Concurso Defensoria DF 2019 – Previsão de Edital




Edital de Abertura deve ser publicado até março deste ano.

Estamos no início de mais um ano e para quem pretende prestar concurso público é nesse período que surgem boas oportunidades. Isso acontece principalmente pelo fato de que muitos concursos públicos previstos para serem realizados no ano passado acabaram não se realizando, o que aumentam as chances de mais oportunidades neste primeiro trimestre de 2019.

E por falar em concurso público, a Defensoria Pública do Distrito Federal torna público aos interessados que irá realizar um novo concurso neste ano de 2019.


De acordo com as primeiras informações, o edital de abertura do certame com todas as informações deve ser publicado até o mês de março. De antemão já pode-se afirmar que haverá disponibilidade de vagas para o cargo de Defensor Público.

De acordo com informações da assessoria de imprensa, já está quase tudo certo em relação à organização do concurso, faltando apenas a assinatura contratual entre a DP e a empresa contratada para organizar e executar o certame, que já foi definida, sendo ela o Cebraspe.

Foi confirmado pela CLDF, que é a Câmara Legislativa do Distrito Federal, que o processo de seleção irá disponibilizar o total de 18 vagas. Essa confirmação não ocorreu pelo fato de que foi feita publicação de um documento no diário oficial confirmando a disponibilidade de sete postos para lotação imediata, além de vagas para formação de cadastro de reserva.


Desse modo, diante de tais informações, é sabido que para concorrer a uma das vagas disponíveis o interessado precisa possuir formação completa de curso superior de Direito e ainda possuir registro na Ordem do Advogados do Brasil e dois anos de experiência na área forense.

Um profissonal que atua no cargo de Defensor Público conta com uma remuneração inicial no valor de R$ 22.589,00.

A prática forense é nada mais que o exercício em algum órgão público, seja federal, municipal ou estadual.

Para a organização do concurso foi montada uma comissão composta por membros da DP-DF e que tem como presidente Rita de Castro Hermes Lima. Os outros membros são Rodrigo B. Doin e Evenin Eustáquio de Ávila.

O último concurso público realizado pela DP-DF aconteceu no ano de 2011. Nesta ocasião foram disponibilizadas o total de três vagas para lotação imediata também no cargo de Defensor Público. A empresa contratada para organizar e executar este concurso foi o Cespe/Unb, que agora atua com o nome de Cebraspe.

Os candidatos deste último concurso tiveram que realizar uma prova objetiva composta por 200 questões, sendo estas sobre direito administrativo, direito constitucional, direito penal, direito civil, direito processual penal, direito empresarial, direito do consumidor, direito processual civil, direitos coletivos e difusos, direito da criança e adolescente, direito tributário, direitos humanos, direito previdenciário por último, organização e princípios institucionais da Defensoria Pública e da DP do Distrito Federal.

Os candidatos ainda tiveram que realizar prova discursiva, avalições orais e avaliação de títulos.

Em relação a prova dissertativa, foi cobrado uma peça processual e ainda quatro questões sobre direito administrativo, direito constitucional, direito penal, direitos humanos, direito processual penal. Na segunda etapa, as questões foram sobre direito empresarial, direito civil, direito do consumidor, direito empresarial, direito da criança e do adolescente e direitos difusos e coletivos.

Nesse sentido, se você possui interesse em realizar este concurso público, a recomendação é de que os estudos preparatórios já sejam iniciados, visto que assim que o contrato entre as partes for assinado, o edital de abertura será publicado e uma data definida para a realização das provas. Dessa forma, para se preparar os pré-candidatos podem verificar o edital do último concurso e assim conhecerem os conteúdos geralmente cobrados.

Não perca essa excelente oportunidade. Aguarde pelo edital no mês de março.

Ana Paula

Comentários