Concurso Receita Federal 2018 – Previsão





Seleção deverá contar com mais de 2 mil vagas.

A um ano atrás, em maio de 2017, o Ministério da Fazenda solicitou autorização do MPDG (Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão) para a realização de um novo concurso público para a ocupação de oportunidades de emprego disponíveis no órgão da Receita Federal. Ao total, são 2.083 vagas abertas, sendo 1.453 oportunidades direcionadas para o cargo de Analista Tributário e 630 vagas ofertadas para a ocupação do cargo de Auditor Fiscal.

Para as duas carreiras, é exigida formação completa no ensino superior, podendo ser em diversas áreas do conhecimento. A remuneração inicial para o cargo de Analista Tributário é no valor correspondente a R$ 9.714,42, estando incluso o valor de R$ 458,00 do vale alimentação. Já o salário inicial para o cargo de Auditor Fiscal é no valor de R$ 16.201,64, também estando inclusos os R$ 458,00 do vale alimentação.


Estima-se que este concurso público da Receita Federal do Brasil (RFB) seja realizado ainda neste ano (2018), mas até o momento, o MPDG ainda não se manifestou quanto à autorização, deixando uma grande expectativa, pois o órgão apresenta uma grande defasagem em seu quadro de pessoal, com tendência a aumentar o número de cargos vagos, devido à aposentadoria de 20% dos atuais contratados. De acordo com o último levantamento, realizado no fim do ano de 2017, a Receita Federal apresenta quase 21 mil cargos em aberto, sendo quase 20 mil referentes aos cargos citados acima.

Concurso Receita Federal: área administrativa

Além disso, também se aguarda a autorização do MPDG para a realização de um processo seletivo que tem como objetivo ocupar 400 vagas abertas no setor administrativo, relacionados aos cargos de Analista Administrativo e Assistente Técnico Administrativo.

Para ocupar o cargo de Assistente Técnico Administrativo, é necessário que o candidato tenha concluído o Ensino Médio e o salário inicial oferecido é no valor de R$ 4.137,97, contando com o vale alimentação de R$ 458,00. E para o cargo de Analista Administrativo, a remuneração inicial é no valor de R$ 5.490,09, junto do vale alimentação de mesmo valor, necessitando ter concluído o Ensino Superior.


Concurso Receita Federal: o último concurso

O último concurso para preencher as vagas do cargo de Assistente Técnico Administrativo foi realizado no ano de 2014, pela Esaf (Escola de Administração Fazendária). O processo seletivo ocorreu por meio de uma prova objetiva, de 70 questões, sendo 50 questões sobre conhecimentos básicos e 20 questões sobre conhecimentos específicos. A parte de conhecimentos básicos abordou conteúdos sobre Matemática e Raciocínio Lógico, Língua Portuguesa, Informática e Atualidades. Já sobre conhecimentos específicos foram cobrados assuntos como Ética, Gestão de Pessoas, Administração Pública Brasileira, Regime Jurídico dos Agentes Públicos, Atendimento ao Público, entre vários outros.

Para o cargo de Analista Administrativo, o último concurso público também foi realizado pela Esaf e ocorreu no ano de 2013. O processo de seleção contou com a aplicação de duas provas. A primeira possuía 65 questões objetivas, abordando assuntos de conhecimentos gerais como Atualidades, Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico e Informática, além de conhecimentos específicos como Direito Administrativo, Direito Constitucional, entre outros. Já a segunda prova foi de caráter discursivo, abordando os mesmos assuntos.

Concurso Receita Federal: como se preparar?

É de praxe que se preparar para um concurso público não é uma tarefa fácil, ainda mais quando se trata de um processo seletivo da Receita Federal, que recebe milhares de candidatos, sendo considerado um dos concursos mais concorridos do país. Portanto, é de extrema importância que os estudos se iniciem com determinada antecedência.

As maiores estratégias de estudo que se pode tomar, nessa circunstância, é a preparação para a prova a partir do conteúdo programático disposto no edital e a realização de provas de processos seletivos anteriores, para que se acostume com a forma que os exames abordam os conteúdos solicitados. Lembrando que essa última prática ajuda a saber quais temas mais caem, de forma que é possível focar nestas matérias.

Felicia Lopes

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 6 Média: 2.5]

Compre aqui apostila para este Concurso Público!




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *