Concurso SEFIN-RO 2018 – Previsão de Edital



Concurso conta com 62 vagas. Edital está próximo de ser divulgado.

O concurso da Sefin, do Estado de Roraima, está com um edital para ser publicado no próximo mês. Até o momento, sabe-se que estão previstas cerca de 62 vagas.

Os cargos oferecidos pelo concurso englobam profissionais das mais variadas áreas como contador, técnico tributário e cargos de auditor fiscal. Os salários no início da carreira profissional podem chegar a até cerca de R$ 25 mil.



De acordo com nota emitida pela Secretaria Estadual de Finanças de Rondônia, é provável que o edital seja publicado ainda no mês de outubro. No momento, o edital precisa sofrer algumas alterações que devem ser realizadas pela banca organizadora do concurso, que nesse caso é a Fundação Getúlio Vargas. Até agora, tudo que se sabe é que o concurso prevê a admissão de 62 participantes e as remunerações são altas.

Dessa forma, aproximadamente 30 vagas serão para as funções de técnico tributário estadual. Aqueles que pretendem prestar o concurso para essa área devem ter formação superior, no entanto não é necessário ter um curso específico, podendo ser qualquer um. O sal& aacute;rio inicial é de mais ou menos R$ 7.500,00.

Por outro lado, os cargos para auditor fiscal de tributos estaduais exigem que o candidato possua graduação em cursos específicos da área, que são os seguintes: Administração, Ciências Contábeis e Direito. Estima-se ainda que os salários desses profissionais chegue a até R$ 26.000.



Para preencher o quadro de vagas dispon& iacute;veis, haverá duas para o cargo de contador. Desse modo, o participante precisa possuir nível de formação nessa área.

Não há dúvidas que o concurso será extremamente concorrido, já que o último processo seletivo com o intuito de admitir profissionais para a Sefin ocorreu há muitos anos atrás. Para se ter uma ideia, o processo seletivo para técnicos ocorreu em 2001, já a seleç ão para auditor aconteceu no ano de 2010.

O último concurso público, que ocorreu em 2010, foi organizado pela Fundação Carlos Chagas. Apesar da prova atual ser responsabilidade da Fundação Getúlio Vargas , acredita-se que o modelo da avaliação não será muito diferente daquela realizada há anos atrás.

A última prova era composta por 100 questõ es de múltipla escolha, com 4 alternativas e apenas uma correta. Desse modo, o candidato precisava possuir pleno domínio de conhecimentos gerais, pois 30 questões eram diretamente voltadas a essa área. Além disso, era preciso possuir conhecimentos de especialização, já que a maior parte do exame exigia que o candidato dominasse o assunto, eram aproximadamente 50 questões. As outras 20 restantes eram voltadas para um conhecimento ainda mais aprofundado da á rea.

Vale salientar ainda que a parte de conhecimento gerais que é formada por conteúdos de história regional, geografia, economia, estatística, matemática financeira, informática e língua portuguesa.

Já a segunda parte da prova tem peso dois e é cobrado do participante conhecimento na área de legislação tributária, sistema tributário nacional, direito tributário, além de contabilidade geral.

A terceira e última parte também possui peso 2. Nesse bloco de conhecimento é cobrado do participante domínio dos conteúdos de direito comercial, contabilidade de custos e direitos administrativos constitucional, civil, penal e inicial.

Os interessados em participar do certame devem procurar estar atentos às novidades do concurso, isso porque, nos últimos tempos, devido a forte crise econômica, que abalou as estruturas da sociedade, muitas pessoas veem nos concursos públicos uma forma de adquirir estabilidade profissional e financeira. Dessa maneira, para se preparar melhor, é sempre bom refazer as provas anteriores , uma vez que, além de treinar o tempo, o participante acostuma-se com o modelo da prova.

Ana Paula Oliveira Coimbra

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 2 Média: 4]

Compre aqui apostila para este Concurso Público!




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *