que serão oferecidos. No 1º processo seletivo do órgão, serão ofertadas oportunidades para as carreiras de Técnico e Analista Judiciário, incluindo diversas áreas de atuação. No 2º exame seletivo, serão disponibilizadas oportunidades na profissão de Técnico Judiciário, no ramo administrativo e com especialização em segurança.

Atualmente, o salário no posto de Técnico Judiciário, onde os profissionais possuem formação técnica, corresponde ao valor de R$ 5.425,79. Já na colocação de Analista Judiciário com formação de nível superior, os rendimentos mensais são de R$ 8.893,84. Além da remuneração, os servidores também recebem complementos de qualificação e outros benefícios, como plano de saúde, vale-transporte, seguro de vida, plano odontológico e vale-refeição.

O certame anterior do órgão aconteceu no ano de 2012. Na época foram disponibilizadas 3 oportunidades na modalidade efetiva e a opção de formação de cadastro reserva na carreira de analista em diversas áreas de atuação. O salário dos funcionários correspondia a R$ 6.551,52. 

Por Felipe Couto de Oliveira





CONTINUE NAVEGANDO: