Concurso Idam-AM 2019 – Inscrições e Edital




Seleção oferta 227 vagas. Inscrições deverão ser feitas até o dia 7 de janeiro de 2019.

O IDAM, acrônimo de Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Amazonas, publicou o extrato de edital para concurso público o qual visa ao preenchimento de 227 oportunidades que se encontram vagas, além também de formar cadastro reserva.

Os candidatos que possuem formação em nível fundamental terão o direito a concorrer as vagas aos cargos de vigia (Cadastro Reserva), motorista (12 oportunidades), auxiliar de serviços gerais (Cadastro Reserva) e motorista fluvial (5).


Existem também os postos que exigem nível médio e/ou técnico, são eles: técnico extensionista social (10 vagas), assistente técnico (27 vagas) e também técnico em agropecuária com as especialidades a seguir: florestal (20 vagas), pesqueiros (20 vagas) e agrícola (53 vagas).

O nível superior é exigido para os candidatos que pretendem disputar uma das seguintes funções: engenheiro agrônomo (29 vagas), assistente social (5 vagas), engenheiro ambiental (1 vaga), engenheiro de alimentos (1 vaga), engenheiro civil (1 vaga), engenheiro florestal (12 vagas), engenheiro de pesca (14 vagas), engenheiro mecânico (1 vaga), analista de redes (1 vaga), veterinário (9 vagas), biólogo (1 vaga), estatístico (1 vaga), contador (1 vaga), geólogo (1 vaga), zootecnista (1 vaga) e tecnólogo em agroecologia (1 vaga).

Os candidatos aprovados terão direito a um vencimento mensal inicial que flutua entre R$ 2.202,20 e R$ 6.570,95. Além do salário, a entidade oferece gratificações para quem atuar fora da capital Manaus, sendo entre R$ 500 e R$ 800 e também por títulos acadêmicos, que vai de 25% a 35% sobre o salário base.


As oportunidades disponíveis no edital estão distribuídas por quatro diferentes polos, sendo: Médio – Baixo Amazonas; Rio Negro – Solimões – Alto Rio Negro; Jutaí – Solimões – Juruá – Alto Solimões; Purus e Madeira. Os selecionados poderão acabar sendo lotados em qualquer um dos municípios pertencentes a região que foi escolhida no momento da inscrição. No extrato de edital é possível conferir a lista de municípios que se enquadram.

Sobre as etapas e as inscrições do processo de seleção

Os interessados terão a chance de realizar suas inscrições das 9h do dia 3 de dezembro de 2018 até às 23h59 do dia 7 de janeiro de 2019, sendo necessário efetuar o cadastro por meio da página eletrônica do IBFC: www.ibfc.org.br. Para efetivar as inscrições será necessário recolher uma taxa no valor de R$ 30 para cargos que exigem ensino fundamental, de R$ 40 para vagas de ensino médio e de R$ 65 para chances de nível superior.

As avaliações objetivas serão destinadas a todos os cargos, já a discursiva será apenas para o nível superior. Os exames tem previsão de ocorrer no dia 24 de fevereiro de 2019, sendo aplicada nas cidades de Humaitá, Manaus, Tefé, Eirunepé, Tabatinga, São Gabriel da Cachoeira e Parintins.

O referido processo de seleção contará com dois anos de validade, sendo contados a partir da data em que for homologado o resultado final. Este período pode ser prorrogado uma única vez, pelo mesmo tempo, de acordo com a necessidade do órgão.

Sobre as vagas nos polos

O Polo 1 é o de Rio Negro – Solimões – Alto Rio Negro = Barcelos, Manaus, Santa Isabel do Rio Negro, Anamã, São Gabriel da Cachoeira, Anori, Beruri, Autazes, Caapiranga, Coari, Careiro, Codajás, Careiro da Várzea, Iranduba, Manaquiri, Manacapuru, Vila Rica de Caviana, Rio Preto da Eva e Novo Airão.

Polo 2 é o Médio – Baixo Amazonas = Novo Remanso, Itacoatiara, Itapiranga, Nova Olinda do Norte, Maués, Presidente Figueiredo, Urucurituba, Silves, Barreirinha, Nhamundá, Boa Vista do Ramos, São Sebastião do Uatumã, Parintins e Urucará.

Polo 3 é Jutaí – Solimões – Juruá – Alto Solimões = Atalaia do Norte, Amaturá, Benjamin Constant, Santo Antonio do Içá, São Paulo de Olivença, Tabatinga, Alvarães, Tonantins, Fonte Boa, Juruá, Japurá, Jutaí, Tefé, Maraã, Uarini, Eirunepé, Carauari, Envira, Ipixuna, Itamarati e Guajará,.

Polo 4 é Madeira e Purus = Canutama, Boca do Acre, Lábrea, Pauini, Vila Extrema (Lábrea), Tapauá, Borba, Apuí, Humaitá, Santo Antônio do Matupi, Manicoré e Novo Aripuanã.

FILIPE R SILVA

Gostou deste artigo? Vote abaixo.
[Total: 7 Média: 3]

Comentários