Concurso SEE-SP 2019 – Seleção da Banca Organizadora




Seleção deverá ofertar 372 vagas para Supervisor de Ensino.

Se você reside em São Paulo e se encontra na expetativa de novas informações sobre um novo concurso público da SEE/SP, acabam de chegar novas informações que devem lhe interessar. Continue lendo este texto e fique por dentro de tudo sobre este novo certame que deverá disponibilizar muitas vagas.

Pra quem está pensando em realizar um concurso público e tem aguardado novas notícias sobre um concurso da Secretaria Estadual de Educação do Estado de São Paulo, as novidades são boas. É que de acordo com as informações mais recentes, a organização do concurso está em andamento, sendo que sua organização já se encontra na fase em que a empresa organizadora está sendo definida.


A realização deste concurso já recebeu autorização e de acordo com o texto original serão disponibilizadas um total de 372 vagas, todas para a função de supervisor de ensino. Como a organização do concurso ainda se encontra em andamento, ainda não foi feita a publicação do edital de abertura que deve trazer todas as informações. A previsão inicial era de que essa publicação ocorresse no último mês de agosto, contudo, como a banca organizadora ainda não foi contratada, o edital teve que ter sua publicação adiada.

Enquanto a empresa responsável pela organização do certame não é definida, pois isso deve acontecer depois de um processo de licitação, o que demanda um pouco mais de tempo, a recomendação é de que os interessados em prestar o concurso já iniciem seus estudos preparatórios. Afinal, a estimativa é de que o número de inscritos neste certame.

Para se preparar para a realização da prova o interessado pode consultar a resolução SE 50, que teve sua publicação no dia 07 do mês de agosto, conferindo perfil, capacidades técnica e competências, assim como a bibliografia e as leis que serão cobradas no concurso.


Este concurso já é aguardado desde o dia 20 do mês de março, quando recebeu autorização por parte do ex-governador do estado, Geraldo Alckmin.

Uma comissão já foi formada para organizar este concurso, o presidente é Maria Stella Perin que é servidora da SEE, além de mais 7 membros que também são servidores do órgão.

Poderão se inscrever para concorrer a uma das vagas pessoas que possuem licenciatura plena de Pedagogia ou ainda pós-graduação em alguma área da educação. Além disso, é reciso possuir experiênia de no mínimo 8 anos em atividade de magistério, sendo que no mínimo tres anos devem ter sido na área de gestão educacional.

Um profissional que atua no cargo de Gestor de Educação possui uma remuneração no valor de R$ 4.350,59, sendo que o valor básico é R$ 3.356,59, mais uma gratificação no valor de de R$ 994. Neste montante já está incluso o reajuste de 7% que foi concedido por uma lei complementar que foi sancionada no dia 22 do mês de março.

Segundo informações de um último levantamento realizado na SEE-SP, até o dia 30 do mês de dezembro do ano de 2017, contabilizou-se uma defasagem de mais de 450 profissionais. EStes dados reforçam que haverá possibilidade de os aprovados no certame serem nomeados enquanto o concurso estiver dentro do prazo de validade.

O último concurso público realizado pela Secretaria de Educação do Estado de São Paulo aconteceu no ano de 2008. A empresa contratada para organizar o concurso foi o Instituto Cetro. Os candidatos tiveram que realizar provas objetivas sobre conteúdos de conhecimentos gerais e específicos do cargo. Além disso, houve análise de títulos.

Nesse sentido, se você possui interesse em realizar este concurso, esteja atento à publicação do edital que deve acontecer assim que a banca for definida. Por isso, já comece a se preparar para as provas.

Ana Paula

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 11 Média: 3.9]

Comentários