Concurso Previsto da Receita Federal em 2017




Certame tem previsão de ofertar 400 vagas para cargos de Assistente Técnico Administrativo, Auditor Fiscal, Analista Administrativo e Analista Tributário.

O aguardado concurso público da Receita Federal abrirá processos seletivos para as vagas de Assistente Técnico Administrativo, Auditor Fiscal, Analista Administrativo e Analista Tributário. O concurso, que promete acontecer em pouco tempo, contará com 400 vagas. A informação já está notificada na Lei Orçamentária Anual (LOA) desde dezembro do ano passado (2016), quando foi sancionada pelo Governo Federal.

Segundo um levantamento realizado pelo Poder Executivo, a Receita Federal está com quase 20 mil vagas em aberto, todas para serem preenchidas através de concurso público. Por essa estatística, o certame que vai preencher – apenas – 400 vagas se faz urgente.


As oportunidades contemplam os níveis superior e médio. Duas dentre as carreiras citadas, fazem parte do quadro do Ministério da Fazenda, isto é, o Ministério da Fazenda faz a realização do concurso e após isso faz o redirecionamento para seu quadro de vagas e também para o da Receita Federal.

Para o cargo de assistente, é preciso possuir o segundo grau completo, sendo que o salário inicial é de R$3.756,82 com o benefício de vale-alimentação no valor de R$458,00. Já as carreiras de analista tributário, analista administrativo e auditor, requerem o ensino superior concluído. O salário para o cargo de analista administrativo, por exemplo, gira em torno de R$4.996,02, com o vale-alimentação incluso. Os cargos de nível superior, que exigem graduação em qualquer área para serem concursados, têm salários no valor de R$9.714,42 e R$16.201,64.

As vagas do concurso para as vagas da Receita Federal prometem ser disponibilizadas em diversos estados e cidades, incluindo a Grande São Paulo.


Por conta do salário atraente juntamente com os benefícios, o concurso promete ser bem disputado. O último certame da Receita Federal foi realizado em 2014 e disponibilizou mais de 1.000 vagas e estima-se que a concorrência girava em torno de 250 para cada vaga.

Nas últimas edições, a prova objetiva abordou língua portuguesa, língua estrangeira, lógica, administração, direito tributário, administrativo e constitucional, informática e contabilidade.

Por Carolina B.

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 16 Média: 2.6]

Comentários