Concurso Prefeitura de Fortaleza (CE) 2014 tem vagas de emprego abertas





A Prefeitura Municipal de Fortaleza, que fica situada no estado do Ceará,  fez a divulgação de um novo edital de concurso público que tem como principal objetivo fazer a contratação imediata de diversos profissionais, e as propostas oferecidas são para cargos efetivos e temporários.

De acordo com as informações que constam no edital, estão sendo oferecidas 6.562 vagas na área da saúde, e do total de vagas abertas, 5% delas estarão sendo destinadas a pessoas com necessidades especiais.




Além da contratação, o processo seletivo também tem o objetivo de fazer a criação de um cadastro de reserva para as próximas ofertas de emprego que poderão surgir ainda neste ano de 2014.

Serão 686 servidores públicos para contratação efetiva, e as demais ofertas são para exercer funções por tempo determinado. As pessoas interessadas em se inscrever precisam ter a disponibilidade para trabalhar na Secretaria Municipal de Saúde e no Instituto Dr. José Frota (IJF). 


As ofertas são para atuar nos cargos de Massoterapeuta; Auxiliar de Farmácia; Motoqueiro Socorrista – com CNH “A”, Motorista Socorrista – com CNH “D”; Auxiliar de Enfermagem; Técnico de Imobilização, Técnico de Radiologia, Técnico de Laboratório, Assistente Social, Fisioterapeuta, Nutricionista, Psicólogo, Educador Físico, Terapeuta Ocupacional, Bioquímico, Fonoaudiólogo, Farmacêutico, Auxiliar em Saúde  entre outras.

Poderão se inscrever pessoas com mais de 18 anos de todos os níveis de escolaridade até o dia 17 de agosto de 2014 pelo site www.imparh.fortaleza.ce.gov.br. O valor que vai ser cobrado de taxa de inscrição vai variar de R$ 50 a R$ 80, sendo isso de acordo com a função de interesse.

A seleção vai acontecer através de prova objetiva e de prova prática para algumas funções. A primeira fase deve acontecer no dia 31 de agosto de 2014, e o teste de múltipla escolha terá 40 questões de conhecimentos específicos.

Até o dia 30 de setembro haverá a divulgação dos nomes dos aprovados. 

Por Josiane Fernandes de Jesus

Comentários